.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Terça-feira, 15 de Novembro de 2016

Reflexão: A Infelicidade…

1-Infelicidade.jpg

Caríssimos,

     Cada ser humano neste planeta é único, passando por diversas provações, influenciado pelo maio em que vive e pelas amizades que tem, pela educação que teve, pelas habilitações literárias que possui, entre muitas outras coisas que ao longo do tempo têm influência sobre cada um. De alguma maneira, cada um de nós procura na verdade a sua felicidade, certo? Presumo não me ter enganado, mas na verdade uma grande maioria das pessoas são infelizes, infelizmente, pois muitas vezes definem prioridades erradas, cobiçam o que os outros têm, enfim, por tantos motivos e razões que neste momento não me recordo.

     O ser humano é em muitos casos o principal culpado pelo seu próprio sofrimento, infortúnio, avareza, mal-estar entre outras coisas, devido às escolhas que fazemos, às atitudes que temos, às palavras que dizemos, aos pensamentos que temos, à inércia que temos e à falta de auto estima. Muitas vezes somos muito amorosos para com os outros contudo não reservamos nenhum amor para nós mesmos, temos pena e somos compassivos com os outros mas não temos compaixão por nós mesmos, criticam os outros e no entanto não gostam de ser criticados, querem ganhar mais e trabalhar menos, acham que foi dessa forma que quem honestamente trabalha conseguiu fazer dinheiro? Muitas vezes o ser humano é assim, desrespeita-se a ele mesmo dia após dia, quer ser rico sem construir riqueza, quer ser magro e continua a comer desmedidamente, quer ser bonito e continua a ser desleixado, entre tantas outras coisas. A maioria das pessoas querem muitas coisas, mas além de as cobiçarem nada fazem para as conseguirem obter, de forma honesta sem ultrapassar por cima de ninguém, respeitando sempre o seu semelhante. A maioria da humanidade está mais focada no Ter do que no Ser, por isso “arranjam” fontes de sofrimento, desânimo, tristeza, angustia, infelicidade, e desarmonia entre aqueles que fazem parte do seu mundo (família, amigos, conhecidos, colegas de trabalho, etc…).

[faça uma pausa na leitura para pensar um pouco no que leu]

     Por vezes refletirmos um pouco sobre as nossas atitudes e sobretudo sobre os nossos pensamentos, chegamos à conclusão que uma boa parte do nosso mal estar é provocado por nós mesmos, pela importância indevida que atribuímos às palavras e ações dos outros, e porque queremos as coisas à nossa maneira, mas não nos devemos esquecer que nós quando cá chegámos o planeta, as coisas e as pessoas já existiam, e como diz a sabedoria popular: “O homem foi feito para se adaptar ao meio, e não o meio para se adaptar ao homem”. Tenham mais cuidado com o que dizem, da forma como o dizem, deixando de emanar energias negativas, passando a transmitir o vosso amor incondicional para com todos os que o rodeiam, e façam o favor de ser muito felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 00:20
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 6 de Maio de 2014

Escrever para quê?

Caríssimos,

     A reflexão de hoje será um pouco diferente das habituais, pois hoje vou fazer uma reflexão acerca dos textos que escrevo e público. Ao longo do tempo tenho abordado inúmeros temas, conhecimentos, aprendizagens e vivências, sempre com o objectivo de partilhar com vocês as aprendizagens que fui adquirindo ao longo do tempo. Em meu modesto entendimento, acho que o conhecimento é e deve ser partilhado, pois somos Uno, apesar de vivermos num planeta de dualidade, todos temos direito ao conhecimento, independentemente de o aplicarem ou não. Tal atitude faz parte do livre arbítrio de cada Ser que norteia a sua forma de estar e pensar à sua maneira, com a sua verdade.

     Para evitar que possam interpretar mal as minhas palavras, mais uma vez lhes digo que não sou mais nem menos do que ninguém, sou apenas e só um simples Ser que escolheu esta missão nesta vida, ensinando, ajudando e compartilhando com o seu semelhante as suas aprendizagens.

     Se aquilo que escrevo o ajudou a entender melhor a vida fico feliz, se o ajudou a compreender situações fico feliz, se deu resposta às suas questões fico feliz, se serviu para o seu crescimento fico feliz, se foi desprovido de sentido para si peço desculpa, se discordou de alguma coisa questione-me, enfim tantas situações poderiam aqui ser descritas. Há quem imprima o que escrevo, quem esteja sempre à espera de um novo texto para ler, quem se possa inspirar no que lê, quem usa a informação para gerar rendimentos, enfim, façam o que fizerem com o que escrevo a responsabilidade é e será sempre vossa e enquanto houver uma alminha que leia e se sinta ajudada com o que escrevo, continuarei a escrever, pois não tenciono partir levando comigo todo o conhecimento que adquiri, sendo essas almas o elixir que me permitem continuar nesta jornada. Boas leituras, grato pela vossa existência e sejam felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 15:13
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2014

Reflexão: Eles andam aí…

Caros leitores,

     O planeta Terra tem passado grandes transformações ao longo dos seus milénios de existência e os seres humanos sentiram sempre a necessidade de acreditar em algo superior, que mesmo sendo muitas vezes inexplicável, sentiram essa necessidade interiormente. Tem sido também ao longo de milénios que a humanidade vai assistindo a uma guerra que parece nunca ter fim, a batalha entre o Bem e o Mal.

     Todo o ser humano que nasce tem direito a viver com dignidade, respeitar e ser respeitado pelos demais, mas infelizmente há grandes disparidades que começam pelas zonas do globo terrestre, seguem-se os continentes, os países, religiões e famílias. É uma “luta” constante entre o Bem e o Mal não só em tudo aquilo que nos rodeia mas inclusivamente dentro de nós mesmos. A nossa luta interior entre o Bem e o Mal é difícil e complexa, porque todos nós, até atingirmos o nível de consciência que nos permite termos consciência do que realmente se passa, somos mentalmente bombardeados e chipados. Cada um de nós, desde o momento do nascimento entra numa nova etapa de aprendizagem, num processo educativo e de inter-acção com tudo o que nos rodeia. É precisamente nesse processo que nos “implantam” ideias na mente, tais como falsas crenças e dogmas, começando desde muito cedo a “exercer” sobre nós um certo domínio mental, que nos condiciona o livre arbítrio.

     Muitas pessoas têm receio de falar de assuntos que estejam relacionados com rituais satânicos, bruxarias e outras coisas negativas, mas na verdade essas coisas existem mais do que imaginamos, para infelicidade da humanidade. Para que vocês entendam melhor eu vou-lhes dar um exemplo: Um reikiano antes de começar a fazer reiki (a outro ou a si mesmo) faz a invocação, pedindo aos seus guias (ou anjo da guarda) ou até mesmo a um santo/anjo que seja da sua devoção (consoante a crença de cada um) para lhes darem uma ajuda na aplicação de reiki. São seres de luz repletos de amor incondicional que auxiliam os reikianos nas suas aplicações de reiki através da canalização dos fluidos vitais, tais como os seres de luz aos quais os fieis dirigem as suas orações e preces, no que diz respeito às questões religiosas. Estes seres que existem e que alguns já estiveram entre nós são reais, apenas não visíveis aos olhos do comum dos mortais, aos quais cada um de nós já dirigiu as suas preces em determinados momentos da vida, certo? (faça uma pequena reflexão sobre as palavras) Todos nós aspiramos um dia ser como esses seres, seguindo o caminho da ascensão, através das aprendizagens nas sucessivas reencarnações da roda da vida. A esses seres de luz recorrem todos os seres humanos que agem de boa fé, com amor e compaixão pelos seus semelhantes. Aqueles que procuram rituais satânicos, bruxarias e outras coisas negativas, invocam e usam seres de baixo astral, do subsolo, de baixa dimensão, ou até mesmo deuses maléficos. Estes seres têm um nível de consciência tão baixo que, ao invés de sentirem prazer quando praticam o bem, sentem prazer ao praticar o mal, prejudicando os seus semelhantes. Essas são atitudes reprováveis e devem ser denunciadas, as quais aqui lhes descrevi apenas com o intuito de vos alertar. Espero que esta reflexão vos faça pensar um pouco para que possam escolher o melhor caminho para vocês, repleto de luz, paz e amor.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 16:23
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 4 de Fevereiro de 2014

Porque nascemos de mãos fechadas?

Caros leitores,

     Todo o Ser humano vive constantemente em aprendizagem, pois quando já sabem a resposta para uma questão eis que outras surgem. É algo que é natural e saudável, pois o conhecimento enriquece-nos interiormente, tornando-nos “melhores pessoas” e assim podermos também auxiliar melhor aqueles que nos rodeiam. Efectivamente a razão pela qual escrevo este texto é a que está mencionada no título do mesmo, pois é uma questão que talvez já tenha surgido nos seus pensamentos e para a qual eu lhe vou transmitir o meu ponto de vista.

     Todos os seres humanos nascem com as mãos fechadas, porque quando chegam à Terra trazem consigo a esperança de cumprir a missão que escolheram (no plano espiritual) para esta vida, sempre em prol da sua evolução em busca da perfeição. Quando chega a hora de partida (morte), de deixar-mos o plano terrestre, vamos de mãos abertas porque nada levamos deste mundo, nem mesmo o corpo que utilizamos, pois foi concebido na Terra e na Terra ficará, bem como todos os bens materiais. As únicas coisas que levamos são, as boas acções, aprendizagens e conhecimento que fomos adquirindo ao longo dos anos. É assim que ao longo de sucessivas vidas o ser humano vai evoluindo. Seja feliz e boas aprendizagens com muito amor, a força mais poderosa do universo.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 09:11
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 19 de Novembro de 2012

Partilha de Saberes…

Caros leitores,

     Cada Ser tem a sua história de vida, as suas aprendizagens, as suas lições de vida, os seus momentos bons e menos bons, enfim, um sem número de coisas que fazem com que cada um de nós seja único.

     Na quadra que se avizinha (Natal), muitas pessoas dão e recebem presentes, as famílias reúnem-se em convívio e celebração. Muitas vezes antes de chegar essa quadra, as pessoas andam numa azáfama de um lado para o outro para comprar as prendas e nesse momento surge uma dúvida: “Mas o que vou oferecer ao “X”? Gostava de lhe dar algo que fosse útil, mas não sei o quê!” Sem dúvida que esta indecisão ou dúvida vai acabar por nos atrapalhar um pouco mais, mas deixe que lhe faça uma recomendação: “Ofereça um Livro”.

     Recomendo-lhe o livro: “Partilhas de um Ser”, disponível e à venda on-line para qualquer país, de forma segura. Este é um livro onde partilho o conhecimento que tenho adquirido ao longo do tempo, com todos vocês, de forma a ajudá-los também a compreender muitas coisas que no dia-a-dia se passam consigo mesmo. Para abrir o site onde o mesmo está disponível para venda clique sobre este link: http://www.bubok.pt/livros/4868/Partilhas-de-um-Ser.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:17
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 6 de Setembro de 2012

O Livro…

 

     Ao longo da vida, cada Ser traça o seu caminho, escrevendo a sua história, fazendo a sua obra. Nascemos, aprendemos, conhecemos pessoas, criamos amizades, concebemos uma família, educamos os filhos, trabalhamos, enfim tantas outras coisas que cada um de nós faz ao longo da vida. Muitas vezes a obra que cada um faz é a dádiva que deixa para as gerações vindouras, bens indispensáveis para a sobrevivência, valores e conhecimento, mas nem todo o Ser é assim. Ao dizer isto, pretendo dizer que há Seres com um enorme conhecimento, de grande sabedoria que nos vão deixando de variadas formas (texto, som e imagem).

Regra geral escrevo no plural, mas o parágrafo que se segue vai ser escrito na primeira pessoa do singular, eu mesmo.

     Desde tenra idade, sempre gostei de auxiliar os outros. Fiz parte de várias associações e movimentos estudantis, fui bombeiro voluntário entre outras coisas. Mais tarde entrei no universo das terapias holísticas e/ou energéticas, preenchendo um certo vazio dentro de mim. Ao longo do tempo tem sido uma experiência muito enriquecedora, com inúmeras aprendizagens impregnadas de sentimentos e emoções, que moldaram o meu Ser, fazendo de mim aquilo que hoje sou. Partilhar é algo que sempre gostei de fazer, pois essa é também uma forma de ajudar o nosso semelhante através dos nossos conhecimentos. Assim, acabei por escrever um livro de auto-ajuda, nome “Partilhas de um Ser”, de forma a partilhar vivências e conhecimento, o qual pode ser adquirido on-line no seguinte endereço:

http://www.bubok.pt/livros/4868/Partilhas-de-um-Ser

     Mantra de hoje: Partilho o conhecimento e sinto-me realizado por tal.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz por partilhar com todos
Publicado por Viktor às 17:17
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 10 de Abril de 2012

Armadilhas e Ciladas no caminho de Ascensão

 

“Nas minhas viagens pela vida como ser espiritual, psicólogo espiritualista e discípulo do caminho, tomei consciência de muitas das armadilhas e ciladas que se encontram no caminho espiritual. Considero-me até especialista no assunto, pois tive a experiência de cair na maioria delas.


Recomendo, convicto, a meditação sobre a lista que apresento a seguir. Embora breve em palavras, é profunda em intuições. O meu propósito ao partilhar estas situações é poupar, ao maior número de pessoas possível, sofrimento desnecessário, carma negativo e os atrasos no caminho da ascensão, provocados pelo desconhecimento e pela ignorância.

O caminho espiritual é bastante fácil num plano e incrivelmente complicado em outro. O ego negativo e as forças das trevas espalham sedução e apegos, imensos complexos e ardilosos desafios em cada passo do Caminho.


Cometer erros e cair nessas armadilhas é normal. A minha preocupação é evitar que as pessoas que buscam o seu Caminho, fiquem enredadas nas ciladas por longos períodos, ou mesmo vidas inteiras.”


Eis, então, as armadilhas e as ciladas mais comuns:

1. Abrir mão do seu poder pessoal, concedendo-o a outras pessoas, à mente subconsciente, ao ego negativo, aos cinco sentidos, ao corpo físico, ao corpo emocional, ao corpo mental, à criança interior, a um guru, aos mestres ascensionados, a Deus, a tudo o que for externo.

2. Amar os outros, mas não a si mesmo.

3. Não reconhecer o ego negativo como fonte de todos os problemas.

4. Concentrar-se em Deus, mas deixar de integrar e educar de modo correcto, a sua criança interior.

5. Comer incorrectamente e não fazer exercícios físicos suficientes, o que resulta em doença física e limitação nos outros níveis.

6. Mergulhar profundamente na vida espiritual mas não reconhecer o plano psicológico, que precisa ser compreendido e dominado.

7. Desejos, desejos e mais desejos materiais.

8. Exercer poder sobre os outros depois de alcançar o sucesso.

9. Desligar-se demais das coisas da Terra, o que prejudica o corpo físico.

10. Tentar escapar da Terra, em vez de criar o Céu na Terra.

11. Ver apenas as aparências, em vez de observar a verdadeira realidade que está por detrás de todas as aparências.

12. Tentar tornar-se Deus, em vez de perceber que você já é o Eu Eterno, como todas as outras pessoas o são.

13. Não perceber que você é a causa de tudo.

14. Servir os outros totalmente, antes de se tornar auto-realizado dentro de si mesmo.

15. Pensar que existe algo que se possa chamar de raiva justificada. A raiva é uma armadilha perigosa.

16. Tornar-se um extremista, e não ser moderado em todas as coisas.

17. Pensar que precisa ser asceta para tornar-se um ser espiritual.

18. Tornar-se sisudo demais, deixando de ter alegria, felicidade e diversão suficientes na vida. Não há ascensão sem alegria.

19. Ser indisciplinado e deixar de perseverar incessantemente nas suas práticas espirituais.

20. Abandonar as práticas e estudos espirituais quando se envolve num relacionamento.

21. Dar prioridade a um relacionamento, em detrimento de si e do seu processo interno. Essa é outra armadilha traiçoeira.

22. Deixar que a criança interior governe a sua vida.

23. Ser crítico demais e duro demais para consigo mesmo.

24. Deixar-se enredar pelo glamour e ilusão dos poderes psíquicos.

25. Tomar posse do seu poder pessoal, mas não aprender ao mesmo tempo a submeter-se ao seu Cristo interno.

26. Abrir mão do seu poder pessoal quando estiver fisicamente cansado.

27. Esperar que Deus e os mestres ascensionados resolvam todos os seus problemas.

28. Viver no piloto automático e relaxar a vigilância.

29. Entregar o seu poder a entidades que se possam comunicar consigo.

30. Ler demais e não meditar o bastante.

31. Deixar que a sexualidade o domine, em vez de dominá-la.

32. Identificar-se excessivamente com seu corpo mental ou emocional, sem atingir o equilíbrio.

33. Pensar que precisa ser um canal para outras vozes, ver ou experimentar toda a espécie de fenómenos mediúnicos a fim de se tornar espiritualizado ou ascender.

34. Forçar a elevação da sua kundalini.

35. Forçar a abertura dos seus chacras.

36. Pensar que o seu caminho espiritual é melhor que o dos outros.

37. Julgar as pessoas em função do nível de iniciação que alcançaram.

38. Partilhar o seu nível "avançado" de iniciação com outras pessoas.

39. Contar aos outros o seu "bom trabalho espiritual", em vez de simplesmente centrar-se na sua humildade. “Não saiba a tua mão esquerda o que fez a tua mão direita”.

40. Pensar que as emoções negativas são algo imprescindível.

41. Isolar-se dos outros e achar que isso é ser espiritualista.

42. Considerar a Terra um lugar terrível.

43. Entregar o seu poder à astrologia ou à influência dos astros, como fatores externos e incontornáveis.

44. Apegar-se demais às coisas e às pessoas.

45. Viver desapegado demais com relação à vida; não se esforçar rumo ao desapego envolvido.

46. Viver preocupado demais com o Eu; e não se dedicar o suficiente a servir os outros.

47. Enredar-se nas numerosas teorias equivocadas da psicologia tradicional, pois cada uma delas não passa de uma fina fatia da torta inteira.

48. Ser místico demais ou ocultista demais, e não se esforçar para integrar os dois lados.

49. Desistir no meio das grandes adversidades. Essa é uma das piores armadilhas. Nunca desista! Nunca, jamais deve desistir!

50. Achar que o sofrimento que o incomoda - seja em que nível for - não irá passar.

51. Concentrar-se demais no nível de iniciação que alcançou, ou aguardar com ansiedade exagerada o momento da ascensão, em vez de se preocupar com o trabalho que precisa ser feito.

52. Deixar-se enredar pelos poderes espirituais em vez de reconhecer que o amor é, de entre todos, o maior poder espiritual.

53. Denegrir outros grupos espiritualistas ou metafísicos, em vez de buscar o trabalho conjunto e a unificação, mesmo que esses grupos não estejam inteiramente sintonizados com todas as suas crenças.

54. Deixar-se enredar no dogma da religião tradicional, ou quaisquer outros dogmas.

55. Pensar que precisa de um sacerdote, que aja como intermediário entre si e Deus.

56. Usar as suas crenças espirituais para gerar divisão, elitismo ou uma condição especial indevida.

57. Tornar-se fanático demais pelas suas próprias crenças.

58. Achar que pode alcançar a iluminação por meio de drogas ou algum tipo de pílula mágica. Essa é uma das piores formas de ilusão!

59. Achar que outras pessoas não precisam trabalhar no seu caminho espiritual.

60. Sobrevalorizar o relacionamento com os filhos em detrimento das relações consigo mesmo e com o seu Cristo interno.

61. Enredar-se em todas as atracções deste mundo material, realmente fascinante.

62. Envolver-se demais no amor a uma só Pessoa, em vez de expandir seu amor para englobar muitas pessoas, e todos os outros, de forma incondicional.

63. Enredar-se na dualidade, em vez de buscar equilíbrio mental, paz interior e equidade em todos os momentos; se você não transcender a dualidade, continuará a sentir-se vítima da sua própria montanha-russa emocional, sacudindo-se de um lado para o outro entre os altos e baixos da vida. A alma e o espírito pensam com uma consciência transcendente, que não tem ligação com essa lufa-lufa quotidiana.

64. Ser pai ou filho, mãe ou filha no relacionamento a dois, em vez de assumir a condição de adulto.

65. Pensar que precisa sofrer na vida. Isto é tremendamente falso!

66. Ser ou querer ser um mártir do caminho espiritual.

67. Precisar de controlar os outros.

68. Ter ambição espiritual.

69. Precisar de simpatia, amor ou aprovação.

70. Ter necessidade de ser um Mestre.

71. Ser hipersensível ou, no outro lado da moeda, duro demais.

72. Assumir responsabilidades no lugar dos outros.

73. Ser ou querer ser um salvador.

74. Servir por motivos egoístas e pensar que está a acumular mérito espiritual.

75. Pensar que é espiritualmente mais avançado do que realmente é; por outro lado, pensar que é menos avançado do que realmente é.

76. Ser famoso e cultivar a dependência da fama.

77. Dar importância indevida à busca da paixão ou da alma gêmea, e não perceber que a sua própria Alma - e a Mónada - são aquelas que, na verdade, o podem complementar e saciar interiormente.

78. Pensar que precisa de um relacionamento romântico para ser feliz.

79. Precisar ver-se no centro do palco; ou, no outro lado da moeda, preferir sempre esconder-se pelos cantos.

80. Trabalhar e esforçar-se demais, exaurindo-se fisicamente, ou, no outro lado da moeda, distrair-se demais e não se ocupar dos assuntos do Pai.

81. Buscar orientação em médiuns e não confiar na própria intuição.

82. Entregar-se, neste plano ou no plano interior, a mestres que não sejam ascensionados e que, logicamente, também têm uma compreensão e concepção limitadas da realidade.

83. Fazer do caminho espiritual um hobby, e não o "fogo devorador".

84. Perder tempo demais em frente da TV, na Internet, com jogos de vídeo, ou lendo romances fúteis, e assistindo a filmes violentos.

85. Gastar quantidades imensas de tempo e energia por falta de organização e administração adequada do tempo.

86. Pensar que discutir com os outros é algo que lhe sirva a si, ou sirva a outras pessoas.

87. Tentar vencer ou estar certo, em vez de se esforçar por amar e compreender.

88. Enfatizar demais a intuição, o intelecto, o sentimento e o instinto, em vez de perceber que tudo isso precisa ser equilibrado e integrado, cada qual na sua devida proporção; a cilada, aqui, é identificar-se excessivamente com um deles.

89. Devotar-se a um guru que o diminui e o divide, em vez de se dedicar ao Eu espiritual que é você mesmo, e cultivar o seu próprio Cristo interno.

90. Tentar permanecer aberto todo o tempo, em vez de saber como abrir e fechar o seu campo energético, de acordo com as necessidades.

91. Não saber dizer não aos outros, à criança interior ou ao ego negativo.

92. Pensar que a violência ou qualquer tipo de agressão contra os outros lhe vai trazer aquilo que você deseja, ou que sirva a Deus de algum modo.

93. Culpar Deus ou irritar-se com Ele ou contra os mestres ascensionados por causa dos próprios problemas.

94. Quando suas orações não forem atendidas, pensar que Deus e os mestres ascensionados não estão respondendo às suas preces.

95. Comparar-se com outras pessoas, em vez de perceber que somos únicos, e que as potencialidades, as circunstâncias e as vivências do outro não são as suas.

96. Pensar que ser pobre é ser espiritualizado. Pensar que é preciso ser rico para ser feliz e espiritualizado.
97. Comparar-se e competir com os outros por causa dos níveis de iniciação e ascensão.

98. Assumir o papel de vítima diante de outras pessoas ou do seu próprio corpo físico, emocional ou mental, desejos, cinco sentidos, ego negativo, eu inferior.

99. Estudar demais e não manifestar os seus conhecimentos no mundo real.

100. Pensar que o seu mau humor é a verdadeira realidade de Deus.

101. Pensar que o valor reside em fazer e alcançar coisas.

102. Pensar que você não precisa de se proteger espiritual, psicológica e fisicamente.

103. Pensar que glamour, ilusão, ego negativo, medo e separação, são a verdadeira realidade.

104. Usar açúcar, café e refrigerantes e outros estimulantes artificiais para obter energia física.

105. Tentar fazer tudo sozinho e não pedir a ajuda a Deus; ou, no outro lado da moeda, pedir a ajuda de Deus e não se ajudar a si mesmo.

106. Deixar de amar as pessoas porque elas o estão a tratar mal ou dando um exemplo negativo de egoísmo; não distinguir a pessoa de seu comportamento.

107. Perder a fé na realidade viva da Alma, da Mônada, de Deus e dos Mestres Ascensionados, e na capacidade que eles têm de ajudá-lo.

108. Pensar que apenas as outras pessoas podem atingir a ascensão, ou ser Luz no mundo, ou pelo menos não nesta vida.

109. Tentar atingir a ascensão para fugir dos problemas quotidianos.

110. Pensar que a Terra é uma prisão, e não reconhecê-la como um Paraíso em evolução.

“Tudo o que existe no universo divino é governado por leis - físicas, emocionais, mentais e espirituais. Aprendendo a compreender essas leis e tornando-se obediente a elas você trilhará o caminho da ascensão.”

Por Dr. Joshua David Stone

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:25
Link | Comentar | ver comentários (3) | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 20 de Fevereiro de 2012

O Caminho do Discípulo

     Enquanto o discípulo vai despertando nos seus santuários místicos o seu Sol espiritual, toda a sua estrutura física interna passa por graduais transformações até culminar num equilíbrio mais definitivo em todos os níveis. As transformações são de caráter energético e atingem todos os níveis da matéria, bem como todos os níveis da consciência física, ou seja: consciente e inconsciente.

     O que um discípulo deve fazer nas diversas etapas transformativas é questionar-se sobre as suas ações, hábitos, vícios e comportamentos afetivos, as suas idéias, os seus conceitos e preconceitos, a fim de melhor aproveitar o processo para se conhecer e renovar.

     Nestas etapas, o discípulo vive em conflito consigo mesmo, procurando dentro de si respostas e nem sempre se consegue desprender dos mesmos para as assimilar. Nestes momentos, deve recorrer aos Mestres e companheiros espirituais que o assistem, e humildemente lhes abrem o seu coração expondo a rede de sentimentos que o bloqueiam, porque o Mestre conhece o seu discípulo e tem a missão de libertá-lo de todas as amarras ao seu desenvolvimento espiritual. O Mestre sabe bem como criar condições para que o seu discípulo se desprenda das suas próprias dificuldades.

     Todo discípulo que pretende (com sinceridade de alma e de espírito) servir à Luz, não se deve fechar dentro do casulo do orgulho pessoal, porque ele não é perfeito para, sozinho, trilhar o caminho luminoso que lhe foi destinado.

     Todo discípulo é um aprendiz constante e deve humildemente reconhecer quando precisa da ajuda dos seus companheiros dos outros planos ou de especialistas no plano físico. De nada serve ser doutor de si mesmo se a doença em questão necessita de vários especialistas.

     Quem se fecha em si mesmo impede que todas as respostas que vêm da alma e do espírito cheguem à consciência, perdendo a oportunidade de evoluir porque vive dentro das faixas restritas do entendimento racional. Todo aquele que serve à Luz no plano físico precisa sempre da ajuda dos Seres de Luz para melhor identificar as direções que deve tomar em situações que envolvam uma renovação interior, e deve aprender a saber pedi-la.

     O discípulo que não quer se renovar pouco avança na Senda Oculta, pois, com o passar do tempo, o bloqueio individual não lhe permitirá vislumbrar os novos horizontes que se abrem para o seu caminho.

     Dos mundos de manifestação, o mais complexo é o plano físico por causa da cisão que foi feita entre mente e corpo, intelecto e espírito. Nesta cisão, a humanidade, de um modo geral, criou valores muito superficiais para a sua evolução, e através desses valores é que a personalidade se formou, ou seja, está completamente vazia de propósitos reais dentro da evolução verdadeira da vida humana. Mas esses valores superficiais – e até mesmo os padrões de comportamento dos seres humanos em geral – são muito primitivos e acabam por criar consciências totalmente condicionadas às infantilidades, bloqueando de todas as formas a verdadeira maturidade da personalidade.

     Assim, nenhum ser humano se pode julgar tão consciente para equilibrar sozinho os valores da alma e espírito com os valores da personalidade, porque a primitividade da consciência física não lho permite. Somente aquele que tem o coração aberto e que é capaz de, sincera e insistentemente, buscar a união da alma com a personalidade e a ligação consciente com o Mestre, enfrentando todas as transformações internas que lhe são necessárias para a real união, poderá alcançar a meta.

     Os candidatos a discípulos, na sua maioria, gostam de se iludir achando que por contatarem os Seres de Luz, por terem sido chamados, estão em maior equilíbrio do que os outros que não os contatam. Mas como disse, é só uma pura ilusão, pois muitas vezes perdem a possibilidade de serem os escolhidos, uma vez que nem conseguem conduzir seus próprios passos.

     Esta mensagem é um alerta a todos os discípulos da Luz, porque muitas transformações mundiais estão por vir, e sabemos que muitos discípulos na hora de assumirem uma posição madura perante suas verdadeiras tarefas espirituais regredirão emocionalmente e ficarão estagnados nos seus bloqueios, sem condições para cumprir o que lhes competirá, devido ao choque emocional a que estarão sujeitos. Por isso mesmo, alertamos para aprenderem desde já a reconhecer as vossas próprias fragilidades e limitações emocionais, trabalhando-as gradativamente e transmutando-as a fim de, conscientemente, eliminá-las em nome de uma maior expansão interna individual e espiritual.

     Envio-vos as energias amorosas necessárias, a fim de que possais abrir os vossos canais de compreensão internos.

     Com todo o meu Amor universal, LANTO. [Conhece-se muito pouco deste Mestre; consta que foi o Grande Imperador Amarelo na China. Já foi Mestre do segundo raio e é um dos futuros Cristos Planetários.]

Canal Espiritual: Lourdes Rosa.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 18:00
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Domingo, 24 de Julho de 2011

Cont. da Reflexão...

          Muitos seres pretendem dar um novo rumo/sentido às suas vidas, iniciando uma nova caminhada/etapa da sua mais ou menos longa estadia na Terra. É claro que cada um de nós é moldado mediante a educação que lhe é dada, que servirá de base para a caminhada no decurso da vida. Essa evolução dá-se também ao nível da consciência do Ser, pois consoante a idade vai avançando, a mesma vai evoluindo na procura do aperfeiçoamento, conhecimento, harmonia e felicidade (evolução da consciência). Mas para uma coisa os alerto, esse progresso faz-se calmamente e terá de se fazer acompanhado por outras pessoas, pois o Ser por si só tem inúmeras dificuldades que sem uma orientação de outro Ser o caminho torna-se árduo e desesperante. Existe no “mercado” uma grande quantidade de livros sobre os mais variados temas, muita informação na internet e vai surgindo também na televisão, a qual tem grande utilidade para o fenómeno de consciencialização global a que assistimos. Contudo porém, depois de ler ou ouvir todo o Ser Humano tira as suas ilações, mediante o seu nível de consciência, mas surgem sempre algumas questões e dúvidas que pretende esclarecer. Por estas e outras razões é de importância vital ser acompanhado por alguém que lhe possa dar os devidos esclarecimentos, ou então participar num grupo de reflexão que, semanalmente se reúne, para a realização de diversas actividades em prol de todos os participantes e de terceiros.

          Anteriormente quando mencionei “grupo de reflexão”, estava-me a referir ao REIsocialKI®, Projecto Social que desenvolvo semanalmente. Este é levado a cabo por mim aqui em Albufeira todas as quartas-feiras às 21h e pela Drª Isabel em Vermoim (V.N.Famalicão) de 15 em 15 dias. No que a este projecto diz respeito, os participantes levam os seus donativos (roupas e/ou alimentos) que posteriormente são canalizados para Instituições de Solidariedade Social, ou até mesmo entregues em campanhas de rua directamente aos sem-abrigo e desfavorecidos da sociedade. Estes encontros são abertos a todos os que pretendem participar, pois as mais diversas actividades que se levam a cabo são de carácter geral, não sendo obrigatório ser-se Reikiano para participar. O objectivo principal do projecto é sem dúvida alguma o de promover a recolha de donativos para serem doados aos mais carenciados, não obstante também o de promover as boas práticas terapêuticas e o bem-estar entre todos os participantes.

     Assim, cada Ser que está a iniciar-se pelos caminhos da espiritualidade, pelo que a minha experiência me indica, deve-o fazer acompanhado ou então ter alguém de conhecimento espiritual mais elevado, de forma a que o possa ir elucidando e esclarecendo, pois a caminhada é longa e muitas vezes tem-se esta sensação: “Quanto mais leio e estudo menos sei…” . Na espiritualidade o caminho é assim, mas para que o possa fazer de uma forma melhor, faça-o sempre com amor, respeito e compaixão pelo semelhante, respeitando as escolhas dos outros.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 19:52
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 3 de Setembro de 2010

Esclarecimentos sobre Sessões

Caros leitores,

Há uma coisa que deve ser bem explicada às pessoas, pois muitas associam o Reiki às massagens e não é nada que se pareça com isso. Em primeiro e por questões éticas, uma pessoa pode receber Reiki vestida ao contrário das massagens onde o paciente tem de se despir. Nas massagens o terapeuta manipula o corpo do cliente com as mãos e numa sessão de Reiki o terapeuta apenas faz a imposição das mãos em forma de concha nas posições que aprendeu ou como lhe seja indicado pela sua intuição. Mas não sendo massagista e para não dizer algo errado cometendo uma gafe, vou apenas focalizar-me no Reiki.

Para melhor compreenderem o que seguidamente lhes vou explicar tenho de lhes dizer uma coisa, os Reikianos são todos iguais e todos diferentes pois pese embora todos pratiquem o amor incondicional como canais energéticos, cada um tem a sua forma própria de fazer a imposição pois pode efectuar as que aprendeu ou deixar-se levar pela sua intuição. Pela experiência que tenho e pelo que tenho constatado também, quando faço uma aplicação ou sessão de Reiki, encosto sempre as mãos ao paciente, à excepção de quando coloco a não sobre o primeiro chakra (situado na base da coluna sobre o órgão sexual do paciente), no qual coloco a mão a 3 a 4 dedos de altura, por questões éticas, morais e de respeito pois o toque nessa zona provoca desconforto e “incomoda o relaxamento mental” do qual o paciente usufrui aquando da sessão. Ao encostar levemente a mão na pessoa, o terapeuta tem uma melhor percepção da canalização energética que está a fazer, bem como o de saber ou não se aquele chakra necessita ou não de mais energia para remover algum bloqueio que se encontre mais oculto. Para usufruir de uma sessão de Reiki a pessoa pode estar em pé, sentada ou deitada, sendo que quanto mais confortável esteja o paciente mais relaxado ficará e com mais facilidade poderá sentir as energias que lhe estão a ser passadas. É também importante a posição em que o terapeuta se encontra, pois se não o estiver a fazer confortavelmente, poderá estar a gerar algum desconforto físico (bloqueio) que depois irá “sugar” uma parte da energia que está a canalizar, deixando assim de ser benéfico para ambas as partes.

Para terminar vou relatar aqui uma situação que se passou comigo para que possam ter conhecimento de como a ignorância acerca das coisas pode levar as pessoas a dizerem as maiores barbaridades.

Um certo dia um rapaz disse-me: “Mestre, quando estás a fazer Reiki lá àquelas moças todas jeitosas não ficas excitado?”. Ao ouvir isto frisei as sobrancelhas, encolhendo os ombros e fazendo uma cara estranha respondi: “Rapaz, tu não estás a quilómetros nem a léguas, estás a anos-luz do que eu estou a fazer.”. Isto serve apenas para que tenham consciência do tipo de pensamento que podem ter as pessoas cépticas que em nada disto acreditam.

Nada mais tendo a acrescentar, deixo-lhes um vídeo para ficarem esclarecidos sobre o que é uma sessão de Reiki.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Música: M80
Publicado por Viktor às 11:53
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 6 de Agosto de 2010

Reflexão sobre este Espaço...

     Caros leitores,

     É com imenso prazer que pretendo partilhar algumas coisas com vocês. Este espaço ter já alcançado os 189.300 visitantes nos seus 3 anos e quatro meses de vida é sem dúvida algo que gera dentro de mim um sintoma de felicidade. Sendo o objectivo do mesmo informar, esclarecer e partilhar as minhas experiências e vivências dentro desta área.

     Apesar dos visitantes não serem muito comentadores, vou obtendo algumas opiniões através de conversas, por telefone ou por e-mail, o que me deixa satisfeito, pois assim constato que o objectivo principal deste espaço está a ser cumprido, que é o de partilhar o meu conhecimento com o planeta, em prol do bem-estar supremo universal.

     O universo da blogoesfera não tem regras de controlo de conteúdo, ou seja, cada um escreve o que quer, manifestando assim as suas mais diversas opiniões, quer seja mais ou menos válido. Uma das regras por mim imposta à minha pessoa é apenas escrever a verdade, transmitindo os meus conhecimentos na sua verdadeira essência dos seus ensinamentos morais, sem truques, pois quando não sei responder tenho a humildade de admitir que não sei.

     Quando aqui partilho com vocês certas experiências ou casos que comigo se passaram, faço-o apenas com o intuito de partilhar e nunca para me vangloriar, porque quem me conhece pessoalmente sabe bem que estou apenas a partilhar. Afinal de contas quando ensinamos não estamos também a partilhar o nosso conhecimento? Penso que sim. E já agora, comentem dando a vossa opinião.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Energéticamente bem...
Música: M80
Publicado por Viktor às 14:20
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 23 de Junho de 2010

Algumas questões…

Vitor, como terapeuta, se for trabalhar para um local onde há fisioterapeutas e/ou massagistas não vai haver conflitos?

Não, nem acho que devam haver conflitos, pois devem ambos trabalhar em conjunto em prol do bem estar dos utentes, pois ninguém tira o trabalho de ninguém e o Reiki vai complementar e potencializar os tratamentos dos massagistas e fisioterapeutas, acelerando os processos de cura e manutenção do bem-estar.

Vitor, como sei que me devo de iniciar no Reiki?

Bem se está a fazer essa pergunta parto do princípio que tem interesse em fazer a aprendizagem de Reiki. Nesse caso há um aspecto importante a salientar, que é a importância da escolha do Mestre, pois deverá ter com ele uma boa empatia energética, pois é fundamental. Assim, tendo algum interesse na aprendizagem é porque certamente algo dentro de si lhe está a dar essa indicação, para que possa aprender esta técnica que o ajudará no seu processo de purificação interior no decorrer do seu caminho de ascensão divina.

Vitor, o Reiki pode ser conjugado com outras terapias?

Sim, pode ser conjugado perfeitamente com outras terapias, principalmente com as holísticas energéticas. Mas não nos podemos de esquecer de uma regra fundamental do Reiki que é a de só se poder aplicar quando o receptor autorizar, o que obriga sempre o aplicador da terapia a perguntar ao receptor se autoriza ou não a sua administração.

Regularmente sofro de ansiedade e outras situações que alteram o meu sistema nervoso, o Reiki pode-me ajudar?

Sim, o Reiki tem um efeito bastante positivo no restabelecimento do normal funcionamento do sistema nervoso central. A ansiedade e outros são coisas que têm uma implicação directa com o sistema nervoso e neste campo o Reiki tem uma particular eficácia tratando o ser no seu todo (níveis físico, emocional, mental e espiritual) e não apenas como uma parte.

Com regularidade engordo ou emagreço, não conseguindo manter o mesmo peso por muito tempo, será que o Reiki me faz bem?

Sim, fazia-lhe bem receber algumas sessões de Reiki para regular, equilibrar e harmonizar o seu organismo restabelecendo o equilíbrio entre as diferentes partes corporais e assim poder manter o seu peso de uma forma harmónica.

Gostava imenso de fazer uma sessão de Reiki mas como estou grávida será que posso?

Pode fazer e recomenda-se, pois o mesmo vai restabelecer as energias da mãe e contribuir para o bom desenvolvimento do feto, que muito se regozija ao receber a energia cósmica universal.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Música: M80
Publicado por Viktor às 10:49
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 1 de Abril de 2010

Os vários níveis do REIKI (essencial)

REIKI Nível 1

Este define-se como: “A Descoberta e Acordar do Curador Interior”. Este curso está essencialmente centrado no plano físico, de modo a poder descobrir e acordar o curador interior que existe dentro de cada um. Poderão, progressivamente, ocorrer algumas transformações a nível psicológico e comportamental, bem como a descoberta de facetas de personalidade de que não tinha memória, motivada pela descoberta do Ser Supremo Interior, o seu Eu. É um importante passo na vida das pessoas, porque o mesmo vai acelerar processos de transformação e ascensão do iniciado. Além da abertura dos canais energéticos que é feita no curso, nos 21 seguintes o iniciado passa por um processo de purificação interior. Este é um maravilhoso processo que faz exteriorizar a nossa essência, tornando-nos pessoas diferentes e melhores, com uma visão diferente sobre tudo o que nos rodeia e até mesmo sobre o Universo. Neste nível o iniciado irá aprender a história do Reiki, o nosso sistema de chakras, e uma sequência de imposições de mãos que constituem uma sessão de auto-aplicação de Reiki.

REIKI Nível 2

Este define-se como: “A Descoberta do Infinito Universal”. Este curso está essencialmente centrado no plano universal, de modo a poder descobrir a capacidade curadora fortemente potenciada com a utilização dos símbolos sagrados. Com este nível verá as suas capacidades de canalização energética consideravelmente mais elevadas. Aqui irá ter contacto, pela primeira vez, com os 3 primeiros símbolos de Reiki. Vai aprender a enviar Reiki à distância, eliminando a barreira espaço/tempo, programações de tratamentos, limpezas de espaços, bem como a fazer tratamentos mais profundos e vocacionados também ao plano emocional e mental. Tal como o anterior, após a sintonização o iniciado irá passar um período de 21 dias de purificação interior.

REIKI Nível 3

Este define-se como: “A Descoberta e o Acordar do Mestre Interior”. Este é o nível de Professor, de Mestre. Tal como nos anteriores haverá um aumento significativo da sua ligação com a fonte de Reiki, mas a permanência neste estágio energético que será estabelece dependerá exclusivamente de si.

Cabe ao Mestre agir de forma equilibrada em todos os aspectos da sua vida, demonstrando nos seus actos um profundo respeito por todos os seres vivos (incluindo ele mesmo) e pela natureza, vivenciando o sentimento de plena compaixão por todos, podendo desta forma manter activa a forte ligação com a fonte mãe.

O III nível de Reiki não é uma finalização da aprendizagem do sistema, mas antes, um novo começo, pois a aquisição de conhecimentos, continua infinitamente e ela só se torna possível com a prática diária do Reiki, permitindo que o Reiki se integre na nossa vida e a preencha de amor, paz, de despreocupação, de honestidade, de integridade e felicidade. Depois do Reiki, sentindo a vontade de querer aprender mais, evoluir mais, então podemos dar continuidade através do Karuna.

Saudações Reikianas

NAMASTÊ

Música: Rádio M80
Publicado por Viktor às 10:17
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 23 de Março de 2010

…mais questões…

Então mas já curas-te pessoas com o Reiki, além de haver relatos sobre isso. Porque dizes que não cura por si só?

Digo isto porque as pessoas menos informadas acerca desta prática, quando procuram um terapeuta parece que vão com a ideia que Ele tem uns pozinhos de “perlim pim pim”, deita-os em cima do paciente e Ele fica curado. A cura é um acordo entre 3 partes (paciente, terapeuta, divino), sendo que o divino engloba algumas Leis, tais como a do merecimento, a causa/efeito, da vida e sobre a Lei Maior que regue um conjunto de Leis menores que é a Lei da Morte.

Como é que o Terapeuta vê a doença?

Para muita gente a doença é um problema, para o Terapeuta a doença é apenas um obstáculo no nosso caminho de aprendizagem na grande escola da vida.

Assim sendo como se combatem esses obstáculos?

Os mesmos devem ser combatidos na sua origem e não na causa, pois assim apenas se está a proporcionar algum bem-estar momentâneo, que mais tarde virá novamente ao de cima. Procurar a origem e combater o obstáculo lá, permite que o mesmo seja definitivamente eliminado.

O Reiki pode-nos ajudar nos nossos relacionamentos pessoais e sociais?

Sim pode, seguindo as orientações que o terapeuta lhe dá nas consultas, mas sobretudo ao iniciar-se no maravilhoso mundo do Reiki. Ao fazer a iniciação ou sintonização no Reiki, a pessoa passa por um momento onde irá ser sintonizada com as energias cósmicas universais onde lhe vão ser abertos os chakras das mãos. Seguem-se os 21 dias seguintes definido como “período de purificação interior”, onde o iniciado passará por uma purificação do seu Eu Sou em que se vão operar mudanças de dentro para fora. Essas mudanças fazem, variadas vezes cair “máscaras”, e assim a pessoa torna-se mais humana, social, tranquila e simpática, ou seja, no geral o iniciado passará a ver o tudo o que o rodeia de uma forma mais coerente, humana, social, com todo o Amor Incondicional

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 01:35
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 22 de Março de 2010

Algumas questões…

Ao longo do tempo e através de conversas que vou tendo com outras pessoas surgem algumas questões prementes, as quais vulgo ser necessário esclarecer.

O que é o Reiki?

         O Reiki é uma terapia holística energética oriunda do Japão que tem por base a imposição de mãos sobre nós ou outros, canalizando assim a energia cósmica ou fluidos vitais universais.

O Reiki é somente uma terapia holística?

         Não, pois é também uma filosofia devida através da aplicação no dia-a-dia dos 5 princípios, originários do Imperador Meijin, e implementados pelo Sensei Mikao Usui.

Então o Reiki é uma crença, uma religião?

         Esse tipo de associação é totalmente errado, pois ao longo do tempo a prática de imposição de mãos foi efectuada por Hindus, Cristãos, Budistas, Judeus, Ortodoxos, enfim, por um sem número de pessoas associadas às mais diversas cores, raças e credos. Porque os 5 princípios não são “mandamentos” mas sim ensinamentos que nos levam a ser mais humildes, ponderados e sociáveis, desde que os tenhamos presentes no nosso dia-a-dia.

Então o Reiki cura?

         O Reiki é uma terapia holística complementar, ou seja, é utilizada conjuntamente com a medicina convencional e outras pois o Reikiano não faz diagnósticos médicos. O Reiki por si só não cura, promove a auto-cura dentro do receptor, sob a regra das Leis divinas cósmicas universais.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 14:58
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
::: GUESTBOOK :::

.Procurar no Blog

 

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Lisboa, Loures, Porto, Odemira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: Partilhas de um Ser - APR
CURRENT MOON
------------------------------- REIsocialKI: Projecto Social em Prol do Semelhante

Divulga também a tua página -------------------------------

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: A Infelicidade…

. Escrever para quê?

. Reflexão: Eles andam aí…

. Porque nascemos de mãos f...

. Partilha de Saberes…

. O Livro…

. Armadilhas e Ciladas no c...

. O Caminho do Discípulo

. Cont. da Reflexão...

. Esclarecimentos sobre Ses...

. Reflexão sobre este Espaç...

. Algumas questões…

. Os vários níveis do REIKI...

. …mais questões…

. Algumas questões…

. Poemas de MEIJI para O Po...

. Esclarecimento Universal

. O Plano Psíquico

. Encarnação

. Divulgação & Ensino

. Astrologia Não

. Mundos de Escolaridade

. Actividades e Novidades

. Energia Cósmica e Fuido V...

. Novo Ciclo de Vida

. CHAKRAS 2ª Parte

. CHAKRAS

. Fluxo de Energia

. BORISKA, O Garoto Índigo

. WorkShop de Reiki

.Arquivos

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.subscrever feeds

.tags

. todas as tags

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31