Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

«Reiki & Terapias Orientais»

Aqui divulgo Terapias energeticas e/ou holísticas, evolução do Ser e crescimento pessoal. Autor do livro "Partilhas de um Ser" «Mestre de Reiki e Karuna». Tratamentos, Cursos e Workshop's

Aqui divulgo Terapias energeticas e/ou holísticas, evolução do Ser e crescimento pessoal. Autor do livro "Partilhas de um Ser" «Mestre de Reiki e Karuna». Tratamentos, Cursos e Workshop's

«Reiki & Terapias Orientais»

14
Out09

Cura do Nível Celestial (6º campo áurico)

Viktor

Para curar na sexta camada do campo áureo, você trabalha primeiro através dos chakras do coração, do terceiro olho e da coroa. Coloque as mãos em concha sobre o terceiro olho do paciente com os dedos juntos e os polegares cruzados um sobre o outro; eleve as suas vibrações para alcançar a luz e, a seguir, deixe-a fluir de cima para baixo através e diante de você até a área central do cérebro do paciente. Procure alcançar psiquicamente a mais alta realidade espiritual que conhece, primeiro estabelecendo conexão, através do coração, com o amor universal e, em seguida, tentando alcançar a luz com essa consciência. É muito importante passar pelo coração e esperar até entrar num estado de amor universal antes de subir pela coroa pois, não sendo assim, o tratamento pode tornar-se muito mental - Cumpre que ele seja acompanhado de um profundo amor a cada partícula do ser do paciente, nesse caso. O fato de estar ligado à consciência messiânica ou ao amor universal supõe a conservação de alguém no coração e a entrada num estado de total aceitação e vontade positiva em relação ao bem-estar e à existência continuada desse alguém. Trata-se de uma celebração em amor da existência da pessoa. Isso quer dizer que você precisa entrar nesse estado de ser, e não apenas imaginá-lo. Mantendo esse estado, procure alcançar a luz, e a mais alta e ampla realidade espiritual que pode experimentar.

A fim de elevar suas vibrações, use os princípios activos e receptivos. Primeiro, procure simplesmente aumentar a frequência das vibrações, através da respiração, arranhando a parte traseira da garganta com o ar, através do foco de meditação, e procurando alcançar a luz com o olho da mente. Subjectivamente, o mesmo é olhar para a luz e tentar atingi-la. Você sente-se mais leve e menos apegado ao corpo à medida que se vai erguendo, como se uma parte da sua consciência, literalmente, subisse espinha acima e se esticasse desde o seu corpo para entrar na luz branca. Os seus sentimentos tornam-se mais e mais deleitáveis, à medida que você entra na luz e sente, mais e mais, a segurança e o amor universais envolvendo-o e impregnando-o. A sua mente expande-se e você compreende conceitos amplos que não entendia num estado normal. Pode aceitar uma realidade maior, e é mais fácil para os guias transmitir conceitos através de você, porque você já não é tão preconceituoso no que concerne à natureza do mundo, isto é, eliminou algumas obstruções do seu cérebro. Cada passo que você para cima, dentro da luz, libera-o ainda mais. Praticando através dos anos, você será capaz de canalizar energias e conceitos cada vez mais elevados.

Agora que você obteve, em certo grau, a capacidade de se elevar, pare de tentar alcançar e deixe que a luz branca lhe permeie o campo áureo, elevado a uma vibração que se harmoniza com a luz branca. Ela fluirá, através do seu campo, para o campo do paciente.

Depois que a luz branca tiver fluído de cima para baixo e entrado na área central do cérebro do paciente, e depois que as vibrações dessa área forem alçadas nessa frequência, suba para o nível seguinte de vibração. Quando o paciente tiver alcançado esse nível, suba para o seguinte e assim, gradativamente, a área central do cérebro do paciente se iluminará. A aura do paciente enche-se de luz áurea impregnada de cores opalescentes. Às vezes, durante essa fase do tratamento, o paciente vê imagens espirituais ou “adormece”. (No meu entender, isso significa simplesmente que ele ainda não tem capacidade para reter a lembrança da experiência quando volta ao estado normal da realidade. Algum dia, quando ele tiver a mencionada capacidade, esse processo o ajudará a desenvolvê-la.)

Por ser muito forte essa maneira de canalizar, você precisa de mexer levemente as mãos para não romper a conexão com o sexto chakra antes de passar à fase seguinte do tratamento. Depois de iluminar a área do tálamo e encher a aura de luz branca, em havendo tempo, costumo executar algum trabalho directo sobre os níveis exteriores da aura. Com as palmas das mãos viradas para baixo, traçando caminhos com os dedos, penteio os raios de luz do corpo celestial, num movimento que se parece com o de correr os dedos pelos cabelos quando você os afasta da cabeça. Comece com as mãos próximas da pele e faça movimentos para fora, perpendiculares ao corpo, como se estivesse a levantar a aura. Isso proporciona ao paciente uma sensação de luz e realça o corpo celestial acrescentando-lhe a luz e ampliando-o. Se tiver tempo, tente fazê-lo.

Saudações Estelares

NAMASTÉ

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Local/Contacto:

Portugal - Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

Links

FÓRUM DO BLOG

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D