.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Quinta-feira, 4 de Dezembro de 2014

Reflexão: O Materialismo e o Ser

Caríssimos,

     O nosso planeta é composto por inúmeros Seres vivos de várias raças, cores e espécies, mas esta reflexão tem a ver mais propriamente com o Ser Humano. Ao longo do tempo tenho conhecido imensas pessoas, todas elas diferentes, cada uma com as suas virtudes e seus defeitos, tal como eu mesmo. Há aquelas pessoas que se cruzam na nossa vida por acaso, outras por força das circunstâncias e por outras coisas mais, mas na verdade tenho consciência que todos os Seres que cruzam o meu caminho, são “fruto” da vibração energética que tenho “naquele” momento. Todos esses seres “trazem” algum conhecimento ou provação pela qual tenho de passar, para que eu possa ter consciência da minha “evolução” enquanto Ser Espiritual a viver uma experiência terrestre. Desculpem este pequeno parágrafo, mas interpretem como uma introdução à reflexão que se segue.

     Através de conversas que vou tendo, das frases escritas que leio e das notícias que ouço, constato que o Ser Humano continua muito agarrado aos bens materiais. Certo dia, um Ser conhecido (que agora não me recordo) disse uma frase que se tornou iria perpetuar no tempo: “A religião é o ópio do povo”; Em meu entender está correcto pois referia-se ao Deus Criador do Universo, mas na verdade a fé da maioria das pessoas tem venerado deus e não Deus. Talvez não tenha compreendido o que acabei de dizer, mas vou dizer por outras palavras, a maioria dos Seres venera o “deus dinheiro” em detrimento do verdadeiro “Deus Criador”. Mais uma vez acabei por divagar um pouco, mas vou agora abordar o tema em causa.

     O Ser humano, na sua generalidade, continua a viver em função do Ter relegando para último plano o Ser. Ao longo dos tempos outros, tal como eu agora, tentam elucidá-los que essa não é a melhor forma de viver nem de aproveitarem da melhor forma esta vida. A maioria das pessoas vive constantemente preocupada com o Ter (dinheiro, bens materiais, etc.) e acabam por provocar stress a si mesmas devido ao número de coisas que devem fazer (porque se meteram nessas coisas?), dão cabo da saúde para ganhar mais uns tostões, ocupam a sua mente com preocupações desnecessárias porque dão importância a mais às coisas, criam irritações e aborrecimentos porque valorizam demais as outras pessoas e, no final de todas estas coisas chega-se à conclusão que se esqueceram do mais importante, que são eles mesmos. Sim, cada Ser é a pessoa mais importante da sua vida, não se esqueça disto. Nem os filhos, marido, família ou amigos devem ser mais importantes para nós do que nós mesmos, porque se não se amar, dificilmente os outros nos amam. A generalidade dos seres deixam-se levar pelas tendências tentações “perversas” desta sociedade de consumo, na qual o bem-estar de uns é alcançado através da escravatura de outros, o que é uma injustiça. O Materialismo é um dos maiores “virús” da sociedade, e sabem porquê? Porque o materialista cria Apego às coisas, e o Apego é a maior fonte de sofrimento na Terra. [Pare e pense um pouco sobre o que acabou de ler]

     Como certamente concluiu, esse Apego que nós próprios criamos futuramente vai acabar em sofrimento, quer seja apego a bens materiais, animais, pessoas ou ideias. A generalidade dos Seres gosta muito de apontar o dedo aos outros, mas reparem bem que muitas vezes somos nós mesmos os causadores do nosso mal-estar, já pensaram nisso? Bem, por agora nada mais irei escrever, pois penso que o que leram é um bom tónico para reflectirem um pouco sobre vocês mesmos, sobre a essência do Ser, libertando-se um pouco do Ter, o que acha? Despeço-me pedindo desculpa por tão longo texto, mas agradeço a sua leitura e desejo-lhes tudo de bom, esperando tê-los ajudado de certa forma e façam o favor de ser Felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 19:00
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 4 de Novembro de 2014

Reflexão: A Humanidade

 

193658_194669700573735_100000921206654_516480_7199

Caríssimos,

     Antes de mais desejo-lhe paz nos vossos corações, nesta época em que a humanidade está dividida entre amarguras e alegrias, o que faz com que o trabalho dos servidores da luz se torne ainda mais necessário. O Ser humano deve entender que atrás do que dizem ser a realidade quotidiana, há um propósito maior, que é a transformação de cada um de vós rumo a um novo mundo. Essa transformação só será possível através da transformação interior de cada Ser humano, que habita neste planeta.

     Um dos aspectos que já deveriam ter entendido é que, a sua realidade externa espelha o que está dentro de si, mas parece que este alerta que lhes tenho feito ainda não foram bem assimilados, mas voltarei a repetir as vezes que forem necessárias. Isso acontece porque muitas vezes dão atenção ao que pouco interessa em detrimento de aquilo que realmente interessa. O Ser humano julga através do “ego inferior” que o engana constantemente, sendo esta a visão do que actualmente se passa com a humanidade.

     Seja flexível e abra a sua mente, permitindo que novos conhecimentos possam entrar, pois é importantíssimo para a sua evolução espiritual. Entenda que é bastante importante mudar as suas crenças, emoções, valores, pensamentos, atitudes e sentimentos, o que resulta numa mudança da sua forma de vida enquanto Ser humano. Estas alterações permitem-lhe fazer a transposição do plano material para o plano espiritual. Libertem-se dessa prisão, pois os vossos pensamentos ainda estão amarrados às antigas crenças, impedindo-o de prosseguir na sua caminhada. Enquanto a humanidade viver dividida, onde os sentimentos de ódio, discórdia e falta de respeito mútua coexistir, a humanidade encontra-se “presa” aos velhos paradigmas da Terra, e da vida na dualidade que já se encontra ultrapassada.

     Recordo-os que no planeta, há muitos seres entre vós, que lhes estão a tentar ensinar a encontrar o caminho da paz e do amor, porque dentro da dualidade existem as coisas mais negativas e a inexistência de amor.

     Aquilo que podemos observar na Terra como instrumentos de gestão global, não fazem parte das dimensões superiores que tantos almejam alcançar, pois continuam sob o véu da ilusão. O conflito é algo que desgasta as energias de todos os intervenientes, logo é algo que nesta Nova Era devemos evitar. Longe do que gostariam de ser, espera-lhes um grande trabalho de transformação interior de cada um de vós.

     Entendam que a liberdade do Ser reside no aspecto “Importância”, logo quanto menos importância der às coisas mais densas, mais abertos ficam para a vida espiritual que lhes vai permitir ver o mundo com outros olhos. Para alcançar este objectivo devem exercer a prática do Amor em união uns com os outros e todos no mesmo sentido, fazendo com que o objectivo seja comum a todos, mas isto só se alcança libertando-se do ego inferior e vivendo em humildade, através da energia amorosa do Amor Incondicional.

     Observar apenas o que se passa no mundo físico provoca uma cegueira espiritual. Enquanto os Seres escolhem a religião, eu escolho a luz; enquanto os Seres se focam numa parte, eu observo o todo; Assim consigo, e vocês também, trabalhar na unidade (Uno) e não na dualidade (partes). Tudo tem um Propósito Maior, mesmo que vá para lá da nossa compreensão mental.

     O universo da dualidade cada vez nos consome mais as nossas energias, logo para nossa própria protecção devemos adoptar novas formas de estar e novos métodos de agir, impedindo que aqueles que se “alimentam” das nossas energias nos provoquem medos, receios, angustias, guerras, em suma, mal-estar generalizado. O Ser humano continua à espera de um Salvador, tal como foi acontecendo ao longo da história, mas isso é um enorme erro, pois ninguém o poderá salvar a não ser você mesmo. Esperar sempre que sejam os outros, é tornarem-se dependentes dessas pessoas e dos outros, o que faz com que condicionem o seu próprio livre-arbitrio (por favor não se aprisione). Mantenha sempre a sua auto-estima elevada, porque no dia em que a perder tornar-se-á escravo do planeta, principalmente daqueles que o rodeiam, pois esperam por alguém que os salve, o que certamente não irá acontecer, pois a salvação reside dentro de si.

     Ao longo do tempo tenho-os alertado para diversas situações e para o que realmente se passa, pois parece que teimam em não querer ver aquilo que está mesmo à vista. Não sou mais do que ninguém, sou apenas um Ser (com as suas virtudes e defeitos) que vai partilhando com vocês o seu conhecimento e as suas experiências, para que possa contribuir para um mundo melhor para todos, no qual reine a Paz e o Amor Incondicional com um profundo sentimento de Compaixão. Sejam felizes, sejam Luz, sejam Amor.

NAMASTÊ

 

Publicado por Viktor às 11:33
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 26 de Agosto de 2014

M&A: Uma combinação explosiva…

Caríssimos,

     Para que possam entender melhor a reflexão que segue, desde já lhes digo que M&A quer dizer: “Materialismo e Apego”. Se apenas e só uma delas é má, quanto mais as duas em conjunto, isso sim resulta numa combinação completamente explosiva que pode destruir um Ser humano. Infelizmente a auto-destruição que o Ser humano provoca a si mesmo, exerce uma reacção em cadeia que afecta aqueles que estão mais juntos dele (família e amigos).

     Ser Materialista é querer ter cada vez mais coisas, nunca estando satisfeito com o que tem. São pessoas do tipo: “Se aquele tem eu também tenho de ter”; entre outro tipo de afirmações. Este tipo de pessoas muitas vezes acabam também, ainda que já tenham muitas coisas, emanar energia de Inveja para cima de outras pessoas que tenham coisas que eles não têm. Enfim, esta parece ser a mentalidade da sociedade em geral, mas depois como se não bastasse o “querer”, ainda querem as coisas “topo de gama” que são mais caras. Mas será que as coisas mais simples não são suficientes? Porquê essa ganância em viver do “ter”?

É claro que, depois do que acabei de dizer é fácil entender que os Materialistas têm Apego às coisas, certo?

     Tal como já lhes tinha dito noutros textos, o Apego é a maior fonte de sofrimento do Ser Humano, seja apego a bens materiais, a pessoas, a ideias, ou a outras coisas. Claro é que quando uma pessoa perde alguma coisa à qual tem muito Apego sofre quando a perde, mas não irei falar mais sobre este tema agora.

     No ocidente, mediante as “regras” impostas pelas sociedades, todos os seres humanos são educados valorizando os bens materiais, o que faz com que as pessoas gerem dentro de si mesmas a vontade de obter riqueza, custe o que custar. Esse tipo de “informação errada” que é colocada na mente das pessoas, faz com que muitos façam o que for preciso para alcançar poder e riqueza. Por causa disso surge a corrupção, compadrios, máfia, vinganças, favores e tantas outras coisas mais, através das quais o ser humano desrespeita o seu semelhante, afastando-se assim da simplicidade e humildade do Ser, na sua mais pura criação, na qual age sempre com Amor Incondicional.

     Certamente sabem que a vida é muito mais do que aquilo que apenas temos aqui no planeta Terra, certo? Sabes que depois desta vida regressarás ao plano espiritual, certo? Se em ambas as perguntas a tua resposta for positiva, do que está à espera para mudar? Liberte-se do Materialismo e do Apego, pois quando chegar o momento da sua partida, tudo ficará na Terra, incluindo o seu corpo, que foi concebido também neste planeta. Seja simples e humilde, e verá como a felicidade vai envolver o seu ser, podendo-a partilhar com quem o rodeia. Lembre-se sempre que as pessoas não se compram, conquistam-se através do amor e da humildade.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 00:57
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 8 de Julho de 2014

Reflexão do dia…

Caríssimos,

     Aquilo que define como “fase de transição planetária” é um fenómeno que se dá à escala global e que afecta todos os seres que habitam o planeta, sem excepção. A cada dia que passa mais pessoas sofrem de problemas do foro mental, problemas esses que para a indústria farmacêutica resultam em cada vez mais lucros e benefícios.

     E se um dia eu lhe disser que você é o maior responsável pelos seus problemas de saúde mental, o que diria?    [pense um pouco antes de continuar a ler]

     Desde sempre o Ser humano sempre quis deter o “poder”, numa competição constante entre seres, gerações, povos, países e continentes. Nesta “guerra” começou por usar as “armas” mais rudimentares até às mais evoluídas, mas o uso da força começou a ser condenado pelos povos. Isso fez com que, aquelas “sociedades secretas” que pretendem alcançar poder a “qualquer custo”, se vissem “obrigadas” a utilizar outras técnicas para “controlar” as populações. A partir desse momento a comunicação social passou a desempenhar um papel fundamental, principalmente quando a mesma é controlada por órgãos governamentais, fazendo com que toda a informação tenha de passar pelo crivo da censura.

     É assim que ao longo dos tempos as “sociedades secretas” têm comandado os destinos da humanidade, através do conhecimento global que vão colocando ao dispor da generalidade da sociedade. Dessa forma vão “manipulando” a opinião pública sobre os mais variados assuntos, fazendo também com que a maioria das pessoas se tenha tornado “dependentes” dessa informação facultada. Estas e outras coisas que, ao longo do tempo, tenho descrito nos meus textos, são manobras psicológicas com o intuito de “controlar” a mente humana, no que diz respeito a opiniões e atitudes, tal como acontece na chamada “guerra santa” entre muitas outras coisas. Reparem no seguinte, já foram descobertas curas de doenças “incuráveis” mas porque é que essa informação foi “abafada”? Porque é que ao longo dos tempos a verdade tem sido ocultada da maioria dos seres? [pense um pouco sobre estas questões]

     Todos estes factores têm contribuído para a instabilidade mental da generalidade da humanidade, funcionando psicologicamente como software que se instala na nossa mente, obstruindo o pensamento livre do ser humano. Se compararmos a nossa mente a um disco de computador, todas as falsas crenças, dogmas, mentiras, ilusões e todas as ideias negativas são software malicioso (vírus, cavalos de Tróia, malware). Todas estas coisas e muitas outras têm influência no nosso plano físico, pois este é comandado pelo nosso plano mental, o qual contém “a tal” informação (que frisei anteriormente), as nossas convicções, ideais, dogmas, fé, crenças e todos os outros pensamentos mais ou menos positivos.

     Vamos ser livres libertando-nos dessas amarras mentais, pois parece que a humanidade anda adormecida, num estado de hipnose colectiva. Dê importância a quem deve de dar (assim evita sofrimentos desnecessários), preencha-se de amor (eu amo-me e tu?), transmita esse amor (a todos os que o rodeiam), liberte-se dos apegos (maior fonte de sofrimento na Terra), pratique a caridade (ajudar outro é ajudar-se a si mesmo), seja gentil com os outros (respeite e trate o seu semelhante da mesma maneira que gostaria de ser tratado), procure a verdade dos factos e tire você mesmo as suas conclusões das coisas (não seja do tipo: “Maria vai com as outras”), aceite os outros como são (nem sempre é fácil, mas se for muito difícil ignore), seja feliz e assim poderá fazer felizes os outros.

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz...
Publicado por Viktor às 14:37
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 12 de Maio de 2014

Porque estás triste?

Caríssimos,

     Cada ser humano é muito mais que aquilo que se vê, porque apenas vemos o plano físico do mesmo, mas é também composto pelo plano emocional, mental e espiritual. Por esse facto, ao longo dos tempos têm vindo a ser feitos estudos sobre o ser humano e muito há ainda para ser descoberto.

     Cada um de nós já passou certamente por momentos felizes e infelizes, sendo na generalidade mais frequentes os segundos que os primeiros. Há também um sem número de situações que nos podem causar sentimentos de tristeza, mágoa, solidão, angustia, enfim, tantas situações que nos podem “deitar abaixo”, baixar a nossa auto-estima, nos por de mau humor, nos fazem chorar, nos provocam ira e/ou outros sentimentos negativos. Todas essas situações fazem parte da nossa caminhada e aprendizagem, pois são testes à nossa inteligência emocional, testando a nossa capacidade de controlo das nossas emoções. Controlar as nossas emoções é um grande desafio o qual alguns de nós temos imensas dificuldades em alcançar esse objectivo no decorrer da vida. Em inúmeros casos a tristeza que se “abate” ou “apodera” de nós deriva da incapacidade que temos em controlar as nossas emoções, por isso tenho frisado a importância da nossa Inteligência Emocional (IE).

     Não me querendo alongar demasiado no texto, deixo-lhes algumas dicas para reflectirem de forma a poderem libertar esses sentimentos de tristeza que se instalaram dentro de si: Remova da sua mente a ideia de que os outros são como você, pois isso só lhe vai trazer decepções; Cada um exprime o amor à sua maneira, não espere ser retribuído da mesma forma; Evite criar expectativas para as coisas, aceite apenas com tranquilidade pois o que tiver de ser será; Faça sempre o que for melhor para si, sem desrespeitar o seu semelhante; Quando faz caridade de coração não espere reconhecimento, pois a ingratidão ainda esta dentro de muitas pessoas; Liberte-se de todo e qualquer apego a pessoas ou bens, assim libertar-se-á da maior fonte de sofrimento da Terra. Nada mais tenho a dizer por agora e se conseguirem aplicar as dicas que lhes referi verão o bem que se vão sentir interiormente. Muita paz e amor incondicional para todos.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 15:05
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 4 de Setembro de 2013

Reflexão: Aceitação

Saudações, queridos.

     Hoje vou falar um pouco sobre o tema ACEITAÇÃO, pois é algo que faz parte de todos nós e que podemos dizer que é um “denominador comum” na nossa missão de vida. Aprender a Aceitar é algo que dá algum trabalho e tem de começar pela mudança de consciências, pois o Ser humano tem uma certa tendência, ao lidar com os outro, achar que Eles são como nós, e quando nos deparamos com as reacções às nossas acções ficamos admirados, porque nada têm a ver com o que tinha-mos em mente. Isso define-se como “expectativas”, mas o assunto da reflexão é outro, deixarei este para abordar outro dia. De facto, aprender a Aceitação requer uma prática diária, e para a qual eu lhes deixo umas dicas: Não crie expectativas sob a forma como a outra pessoa vai reagir; Ser claro no que diz mesmo assim pode levar a interpretações erradas das suas palavras; Não julgue o que os outros fazem, pois da mesma forma será julgado; Analise sempre em consciência o que lhe fazem e se discordar desvalorize; Evite fazer filmes acerca das atitudes dos outros, porque isso é mau para si mesmo, podendo chegar ao ponto de se tornar ansioso.

     Agora para de ler esta reflexão, volte atrás e leia novamente as dicas que lhe dei, de forma a ter consciência se alguma corresponde à sua pessoa e/ou às suas atitudes.

     Cada um de nós define o seu caminho e através dele tem as suas vivencias e aprendizagens, bem como vai adquirindo os seus conhecimentos ao longo do tempo. Essa aprendizagem é feita com todos aqueles que vão cruzando no nosso caminho em determinadas alturas, tal qual como nós cruzamos os caminhos dos outros, numa inter-actividade constante. Por isso devemos praticar a aceitação para com todos os seres vivos, independentemente de estarmos de acordo ou em desacordo, mas aceitando sem julgar vai-nos permitir estar em harmonia com o universo e em paz com os nossos semelhantes, que coabitam connosco neste planeta. Quando a aceitação estiver bem presente em nós, permite-nos uma maior harmonia com a nossa essência, além de prevenir problemas do foro mental que muitas vezes têm correspondência com os nossos órgãos corporais, e assim evitamos o surgimento de certo tipo de doenças, e também fortalecemos o nosso equilíbrio.

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: RFM
Publicado por Viktor às 16:46
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 26 de Julho de 2013

Believe or not believe...

     A reflexão de hoje tem precisamente a ver com o título, o qual traduzido significa: “Acreditar ou não Acreditar”. Esta é uma questão com a qual o ser humano se debate diariamente, pois na sociedade actual somos “bombardeados” com as mais diversas informações, sobre os mais variados assuntos, mas é sobre o próprio Ser que pretendo falar.

     Quantas vezes acredita mais nos outros do que em si mesmo? Quantas vezes necessitam que os outros confirmem que está bem, para ter a certeza de que o que fez foi bem feito? Que prazer tem ao prejudicar o semelhante para se enaltecer? Porque se preocupa com a vida do seu semelhante quando a sua é suficiente para se manter ocupado? Qual o prazer que dá falar mal dos outros? Estas e muitas outras perguntas podem colocar a vocês mesmos para reflectirem um pouco sobre a vossa atitude (se de facto se enquadra nessas questões). Este tipo de situações deve-se à falta de AUTO-ESTIMA que têm, situação menos positiva, a qual deve ser resolvida com brevidade.

     Todos nós somos seres divinos humanamente mortais e espiritualmente imortais (alma), mas a nossa vinda a este planeta para testarmos as nossas aprendizagens é como se fosse-mos uns hamsters colocados numa caixa de testes laboratoriais, daí a maioria da humanidade esquecer verdadeiramente as suas origens vivendo como se estivesse em transe hipnótico, dentro de determinadas regras e padrões sociais e religiosos. LIBERTEM-SE desse “transe hipnótico” e dessas “amaras” que lhe prendem as asas e voe como um anjo, seja livre, feliz e amor, porque na verdade você é isso mesmo. Adore-se, surpreenda-se e sobretudo ame-se acima de todas as coisas, porque você é um ser maravilhoso, um ser divino cuja essência se encontra tão bem escondida em si, que até a sua mente dúvida da existência da mesma. Aceite-se quem verdadeiramente É. Seja AMOR e assim conseguirá envolver os outros em amor, ser para eles um farol de orientação nos conturbados caminhos da vida, uma luz ao fundo do túnel ou até mesmo uma candeia quando outros se sentem perdidos na escuridão.

Desejo-lhes tudo de bom.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 12:29
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 23 de Abril de 2013

A minha importância

Caros leitores,

     Esta é uma questão que quando se coloca às pessoas obtemos uma enorme diversidade de respostas e consequentemente suscita também uma grande variedade de interpretações.

      Quando se pergunta a uma pessoa: “Quem é a pessoa mais importante na tua vida?” e a mesma responde: “Eu”, um dos primeiros pensamentos que surge na mente de quem colocou a questão é: “Este(a) deve ser egocêntrico(a) ”. Mas há também uma enorme quantidade de pessoas que respondem: “É, ou são, o meu filho, ou filhos” ou “São os meus pais”, enfim, um sem número de respostas que se podem ouvir, mas frisei estas por serem as mais comuns. No parágrafo que se segue vou fazer a análise das mesmas e partilhar convosco a minha visão sobre esta temática.

     Em meu entender a resposta mais correcta à pergunta é: “Eu” e passo a explicar. Eu sou a pessoa mais importante na minha vida, porque se eu não estiver bem como poderei eu proporcionar o bem-estar a quem me rodeia? Como poderei dar bem-estar ao meu filho? Como poderei dar amor verdadeiro à namorada? Como poderei partilhar com o meu semelhante? Quem me conhece sabe perfeitamente que se há coisa que não sou é egocêntrico (pessoa que se julga o centro do universo e que tudo gira em torno da mesma), mas apenas e só falo por mim mesmo, porque é do conhecimento comum que há quem dê esta resposta e seja egocêntrico, portanto não se pode generalizar.

     Amem-se, adorem-se e mimem-se muito, pois cada um de vós é a pessoa mais importante na vossa vida.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:14
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 20 de Setembro de 2012

A Felicidade... reflexão

     É sem sombra de dúvida um tema controverso, que ao longo dos tempos tem gerado inúmeros diálogos, debates e imensas opiniões. As definições de felicidade são inúmeras e tão diversas que posso dizer que são tantas quanto o número de habitantes no planeta. Humildemente vou partilhar com todos vocês a minha visão/opinião sobre este assunto, após esta pequena nota introdutória ao tema.

     A felicidade é algo que existe e cada um de nós pode-a encontrar, mas é uma tarefa com um elevado grau de dificuldade. Para que seja possível alcançá-la temos em primeiro lugar de ter consciência do que é real (possível alcançar) e do que é imaginário (sonhos e coisas praticamente impossíveis de alcançar). É claro que podemos sonhar e almejarmos isto ou aquilo, mas apenas qb (quanto baste) de forma a mantermos o nosso equilíbrio evitando o facto de nos tornarmos escravos da nossa própria mente. A felicidade é algo que tem de ser construído por cada um de nós.

     Em minha opinião a felicidade constrói-se através dos seguintes passos:

     1º Devemo-nos amar para encontrarmos o nosso equilíbrio interior;

     2º Devemos estar de bem com tudo o que nos rodeia;

     3º Encontrar alguém para amar;

     4º Encontrar a felicidade conjuntamente com a pessoa amada;

     5º Praticar todos os gestos com amor.

     Assim podemos ser e viver felizes. Alcançar este ponto é uma tarefa árdua mas possível de se encontrar, como tal nunca devemos perder a esperança e devemos acreditar sempre, porque nada é impossível.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:25
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 19 de Setembro de 2012

Crise Existencial…

Caros leitores,

     Cada um de nós, enquanto seres vivos terrestres, desde o momento que chegamos a este planeta, demos inicio a um período que se chama vida. O que vou ser quando for grande? Irei um dia para a faculdade? Poderei ser pai? Vou ter trabalho? Vou conseguir ganhar para viver? Irei constituir família? Estas e muitas outras questões já passaram na mente de cada um de nós. Todos nós já vivemos momentos mais ou menos felizes, em certas alturas estávamos convictos do que queríamos e qual o caminho a percorrer, noutras sentíamo-nos completamente perdidos sem rumo, sem acção nem vontade para nada, com a nossa mente impregnada de pensamentos menos positivos que em nada contribuem para a elevação da nossa auto-estima, entre muitas outras coisas que nos fazem sentir que estamos a atravessar uma “crise existencial”.

     O Ser humano no seu todo é composto por 4 níveis ou planos: físico, emocional, mental e espiritual (para quem desconhecia), isto para lhes explicar que quando estamos a passar uma “crise existencial” a fonte primária/originária de todo esse mal-estar é a nossa própria mente. Compreendo que seja difícil para cada um de nós, entender e aceitar que somos de facto os principais causadores do nosso próprio mal-estar, mas essa é a mais pura das verdades. Eu mesmo já passei por este tipo de situações, e depois de as ultrapassar chego sempre à mesma conclusão: “Vitor, tu mesmo contribuis-te para esse mau estar, sobretudo devido aos pensamentos, e filmes criados pela tua mente”. É claro que o que nos rodeia também podem ser factores de influência para esse nosso estado, mas isso já depende da forma como observamos as coisas, da importância que lhes damos e até que ponto deixamos que essas coisas nos influenciem.

     Para terminar, vou-lhes deixar umas dicas que os podem ajudar a superar estas situações:

- Acreditem que são tão capazes como as outras pessoas;

- O passado é história e aprendizagens que serviram para o nosso crescimento;

- Deixem de andar com o passado agarrado a vocês, pois assim pode-se sobrecarregar;

- O futuro é um mistério, quando lá chegarem o importante é estarem preparados para o viver da melhor maneira possível;

- O presente é o momento, o aqui e agora que estamos a viver, e para o vivenciarmos na sua plenitude temos de estar libertos das “amarras” que anteriormente foram descritas;

- Em todos os momentos devemos respeitar sempre os outros e sermos gratos pelo que a vida nos vai dando;

- Aprender a viver humildemente apenas com o que temos é aprender a viver em harmonia com o planeta.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:15
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 19 de Maio de 2012

Missão dos Terapeutas… e Mestres…

     Nenhum ser humano vem à Terra em vão, cada um vem reaprender adquirindo conhecimento, para o seu caminho de evolução e ascensão. Ser terapeuta exige um enorme esforço e dedicação, pois passar horas a ouvir lamentos, desabafos, histórias, frustrações e tantas outras coisas sem que nos deixemos emocional e mentalmente afectar exige do terapeuta uma boa preparação psicológica e estabilidade emocional e mental.

     O Mestre pode ser ou não ser Terapeuta, mas ao fazer essa escolha assumiu um importante papel perante a humanidade, com uma responsabilidade elevada pois tem a nobre missão de passar conhecimento para que quem o procura possa encontrar o equilíbrio e seguir o seu caminho por si mesmo, tal como Jesus, Buda e outros foram fazendo ao longo dos tempos. Jamais se deve criar na mente dos pacientes uma ideia de dependência do terapeuta ou mestre, pois muitas vezes isso são apenas manobras para alimentar o ego (do terapeuta ou mestre) e/ou “extorquir” mais dinheiro aos que procuram auxílio. Esses e outros gestos definem quem verdadeiramente trabalha com amor à causa e quem “comercializa” literalmente a causa.

     Ao longo de séculos, o Ser humano tem sido privado de muitos conhecimentos, os sistemas de ensino incutem na mente das crianças as ideias/convicções que querem que elas defendam não lhes dando a permissão para pensarem por elas mesmas, ou seja, a humanidade tem vindo a ser comandada ao longo dos tempos através do plano mental. Os tempos são de mudança e uma nova luz está a preencher o planeta, elevando a consciência da humanidade, e os mestres e terapeutas têm nesse campo um papel importante, servindo de luz para os seres perdidos nos caminhos e encruzilhadas. Essa luz deve ser partilhada, dando a cada ser humano um pouco da luz para que se consiga orientar livremente com o seu livre arbítrio, e esse deve ser o papel do mestre, começando por lhe dar um pouco da sua luz para que consiga fazer renascer a luz de quem o procura e assim esse ser poder prosseguir o seu caminho.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 03:00
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 26 de Janeiro de 2012

Laços...

Caros Seres na Terra,

     Todos são seres que provêm da mesma fonte e para a mesma caminham. São seres multidimensionais, seres fantásticos de infindáveis capacidades que vão muito além dos limites da consciência enquanto humanos.

     Todos vocês enquanto habitantes do planeta Terra são alunos na escola das polaridades (bem-mal, luz-trevas) onde diariamente vos são colocados desafios, das mais variadas formas e pelas mais variadas pessoas. Nenhum Ser foi enviado à terra para colher os ensinamentos da vida solitária, pois caso assim sendo seria enviado um de cada vez, ao invés do que acontece agora que muitos Seres vão chegando ao planeta em simultâneo. Ao longo da vossa caminhada vão tendo uns breves momentos de solidão, de forma a poderem usufruir de mais essa aprendizagem (pequeno aparte). Enquanto habitantes do planeta Terra, estão permanentemente em interação uns com os outros por vossa expressa vontade, por obrigação ou por necessidade, mas uma coisa lhes digo: “Nada acontece por acaso”.

     Essas interações são compreendidas por cada Ser através dos sentidos, pois são todos Seres energéticos portadores de uma energia própria que lhes permite habitar no planeta e interagir com os todos os elementos que formam o universo. É através destas interações que surgem os Laços que unem ou afastam os seres uns dos outros. Na terra estes laços são definidos através de inúmeras palavras: esposa, filho, pai, mãe, família, cunhado, tio, avó, primo, entre muitas outras. Estes laços são ligações impostas aos Seres humanos, e que variam entre raças, religiões, etnias e povos.

     Mas existem outros Laços mais fortes que nos unem, que se mantêm desde tempos imemoráveis. São as “famílias espirituais”, ou seja, um conjunto de almas que ao longo de milénios, em sucessivas reencarnações se vêm auxiliando mutuamente no seu caminho de aperfeiçoamento e ascensão. Esta é a razão pela qual, quando estamos perante determinadas pessoas, ao fim de uns breves 5 minutos de conversa, temos a sensação de conhecer aquela pessoa há muito tempo.

     Concluo dizendo-lhes que ter um laço com algum ser não é ter posse sobre o mesmo, pois os sentimentos de posse são como cordas que amarram os seres e, gostando todos de serem livres, nenhum gosta de se sentir amarrado, nem você mesmo que está a ler este texto. Amem com liberdade e sejam muito felizes.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:26
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 25 de Janeiro de 2012

Crianças...

    

     As Crianças são seres maravilhosos, aos quais a maioria dos seres humanos chama de anjos. Sem dúvida que o são, pois Deus disse um dia: “Somente te enviarei anjos”, mas parece que o Ser humano rapidamente, após a sua chegada ao plano terrestre, se esquece dessas palavras. Quanto mais vão crescendo, mais se vão afastando da sua componente divina, o seu Eu Sou Superior.

     Se todos nós fossemos Seres com a pureza de uma criança, que vive para si e em si, agindo sem maldade com gestos de amor na sua mais pura expressão certamente o mundo seria bem melhor, onde reinaria a paz e o amor universais.

     Libertar a nossa criança interior, é desabrochar o amor e a compaixão que reside dentro de nós, sem artificialismos nem pensamentos inapropriados ao comum dos mortais.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:30
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 10 de Dezembro de 2011

Perdoa-os Senhor…

Caros irmãos,

     Todos nós somos diariamente “atacados” das mais variadas formas e pelos mais variados meios. Todos temos consciência que o planeta, na sua globalidade, está a passar por um período de grandes mudanças, o que direta ou indiretamente nos diz respeito, enquanto seres vivos residentes no mesmo.

     Todos os Seres acham muito bem, concordam e apoiam verbalmente, todas as ações de âmbito social que são desenvolvidas pelas demais instituições (públicas e privadas), mas eu pergunto: Porque será que o fazem? Fazem porque é nobre expressar palavras de apoio às causas sociais, é algo que é moralmente aprovado pela sociedade ou como se diz popularmente: “cai bem”. De certa forma vou compreendendo esta postura, mas as camadas pobres e mais desfavorecidas da sociedade necessitam de bem mais do que meras palavras, necessitam de ações, obras de solidariedade, de pessoas que dediquem parte do seu tempo livre e do seu amor aos trabalhos de voluntariado e caridade ao próximo.

     Vamos todos dar o nosso contributo para uma sociedade melhor, mais justa, equilibrada, coerente, humilde e amorosa, pois na fase em que o planeta se encontra, o Ser humano tem cada vez mais de pensar em soluções colectivas em detrimento das individuais. Se todos conseguirmos despender um pouco do nosso tempo, se não tivermos tempo doando algumas coisas que já não necessitamos àqueles que nada têm, certamente vamos conseguir fazer deste um mundo melhor. Unidos venceremos.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 21:57
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 18 de Novembro de 2011

Aurora Terrestre

Earth | Time Lapse View from Space, Fly Over | NASA, ISS from Michael König on Vimeo.

Publicado por Viktor às 11:35
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
::: GUESTBOOK :::

.Procurar no Blog

 

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Lisboa, Loures, Porto, Odemira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: Partilhas de um Ser - APR
CURRENT MOON
------------------------------- REIsocialKI: Projecto Social em Prol do Semelhante

Divulga também a tua página -------------------------------

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: O Materialismo ...

. Reflexão: A Humanidade

. M&A: Uma combinação explo...

. Reflexão do dia…

. Porque estás triste?

. Reflexão: Aceitação

. Believe or not believe...

. A minha importância

. A Felicidade... reflexão

. Crise Existencial…

. Missão dos Terapeutas… e ...

. Laços...

. Crianças...

. Perdoa-os Senhor…

. Aurora Terrestre

. Reflexão sobe a humanidad...

. Será teu?

. ET’s podem destruir human...

. Reflexão...

. Julgamento

. REFLEXÃO... em Poesia

. Reflexão do dia

. Ascensão...

. A Eterna Luta....

. Eu Sou... ...Tu Es

. Baile de Máscaras…

. Amor...

. As palavras do silêncio…

. Ajuda…

. Reflexão… humanidade...

.Arquivos

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.subscrever feeds

.tags

. todas as tags

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31