.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Segunda-feira, 23 de Março de 2015

Reflexão: Impacto do Reiki na Sociedade…

Caríssimos,

     Cada Ser humano é único, com as suas virtudes e os seus defeitos, pois cada um à sua maneira procura a sua perfeição à sua maneira. Uma das missões que temos em comum é a de vivermos em sociedade, o que nos coloca diariamente à prova, principalmente as nossas emoções e sentimentos. Além do que acabei de escrever, somos também “bombardeados”, quase constantemente, por notícias de índole negativa, por parte dos meios de comunicação social, que também interferem bastante no nosso equilíbrio mental/psicológico. Mas na realidade aquilo que efectivamente pode fazer mais moça, ao ponto de nos deixar desorientados, é as relações inter-pessoais com os nossos semelhantes, pois além de nos poderem afectar psicologicamente, podem perturbar as nossas emoções. Conjuntamente devo salientar que todo o ser humano tem uma grande capacidade imaginativa, o que faz com que a nossa mente comece a promover histórias especulativas, que originam sentimentos menos positivos sobre o seu semelhante. Isso não é nada bom, pois pensamentos negativos sobre outra pessoa é como estar a enviar energia negativa sobre a mesma.

     Aquilo que lhes disse no parágrafo anterior certamente não é novo para si, mas penso ser necessário para um melhor entendimento do que se segue. O Reiki além de uma terapia, é uma filosofia de vida, desde que consiga aplicar no seu dia-a-dia os 5 princípios que lhe são ensinados quando se inicia no universo do Reiki. Através do Reiki aprende a canalizar a energia universal do Amor Incondicional, e sendo essa energia inteligente, irá provocar alterações dentro de si. Essas alterações são feitas principalmente no período da purificação interior, ou seja, nos 21 dias seguintes após a sintonização que o mestre lhe faz no dia do curso. Contudo, essas modificações continuam a ser feitas depois desse período, mas com uma menor intensidade. Através dessas alterações e também na mudança do nosso paradigma de pensamento, vamos conseguir alcançar o tão desejado equilíbrio interior, conseguindo assim ter um melhor controlo mental, bem como um melhor controlo sobre as nossas emoções/sentimentos. São sem dúvida, essas capacidades alcançadas com o Reiki, que nos dão uma maravilhosa ajuda no nosso equilíbrio e controlo, evitando assim dissabores e desentendimentos muitas vezes desnecessários, que apenas e só contribuem para o nosso mal-estar pessoal.

     Estas mudanças que se dão dentro de cada um de nós são fruto da elevação de consciência que cada um dos níveis nos provoca, pois, tal como em anteriores textos referi, por vezes nós somos os principais causadores dos nossos próprios problemas, chatices e aborrecimentos, entre outras coisas, pois permitimos que os outros interfiram no nosso equilíbrio, perturbando assim a nossa paz e bem-estar. Nunca se esqueça que você é a pessoa mais importante da sua vida e façam o favor de ser felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:10
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 15 de Maio de 2014

Reflexão: Pobreza...

Caríssimos,

     Regra geral quando se fala de pobreza, a nossa mente pensa logo nos sem-abrigo, pedintes, escravos e outro tipo de pessoas que vivem em condições bastante precárias, aquilo que se diz “abaixo do limiar da pobreza”. Sobre este tema muitas coisas poderia escrever, mas apenas pretendo abordar um ou dois aspectos do mesmo, aqueles que eu penso ser necessário esclarecer e que são muito pouco falados. Na maioria dos casos a pobreza de que se fala está ligada à falta de dinheiro, porque vivemos numa época “dominada” pelo consumismo, as aparências, a ganância, o ego, a vida social para mostrar, a inveja e tantas outras coisas que estão ligadas aos prazeres meramente terrestres.

     Em meu modesto entendimento, a maior das pobrezas é a de espírito. Um pobre de espírito, regra geral é uma pessoa que não respeita o seu semelhante, usando manhas e artimanhas na maioria dos casos em seu estrito benefício pessoal. Este tipo de atitude revela falta de princípios, educação, valores morais, e sobretudo de respeito sobre os outros e isso levanta-nos uma questão. Conhece alguém que não respeite os outros e se respeite a si mesmo? Eu não, pois todo aquele que vive unicamente como ser terrestre vive intensamente o plano material, procurando obter riqueza a qualquer custo, nem que seja desrespeitando e escravizando o seu semelhante, inclusivamente contra pessoas do mesmo sangue (familiares). Estes são sem dúvida seres de baixo nível que utilizam a força ou incutem o medo nos outros, para se sentirem superiores e assim encherem o seu ego. Pobres seres, pois apesar de terem uma vida economicamente estável, espiritualmente são pobres, são definidos como “espíritos inferiores” ou de “baixa densidade” escrito em textos de natureza espiritual.

     A pobreza espiritual não afecta apenas os seres que mencionei anteriormente, mas atinge seres de todas as camadas e estratos sociais, ou seja, afecta todos aqueles que pensam que a vida se resume apenas ao período entre a vida e a morte, aqueles que não acreditam na reencarnação (imortalidade da alma), aqueles que devido às atrocidades da vida guardaram dentro de si sentimentos de vingança (ódio, retaliação, rancor e muitos outros) entre vários outros que se enquadram nesta explicação.

Este tipo de pobreza (espiritual) pode ser passageiro ou definitivo, conforme a escolha que é feita através do livre arbítrio de cada um. Caso se tenha identificado nas palavras anteriormente ditas e pretenda libertar-se dessa “pobreza” deixo-lhe algumas dicas nas quais deverá reflectir um pouco:

  • Permita que a sua mente adquira novos conhecimentos, libertando-se assim de “velhas” querenças e dogmas e de uma certa rigidez mental;
  • Adore o verdadeiro Deus criador do universo e deixe de idolatrar o Deus dinheiro;
  • Organize o seu tempo de forma a poder ter tempo para si mesmo, trabalhando o seu interior.

     Várias outras coisas poderiam aqui ser descritas, mas não me pretendo alongar demasiado no texto porque cada caso é um caso e a melhor coisa é falar directamente com quem necessite de auxílio. Viva o amor, partilhando intensamente com o universo e sejam muito felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 14:22
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 16 de Abril de 2014

Desejos partilhados...

Publicado por Viktor às 12:29
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 7 de Fevereiro de 2014

Reflexão: Espelhos da vida…

Caros leitores,

     Ao longo da nossa caminhada, vamos construindo algumas coisas e destruindo outras, é o processo natural do desenvolvimento do ser humano. Conforme vamos tendo mais idade é natural que cada vez mais construímos e cada vez menos destruímos, segundo a natural lei e ordem da evolução da espécie. Mas na realidade a nossa vida é repleta de espelhos e até de simbologias associadas a espelhos, em várias décadas e pontos do globo. Veja-se neste pequeno texto extraído da edição on-line da Porto Editora:

“O espelho é um símbolo da pureza, da verdade e de sinceridade. Traduz o verdadeiro conteúdo dos corações dos homens e também o da sua consciência. O espelho é também um sinal de sabedoria, conhecimento e iluminação nas tradições orientais…

O espelho é utilizado no julgamento das almas dos mortos na tradição indo-budista. Nas lendas e histórias de fadas, os espelhos mágicos têm uma função adivinhatória de prever o futuro… A tradição dos espelhos mágicos é muito antiga e remonta muito provavelmente à antiga Pérsia. Dizia-se que Pitágoras sabia ver o futuro através dos espelhos. Na Ásia, os espelhos são utilizados nos rituais de feitiçaria para adivinhação, virando-os para o Sol ou para a Lua para ler o futuro. Na tradição hinduísta e budista, o espelho tanto é associado ao Kharma, à lei universal, como ao Dharma, a lei dos homens. No budismo praticado no Tibete, o espelho demonstra a verdade suprema e a inutilidade do mundo das formas, traduzindo a verdadeira natureza de Buda. Na tradição mitológica do Japão, o espelho espalha a luz divina sobre o mundo. Na Índia de tradição védica, o espelho assume todas as formas através de uma miragem proporcionada pela luz solar e exprime a sua natureza mutável e perene. O espelho é um símbolo solar, na medida em que reflete a inteligência suprema, mas também é um símbolo lunar, porque a lua funciona como um espelho da luz do Sol. Na China, para além de lunar e feminino, o espelho é o símbolo da rainha, da harmonia e da união conjugal. Platão comparava a alma a um espelho, no que foi seguido por alguns padres da Igreja. Entre os sufis do Islão, o espelho exprime o medo que os seres humanos têm de se conhecerem a si próprios. O termo especular, que resultou do latim speculum, começou por significar a observação do céu e dos movimentos dos astros com a ajuda de um espelho. Nos jardins árabes, os lagos eram comparados a espelhos.”

     Como podem verificar, a importância e utilidade dada aos espelhos difere de zona para zona ou de região para região. Mas na realidade a minha reflexão prende-se com outro tipo de espelhos, aqueles que deram origem à célebre expressão: “As costas dos outros são os nossos espelhos”. Sem dúvida que esta expressão é muito verdadeira, pois todos os seres humanos têm uma tendência inata para julgar e criticar o próximo, o que não passa de uma manobra psicológica, fazendo com que foquemos os pensamentos na “dita” pessoa. Aproveito para lhes relatar um caso que se passou comigo: Um certo dia, no meu local de trabalho estavam 2 pessoas no fundo do corredor a falar, sendo que uma delas estava a criticar (ou cortar na casaca) de outra pessoa e eu ia ouvindo a conversa até que passei junto dessas duas pessoas. Achando incorrecto aquilo que estavam a fazer parei (entretanto a pessoa que estava a falar calou-se) e eu disse a essa pessoa: “Nunca te ouvi falar tão bem de ti mesma. Parabéns pela tua coragem ao estares a partilhar os teus defeitos com outra pessoa”; A pessoa ficou estática a olhar para mim, despedi-me dizendo: “até logo” e segui o meu caminho. Enfim, o ser humano é mesmo assim, como manobra de defesa psicológica o ser humano aponta (além de ser feio apontar, quando o fazemos temos 3 dedos a apontar para nós) para outros com o receio de lhe “descobrirem a careca” pois todas as pessoas querem mostrar só as suas boas coisas, ocultando as menos boas que acabam por apontar aos outros. É difícil superarmos as coisas menos boas em nós, mas conseguimos se formos persistentes e acreditarmos que vamos conseguir. Na verdade por mais que tente esconder essas coisas, no dia da sua partida (morte) perante o seu “juízo final”, terá de enfrentar todas essas questões menos positivas que você tão bem conhece, que jamais poderá ocultar do Criador (Deus). Seja mais positivo, aceite-se como é com as suas virtudes e defeitos, e tente ajudar-se a si mesmo, deixando de andar por ai armado em Juiz e carrasco dos outros, porque isso já você o é, mas apenas e só de si mesmo. Assuma uma atitude mais positiva deixando de criticar negativamente, para passar a criticar de forma positiva e construtiva, e repare como vai mudar o mundo à sua volta. Termino deixando-os em paz, harmonia e com muito amor incondicional.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 16:28
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 29 de Janeiro de 2014

DIA MUNDIAL DOS ÍNDIGOS

Para assinalar este dia e de forma a compreenderem melhor estas crianças, que vieram para mudar o planeta.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 00:00
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 17 de Janeiro de 2014

Reflexão: As Missões das Almas

Caros leitores,

     Todo espírito certamente deseja progredir dando o seu contributo para a obra da solidariedade universal, recebendo dos espíritos mais elevados uma missão particular, adequada às suas aptidões e ao seu “estádio” evolutivo.

     Uns cumprem a tarefa de receber os espíritos no seu retorno à vida espiritual, guiá-los, ajudá-los a desprenderem-se dos fluidos espessos que os envolvem; outros têm a missão de consolar, instruindo as almas sofredoras e atrasadas. Espíritos de químicos, físicos, naturalistas, astrónomos, continuam as em suas pesquisas, estudam os mundos, as superfícies, as profundezas ocultas, atuam em todos os lugares sobre a matéria sutil, que fazem passar por preparações, modificações destinadas a obras que a imaginação humana teria dificuldades em imaginar.

     Os espíritos menos evoluídos auxiliam os primeiros nas suas tarefas variadas como auxiliares.

     Um grande número de espíritos se destina aos habitantes da Terra e dos outros planetas, estimulando-os nas suas pesquisas, fortalecendo os ânimos abatidos, guiando os hesitantes pelo caminho do dever. Aqueles que praticaram a medicina e possuem o segredo dos fluidos curativos, reparadores, ocupam-se mais especialmente dos doentes [Os casos de curas feitas pelos espíritos são muito numerosos e serão encontradas relações em toda a literatura espírita].

     A mais bela de todas as missões é a dos espíritos de luz. Vêm dos espaços celestes para trazer à humanidade os tesouros da sua ciência, da sua sabedoria, do seu amor. A sua tarefa é um sacrifício constante, porque o contato com os mundos materiais é penoso para eles; porém, encaram todos os sofrimentos por dedicação aos seus protegidos, com o objectivo de os assistir nas suas provas e enraizarem no coração deles grandes e generosas intuições.

     É justo atribuir-lhes esses clarões de inspiração que iluminam o pensamento, esses desafogos da alma, essa força moral que nos sustenta nas dificuldades da vida. Se tivessem a noção da quantidade de constrangimentos que esses nobres espíritos suportam e toleram para chegarem até nós, responderíam melhor às suas solicitações, fazendo esforços enérgicos para nos desligarmos de tudo o que é insignificante e impuro, unindo-nos a eles na comunhão divina.

     Nas horas e momentos de dificuldades, é para esses espíritos (guias), que os meus pensamentos e apelos se direccionam. Deles obtenho o apoio moral e as consolações supremas. Subi com muita dificuldade os atalhos da vida; a minha infância foi dura. Mais tarde, no meu trabalho, muitas vezes tropecei nas pedras do caminho; fui mordido pelas serpentes do ódio e da inveja. E agora na hora crepúsculo as sombras sobem e rodeiam-me; sinto as minhas forças abaterem-se e os meus órgãos a enfraquecerem. Mas nunca me faltou a ajuda dos meus amigos espirituais, nunca a minha voz os evocou em vão.

     Algumas vezes, no recolhimento do fim do dia ou no silêncio da noite, as suas vozes falam-me, embalam-me e confortam-me, entoando na minha solidão como uma melodia vaga.

     Posso-me esquecer das misérias humanas para me alegrar na esperança de um dia rever esses amigos, de me reunir com eles na luz, se Deus me julgar digno disso, com todos aqueles que amei e que, do seio do além, me ajudaram a percorrer mais uma caminhada terrestre.

     Toda a alma vem de Deus e retorna a Deus percorrendo o imenso ciclo dos seus destinos. Por mais baixo que tenha descido, mais cedo ou mais tarde, pela atração divina, sobe de novo para o infinito. E o que procura ela? O conhecimento mais perfeito do universo, a assimilação mais completa dos seus atributos: beleza, verdade, amor; ao mesmo tempo, uma libertação gradual das escravizações da matéria, uma colaboração crescente na obra eterna.

     Cada espírito, no espaço, tem a sua vocação e persegue-a com facilidades desconhecidas na Terra; cada um encontra o seu lugar nesse soberbo campo de ação, nesse vasto laboratório universal.

     Por todos os lados, tanto na amplidão como nos mundos, objetos de estudo e de trabalho, meios de elevação, de participação na obra divina, oferecem-se à alma laboriosa. Já não é o céu frio e vazio dos materialistas, nem mesmo o céu contemplativo e beato de certos crentes. É um universo vivo, animado, luminoso, repleto de seres inteligentes em constante de evolução.

     Quanto mais esses seres espirituais se elevam, mais a sua tarefa se acentua, mais importância passam a ter as suas missões. Um dia, alcançam um lugar entre as almas mensageiras que vão levar aos confins do tempo e do espaço as forças e as vontades da alma infinita.

     Para o espírito mais inferior, assim como para o mais importante, o domínio da vida não possui limites. Seja qual for a altura a que tenhamos chegado, há sempre um plano superior a ser alcançado, uma nova perfeição a ser concretizada.

      À medida que a alma se vai distanciando das esferas inferiores, onde reinam as influências pesadas, onde se agitam as vidas toscas, banais ou culpadas, as existências de lenta e penosa educação, a alma vai percebendo as altas manifestações da inteligência, da justiça, da bondade e a sua vida torna-se cada vez mais bela e divina. Os murmúrios confusos, os ruídos discordes dos centros humanos vão pouco a pouco enfraquecendo para ela, até que se extinguem por completo; ao mesmo tempo, começa a perceber os ecos harmoniosos das sociedades celestes. É o limiar das regiões felizes, onde reina uma eterna claridade, onde paira uma atmosfera de benevolência, serenidade e paz, onde todas as coisas saem perfeitas e puras das mãos de Deus.

     A diferença profunda que existe entre a vida terrestre e a vida do espaço reside no sentimento de libertação, de alívio, na liberdade absoluta que desfrutam os espíritos bons e puros.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 00:29
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 26 de Novembro de 2013

Apenas umas palavras… em poesia

Vivo aqui e agora,

Vivo feliz e contente,

Aprendi com o passado,

A estar bem no presente;

         Carregar as coisas do passado,

         Só lhe traz sofrimento,

         Com a mente conturbada,

         É difícil viver neste momento;

Por vezes sinto-me perdido,

Tenho dúvidas sobre o caminho a seguir,

Mas nunca perdi a esperança,

De continuar a evoluir;

         Quero-me conhecer melhor,

         Através do caminho da espiritualidade,

         Descobrir o meu interior,

         Conhecer-me na essência e na verdade;

Quanto mais procuro mais me baralho,

Não sei que caminho devo seguir,

Uns dizem umas coisas e outros outras,

Será que estão a mentir?

         A escolha é sempre sua,

         Só você sabe por onde quer seguir,

         Siga sempre a sua intuição,

         Que não lhe vai mentir;

Ouça sempre o que lhe dizem,

Mas não acredite em tudo cegamente,

Acredite apenas no que tem sentido,

E que entende conscientemente;

         O universo está em constante evolução,

         Nesse sentido devemos caminhar,

         Há quem tente dominar o mundo,

         Inventando para nos tentar travar;

Tentam-nos controlar através da mente,

Enchendo-nos de dogmas, mentiras e crenças,

Mas a morte chega a todos nós,

E nessa altura terão as suas sentenças;

         Não sei porque continuam a esconder,

         O que se passou na realidade e na verdade,

         Dessa forma só se condiciona,

         A evolução geral da humanidade;

O passado serve para aprender,

Passando por algumas duras provações,

Que causam uma profunda dor,

Deixando partidos os corações;

         Liberta-te do teu passado,

         Deixa esse lamento,

         Vive o momento presente,

         Feliz e com contentamento;

Queres ser feliz no presente,

Com paz e amor no coração,

Então dedica tempo a ti mesmo,

Diariamente através da meditação;

         Nada mais vos vou dizer,

         Nesta poesia de reflexão,

         Desejando-lhes tudo de bom,

         Com muita paz e amor no coração.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 08:51
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 4 de Setembro de 2013

Reflexão: Aceitação

Saudações, queridos.

     Hoje vou falar um pouco sobre o tema ACEITAÇÃO, pois é algo que faz parte de todos nós e que podemos dizer que é um “denominador comum” na nossa missão de vida. Aprender a Aceitar é algo que dá algum trabalho e tem de começar pela mudança de consciências, pois o Ser humano tem uma certa tendência, ao lidar com os outro, achar que Eles são como nós, e quando nos deparamos com as reacções às nossas acções ficamos admirados, porque nada têm a ver com o que tinha-mos em mente. Isso define-se como “expectativas”, mas o assunto da reflexão é outro, deixarei este para abordar outro dia. De facto, aprender a Aceitação requer uma prática diária, e para a qual eu lhes deixo umas dicas: Não crie expectativas sob a forma como a outra pessoa vai reagir; Ser claro no que diz mesmo assim pode levar a interpretações erradas das suas palavras; Não julgue o que os outros fazem, pois da mesma forma será julgado; Analise sempre em consciência o que lhe fazem e se discordar desvalorize; Evite fazer filmes acerca das atitudes dos outros, porque isso é mau para si mesmo, podendo chegar ao ponto de se tornar ansioso.

     Agora para de ler esta reflexão, volte atrás e leia novamente as dicas que lhe dei, de forma a ter consciência se alguma corresponde à sua pessoa e/ou às suas atitudes.

     Cada um de nós define o seu caminho e através dele tem as suas vivencias e aprendizagens, bem como vai adquirindo os seus conhecimentos ao longo do tempo. Essa aprendizagem é feita com todos aqueles que vão cruzando no nosso caminho em determinadas alturas, tal qual como nós cruzamos os caminhos dos outros, numa inter-actividade constante. Por isso devemos praticar a aceitação para com todos os seres vivos, independentemente de estarmos de acordo ou em desacordo, mas aceitando sem julgar vai-nos permitir estar em harmonia com o universo e em paz com os nossos semelhantes, que coabitam connosco neste planeta. Quando a aceitação estiver bem presente em nós, permite-nos uma maior harmonia com a nossa essência, além de prevenir problemas do foro mental que muitas vezes têm correspondência com os nossos órgãos corporais, e assim evitamos o surgimento de certo tipo de doenças, e também fortalecemos o nosso equilíbrio.

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: RFM
Publicado por Viktor às 16:46
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Pensamento, fonte co-criadora…

Caros leitores,

     Hoje vou fazer uma pequena reflexão sobre o Pensamento. O Pensamento é uma das ferramentas mais poderosas que o Ser humano tem. Ao longo de milénios a mente/cérebro (Pensamento) tem sido e continua a ser alvo de estudos, devido à sua complexa estrutura. A nossa mente, através do Pensamento tem uma enorme capacidade de co-criação mental, o que significa que através de pensamentos consecutivos sobre uma determinada situação estes acabam por materializar a “tal” situação que muitas vezes não queremos ou da qual fugimos.

     Sermos Seres com emoções e sentimentos cria-nos uma barreira acrescida para o “domínio” do Pensamento, pois este tem uma ligação íntima às emoções e aos sentimentos, o que nos dificulta o seu “controlo”. Além disso vivemos numa sociedade onde nascemos e vivemos a ouvir as pessoas a fazer juízos de valor sobre os outros, dar opiniões sobre a “vida alheia”, falar de terceiros entre muitas outras “atitudes” menos correctas. Esta “educação social” e a ideia que se tem de “é normal, toda gente é assim” são como chips que ficam implantados na nossa mente, que funcionam como difusores de energia negativa ao serviço das trevas. Esta energia negativa á idêntica à energia da inveja, pois ao termos alguma destas atitudes estamos a emanar energia negativa para a outra pessoa, energia essa que nos vai ser devolvida por parte do universo, pois o nosso pensamento tem um funcionamento energético tal qual uma antena emissora de rádio, emitindo ondas mais ou menos positivas consoante o nível do energético do pensamento. Poderia resumir isto que acabei de dizer numa célebre expressão redigida em inúmeros textos antigos: “A força do Verbo ou da Palavra”; Isto porque também todas as palavras que dizemos têm a sua correspondente “carga” energética que vai actuar directamente no receptor.

     Aquilo que acabei de dizer é uma barreira que a maioria das pessoas gostaria de ultrapassar, mas para que isso seja possível temos de estar constantemente vigilantes quanto aos nossos pensamentos promovendo os pensamentos positivos como “borracha” para os pensamentos menos próprios que possam surgir, podemos praticar meditação ou outras técnicas que aquietem a mente. Ao encontrar o amor dentro de si, descobrirá a energia positiva necessária, para “dominar” a sua mente e os seus pensamentos, porque o Amor é a energia mais poderosa do Universo.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 22:17
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 6 de Agosto de 2013

A missão… servir

     Cada Ser humano é único e vem à terra com uma determinada missão. Sedento de conhecimento e sabedoria, vive numa constante aprendizagem e aperfeiçoamento da sua essência. Independentemente dos moldes nos quais somos educados, da sociedade onde somos inseridos e de outros factores, o importante é acreditarmos em nós e não aceitarmos tudo de ânimo leve, do tipo “Maria vai com as outras”.

     Cada Ser tem as suas capacidades, dons e “limitações”, estando estas últimas associadas à religião, sociedade, política, educação e a todas as instituições e/ou órgãos que de certa forma, fazem a “manipulação” do Ser humano através da sua mente, gerando dogmas, crenças, opiniões e conceitos que são implantados na mente. Reparem no seguinte, uma mentira muitas vezes dita com grande convicção torna-se verdade, e assim a humanidade tem vivido ao longo de séculos, sob a crença e falsas verdades, que os governos secretos têm colocado em prática, para comandar a história do planeta. Por estas situações que referi e outras mais é que a humanidade parece viver numa hipnose colectiva, à qual se habituaram de tal forma que dela não pretendem sair, concentrando-se no seu Ser, na sua essência, no seu verdadeiro lado divino.

     Depois desta pequena introdução vou falar um pouco da missão que abracei nesta vida, tal como outrora já tinha feito noutras vidas e que se define numa simples palavra: servir. Desde tenra idade sempre fui uma pessoa de causas, do voluntariado, do associativismo e da ajuda ao próximo, tentando sempre ajudar o meu semelhante, proporcionando-lhes aquilo que nunca tive. É uma missão que nem sempre é fácil, pois tal como qualquer Ser humano, necessito de trabalhar para sobreviver, e conjugar as coisas é uma tarefa com um certo grau de dificuldade. Muitas vezes, ao longo desta missão, somos mal interpretados pelos nossos semelhantes, pois hoje em dia ninguém dá nada a ninguém, e os Seres humanos são muito desconfiados, por isso nos apontam “segundas intenções” quando na realidade estamos a praticar um gesto de amor incondicional, compaixão e solidariedade. Esse tipo de interpretação errada deve-se ao facto de grande parte da humanidade ter imensas dificuldades em tirar “prazer” do acto de praticar o bem, mas já Jesus Cristo dizia: “Aquilo que aos outros fizeres a ti mesmo o estará a fazer”. Ao longo desta caminhada várias foram as pessoas que cruzaram o meu caminho, que procuraram para as ajudar (consulta) ou para lhes ensinar (curso) e assim poderem ter uma vida um pouco melhor, para verem a vida sob outra perspectiva, na procura de um esclarecimento para acontecimentos da sua vida quotidiana, para aprenderem a auto-ajudarem-se ou apenas à procura de uma terapia de relaxamento profundo. Gostaria de um dia poder abraçar esta causa a 100%, podendo assim ter uma vida de ainda mais dedicação ao meu semelhante, cuja contrapartida seria ver as pessoas bem e felizes, porque eu sou feliz assim.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 16:01
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 29 de Julho de 2013

O que somos?

     Todo o universo é constituído por energia, fonte de vida para todos os seres vivos que coabitam à face da terra. Sem energia a terra não girava, o vento não soprava, nem sequer havia vida no universo e o mesmo era como se fosse uma tela com uma imagem estática. Tudo no universo é composto por energia e necessita da mesma para se manter neste plano, veja-se o que acontece ao ser humano quando perde toda a sua energia? Como diz o povo: “vai desta para melhor”, ou seja, chegou a hora da sua partida para o plano espiritual, a sua morte na Terra.

     O parágrafo anterior serve de introdução ao texto que se segue. Todo o Ser humano é composto por 4 níveis ou planos [físico, emocional, mental e espiritual] os quais se encontram intimamente ligados. Essa ligação é unicamente energética que funciona mediante impulsos que muitas vezes se reflectem fisicamente em sintomas ou dores que surgem, sem motivo aparente para o comum dos mortais. Isto para os alertar que devemos zelar constantemente os nossos pensamentos, pois a energia por eles emanada pode-nos provocar danos no plano físico (corpo), porque nós somos sem dúvida seres energéticos. Assim sendo devemos de estar sempre atentos, no que diz respeito às energias corporais, bem como a dores corporais, pois a dor não é apenas um “mau estar” é também um diálogo ou alerta para nós mesmos, porque o nosso corpo fala connosco através da linguagem corporal, à qual devemos dar a devida atenção. Quero com isto dizer-lhes que cada um de nós deve ser o principal interessado em promover o seu bem-estar e equilíbrio energético, em prol da sua paz e harmonia interior, mas a sua mente está certamente a questionar-se de como fazer isso, certo?

     Há várias coisas que podem fazer e promover em prol do vosso bem-estar tais como caminhadas, meditação e alguns exercícios respiratórios. Relativamente à meditação, recomendo-lhe que comece por meditações guiadas para “orientação” e quando já se sentir à vontade então comece a meditar sozinho. Pode fazer caminhadas pelo campo, à beira rio ou à beira mar, apreciando a beleza das paisagens naturais em plena harmonia com a natureza. Além destas práticas, há outras coisas que podem aprender, mas isso já exige que participe numa formação, tais como Reiki, Karuna, Tai-Chi e outras técnicas, onde lhes é dado a conhecer o funcionamento das energias corporais, irá aprender os vários sistemas de energias universais e também irá a aprender a utiliza-las em seu benefício e daqueles que o rodeiam. É sem dúvida um conhecimento valioso, uma grande mais-valia que vai mudar muito positivamente a nossa vida, forma de estar e de encarar o universo. Valorize-se e dê uma oportunidade a si mesmo e verá que uma auto aplicação por dia nem sabe o bem que lhe fazia.

Desejo-lhes tudo de bom.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:00
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 24 de Julho de 2013

Vagueando…

Caros leitores,

     Cada Ser Humano vem à Terra com um determinado propósito de vida, mas assim que chega vê-se aprisionado e condicionado. Muito se fala e se diz sobre “livre arbítrio” mas na realidade todos os seres humanos estão sempre, de certa forma, condicionados a padrões morais, leis, religiões e sociedades, o que em parte nos condiciona na utilização da totalidade do nosso livre arbítrio. É natural que cada Ser humano queira o melhor para si e para aqueles que o rodeiam, pois em meu entender apenas pessoas com perturbações do foro psicológico é que desejam o seu próprio mal. Quantas vezes o ser humano faz coisas apenas para agradar os outros? Quantas vezes nos subjugamos a determinadas situações e/ou comportamentos? Quantas vezes são “obrigados” a fazer coisas sem que sejam de nossa livre vontade? Quantas vezes têm de ficar calados “impedidos” de manifestar a nossa opinião? Estas e muitas outras perguntas lhes poderiam fazer, mas por agora bastam estas para entenderem o que lhes pretendo dizer.

     Nada acontece por acaso e se está a ler esta reflexão é porque de certa forma contém contém uma mensagem para si. Quantas pessoas têm uma vida que não é a que pretendiam? Quantas vezes já se sentiu “impotente” e/ou “sufocado” sem vislumbrar uma saída? Estas são questões que nos fazem pensar e reflectir, e é isso que neste momento quero que façam. Na verdade, muitas destas coisas acontecem porque nos preocupamos com o que os outros pensam de nós, em agir de acordo com os padrões sociais e familiares, entre muitas outras coisas, relegando-nos a nós mesmos para o papel de personagem secundária, quando na verdade deveríamos ser a personagem principal no “teatro” da nossa vida.

     A maioria destas coisas que mencionei, acontecem porque frequentemente nos esquecemos da pessoa mais importante na nossa vida, DE NÓS. O amor e compaixão que manifesta pelos outros, tenha-o por si; A felicidade que procura nos outros tem de a encontrar dentro de si; O valor que atribui aos outros, atribua-o a si; Repara e vê as virtudes dos outros, veja as suas; Acredite em si, porque a felicidade, o amor, o bem-estar e muitas outras coisas começam por SI. Tudo aquilo que chama de obstáculos são aprendizagens e todas se conseguem superar, com maior ou menor dificuldade e nunca se esqueça que NADA É IMPOSSÍVEL. Liberte-se dessas palavras que condicionam a mente, pense positivo concentrando-se em si mesmo, pois você é dono e senhor do seu mundo que interage com o mundo exterior, por isso a mudança começa por SI, porque quando conseguir mudar o SEU mundo, o mundo à sua volta também mudará. Para tornar isto possível, o Reiki dá uma preciosa ajuda, pois vai provocar mudanças no nosso interior, para que fiquemos mais próximos da nossa verdadeira essência. Seja paz, harmonia, compaixão e amor.

Desejo-lhes tudo de bom.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 14:18
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 18 de Julho de 2013

Fácil vs Difícil

Falar é completamente fácil quando se tem em mente as palavras que expressam a nossa opinião, o difícil é expressar por gestos e atitudes o que realmente queremos dizer....

     Fácil é sair com varias pessoas ao longo da vida, difícil é entender que pouquíssimas delas te vão aceitar como és e fazer-te completamente feliz...

     Fácil é ser colega, fazer companhia a alguém, dizer o que ela deseja ouvir. Difícil é ser sempre amigo e dizer sempre a verdade quando for preciso...

     Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre ela. Difícil é viver essa situação e saber o que fazer...

     Fácil é mentir ao vento o que tentamos esconder. Difícil é mentir ao nosso coração...

     Fácil é ver o que queremos ver. Difícil é saber que nos iludimos com o que achavamos ter visto...

    Fácil é dizer "olá" ou "tás bem?". Difícil é dizer "adeus" principalmente quando somos culpados pela partida de alguém da nossa vida...

     Fácil é perguntar o que queres saber. Difícil é estar preparado para ouvir a resposta....

     Fácil é chorar ou sorrir quando temos vontade. Difícil é sorrir com vontade de chorar ou chorar com vontade de sorrir...

     Fácil é beijar, difícil é entregar a alma.

     Fácil é ditar regras, difícil é segui-las.

     Fácil é sonhar todas as noites, difícil é lutar por um sonho.

     Fácil é exibires a tua vitória a todos, difícil é assumires a tua derrota com dignidade..

     Fácil é viver o presente, difícil é esquecer o passado.

     Fácil é tropeçar numa pedra, difícil é levantar duma queda.

     Fácil é desfrutar a vida de cada dia, difícil é dar-lhe o verdadeiro valor.

    Fácil é abraçar, apertar as mãos, beijar de olhos fechados, difícil é sentir a energia que é transmitida, aquela que toma conta do corpo como uma corrente eléctrica quando tocamos a pessoa certa...

     Fácil é julgar pessoas que estão a ser expostas pelas circunstâncias, difícil é encontrar e reflectir sobre os seus erros, ou tentar fazer diferente algo que já fez errado!

     Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado, difícil é expressar o teu amor a alguém que realmente te conhece, respeita e entende.

Eterno é tudo aquilo que dura a fracção de segundo, mas com tanta intensidade que se petrifica e nenhuma força pode destruir.... Há muitas coisas fáceis, difícil é conseguir as que são difíceis...

Autor desconhecido

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 20:38
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 15 de Julho de 2013

A maravilhosa ferramenta para praticarem: PERDÃO

Publicado por Viktor às 11:59
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 5 de Fevereiro de 2013

Palavras Soltas

     Apetece-me escrever não sei o quê, algo mais ou menos profundo, com a intensidade e o significado que cada um lhe quiser atribuir. Por vezes escrevo frases soltas, outras vezes um simples parágrafo e noutras textos completos.

     Do muito que se pode escrever, por vezes fico com a sensação que quase nada escrevi. Cada palavra vale aquilo que vale, e quando encadeadas numa deterninada sequência formam ideias, conceitos, mensagens ou simples expressões daquilo que nos vai na alma naquele momento.

     Escrevo partilhando um pouco de mim, para uns não é nada, mas para outros pode significar algo. Em momentos diferentes vislumbramos cenários e personagens diferentes, mas com situações tão semelhantes que nos levam à conclusão de que todos temos de passar por experiências idênticas.

     Por vezes sentimo-nos fortes, repletos de energia, cheios de amor, impregnados de luz e tantas outras coisas que nos fazem sentir bem. Nesses momentos sorrimos, brincamos, dançamos, cantamos, é como se o mundo parasse è nossa volta, mas esses momentos parecem ser tão pequenos. Nesses dias o dia tem 24h tal como nos outros, aquilo que chamamos de “estado de espírito” é que está diferente e assim o tempo parece que passa mais depressa.

     Quantas vezes nos sentimos completamente sós, nos deixamos abater por atitudes incompreendidas, palavras negativas, acusações sem fundamento ou gestos menos próprios? Tantas, quantas as vezes que damos demasiada importância à situação ou até mesmo à pessoa que nos tentou “ferir”. Isto acontece porque desde tenra idade apenas nos ensinaram a pensar, não a comandar e domesticar a nossa mente. Em verdade lhes digo que o dia que conseguirem dominar a vossa mente (pensamentos) serão os vossos próprios mestres e podem assim viver mais em paz e harmonia com o universo. Vivam na Paz e no Amor e ai serão Felizes.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 00:40
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
::: GUESTBOOK :::

.Procurar no Blog

 

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Lisboa, Loures, Porto, Odemira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: Partilhas de um Ser - APR
CURRENT MOON
------------------------------- REIsocialKI: Projecto Social em Prol do Semelhante

Divulga também a tua página -------------------------------

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: Impacto do Reik...

. Reflexão: Pobreza...

. Desejos partilhados...

. Reflexão: Espelhos da vid...

. DIA MUNDIAL DOS ÍNDIGOS

. Reflexão: As Missões das ...

. Apenas umas palavras… em ...

. Reflexão: Aceitação

. Pensamento, fonte co-cria...

. A missão… servir

. O que somos?

. Vagueando…

. Fácil vs Difícil

. A maravilhosa ferramenta ...

. Palavras Soltas

. Lançado o Livro “Partilha...

. Atitudes...

. Reflexão...

. O “Não”…

. Caminho da Luz...

. Baile de Máscaras…

. Amor...

. Natal...

. A Nossa Responsabilidade…

. Perdidos… Sós… Tresmalhad...

. Aura Física

. Reiki? Porquê?

. Mensagem de Páscoa

. Vozes do Espírito

. Mensagem de Metatron

.Arquivos

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.subscrever feeds

.tags

. todas as tags

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31