.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Quinta-feira, 19 de Junho de 2014

Cuidas de Ti?

Caríssimos,

     Ao longo de séculos o ser humano tudo faz para alcançar a beleza física, recorrendo a cirurgias plásticas, implantes, tratamentos e tantas outras coisas para projectar beleza. A generalidade das pessoas concentram as suas preocupações apenas no que se vê, mas o engraçado é que se perguntarmos a essas mesmas pessoas se têm fé e/ou acreditam em Deus a maioria responde que “sim”. Mas a fé e Deus são ambas coisas que não se vêem. Não tenho o direito de criticar quem o faz, pois como em tudo na vida, são opções e devemos de respeitar o “livre arbítrio” e as aprendizagens de cada um.

     Cada um de nós deve tratar do seu corpo, manter a sua higiene e o seu bom funcionamento, mas eu pergunto porque não cuidam da alma? A maioria da humanidade foi educada para acreditar apenas naquilo que vê à excepção daquilo que se define por “fé”.

     Nós somos seres energéticos e a energia está presente em todo o universo, até mesmo nas mais pequenas coisas, pois é essa energia que nos mantém vivos. Assim podemos constatar que estamos rodeados por fontes de energia, pessoas, televisões, rádios, internet e tantas outras coisas. A fonte de energia que está mais próxima de cada Ser está dentro Dele mesmo, energia vital que além de o manter vivo ainda pode ser compartilhada por todos aqueles que o rodeiam. Essa energia que está em abundância em todo o Universo é a energia do Amor Incondicional, a força mais poderosa do universo.

     Cada um de nós deve cuidar de si de forma a poder proteger-se dos “constantes” ataques de que somos alvo, através de outros seres e dos órgãos de comunicação social (através das noticias) que muitas vezes são verdadeiras fontes de energia negativa. Em tempos escrevi sobre a força da Palavra e a importância do Verbo, logo notícias negativas (guerras, catástrofes, roubos, etc…), palavras desagradáveis, acusações infundadas, julgamentos errados e muitas outras coisas, são “cargas” de energia negativa disparadas contra nós. Parece que vivemos num “campo de treino energético” onde estamos constantemente a ser “bombardeados” e postos à prova, e para nos podermos “safar” devemos aprender a controlar os pensamentos, palavras e acções (ambos fontes emissoras de energia). Utilizando um termo conhecido de Dalai Lama: “Não permitas que os outros te tirem a tua paz interior”; Esta é a chave do sucesso e as dicas que lhes vou dando, texto após texto, o caminho para alcançarem essa meta.

     Sejam fontes de Amor, irradiando Amor por onde passarem, tal como uma flor que ao passar deixa o seu perfume. Sejam Amor, sejam Felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 15:14
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 15 de Maio de 2014

Reflexão: Pobreza...

Caríssimos,

     Regra geral quando se fala de pobreza, a nossa mente pensa logo nos sem-abrigo, pedintes, escravos e outro tipo de pessoas que vivem em condições bastante precárias, aquilo que se diz “abaixo do limiar da pobreza”. Sobre este tema muitas coisas poderia escrever, mas apenas pretendo abordar um ou dois aspectos do mesmo, aqueles que eu penso ser necessário esclarecer e que são muito pouco falados. Na maioria dos casos a pobreza de que se fala está ligada à falta de dinheiro, porque vivemos numa época “dominada” pelo consumismo, as aparências, a ganância, o ego, a vida social para mostrar, a inveja e tantas outras coisas que estão ligadas aos prazeres meramente terrestres.

     Em meu modesto entendimento, a maior das pobrezas é a de espírito. Um pobre de espírito, regra geral é uma pessoa que não respeita o seu semelhante, usando manhas e artimanhas na maioria dos casos em seu estrito benefício pessoal. Este tipo de atitude revela falta de princípios, educação, valores morais, e sobretudo de respeito sobre os outros e isso levanta-nos uma questão. Conhece alguém que não respeite os outros e se respeite a si mesmo? Eu não, pois todo aquele que vive unicamente como ser terrestre vive intensamente o plano material, procurando obter riqueza a qualquer custo, nem que seja desrespeitando e escravizando o seu semelhante, inclusivamente contra pessoas do mesmo sangue (familiares). Estes são sem dúvida seres de baixo nível que utilizam a força ou incutem o medo nos outros, para se sentirem superiores e assim encherem o seu ego. Pobres seres, pois apesar de terem uma vida economicamente estável, espiritualmente são pobres, são definidos como “espíritos inferiores” ou de “baixa densidade” escrito em textos de natureza espiritual.

     A pobreza espiritual não afecta apenas os seres que mencionei anteriormente, mas atinge seres de todas as camadas e estratos sociais, ou seja, afecta todos aqueles que pensam que a vida se resume apenas ao período entre a vida e a morte, aqueles que não acreditam na reencarnação (imortalidade da alma), aqueles que devido às atrocidades da vida guardaram dentro de si sentimentos de vingança (ódio, retaliação, rancor e muitos outros) entre vários outros que se enquadram nesta explicação.

Este tipo de pobreza (espiritual) pode ser passageiro ou definitivo, conforme a escolha que é feita através do livre arbítrio de cada um. Caso se tenha identificado nas palavras anteriormente ditas e pretenda libertar-se dessa “pobreza” deixo-lhe algumas dicas nas quais deverá reflectir um pouco:

  • Permita que a sua mente adquira novos conhecimentos, libertando-se assim de “velhas” querenças e dogmas e de uma certa rigidez mental;
  • Adore o verdadeiro Deus criador do universo e deixe de idolatrar o Deus dinheiro;
  • Organize o seu tempo de forma a poder ter tempo para si mesmo, trabalhando o seu interior.

     Várias outras coisas poderiam aqui ser descritas, mas não me pretendo alongar demasiado no texto porque cada caso é um caso e a melhor coisa é falar directamente com quem necessite de auxílio. Viva o amor, partilhando intensamente com o universo e sejam muito felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 14:22
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 21 de Agosto de 2013

Auto Aplicação de Reiki

Publicado por Viktor às 00:10
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 24 de Julho de 2013

Vagueando…

Caros leitores,

     Cada Ser Humano vem à Terra com um determinado propósito de vida, mas assim que chega vê-se aprisionado e condicionado. Muito se fala e se diz sobre “livre arbítrio” mas na realidade todos os seres humanos estão sempre, de certa forma, condicionados a padrões morais, leis, religiões e sociedades, o que em parte nos condiciona na utilização da totalidade do nosso livre arbítrio. É natural que cada Ser humano queira o melhor para si e para aqueles que o rodeiam, pois em meu entender apenas pessoas com perturbações do foro psicológico é que desejam o seu próprio mal. Quantas vezes o ser humano faz coisas apenas para agradar os outros? Quantas vezes nos subjugamos a determinadas situações e/ou comportamentos? Quantas vezes são “obrigados” a fazer coisas sem que sejam de nossa livre vontade? Quantas vezes têm de ficar calados “impedidos” de manifestar a nossa opinião? Estas e muitas outras perguntas lhes poderiam fazer, mas por agora bastam estas para entenderem o que lhes pretendo dizer.

     Nada acontece por acaso e se está a ler esta reflexão é porque de certa forma contém contém uma mensagem para si. Quantas pessoas têm uma vida que não é a que pretendiam? Quantas vezes já se sentiu “impotente” e/ou “sufocado” sem vislumbrar uma saída? Estas são questões que nos fazem pensar e reflectir, e é isso que neste momento quero que façam. Na verdade, muitas destas coisas acontecem porque nos preocupamos com o que os outros pensam de nós, em agir de acordo com os padrões sociais e familiares, entre muitas outras coisas, relegando-nos a nós mesmos para o papel de personagem secundária, quando na verdade deveríamos ser a personagem principal no “teatro” da nossa vida.

     A maioria destas coisas que mencionei, acontecem porque frequentemente nos esquecemos da pessoa mais importante na nossa vida, DE NÓS. O amor e compaixão que manifesta pelos outros, tenha-o por si; A felicidade que procura nos outros tem de a encontrar dentro de si; O valor que atribui aos outros, atribua-o a si; Repara e vê as virtudes dos outros, veja as suas; Acredite em si, porque a felicidade, o amor, o bem-estar e muitas outras coisas começam por SI. Tudo aquilo que chama de obstáculos são aprendizagens e todas se conseguem superar, com maior ou menor dificuldade e nunca se esqueça que NADA É IMPOSSÍVEL. Liberte-se dessas palavras que condicionam a mente, pense positivo concentrando-se em si mesmo, pois você é dono e senhor do seu mundo que interage com o mundo exterior, por isso a mudança começa por SI, porque quando conseguir mudar o SEU mundo, o mundo à sua volta também mudará. Para tornar isto possível, o Reiki dá uma preciosa ajuda, pois vai provocar mudanças no nosso interior, para que fiquemos mais próximos da nossa verdadeira essência. Seja paz, harmonia, compaixão e amor.

Desejo-lhes tudo de bom.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 14:18
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 27 de Maio de 2013

Reflexão do dia

Caros leitores,

     O Ser Humano é muito mais do que aquilo que se vê, pois apenas vemos a sua parte física (1/4), pois a sua parte emocional, mental e espiritual (3/4) é invisível à vista do Ser Humano. A visão holística do Ser Humano engloba estas 4 componentes, observando-o como um todo. Hoje em dia muitas pessoas sobrevalorizam a sua componente física, preocupando-se excessivamente com a sua aparência exterior (física), descorando os outros aspectos (emocional, mental e espiritual). Pensem no seguinte:

- Se você for uma pessoal muito emocional, que diariamente é afectado pelos mais variados acontecimentos, acha que isso não tem influência no seu corpo?

- Se você tiver algum tipo de perturbação mental, acha que não se vai reflectir no seu estado físico (corpo)?

- Se você está insatisfeito e observa passivamente a destruição do seu corpo, não acha que o seu espírito está desligado do seu corpo?

     Neste momento pare de ler este texto e pense em cada uma das três questões anteriormente colocadas e depois retome a leitura.

     Talvez tenha chegado o momento de redistribuir a sua preocupação e atenção pelos 4 níveis (físico, emocional, mental e espiritual), de olhar para si como um todo e não como uma parte. Uma das coisas fundamentais que devemos aprender é a Aceitação, pois a “não-aceitação” de algo pode ser o princípio de uma barreira, por nós criada (no plano mental), a qual pretendemos ultrapassar, mas que se torna extremamente difícil devido à altura (dimensão) que lhe atribuímos. Por esta e outras razões devemos de aprender a “Aceitação” pois isso facilita-nos imenso o nosso bem-estar e por sua vez a nossa paz interior.

     Deixo-lhes a seguinte sugestão para vossa reflexão: As pessoas e os problemas têm a importância e a dimensão que lhe quisermos dar”.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:15
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 7 de Maio de 2013

Curso de Reiki para Crianças e Reiki nível 2

Caros leitores,

     O Universo na sua globalidade está a passar por um período de grandes modificações, principalmente no que diz respeito à mente e à consciência do Ser Humano. Para que o Futuro seja melhor, há que trabalhar as bases no Presente, partilhando e transmitindo o nosso conhecimento aos mais novos, para que eles amanhã os venham a transmitir também às gerações vindouras.

     De seguida aqui lhes remeto a agenda para Maio.

     Dia 19: Curso de Iniciação ao Reiki para Crianças, em Albufeira (esta formação tem um custo de 1€ por cada ano de idade da criança);

     Dia 25: Curso de Reiki nível 2, em Albufeira.

     Se pretender obter mais informações ou efetuar a sua pré-inscrição, envie um e-mail para: mestreviktor@gmail.com . Esta formação tem um limite de 6 participantes, pelo que deverá assegurar o seu lugar.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 13:15
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 23 de Abril de 2013

Reflexão sobre Reiki…

Caros leitores,

     Nos mais variados locais encontramos textos explicativos sobre o Reiki, a sua origem, o que é, os seus benefícios e outras coisas mais. Cada pessoa define o Reiki à sua maneira, pois cada um também o sente de maneira diferente.

     Sendo o ser humano uma pessoa por natureza curiosa, constantemente procura informações que possam enriquecer o seu conhecimento, o que faz com que, quando ouvem falar de Reiki, procurem saber o que é para em consciência verificarem quais os benefícios que isso lhe pode trazer. Das inúmeras descrições que podemos encontrar acerca do Reiki, uns escrevem de uma maneira e outros de outra, quando é explicado num diálogo uns falam de uma maneira mais calma e elaborada, outros de uma forma mais descontraída com vocabulário simples.

     Como o ser humano por vezes fica entusiasmado com a ideia que outra pessoa lhe transmite acerca do Reiki e sendo algo “influenciável” pelas palavras ouvidas, acaba por ir fazer a formação ao mesmo local que quem lhe disse fez. Neste contexto pretendo alerta-los para o seguinte: sendo o Reiki uma terapia de base energética, o que uns sentem é completamente díspar do que sentem outros, ou seja, já tive um grupo de 8 formandos onde aquilo que cada um sentiu no decorrer do curso, na sintonização e na meditação foi completamente diferente de formando para formando, pois aquilo que sentimos tem muito a ver com o nosso estado de espírito naquele momento, bem como com a sensibilidade mais ou menos apurada que cada formando tem. Como tal, mais uma vez lhes recomendo que quando sentirem a vontade de se iniciarem, deixem que o vosso interior (intuição) escolha a pessoa (mestre) com o qual o pretendem fazer a vossa entrada neste maravilhoso mundo energético.

     Em jeito de conclusão termino dizendo que o Reiki mais do que tudo aquilo que se ouve, é na realidade aquilo que se sente, pois é dessa forma que cada um vive a sua experiência enquanto Reikiano. Permitam então que ele se manifeste em si mesmo e verifique pessoalmente os benefícios que lhe traz. Ame-se e permita que a energia do amor incondicional o envolva e se impregne dentro de si.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:58
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 12 de Setembro de 2012

É bom Amar

Caros leitores,

     Tudo neste universo é gerado e criado através da fantástica energia do Amor. O Amor tem uma enorme capacidade de construir, de unir e até mesmo de perdoar. Quando amamos verdadeiramente alguém, desejamos que essa pessoa seja muito feliz e que esteja disposta a receber todo o amor, carinho, ternura e afecto que temos para dar. Todos estes gestos envoltos em puro amor e recheados de sentimentos são sempre dados sem a intenção de receber o mesmo como resposta da outra parte. Sem dúvida que todo o Ser humano gosta de receber Amor, mas todo aquele que dá, sendo um Ser como nós, também gosta de receber, pois é um Ser idêntico a nós mesmos.

     Para que um sentimento de amor (puro e verdadeiro) por alguém brote dentro de nós, temos de estar bem connosco mesmos, gostarmos de nós e amarmo-nos. Estas são as condições ideais e necessárias para florescer um verdadeiro sentimento de amor por outro Ser. É muito bom podermos amar e ser amados. É como um elixir que modifica a nossa vida, nos dá um novo estado de espírito, faz-nos sentir de bem com a vida e atenua muito as adversidades da vida quotidiana.

     Termino deixando uma recomendação: Amem-se e Amem intensamente, pois assim envolvem-se numa maravilhosa cascata de energia, luz e amor.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 18:39
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 27 de Agosto de 2012

Reiki – Formação…

 

         Nos dias de hoje o Ser humano parece andar constantemente em corrupio, de um lado para o outro, com inúmeras coisas para fazer e com a sua mente impregnada com pensamentos da mais variada ordem.

         O Ser humano parece viver eternamente no mundo do Ter em detrimento do Ser, passa o tempo a ostentar os bens que tem, acha-se o centro do mundo, não olha a meios para alcançar objectivos, entre muitas outras coisas que o leitor sabe.

         O Universo está em constante transmutação o que torna impossível parar este todo este processo por causa desta ou daquela pessoa. O Ser humano teve, ao longo dos tempos, vários tipos de desenvolvimento, sendo que o do Ter já passou e como tal muitas das preocupações que pairam na mente dos Seres humanos deveriam neste momento ser encaradas de outra forma. O Universo encontra-se ma era de Aquário, onde o desenvolvimento se dá no Ser em detrimento do Ter, o que nos indica que o Ser tem de apostar mais em si mesmo, em compreender qual o seu papel e missão, em vez de viver a vida como se apenas fosse o período compreendido entre o seu nascimento e a sua partida (morte).

         Frequentar uma formação em terapias holísticas, além de lhe conferir conhecimento e uma boa ferramenta para o seu bem-estar, permite também que passe a encarar o Universo de forma diferente, segundo valores universais comuns a todos os Seres humanos. O Reiki é sem dúvida um desses caminhos, pois através da prática do Amor incondicional passamos a ter a capacidade de melhorar o nosso Ser e forma de vivermos, o que acaba por se reflectir positivamente sobre todos aqueles que nos rodeiam, ou seja, mudamos o nosso mundo.

         De certa forma já me alonguei um pouco, por isso vou terminar deixando-lhes a informação de que no próximo dia 9 de Setembro vais ser levado a cabo o curso de iniciação ao Reiki em Albufeira (inscrições abertas).

         Mantra de hoje: Só por hoje, sou grato por todas as bênçãos que recebo diariamente.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz...
Publicado por Viktor às 17:17
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 27 de Março de 2012

Níveis de Consciência…

 

Caros leitores,

     Cada um de nós, em cada uma das vindas (vidas) à Terra, vem para cumprir determinados objectivos em prol da sua evolução pessoal, na sua caminhada de ascensão. A caminhada de ascensão faz-se através da aprendizagem diária com todos aqueles que nalgum momento, se cruzam connosco no nosso caminho, trazendo sempre algum ensinamento ao nosso Ser. Na verdade todos, mas mesmo todos (cépticos e crentes), estamos neste caminho e assim sendo, deveremos aceitar tal em prol do nosso próprio bem-estar.

     Reportando-me agora ao título deste texto (níveis de consciência), irei falar-lhes um pouco sobre isso, descorando apenas a explicação sobre o que é a consciência, pois julgo todos saberem. O Ser Humano nasce com uma pequena consciência (tipo animal), pois nos seus primeiros tempos a sua vida se resume em duas palavras: comer e dormir. Mas como é certo, à medida que a idade vai avançando o seu nível de consciência vai evoluindo. Ao chegar à idade adulta, o Ser humano pára de crescer fisicamente, mas o mesmo não acontece com a sua consciência que vai aumentando gradualmente, consoante e evolução que cada um “impõe” a si mesmo.

     Falando agora do que escrevo, certamente alguns de vocês podem ter lido textos escritos por mim ou por outras pessoas e após a leitura de apenas um parágrafo terem pensado para vocês mesmos: “Humm, não entendi nada do que li!” Despreocupem-se por tal lhes ter acontecido, pois isso apenas e só lhes demonstra que o nível de consciência que têm não lhes permite um bom e eficaz entendimento do que acabou de ler e, como tal, recomendo-lhe que aguarde algum tempo e volte a ler mais tarde, pois tal facto já comigo mesmo aconteceu.

     Outra coisa lhes digo, evitem pensar assim: “Aquilo que me aconteceu há 10 anos atrás, se fosse hoje eu teria feito assim e assim”. Desprenda-se desse sentimento “doentio” de culpa ou pesar, pois você naquele momento fez o que a sua consciência achou que seria o melhor para si. Por isso lhes digo, vamos todos paulatinamente aumentar o nosso nível de consciência, sem pressas e ansiedades, pois cada um tem o seu ritmo, a pressa só dá em vagares e a ansiedade gera bloqueios que nos impedem de avançar.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:30
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 12 de Outubro de 2011

Vou, fico, vou, fico… estou baralhado!

 

Caros Irmãos de Luz

      Cada Ser é responsável por si mesmo, bem como por tudo o que lhe acontece. É muito difícil aceitar tais palavras, pois na generalidade o Ser humano tem a sua mente repleta de crenças, dogmas, ideias e apegos. Este tipo de coisas são-nos incutidas na mente através dos nossos pais (educação), das escolas, governos, religiões, organizações e governos ocultos, que tentam assim limitar o desenvolvimento global do ser humano, comandando-o através da mente. Reparem agora no título deste texto, já viram? Quantas vezes dizem mentalmente aquelas palavras nas mais variadas situações? Será que naqueles momentos em que se sentem menos bem e necessitam de ajuda, se lembram de mim e também pensam aquilo?

      Compreendo que pensem duas vezes antes de vir ter comigo. O que será que me vai fazer? O que será que me vai dizer? Relaxe, pois tudo o que lhe possa dizer ou possa fazer tem apenas e só um objetivo: Ajudá-lo a compreender o que se passa consigo, de forma a encontrar o seu bem-estar, porque uma dor vai muito mais além de um fenómeno físico. Dizer-lhe a causa e/ou origem da dor é uma preciosa ajuda, sobretudo quando somos nós mesmos a provoca-la através do nosso plano mental. Não se admire com o que lhe estou a dizer, pois o ser humano muitas vezes é o causador das suas próprias dores e sofrimento. Entendo que possa ficar algo apreensivo com as coisas que lhe digo, mas eu não lhe quero dizer apenas e só coisas bonitas, quero-lhe dizer a verdade cara a cara, olhos nos olhos, porque não tenho nenhum problema em lhe apontar os seus defeitos. Quando lhe os aponto, não o estou a difamar, estou sim a transportá-los do seu subconsciente para a sua mente, por forma a que você mesmo os tenha mais presentes e faça também o seu trabalho de casa, em prol do seu bem-estar. Sim, eu apenas e só posso fazer a minha parte, e o trabalho que a si mesmo compete, você é que tem de o fazer meu irmão.

      Olhe-se ao espelho, admire-se, ame-se, adore-se, porque afinal de contas, por baixo desses trajes que veste está um maravilhoso e divino ser de luz, um verdadeiro anjo que espera e desespera pelo momento em que você lhe vai permitir abrir as asas para voar e observar o mundo com olhos divinos. Não espere por amanhã se é hoje que tem vontade de vir ter comigo, porque amanhã pode já ser tarde além de tornar as coisas mais difíceis.

Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz e Repleto de Energia...
Música: RFM
Publicado por Viktor às 09:17
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 18 de Junho de 2011

O Trabalho de Casa…

Caros Irmãos;

      Todo o Ser humano ao longo da sua caminhada depara-se com inúmeros obstáculos que tem de ultrapassar desde o momento da sua chegada [nascimento] até ao dia da partida. Começam com obstáculos mais pequenos, tais como montar um carrinho de legos, até aos mais complexos com um grau de dificuldade mais elevada.

      Muitas vezes perante determinados obstáculos sentem-se “perdidos” de várias formas: na resolução e nos pensamentos. Para se ultrapassar qualquer obstáculo, o Ser começa sempre por pensar o que é perfeitamente natural, mas pode também ser prejudicial. Natural porque se deve sempre pensar antes de agir (controlando a impulsividade) mas pensar em excesso na situação é prejudicial, pois o próprio pensamento vai atribuir uma dimensão cada vez maior ao problema o que lhe vai causar ainda mais dificuldades na sua transposição. Depois pode surgir uma certa frustração por não conseguir resolver certos obstáculos e aí, muitas vezes o Ser recorre auxílio de terceiros. Claro que as pessoas através de todos aqueles que se dedicam a auxiliar o próximo podem encontrar uma preciosa ajuda para ultrapassar aquilo que os “atormenta” (bloqueia) e impede de continuar no seu caminho calma e serenamente. É sempre uma excelente opção recorrer às Terapias holísticas e/ou naturais sem uso nem recurso a substâncias químicas, mas pode não ser suficiente. Há sempre um “Trabalho de Casa” a ser feito pelo próprio paciente. Esse trabalho muitas vezes resume-se a aprender a aceitar as coisas (aceitação) e a perdoar mesmo aqueles que de alguma forma no tentaram prejudicar de alguma maneira ou forma. Não te esqueças de ti, porque és a pessoa mais importante para ti.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:30
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 14 de Fevereiro de 2009

Da Maturidade à Morte (o que se segue)

Á medida que o indivíduo se aproxima da velhice e da morte, podem ser acrescentados aos corpos de energia maiores graus de vibração superior. Os cabelos das pessoas assumem uma coloração branca brilhante, à medida em que a luz branca que lhes percorre o ser aumenta sua afinidade com o mundo espiritual. Agora, à relação “Eu-Tu” se acrescenta uma relação pessoal muito profunda com Deus. A energia terrena inferior, metabolizada através dos chakras inferiores, diminui e é firmemente substituída por energias superiores mais finas, que têm muito mais que ver com o espírito do que com a vida no plano físico. A pessoa está-se a preparar para regressar à casa no mundo espiritual. Quando esses processos naturais são compreendidos e se lhes permite desdobrarem-se desde o interior psíquico, a serenidade e o amor enchem a vida pessoal do indivíduo. As coisas ocupam os lugares à mercê do crescimento que se verificou no correr dos anos. O chakra do plexo solar, em especial, torna-se mais harmonioso. A pessoa é capaz de aumentar a profundidade da percepção que faz da vida (a despeito da diminuição da força física), uma coisa de interesse cada vez maior e de experiência cada vez mais rica. É lastimável que a nossa cultura, de um modo geral, não respeite nem utilize esse grande recurso de sabedoria e luz, como o fazem outras culturas. A vida não acaba com a morte. Ela determina apenas o final de mais uma passagem pela terra. No momento da morte, segundo Phoebe Bendit, um raio luminoso ilumina o topo da cabeça quando a pessoa deixa o plano da terra pelo chakra da coroa. A experiência de sair pelo topo da cabeça foi descrita muitas vezes como a passagem pelo túnel entre a vida e a morte, um longo túnel escuro com uma luz brilhante no fim. Pode dizer-se também que a “experiência do túnel” é a alma que sobe pela principal corrente de força do corpo ao longo da espinha e deixa o corpo na luz brilhante do chakra da coroa.

Por ocasião da morte, a alma é recebida por velhos amigos falecidos e pelos guias espirituais. Nesse momento, vê passar toda a sua vida muito rápida e claramente, de modo que não há engano possível quanto ao que aconteceu, às escolhas que foram feitas, às lições que foram aprendidas e às lições que ainda precisam ser aprendidas na próxima encarnação. Segue-se a isto um tempo de celebração da tarefa completada, e um tempo gasto no mundo espiritual antes de ser levada a cabo a encarnação seguinte.

Depois das pessoas morrem em consequência de uma longa enfermidade, são vistas, muitas vezes, a descansar, rodeadas por uma luz branca durante certo período de tempo após a morte. Fica-se com a impressão de que as mesmas estão a ser tratadas numa espécie de hospital do outro lado.

Num caso, vi Azrael guardando o portão. Enquanto a pessoa se contorcia, presa de dores profundas, perguntei a Azrael por que não a ajudava a morrer. E ele respondeu: “Ainda não recebi minhas ordens.” (Azrael é o anjo da morte e me parece muito forte e belo, e não aterrador como querem algumas fontes.)

A morte não é o que compreendemos, senão a transição de um estado de consciência para outro. Segundo Heyoan, já morremos ao esquecer quem somos. As nossas partes que se esqueceram estão separadas da realidade por um muro, e nós sujeitamo-nos à encarnação para as recuperar. Dai que, embora temam a morte, já morremos e, no processo encarnatório de reintegração com o nosso ser maior, realmente encontramos mais vida. Nas palavras de Heyoan, a única coisa que morre é a morte.

Durante a vida, separamos com uma parede as experiências que desejamos esquecer. Fazemo-lo de maneira tão eficaz que não nos lembramos de muitas delas. Encetamos o processo de separação pela parede no princípio da infância e continuamo-lo em todo o correr da existência. Essas peças da nossa consciência separadas pelo muro podem ser vistas no campo áureo em forma de obstruções. Diz Heyoan que a verdadeira morte já ocorreu na forma desse muro interior.

“Como você sabe, a única coisa que a separa de qualquer outra coisa é você mesma. E a coisa mais importante é que a morte já ocorreu nas suas partes emparedadas. Isso seria talvez, do nosso ponto de observação, a mais clara definição do que o ser humano cuida ser a morte. A morte é estar emparedado e separado. É esquecer quem é. Isso é a morte. Você já morreu. Você, de fato, encarnou para trazer à vida as suas partes que já estão no que você chama de morte, se algum dia usasse essa palavra. Essas partes já morreram.

“O processo da morte, que chamaríamos de transição para uma percepção maior, pode ser visto como um processo do campo energético. Descrevê-lo-emos agora para ajudá-la a compreender o processo da morte do ponto de vista áureo. Há uma lavagem do campo, uma clarificação, uma abertura de todos os chakras. Quando você morre, vai para outra dimensão. Há dissolução nos três chakras inferiores. Há dissolução, e note que dizemos dissolução, dos três corpos inferiores. Aqueles dentre vós que assistiram à morte de outros, viram a qualidade opalina das mãos, do rosto, da pele, qual madrepérola opalescente, e belas nuvens cor de opala flutuam no ar. Essas nuvens são os corpos inferiores de energia que servem para manter a união do corpo físico. Estão a desintegrar-se. Flutuam, e os chakras existentes abrem-se e deles escapam cordões de energia. Os chakras superiores são grandes buracos abertos noutras dimensões. De sorte que esta é a etapa inicial da morte, em que o campo de energia inicia a separação. As partes inferiores do campo de energia separam-se das superiores. Depois, nas três horas, mais ou menos, que cercam a hora da morte, ocorre uma lavagem do corpo, um baptismo, um baptismo espiritual do corpo em que a energia jorra como fonte logo acima da principal corrente de força vertical. Uma fonte de luz dourada flui e limpam-se todas as obstruções. A aura assume a cor do ouro branco. Como será isso experimentado pelo moribundo em termos de memória? Você já o ouviu. A pessoa vê a vida inteira a passar por ela. Justamente isso. Há os fenómenos concomitantes do campo de energia da lavagem da aura. Todas as obstruções desapareceram. Todas as experiências esquecidas dessa existência estão desobstruídas. Todas fluem através da consciência, e quando a pessoa se vai, vai-se a consciência. É a dissolução de muitas paredes criadas para o processo de transformação nessa determinada vida. Uma tremenda integração.

“Com a dissolução das paredes erguidas para esquecer no seu interior, você lembra-se de quem realmente é. Integra-se no seu Eu Superior e sente-lhe a leveza e a vastidão. Assim a morte, ao contrário da opinião popular, é uma experiência maravilhosa. Muitos de vocês já leram as descrições dos que foram declarados clinicamente mortos e voltaram à vida. Todos falam num túnel com uma luz brilhante no fim. Falam no encontro com um ser maravilhoso na extremidade do túnel. A maioria passa revista à própria vida e a discute com aquele ser. A maioria confessa que decidiu, por vontade sua, voltar ao mundo físico para completar o aprendizado, apesar de toda a maravilhosa beleza do local em que se encontra. A maioria já não tem medo da morte, mas a aguarda com ansiedade, como uma grande liberação para a serenidade.

“Nessas condições, é a sua parede que a separa desta verdade: o que você chama de morte é, na realidade, a transição para a luz. A morte que você imagina e experimentará pode ser encontrada dentro da sua parede. Todas as vezes que você se separa, de um modo ou de outro, morre uma pequena morte. Todas as vezes que obstrui a sua maravilhosa força vital, impedindo-a de fluir, está a criar uma pequena morte. Assim sendo, quando se lembra das partes separadas do seu Ser, e as reintegra em si mesma, você já morreu. Você volta à vida. Quando expande sua percepção, a parede no meio do mundo, a parede entre a realidade espiritual e a realidade física, dissolve-se. Assim a morte dilui-se, não é mais que a liberação da parede da ilusão quando você está pronta para prosseguir. E o que você é se redefine como a realidade maior. Você ainda é o seu Eu individual; quando deixa cair o corpo, mantém a essência do Eu. Sente a essência do Eu nas meditações futuras e passadas. O seu corpo físico morre, mas você passa para outro plano da realidade. Mantém a essência do Eu além do corpo, além da encarnação. E quando deixar o corpo, sente que é um ponto de luz dourada, mas sente, ainda assim, que é você mesma.”

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 17:33
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 13 de Fevereiro de 2009

O Adulto…

P

assada a adolescência, os chakras e o padrão de energia usado pelo individuo estão estabelecidos. Todos os chakras assumiram uma forma adulta. Nesse ponto, o indivíduo tenta firmar-se e não pretende mais mudanças. Alguns são capazes de levar a efeito os seus desígnios nesse sentido e, com isso, fazem com que a vida se estagne em padrões seguros e estabelecidos de realidade claramente definida e limitada. A maioria das pessoas, suficientemente abalada pelas experiências de vida, vê que a realidade não é tão facilmente definível e continua a busca perpétua do sentido que a leve, através de um desafio constante, a experiências mais profundas de realização.

Na maturidade, o “Eu-Tu” expande-se para incluir a família pessoal, que cria a sua própria forma de energia. As energias que fluem pelo chakra da garganta ajudam-no a dar e receber pessoal. Enquanto o tempo passa, o “Eu-Tu” expande-se até incluir o indivíduo e o grupo. O coração pode abrir-se para abranger não só o amor da companheira e dos filhos, mas também da humanidade. Quando o terceiro olho se abrir para as vibrações mais elevadas, começamos a observar a unidade de todas as coisas e podemos ver, ao mesmo tempo, a preciosidade única de cada alma dentro da unidade.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:12
Link | Comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
::: GUESTBOOK :::

.Procurar no Blog

 

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Lisboa, Loures, Porto, Odemira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: Partilhas de um Ser - APR
CURRENT MOON
------------------------------- REIsocialKI: Projecto Social em Prol do Semelhante

Divulga também a tua página -------------------------------

.LINKs

.posts recentes

. Cuidas de Ti?

. Reflexão: Pobreza...

. Auto Aplicação de Reiki

. Vagueando…

. Reflexão do dia

. Curso de Reiki para Crian...

. Reflexão sobre Reiki…

. É bom Amar

. Reiki – Formação…

. Níveis de Consciência…

. Vou, fico, vou, fico… est...

. O Trabalho de Casa…

. Da Maturidade à Morte (o ...

. O Adulto…

.Arquivos

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.subscrever feeds

.tags

. todas as tags

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31