.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Sábado, 25 de Fevereiro de 2017

Reflexão: Caminho do Amor

caminho-luz-escuro.jpg

Caríssimos,

     No decorrer da nossa vida, muitos são os caminhos que podemos percorrer e experienciar, uns mais fáceis e outros mais complexos. Escolhemos um e a maioria das pessoas, pelo menos diz, que pretende seguir o caminho do Amor, mas em verdade lhes digo que esse caminho em muitas etapas pode ser um pouco penoso e sombrio. O caminho do Amor é o da Verdade, Honestidade, Humildade, Compaixão, Coerência e Justiça, o que em nos dias que correm é algo que muitas vezes nos coloca em situações complicadas, sobretudo perante aqueles que seguem por caminhos algo diferentes. É certo ao longo da vida cada ser humano faz as suas escolhas, umas vezes seguindo um caminho, outras vezes outro e por vezes completamente perdido, sem saber qual o caminho a seguir. Claro que nem sempre conseguimos seguir o caminho que queremos, porque na verdade fala-se muito em “livre arbítrio” mas as coisas não são bem assim, porque acabamos por ser condicionados por muitas regras sociais, mas não pretendo desviar-me do assunto em causa. Os caminhos que escolhemos podem ser mais ou menos benéficos, moldados pela predominância dos nossos pensamentos e crenças, pelas companhias com quem privamos, pela educação que nos é dada e por muitas outras coisas que poderia aqui enunciar.

     Os caminhos errantes (negativos) pelos quais as pessoas enveredam, são caminhos mais complexos que aquele que eu defino como sendo o “caminho do amor”, pois são impulsionadas pelas drogas, pelo álcool, pelo prazer de furtar, pela ganância, pela inveja, pelo ódio, pela vingança, enfim, por tantas razões que nada têm que ver com a prática diária do amor incondicional. Este tipo de caminhos são menos bons, pois todo aquele que os percorre no dia que consiga ter consciência que está no caminho errado, entra numa complexa espiral de culpabilização, julgando-se a si mesmo, o que depois os obriga a um intenso trabalho de perdão sobre si mesmo e depois sobre os outros. Uma vez que este texto era para escrever sobre o “caminho do amor” deixo este tema para outra reflexão.

     O “caminho do amor” é um caminho complexo atualmente, pois a sociedade vive tempos muito conturbados onde, para infelicidade da mesma, parece predominar a falsidade, a hipocrisia, a mentira, os conflitos, a mesquinhez, as guerras, a ganância de poder, entre outras coisas. São inúmeras as complexidades, tias como: Hoje em dia ao ser amável com alguém, há logo quem pense que queremos algo em troca; Quando ajudamos alguém praticando a compaixão e o amor incondicional de forma desinteressada, pensão logo que queremos algo em troca; Pelo facto de sermos compreensivos, as pessoas tentam arranjar todo o tipo de manhas para nos usurpar; Por sermos compassivos e compreensivos, as pessoas tentam-nos enganar fazendo uso das nossas emoções; Enfim, tantas vezes somos procurados para ajudar e depois recebemos em troca Ingratidão, Má educação, Desrespeito, Desconsideração e muitas outras atitudes que ferem a nossa bondade e compaixão. No “caminho do amor” também temos de dizer não, que apesar de ser uma palavra de conotação negativa, serve para praticar o bem, de forma a educar, esclarecer e a demonstrar o “caminho do amor” a todos aqueles que o pretendem percorrer, mas na verdade continuam noutros caminhos. Para terminar, que o texto já está um pouco longo, recordo-lhes que se pretenderem seguir o “caminho do amor” deve estar 24h alerta sobre si mesmo, sobre os seus pensamentos e sobre as suas atitudes. Boa sorte a todos e sejam felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 03:02
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 31 de Outubro de 2016

Ensinamentos em Poesia

Não sou nenhum poeta,

Nem tão pouco um escritor,

Apenas escrevo estas palavras,

Para manifestar a minha dor;

         Há dores que não se sentem,

         Em nenhuma parte física do corpo,

         São dores emocionais e mentais,

         Que nos acompanham até ao Porto;

Vão connosco para todo o lado,

Mesmo que vá dar uma volta ao mundo,

São como vírus que se entranham em nós,

Bem escondidos lá no fundo;

         São dores complexas de remover,

         Dão-nos cabo da cabeça,

         Não permita que isso aconteça,

         Para que a sua vida não desapareça;

As coisas nem sempre são como gostaria,

Na verdade são como têm de ser,

Aprenda a aceitar as coisas como são,

Evitando estar a dar cabo do seu ser;

         Dar importância a quem não merece,

         Vai ajuda essa pessoa a o magoar,

         Mantenha a calma e não ligue,

         Pois em nada a pessoa o está a ajudar;

Aprenda a aceitar a vida,

E tudo o que ela tem para nos mostrar,

Quando nos mostra coisas menos boas,

É um sinal de que temos de mudar;

         A maioria não consegue sozinho,

         Não se retraia e peça para ser ajudado,

         Só assim pode melhorar a sua vida,

         Além de se poder libertar do passado;

Nunca é tarde para transmitir o seu amor,

Para si mesmo e para quem possa necessitar,

Vai ser uma grande mudança na sua vida,

E assim pode começar a prosperar.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 00:46
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 25 de Agosto de 2016

Hoje em Poesia

123.jpg

Se fosse bom cantor,

Partilhava uma melodia,

Como não sei cantar,

Apenas escrevo uma poesia;

         Encaras a vida com tristeza,

         Andas aborrecido e chateado,

         Se mantiveres essa postura e pensamento,

         Certamente vais continuar encalhado;

Achas que tudo de mal te acontece,

Que não tens nenhuma sorte na vida,

Sentes-te completamente deslocada,

Como se estivesses perdida;

         Por vezes enchemos a cabeça,

         Com pensamentos e teorias fúteis,

         É sem dúvida uma perca de tempo,

         Com coisas inúteis;

Parece que todos estão contra ti,

Achas e sentes-te deslocado,

Isso acontece a muito boa gente,

Espalhada por todo o lado;

         Talvez seja o momento de mudares,

         Focando a atenção noutras situações,

         Deixem fluir o amor,

         Que mora nos vossos corações;

Esse será o teu elixir,

Para a tua regeneração,

Vive intensamente o presente,

Liberta-te dessa condição;

         És igual a ti mesmo,

         Com as tuas virtudes e defeitos,

         Aprende a gostar de ti assim,

         Sem nenhuns preconceitos;

De erros é feita a tua aprendizagem,

E da aprendizagem a tua maturidade,

Os anos vão passando a seu ritmo,

A caminho da terceira idade;

         A idade apenas conta,

         Para o cartão do cidadão,

         O importante é o teu espírito,

         Aprender a viver com compaixão;

Quando precisas gostas que te ajudem,

Para rapidamente ficares bem,

Não sejas ingrato e retribui,

Quando puderes ajuda alguém;

         Termino esta poesia aqui,

         Para poderem refletir nestes poemas,

         Espero que clarifique a sua mente,

         Removendo dela os seus dilemas.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:37
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 12 de Outubro de 2015

Reflexão: A Humanidade…

 

Caríssimos,

     No decorrer da minha jornada, conheci pessoas de várias cores, origens, religiões, e de tantas outras coisas que as podem caracterizar, pois cada Ser é único, com as suas particularidades, conhecimentos e capacidades.

     Observando o que se passa no mundo, verificamos que há milhares de “guerras” a serem travadas pela humanidade, pelos mais variados motivos e razões. Estas podem ser de grande ou pequena escala, consoante o número de intervenientes e o objectivo das mesmas. Quase me arriscava a dizer que cada Ser Humano é um potencial foco de guerra, além de ter as suas pequenas “guerras”, originadas por ele mesmo ou até mesmo pelo seu semelhante. Ninguém neste mundo está a salvo, nem sequer aqueles que dedicam toda uma vida a auxiliar os seus semelhantes, pois acabam também por ser alvos de críticas, por uma sociedade cada vez mais intolerante. Pois, na minha humilde opinião, verifico que a Humanidade está “doente”, padece de falta de tolerância, respeito, valores e educação, de uns para com os outros, o que em abono da verdade, nada contribui para o bem-estar colectivo da sociedade. Quer acredite ou não que o Universo é composto por energia que se move livremente proporcionando o funcionamento das galáxias e tudo o que delas faz parte, e cada um de nós tem dentro de si mesmo um pouco dessa energia, o que lhe permite ser um Ser vivo. Essa energia pode ser manipulada por cada um de nós, consoante a nossa vontade, por isso se diz na gíria popular que há pessoas boas e más. Concordo parcialmente com esta afirmação, contudo devo esclarecer que cada um de nós pode ser uma pessoa boa ou má, consoante a vibração energética que enviamos através dos pensamentos e das palavras que dizemos. É sobre este aspecto que devemos ter bastante cuidado, pois sendo o Universo justo, vai-nos devolver, na mesma frequência, a vibração energética que enviamos para os outros, porque na verdade cada um de nós é uma fonte de energia, agora cabe a cada um de nós a responsabilidade da vibração que queremos enviar.

     Esta pequena reflexão talvez não lhe diga absolutamente nada de novo, mas se conseguir interiorizar a mensagem que vai nas entrelinhas já valeu a pena o tempo que perdeu a ler este texto, pois em meu entender o primeiro passo para podermos mudar interiormente é a consciencialização. Jamais se esqueça que toda a mudança começa sempre por Si e dentro de Si mesmo. Sejam felizes e vamos fazer deste um mundo melhor, pois no dia em que mudarmos o “nosso” mundo, o mundo à volta também mudará.

NAMASTÊ

 

Publicado por Viktor às 11:15
Link | Comentar | favorito (1)
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 16 de Janeiro de 2015

Reflexão: O Valor da Palavra

Caríssimos,
     Vivem-se tempo conturbados no planeta Terra. Muitas pessoas transportam consigo sentimentos de saturação laboral, familiar e social, manifestados em pensamentos e palavras ditas em meras conversas de circunstância, em locais públicos ou privados. Além deste tipo de sentimentos que se instalam dentro de si, e que lhe provocam algum mau estar do qual se quer libertar, a generalidade das pessoas acabam por alimentar esse mau estar em conversas de circunstância onde predomina a coscuvilhice, o mal dizer, a critica negativa entre tantas outras coisas que, juntas significam uma elevada carga negativa. Então você não gosta de si mesmo? Porque é que em vez de se ajudar a sair do “buraco” ainda se afunda mais nele? Se você sabe como se por bem e se aquilo que lhe digo não é nada de novo, é apenas recordá-lo de certas coisas porque insiste em permanecer nesse paradigma? [pense um pouco sobre as questões que acabei de lhe colocar]
     Na verdade cada Palavra, dita ou pensada, tem uma energia própria que se liberta manifestando-se no Ser alvo das palavras e pensamentos. Como podem constatar, todos nós através de palavras e pensamentos já envia-mos energias menos positivas para outras pessoas, certo? Pois, na verdade todos nós já fomos e por vezes continuamos a ser “fontes” de energia negativa, mas isto faz com que surja na vossa mente a seguinte pergunta: Mas como posso evitar isso? Na realidade vivemos num mundo complexo, rodeados por “fontes de energia negativas” (televisões, jornais e seres), no qual estamos constantemente a ser “bombardeados” por notícias negativas, o que em nada nos ajuda a preservar um pensamento positivo. Realmente é extremamente difícil mantermos ao longo do dia o pensamento positivo, sem julgar as coisas e os outros, pois a generalidade dos seres foi “formatado” assim. Recordo-lhes ainda que há uma Lei Universal que se chama “Lei do Retorno”, o que significa que a energia que emanamos para com os outros mais tarde é devolvida (pelo universo) à fonte (nós).
     Mas vou-lhes dar uma preciosa dica, algo que aprendi com o tempo e pretendo partilhar com vocês, cada ser tem de ser o seu próprio polícia, estando constantemente a vigiar-se a si mesmo, para que cada vez que surja um pensamento menos positivo o possa contrapor com muitos pensamentos positivos, bem como pedir desculpa ao universo pelo pensamento proferido. Fazer o que acabei de lhe dizer é algo que tem um alto grau de dificuldade, mas nada é impossível e o querer é poder. Acredite em si mesmo e nas suas infinitas capacidades interiores para ultrapassar mais esta etapa, e verifique por si mesmo o bem-estar que isso lhe vai proporcionar, dando assim mais um passo em prol da sua felicidade. Sejam felizes, sejam fontes de luz, paz e harmonia, sejam amor incondicional.
NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:30
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 8 de Outubro de 2014

Frases para Reflectir

 

Publicado por Viktor às 09:06
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 6 de Outubro de 2014

Os 5 Princípios do Reiki

 

Publicado por Viktor às 10:36
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 30 de Setembro de 2014

Reflexão: Aproveitamento…

Caríssimos,

     A vida é um constante desafio para qualquer Ser humano, onde devemos estar sempre alertas, pois a qualquer momento pode surgir uma surpresa. Há no entanto imensas formas de dar sentido à vida, que derivam da educação que cada um teve, do meio ambiente onde nasceu, na família em que está inserido, nível académico e tantas outras coisas que fazem parte dos nosso ideais, crenças e convicções de vida.

     Neste “modelo” de planeta e pelo que facilmente podemos observar ao longo dos séculos, tem vivido períodos cíclicos no quais vemos os Seres humanos cometerem os mesmos erros, o que me faz surgir na mente a seguinte questão: “Mas o Ser humano não aprende nada?”. Sim, tem aprendido algumas coisas, mas na generalidade continua a cometer os mesmos erros que cometia à séculos atrás, o que me fez pensar na seguinte questão: “Mas o Ser humano mentalmente não evoluiu?”. (pare a leitura e pense nas duas questões colocadas)

     É com profunda tristeza que lhes digo que na verdade, a humanidade observou grandes evoluções na medicina, ciência e tecnologia, mas ao nível individual do Ser, no que diz respeito à sua mente, parece que ficou “presa” no passado. Repare que em pleno século XXI vivemos crises económicas (tal como no passado), guerras e conflitos (tal como no passado), fome e miséria (tal como no passado), epidemias (tal como no passado), escravatura (tal como no passado), e tantas outras coisas que poderia aqui enumerar. O Ser humano continua “amarrado” ao materialismo (apesar da evolução espiritual que vai tendo) continuando a venerar o “Deus dinheiro” em detrimento do Criador, despertando-lhes a sede de poder, riqueza, luxúria, sexo e até mesmo a soberba, o que faz com que prolifere nas sociedades a corrupção, compadrio, violência, e sobretudo os perigosos jogos psicológicos praticados por quem detém o “poder” sobre aqueles que lhe são “inferiores”. Esse domínio psicológico exercido sobre os seus subalternos vinga devido aos “medos” que lhes incutem na mente. (pare a leitura e pense um pouco no que acabou de ler)

     Infelizmente os jogos psicológicos praticados por aqueles que desempenham cargos de “poder” ou chefia, são práticas comuns em todas as sociedades. Estas manobras de domínio psicológico são também praticadas por seres das mais variadas classes sociais. Por vezes surgem noticias de burlas, geralmente de avultadas quantias, praticadas por “bruxos”, “videntes”, “sócios” e outro tipo de pessoas, por vezes mesmo aquelas que coabitam connosco, o que é algo que me deixa triste, pois aproveitam-se da fragilidade da mente dos outros para lhes incutir falsas crenças, curas milagrosas ou lucros fáceis. Para mim este tipo de atitudes é feita por seres sem escrúpulos, com intuído de malvadez, aproveitando-se dos seus semelhantes. Num país maioritariamente cristão as histórias bíblicas que relatam a vida de Jesus Cristo são conhecidas pela maioria das pessoas, mas nem está escrito nem nunca ouviram dizer que ele cobrou algum dinheiro para ajudar ou curar, certo? Pois é, mas não quero dizer com isto que se deve fazer isto hoje, mas é claro que se devem cobrar quantias simbólicas para que ambas as partes não fiquem a “ganhar” nem a “perder”, cobrando um valor justo.

     Para terminar e para que não se Aproveitem de vocês, deixo-lhes algumas dicas: Mantenha-se sempre atento, pois o “perigo” pode estar ao virar da esquina; Não tome decisões importantes sem dedicar algum tempo a pensar nas mesmas; Quando tiver de tomar uma decisão importante peça a opinião a alguém em quem confie plenamente, mas não se descarte da sua responsabilidade porque a decisão é e será sempre sua; Desconfie de coisas muito fáceis, pois se assim fosse muitas pessoas já tinham aderido; Quando para o ajudarem em algo e lhe pedirem muito dinheiro tenha muito cuidado, desconfie; Cuidado com as aparências, pois elas iludem; Se não se sentir bem, não vá na conversa de ninguém nem tome decisões. Espero que estas dicas o possam ajudar a seguir o seu caminho com mais tranquilidade e felicidade. Façam o favor de ser felizes e tudo de bom para vocês.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 08:43
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 24 de Setembro de 2014

Reflexão: Depressão, uma praga social…

Caríssimos,

     A vida é um desafio constante, na qual todos os seres humanos aspiram ou tentam ser algo ou alguma coisa, uma “luta” incessante que cada um de nós mantém, desde o momento da nossa chegada (nascimento). Essa “luta” constante do Ser humano decorre em dois cenários (planos), externo e interno de cada um de nós.

     No plano externo estamos sempre expostos àquilo que nos rodeia, ao meio ambiente e às pessoas com as quais temos de interagir. No plano interno é onde se dá a questão mais complexa, pois é neste plano que o Ser humano tem de se encontrar consigo mesmo, no qual tem a difícil e árdua tarefa de encontrar o equilíbrio entre os planos físico, emocional, mental e espiritual. Esta é a mais difícil de todas as tarefas do Ser humano, a qual exige de cada um de nós uma vigilância constante sobre nós mesmos, em prol do nosso bem-estar.

     Antes de começar esta partilha achei que a explicação anterior fosse necessária para um melhor entendimento da reflexão. Em meu entendimento Depressão define-se assim: “É a não-aceitação do Passado, incerteza no Futuro, que provoca instabilidade no Presente”. (faça uma pausa na leitura e pense na definição que acabou de ler)

     A não-aceitação do Passado em inúmeros casos está intimamente ligada à nossa mente, pois o não entendimento de acontecimentos passados resulta em muitos casos na não-aceitação. Essa não-aceitação vai “prender” a pessoa no “tempo” o que lhe provoca mal-estar no presente, compreendeu? Para melhor compreensão vou-lhe dar um exemplo: Uma determinada pessoa há 5 anos atrás perdeu um parente muito chegado ou terminou um relacionamento (sem que tal tenha sido de sua vontade), incapaz de ultrapassar essa “perda”, a pessoa fica como que “presa” na linha do tempo (na data do acontecimento). Por esse facto torna-se complicado hoje (2014) essa pessoa sentir-se bem, pois a sua mente ficou presa ao acontecimento passado (2009). Como tal e por mais que lhe possa custar, o que lhe vou dizer é apenas e só para seu bem, aceite plenamente o que aconteceu e liberte-se desse acontecimento, causa de muitos dos seus problemas de saúde atuais, e verá como a vida lhe irá sorrir novamente.

     A incerteza no futuro é algo que está ligado directamente à nossa mente, e associado às expectativas, ansiedade, incertezas, medos e receios. Todas estas coisas derivam do facto de atribuirmos demasiada importância a alguns acontecimentos mas principalmente a algumas pessoas. Dar demasiada importância a quem não deveríamos é um erro que quase todos os seres humanos cometem, pois é prejudicial para a nossa estabilidade e equilíbrio. Este é um dos aspectos ao qual você deve dedicar algum tempo e pensar, correcto? Um dia que esteja em sua casa sozinho, pense um pouco na importância que está a atribuir a algumas pessoas, começando por colocar a si mesmo as seguintes perguntas: “Que falta faz esta pessoa na minha vida?”; “Esta pessoa faz parte da minha vida?”; “Qual o contributo desta pessoa para a minha felicidade?”. Outra recomendação que lhe dou é não criar expectativas sobre pessoas e acontecimentos, pois em 99% dos casos nunca acontece o que nós pensamos, relaxe e aceite aquilo que tiver de ser, pois assim evitará dissabores para si mesmo.

     Claro é que, com todas as situações referidas nos 2 parágrafos anteriores, a nossa situação resulta numa instabilidade no presente. Presentemente como é que um Ser humano consegue estar de corpo e alma numa relação, se a alma (mente) ficou presa no passado? Presentemente como consegue ser feliz quando você é a pessoa que mais mal pensa de si mesmo? Presentemente como quer que lhe aconteçam coisas boas quando na sua cabeça predominam os pensamentos ruins? Para encontrar o seu equilíbrio lembre-se que o passado é história, o futuro é um mistério e o presente é uma dádiva que para a podermos viver na plenitude temos de nos libertar do passado e parar de ter preocupações excessivas com o futuro. Seja mentalmente flexível, perdoe o mal que lhe fizeram (sentimentos negativos destroem o nosso interior) e comece hoje a dar a si mesmo o amor e carinho que dá aos outros porque VOCÊ É A PESSOA MAIS IMPORTANTE DA SUA VIDA.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 09:16
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 24 de Julho de 2014

O Karuna...

Publicado por Viktor às 11:58
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 8 de Julho de 2014

Reflexão do dia…

Caríssimos,

     Aquilo que define como “fase de transição planetária” é um fenómeno que se dá à escala global e que afecta todos os seres que habitam o planeta, sem excepção. A cada dia que passa mais pessoas sofrem de problemas do foro mental, problemas esses que para a indústria farmacêutica resultam em cada vez mais lucros e benefícios.

     E se um dia eu lhe disser que você é o maior responsável pelos seus problemas de saúde mental, o que diria?    [pense um pouco antes de continuar a ler]

     Desde sempre o Ser humano sempre quis deter o “poder”, numa competição constante entre seres, gerações, povos, países e continentes. Nesta “guerra” começou por usar as “armas” mais rudimentares até às mais evoluídas, mas o uso da força começou a ser condenado pelos povos. Isso fez com que, aquelas “sociedades secretas” que pretendem alcançar poder a “qualquer custo”, se vissem “obrigadas” a utilizar outras técnicas para “controlar” as populações. A partir desse momento a comunicação social passou a desempenhar um papel fundamental, principalmente quando a mesma é controlada por órgãos governamentais, fazendo com que toda a informação tenha de passar pelo crivo da censura.

     É assim que ao longo dos tempos as “sociedades secretas” têm comandado os destinos da humanidade, através do conhecimento global que vão colocando ao dispor da generalidade da sociedade. Dessa forma vão “manipulando” a opinião pública sobre os mais variados assuntos, fazendo também com que a maioria das pessoas se tenha tornado “dependentes” dessa informação facultada. Estas e outras coisas que, ao longo do tempo, tenho descrito nos meus textos, são manobras psicológicas com o intuito de “controlar” a mente humana, no que diz respeito a opiniões e atitudes, tal como acontece na chamada “guerra santa” entre muitas outras coisas. Reparem no seguinte, já foram descobertas curas de doenças “incuráveis” mas porque é que essa informação foi “abafada”? Porque é que ao longo dos tempos a verdade tem sido ocultada da maioria dos seres? [pense um pouco sobre estas questões]

     Todos estes factores têm contribuído para a instabilidade mental da generalidade da humanidade, funcionando psicologicamente como software que se instala na nossa mente, obstruindo o pensamento livre do ser humano. Se compararmos a nossa mente a um disco de computador, todas as falsas crenças, dogmas, mentiras, ilusões e todas as ideias negativas são software malicioso (vírus, cavalos de Tróia, malware). Todas estas coisas e muitas outras têm influência no nosso plano físico, pois este é comandado pelo nosso plano mental, o qual contém “a tal” informação (que frisei anteriormente), as nossas convicções, ideais, dogmas, fé, crenças e todos os outros pensamentos mais ou menos positivos.

     Vamos ser livres libertando-nos dessas amarras mentais, pois parece que a humanidade anda adormecida, num estado de hipnose colectiva. Dê importância a quem deve de dar (assim evita sofrimentos desnecessários), preencha-se de amor (eu amo-me e tu?), transmita esse amor (a todos os que o rodeiam), liberte-se dos apegos (maior fonte de sofrimento na Terra), pratique a caridade (ajudar outro é ajudar-se a si mesmo), seja gentil com os outros (respeite e trate o seu semelhante da mesma maneira que gostaria de ser tratado), procure a verdade dos factos e tire você mesmo as suas conclusões das coisas (não seja do tipo: “Maria vai com as outras”), aceite os outros como são (nem sempre é fácil, mas se for muito difícil ignore), seja feliz e assim poderá fazer felizes os outros.

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz...
Publicado por Viktor às 14:37
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 20 de Junho de 2014

Auto-destruição Humana

Caríssimos,

     Ao longo dos tempos temos assistido às mais variadas histórias sobre a humanidade, guerras entre povos, povos que foram extintos, jogos de poder, sociedades secretas, religiões, enfim, tantas coisas têm acontecido neste planeta. O Ser humano, desde tempos imemoráveis, sempre ambicionou poder, riqueza e todos os “prazeres” associados à vida terrena do plano material. Tudo isto acontece porque o Ser humano tem, na generalidade, negado a sua espiritualidade ou então faz de conta que a desconhece, com receio de ser criticado perante os outros. Aqueles que não a aceitam porque a desconhecem ainda têm “alguma” desculpa, mas quem a nega tendo conhecimento da mesma, além de não ter desculpa, só vai criar Karma e problemas futuros no seu próprio processo evolutivo.

     Todo o Ser é, através da sua mente o seu próprio “Juiz e Carrasco”, que lhe provoca a sua própria auto-destruição através do seu plano mental. Dogmas, crenças, julgamentos errados, pensamentos negativos, inveja, ansiedade e tantas outras coisas que fazemos a nós mesmos, só servem para nos prejudicar. É como se cada coisa fosse um tipo de “vírus” que instalamos dentro de nós (sistema operativo), que se vai alastrando e “infectando” os componentes (órgãos) do nosso CPU (corpo). Comandando as massas (populações) através da manipulação da opinião pública globalizada, incutindo falsas crenças e notícias, difundida através das religiões e da comunicação social, as organizações secretas vão “comandando” os destinos da Terra e da Humanidade.

     É assim que grande parte da humanidade vive sob um estado de “hipnose” colectiva, vivendo num mundo feito de mentiras que, depois de ditas inúmeras vezes se tornam verdades. Porque é que se esconde a verdade das coisas à humanidade em geral? Porque se andam a destruir uns aos outros e a autodestruírem-se a vocês mesmos? Porque se a verdade fosse partilhada por toda a humanidade, a mesma seria mais equilibrada e assim aqueles que detinham poder não poderiam incutir medos e “escravizar” os estratos sociais mais baixos.

     O conhecimento e a verdade é para ser partilhada e não ocultada, eu vou desempenhando o meu papel nesse sentido, será que tu fazes o mesmo?

     Paz, Harmonia, Felicidade a Amor para toda a humanidade.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 10:47
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 19 de Junho de 2014

Cuidas de Ti?

Caríssimos,

     Ao longo de séculos o ser humano tudo faz para alcançar a beleza física, recorrendo a cirurgias plásticas, implantes, tratamentos e tantas outras coisas para projectar beleza. A generalidade das pessoas concentram as suas preocupações apenas no que se vê, mas o engraçado é que se perguntarmos a essas mesmas pessoas se têm fé e/ou acreditam em Deus a maioria responde que “sim”. Mas a fé e Deus são ambas coisas que não se vêem. Não tenho o direito de criticar quem o faz, pois como em tudo na vida, são opções e devemos de respeitar o “livre arbítrio” e as aprendizagens de cada um.

     Cada um de nós deve tratar do seu corpo, manter a sua higiene e o seu bom funcionamento, mas eu pergunto porque não cuidam da alma? A maioria da humanidade foi educada para acreditar apenas naquilo que vê à excepção daquilo que se define por “fé”.

     Nós somos seres energéticos e a energia está presente em todo o universo, até mesmo nas mais pequenas coisas, pois é essa energia que nos mantém vivos. Assim podemos constatar que estamos rodeados por fontes de energia, pessoas, televisões, rádios, internet e tantas outras coisas. A fonte de energia que está mais próxima de cada Ser está dentro Dele mesmo, energia vital que além de o manter vivo ainda pode ser compartilhada por todos aqueles que o rodeiam. Essa energia que está em abundância em todo o Universo é a energia do Amor Incondicional, a força mais poderosa do universo.

     Cada um de nós deve cuidar de si de forma a poder proteger-se dos “constantes” ataques de que somos alvo, através de outros seres e dos órgãos de comunicação social (através das noticias) que muitas vezes são verdadeiras fontes de energia negativa. Em tempos escrevi sobre a força da Palavra e a importância do Verbo, logo notícias negativas (guerras, catástrofes, roubos, etc…), palavras desagradáveis, acusações infundadas, julgamentos errados e muitas outras coisas, são “cargas” de energia negativa disparadas contra nós. Parece que vivemos num “campo de treino energético” onde estamos constantemente a ser “bombardeados” e postos à prova, e para nos podermos “safar” devemos aprender a controlar os pensamentos, palavras e acções (ambos fontes emissoras de energia). Utilizando um termo conhecido de Dalai Lama: “Não permitas que os outros te tirem a tua paz interior”; Esta é a chave do sucesso e as dicas que lhes vou dando, texto após texto, o caminho para alcançarem essa meta.

     Sejam fontes de Amor, irradiando Amor por onde passarem, tal como uma flor que ao passar deixa o seu perfume. Sejam Amor, sejam Felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 15:14
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 16 de Junho de 2014

Reflexão: A Depressão...

Caríssimos,

     Hoje vou abordar um tema que, pelo que é divulgado nos órgãos de comunicação social, é algo que afecta cada vez mais pessoas. Semanalmente surgem notícias relacionadas com o elevado consumo de anti-depressivos e hipnóticos, situação nada positiva para a sociedade em geral. Outro dia ouvi o melhor médico especialista de Portugal, na Antena 1, a dizer que os anti-depressivos apenas devem ser tomados quando a pessoa está realmente depressiva, pois passando essa fase a medicação irá fazer o contrário, ou seja, provocando o estado depressivo na pessoa, gerando na mesma um pensamento de dependência da medicação.

     Em meu entender o surgimento de cada vez mais casos destes é fruto da sociedade actual, na qual todos parecem querer tudo a correr e ninguém tem paciência para esperar. A globalização informática, fruto do desenvolvimento global, criou vários problemas ao Ser humano, pois a nossa mente não está preparada para gerir tanta informação com a mesma rapidez de um computador, além de contribuir para a quase extinção das relações sociais entre os seres humanos, e gerando dependência, o que é ainda mais preocupante. Tudo isto acaba por gerar nas mentes, já algo confusas, mais perturbação, o que provoca doenças do foro psiquiátrico.

     Peço desculpa pelos 2 parágrafos anteriores, mas penso que seria útil partilhar com vocês aquela informação entes de começar a reflexão. Pessoalmente acho que a Depressão é uma não-aceitação do Passado, incerteza no Futuro que provoca instabilidade no Presente. Para podermos ultrapassar este problema devemos aceitar amorosamente o nosso passado, perdoar todos os que cruzaram o nosso caminho, pois quando se perdoa verdadeiramente, os sentimentos associados a essas pessoas desvanecesse. Quando observar o seu passado, foque o seu pensamento nas coisas boas e observe as menos boas apenas e só como aprendizagens. Despreocupe-se com o Futuro, porque Ele é amanhã e você vive hoje, no Presente. No Presente valorize quem o respeita e dê menos importância a quem o “ataca”, pois dar importância a essas pessoas e ao que dizem, é permitir que desestabilizem a nossa paz interior.

     Leve a vida de forma mais calma ou como diz o povo: “na desportiva”, concentrando a sua energia no Presente, no aqui e agora, e veja como consegue ser bem mais feliz consigo mesmo. Façam o favor de Ser Felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 15:00
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 12 de Maio de 2014

Porque estás triste?

Caríssimos,

     Cada ser humano é muito mais que aquilo que se vê, porque apenas vemos o plano físico do mesmo, mas é também composto pelo plano emocional, mental e espiritual. Por esse facto, ao longo dos tempos têm vindo a ser feitos estudos sobre o ser humano e muito há ainda para ser descoberto.

     Cada um de nós já passou certamente por momentos felizes e infelizes, sendo na generalidade mais frequentes os segundos que os primeiros. Há também um sem número de situações que nos podem causar sentimentos de tristeza, mágoa, solidão, angustia, enfim, tantas situações que nos podem “deitar abaixo”, baixar a nossa auto-estima, nos por de mau humor, nos fazem chorar, nos provocam ira e/ou outros sentimentos negativos. Todas essas situações fazem parte da nossa caminhada e aprendizagem, pois são testes à nossa inteligência emocional, testando a nossa capacidade de controlo das nossas emoções. Controlar as nossas emoções é um grande desafio o qual alguns de nós temos imensas dificuldades em alcançar esse objectivo no decorrer da vida. Em inúmeros casos a tristeza que se “abate” ou “apodera” de nós deriva da incapacidade que temos em controlar as nossas emoções, por isso tenho frisado a importância da nossa Inteligência Emocional (IE).

     Não me querendo alongar demasiado no texto, deixo-lhes algumas dicas para reflectirem de forma a poderem libertar esses sentimentos de tristeza que se instalaram dentro de si: Remova da sua mente a ideia de que os outros são como você, pois isso só lhe vai trazer decepções; Cada um exprime o amor à sua maneira, não espere ser retribuído da mesma forma; Evite criar expectativas para as coisas, aceite apenas com tranquilidade pois o que tiver de ser será; Faça sempre o que for melhor para si, sem desrespeitar o seu semelhante; Quando faz caridade de coração não espere reconhecimento, pois a ingratidão ainda esta dentro de muitas pessoas; Liberte-se de todo e qualquer apego a pessoas ou bens, assim libertar-se-á da maior fonte de sofrimento da Terra. Nada mais tenho a dizer por agora e se conseguirem aplicar as dicas que lhes referi verão o bem que se vão sentir interiormente. Muita paz e amor incondicional para todos.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 15:05
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
::: GUESTBOOK :::

.Procurar no Blog

 

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Lisboa, Loures, Porto, Odemira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: Partilhas de um Ser - APR
CURRENT MOON
------------------------------- REIsocialKI: Projecto Social em Prol do Semelhante

Divulga também a tua página -------------------------------

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: Caminho do Amor

. Ensinamentos em Poesia

. Hoje em Poesia

. Reflexão: A Humanidade…

. Reflexão: O Valor da Pala...

. Frases para Reflectir

. Os 5 Princípios do Reiki

. Reflexão: Aproveitamento…

. Reflexão: Depressão, uma ...

. O Karuna...

. Reflexão do dia…

. Auto-destruição Humana

. Cuidas de Ti?

. Reflexão: A Depressão...

. Porque estás triste?

. Escrever para quê?

. Sofrimento, dispenso

. Reflexão do dia

. Reflexão sobre “A imposiç...

. O Sofrimento

. Pas-Pes-Fut

. A essência do Perdão

. Reflexão: Eles andam aí…

. Reflexão: Espelhos da vid...

. Alerta: Cuidado

. Seja Luz e Amor...

. Reflexão: The power of Lo...

. A sensação dos Chakras

. Curso de Iniciação ao Rei...

. Reflexão: Aceitação

.Arquivos

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.subscrever feeds

.tags

. todas as tags

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31