Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2009

O Estranho caso de Benjamim Button

 

Em plena noite de folia alegórica e carnavalesca (dia 24), fui com a minha princesa ao cinema ver o filme mencionado no título do post. Confesso que tive alguma dificuldade em arranjar uma imagem que se coadune com o que aqui pretendo escrever acerca do filme e do seu conteúdo. Antes de iniciar a minha dissertação sobre o mesmo informo que as cinco fotografias vão ser assim mencionadas: fotografia maior (a que se encontra na parte superior), fotos de 1 a 4 (fotografias pequenas na parte de baixo contadas da esquerda para a direita). Este filme tem, no meu ponto de vista, várias mensagens conforme vou descrever. Da foto 1 à 4, podemos observar a evolução da Alma (espírito encarnado) pois ao encarnar, o espírito vê-se reduzido a cerca de 10% da sua capacidade e faculdades, pois a densidade corporal não permite que tenha ao menos o conhecimento do que cá veio fazer, relativamente à sua evolução espiritual. Na foto 1 o espírito completamente “desorientado” com o seu papel. Na foto 2 o espírito adaptado à vida terrestre procura dar sentido à sua vida. Na foto 3 o espírito com um conhecimento mais elevado acerca da vida segue o caminho que acha mais correcto definido pelos ensinamentos da vida. Na foto 4 o espírito encontra-se em elevado estado de purificação carnal, irradiando amor e pensamentos positivos. Resumindo a sequência de fotos observa-se a evolução espiritual numa encarnação. Na fotografia maior observa-se o amor nutrido entre dois espíritos encarnados. Ao longo deste filme observamos por parte do actor principal uma grande história de amor. O amor observado refere-se ao amor pelo semelhante (sexo oposto), bem como o amor incondicional que vai nutrindo pelas pessoas que vai conhecendo. Quando um sacerdote se tenta invocar que ele fez com que Benjamin andasse, o criador fez justiça pelas próprias mãos, pois tornar propriedade sua uma criação do divino é pecado e por isso pagou-o com a sua ida para o mundo espiritual para assim ser julgado pelos actos cometidos. Quando Benjamin fica a saber a verdadeira história da sua origem ele perdoa quem após o seu nascimento o abandonou. Para se ter capacidade de Perdoar tem de saber Amar. Amar é uma das palavras de ordem do criador, sendo fundamental na lei da Providência. Mais não digo deixando ao critério de quem o quiser ver. Assim termino as minhas palavras dizendo que praticar o Amor Incondicional não é fácil (por vezes somos incompreendidos) mas fazendo-o sempre com boa vontade, fé, carinho e humildade, um dia o reconhecimento chegará.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:10
Link | Comentar | favorito
2 comentários:
De Neusa Beatriz a 26 de Fevereiro de 2009 às 13:22
Continuação de boa semana.
Namastê
De Viktor a 26 de Fevereiro de 2009 às 14:12
Olá Neuza Beatriz,
Obrigado pela visita, comentário e desejos expressos.
Faço das tuas palavras minhas.
Saudações Reikianas
NAMASTÊ

Comentar post

::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Curso de Iniciação ao Kar...

. A Crise de Cura nos Inici...

. Reflexão: Mundo de Ilusão

. Reiki na Actualidade

. SÍMBOLO: CHO-KU-REI

. As Energias II

. Reflexão: As Energias...

. O que é o Reiki?

. Consultas Terapêuticas Ho...

. Cursos de Reiki e Karuna ...

. Reflexão: do Reiki ao Kar...

. Reflexão: O Reiki em inúm...

. Agenda de Outubro

. Reflexão: A mesquinhez hu...

. Agenda de Junho

. Relexão: Guias...

. Reflexão: Semifrio de Emo...

. Consultas Holísticas

. Actividades em Abril - Re...

. Reflexão: Caminho do Amor

. Agenda... de Março

. Formações em Agenda

. Reflexão: A Infelicidade…

. Ensinamentos em Poesia

. Curso de iniciação ao Rei...

. Hoje em Poesia

. Reflexão: Lixo Invisível…

. Curso de Iniciação ao Rei...

. Brevemente... Reiki e Kar...

. Proximas actividades em a...

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007