Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

«Reiki & Terapias Orientais»

Aqui divulgo Terapias energeticas e/ou holísticas, evolução do Ser e crescimento pessoal. Autor do livro "Partilhas de um Ser" «Mestre de Reiki e Karuna». Tratamentos, Cursos e Workshop's

Aqui divulgo Terapias energeticas e/ou holísticas, evolução do Ser e crescimento pessoal. Autor do livro "Partilhas de um Ser" «Mestre de Reiki e Karuna». Tratamentos, Cursos e Workshop's

«Reiki & Terapias Orientais»

01
Abr09

Somos as Mãos de Deus...

Viktor

Onde está Deus? Porque é que por vezes pensamos que nos abandonou? Isso não corresponde à verdade pois ele está sempre presente em qualquer lugar na mais ínfima partícula das coisas. Deus está presente e manifesta-se perto de nós através das mãos, pois uma mão que nos toca, acalma, protege, conquista, atrai, cativa e consola é algo poderoso que está ao nosso alcance. O nosso sentido do tacto é a primeira coisa que aparece após o nascimento e a última a desaparecer em qualquer ser humano. O toque é uma forma de comunicação muito íntima e energética. Tocar e ser tocado é um ritual mágico que encerra em si segredos ocultos difíceis de revelar ao ser humano. As próprias histórias de Amor e Paixão estão repletas de fenómenos provocados pelas mãos no percurso das paisagens corporais de ambos. A mão encontra a sua própria realização no momento em que se torna útil no auxílio ao semelhante através do toque. Mãos que amam são mãos que curam. As nossas vivências evidenciadas pelas mãos no toque ou cumprimento evidenciam o seu percurso e experiência àqueles que tocamos. As mãos de cada um de nós detêm um determinado poder que varia consoante a sua idade, sexo, classe social e acima de tudo do poder interior de cada um. As formas como as pessoas se tocam varia consoante o relacionamento entre as mesmas e consoante a forma de cada um amar. O toque pode ser utilizado para: chamar, cumprimentar, acolher, libertar, consolar, acalmar, aliviar, tratar, seduzir, implorar, transformar, sentir, saber, falar, ouvir, ver e provar. O toque tem um poder tal que chega a anular a impotência das palavras que não conquistam. O que se sente ao tocar nem sempre é aquilo que estava-mos à espera, mas a verdadeira sabedoria predomina no deleite único de cada toque. Através do toque eu transmito o que sinto e a outra pessoa dá-me a conhecer o que sente simultaneamente. Assim, sendo o toque um gesto de carinho, amor, compaixão e consolador, é aí que Deus manifesta a sua divindade para com a sua criação. Sente nas mãos do teu semelhante um gesto de Deus.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Local/Contacto:

Portugal - Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

Links

FÓRUM DO BLOG

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D