.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Quarta-feira, 11 de Fevereiro de 2009

Problema de origem Psíquico

O
 Reiki é uma terapia alternativa bastante eficaz na prevenção e tratamento também de problemas do foro psíquico, através da sua actuação no foro emocional, mental e espiritual do paciente. Para ficarem com uma ideia do tipo de problemas que, através do Reiki podem ser eliminados, atenuados ou tratados (dependendo do estado de avanço dos mesmos), descrevo seguidamente alguns que por provas dadas, são incluídos nesta lista: Actividade excessiva; Agressões; Angustias; Anorexia; Autismo; Bulimia; Seios; Colapso nervoso; Complexo de inferioridade; Depressões; Dolores neurológicos; Estado de Esgotamento psíquico-vegetativo; Stress; Falta de apetite; Frigidez; Impotência; Insónias; Intolerância; problemas diversos da Menopausa; Nervosismo; Neuroses; Ninfomania; Obesidade; Pânico; Perfeccionismo; Pesadelos; Pessimismo; Problemas sexuais; Resignação; Shock; Sonhos diurnos; Unhas.

Os problemas de saúde não se tratam apenas quando surgem, deve-se sim, caso haja suspeitas de determinada dificuldade, efectuar um “combate” ao mesmo quando ainda se encontra numa fase precoce. Assim e em jeito de conclusão deixo-lhe um conselho: Caso tenham suspeitas de algum destes problemas para o seu bem-estar não o deixe avançar e experimente esta terapia alternativa Japonesa de origem Tibetana e verá como o seu corpo lhe agradece.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Enorme Paz Interior...
Publicado por Viktor às 09:09
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 10 de Fevereiro de 2009

Mundo do Reiki

Entrar no “Mundo do Reiki” é entrar num maravilhoso mundo de sensações e emoções. Para quem já está absorvido por este universo, cada dia que passa é uma aprendizagem contínua através da prática continuada no próprio reikiano ou a todos aqueles que o procuram. Encontrar-mos o nosso bem-estar e ter possibilidade de o proporcionar a terceiros é sem dúvida uma experiência maravilhosa e gratificante, elevando a auto-estima de ambos pois é desenvolvido um trabalho mental e espiritual em todos os intervenientes. Ao fazer Reiki a si mesmo ou aos outros pode usufruir dos benefícios que a seguir transcrevo e explico.

RELAXAMENTO PROFUNDO: As auto-aplicações e aplicações de Reiki em terceiros, leva-os a um estado de relaxamento profundo desde que, se entreguem de “corpo e alma” ao que lhes estão a fazer pois, caso contrário, o subconsciente da pessoa bloqueia qualquer tipo de entrada ou troca energética.

ELIMINAÇÃO DE BLOQUEIOS: Diariamente através da interacção com várias pessoas, somos constantemente alvos e emissores de “ondas” energéticas entre nós e os outros, conforme já aqui tinha explicado neste blogue. Com relativa facilidade captamos energias negativas emanadas de outras pessoas que, assim que se “agarram” a nós, provocam bloqueios e mau estar físico e emocional.

DESINTOXICAÇÃO: Medicamente falando define-se como desparazitação, isto é, eliminação de anticorpos indesejáveis ao organismo que, pelos meios usuais (urina e fezes) não conseguem ser libertos.

AUMENTO DA FREQUÊNCIA VIBRATÓRIA: Significa o aumento do fluxo sanguíneo no corpo, permitindo uma boa oxigenação das células, por mais distantes que estejam da fonte (coração).   

COMPLEMENTO A TRATAMENTOS MÉDICOS: Qualquer terapeuta ou praticante de Reiki, não se pode sobrepor a um médico de clínica geral ou especialista. Deve sim, em consonância com o mesmo, trabalhar em conjunto, potenciando os efeitos benéficos da medicação e atenuando ou eliminando os efeitos secundários da mesma.

ELIMINAÇÃO DO STRESS: Entrando em relaxamento o stress alivia, mas como o Reiki actua também nos níveis, emocional, mental e espiritual, isso permite que a sensação e acumulação do stress seja ultrapassado.

RECOMENDADO A GRÁVIDAS: Como o Reiki aplicado durante a gravidez e com maior frequência nos 5 dias antecedentes ao parto, vai permitir uma melhor abertura ou deslocação do osso da bacia, bem como ao bebé colocar-se na posição indicada para sair. Todo este conjunto de serviços proporcionam o verdadeiro EQUILÍBRIO DO SER.

Estes são os benefícios de uma sessão de Reiki, mas ele não se fica apenas por aqui. Qualquer reikiano pode também aplicar Reiki nos alimentos, na água, nas plantas e nos seus animais domésticos que, por vezes sofrem devido aos seus donos.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Muito Amor Incondicional...
Publicado por Viktor às 09:13
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 9 de Fevereiro de 2009

CHAKRAS...

Publicado por Viktor às 11:00
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito

…ZEN, por terras do Alentejo

Este fim-de-semana, apesar das viagens serem um pouco cansativas, mas valeu a pena. Sábado em Beja o curso correu bem, tal qual o de Domingo em Odemira. Sinto que as experiências por eles vivenciadas, através do ritual iniciático, lhes despertaram mais interesse pelo Reiki devido às sensações que tiveram, bem como ao bem-estar por elas provocadas. Foi um fim-de-semana ZEN onde imperou a boa disposição e uma elevada vibração energética entre todos os intervenientes. Para cada um dos iniciados espero que esse dia seja o inicio de uma nova caminhada na procura do seu bem-estar e do seu enriquecimento espiritual, podendo cada um, vir a contribuir para o bem-estar comum deles e de todos os que os rodeiam, contribuindo assim para um melhor bem-estar social. Nada mais tenho a dizer, pois sinto-me um pouco cansado e publicarei amanhã (segunda-feira) este texto no meu blogue. Termino desejando a todos os iniciados um bom período de purificação interior e se alguma dúvida surgir, façam o favor de me colocarem as vossas questões.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:19
Link | Comentar | favorito
Sábado, 7 de Fevereiro de 2009

Fluxo de Energia

O famoso "cordão de prata" faz mais do que apenas unir dois corpos. Ele é um verdadeiro cordão umbilical, transmitindo informações e energia entre o corpo físico e subtil. Ele é visto por alguns que fazem projecção e não por outros. As vezes ele é visto emanando do umbigo e outras vezes do chakra do terceiro olho (testa). A área da qual o cordão é visto emanar pode depender da actividade do chakra. Aquele que for o chakra mais forte, mais activo, poderá ter o control sobre o fluxo de energia para os corpos subtis. Há também o sistema de crença da pessoa que é considerado e o poder criativo do subconsciente. Geralmente o cordão parecerá estar onde quer que você acredite que ele esteja, uma cortesia do subconsciente.

Assim que o corpo astral entre na dimensão astral ele deve possuir um bom suprimento de energia astral proveniente dos chakras a fim de interagir fortemente com aquela dimensão. A memória astral clara depende muito da quantidade de energia disponível. Como a dimensão astral é o domínio natural do corpo astral, ele não desaparecerá dela devido à falta de energia. Como na realidade, se uma pessoa não comer ou dormir durante alguns dias, ela não se dissolve para outra dimensão. Fica apenas fraca e indiferente (devido ao cansaço) e não interage fortemente com o mundo físico.

Podemos assim concluir que a mente astral deve ter energia suficiente para obter lembranças fortes e vívidas. Estas lembranças astrais devem ser suficientemente fortes para fazer um bom registo no cérebro físico, de forma que a mente física possa relembrar-se delas quando acordar.

Por exemplo: se não dormir durante alguns dias fica cansado, desatento e a sua interacção com a realidade será fraca e vaga. Se assistir a um filme nesse estado de cansaço, irá reter poucas informações do mesmo. Depois disso, pode-se lembrar apenas de fragmentos e as lembranças serão uma vaga nódoa. Se, entretanto, assistir a um filme quando estiver bem descansado, fresco e cheio de energia, é diferente. Guarda tudo sobre o filme e aprecia-o. A sua recordação será clara como cristal.

Isso é similar ao que acontece após uma experiência astral com pouca energia. O corpo astral carece de energia e assim não regista impressões suficientemente claras durante a jornada. Deve haver lembranças fortes e vívidas se, para quando regresse ao cérebro físico, permita que a experiência seja recordada.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 20:16
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Fevereiro de 2009

Problemas da Existência…

O que importa ao Homem saber, acima de tudo, é: o que é, de onde vem, para onde vai e qual o seu destino. As ideias que fazemos do universo e das suas leis, da função que cada um deve exercer sobre este vasto teatro, são de uma importância vital. Através delas dirigimos os nossos actos. Consultando-as, estabelecemos um objectivo nas nossas vidas e para ele caminhamos. Esta é a base que verdadeiramente motiva toda civilização.

Tão superficial é o seu ideal, quanto superficial é o homem. Para as colectividades, como para o indivíduo, é a concepção do mundo e da vida que determina os deveres, fixa o caminho a seguir e as resoluções a adoptar.

Mas a dificuldade em resolver esses problemas, muito frequentemente, faz-nos rejeitá-los. É o mal da época, a causa da perturbação à qual se mantém presa. Tem-se o instinto do progresso, pode-se caminhar mas, para chegar onde? É nisto que não se pensa o suficiente. O homem, ignorante dos seus destinos, é semelhante a um viajante que percorre maquinalmente um caminho sem conhecer o ponto de partida nem o de chegada, sem saber porque viaja e que, por conseguinte, está sempre disposto a parar ao menor obstáculo, perdendo tempo e descuidando-se do objectivo a atingir.

A insuficiência e obscuridade das doutrinas religiosas e os abusos que têm engendrado, lançam numerosos espíritos ao materialismo. Acreditam voluntariamente, que tudo acaba com a morte, que o homem não tem outro destino senão o de se esvanecer no nada.

Demonstrarei a seguir como esta forma de observar está em total oposição à experiência e à razão. Digamos, desde já, que está destituída de toda noção de justiça e progresso.

Se a vida estivesse circunscrita ao período que vai do berço à tumba, se as perspectivas da imortalidade não viessem esclarecer a sua existência, o homem não teria outra lei senão a dos seus instintos, apetites e gozos. Pouco importaria que se gosta do bem e a equidade. Se só aparece e desaparece neste mundo, se traz consigo o esquecimento das suas esperanças e afeições, sofreria tanto mais quanto mais puras e mais elevadas fossem as suas aspirações; adorando a justiça, soldado do direito, acreditar-se-ia condenado a quase nunca ver sua realização; apaixonado pelo progresso, sensível aos males dos seus semelhantes, imaginaria que se extinguiria antes de ver o triunfo dos seus princípios.

Com a perspectiva do nada, quanto mais tivesse praticado a justiça, mais sua vida seria fértil em amarguras e decepções. O egoísmo, bem compreendido, seria a suprema sabedoria; a existência perderia toda sua grandeza e dignidade. As mais nobres faculdades e as mais generosas tendências do espírito humano acabavam por se dobrar e extinguir inteiramente.

A negação da vida futura suprime também toda a sanção moral. Com ela, quer sejam bons ou maus, criminosos ou sublimes, todos os actos levariam aos mesmos resultados. Não haveria compensações às existências miseráveis, à obscuridade, à opressão, à dor; não haveria consolação nas provas e esperança para os aflitos. Nenhuma diferença se poderia esperar, no porvir, entre o egoísta, que viveu somente para si, e frequentemente na dependência dos seus semelhantes, e o mártir ou o apóstolo que sofreu, que sucumbiu em combate para a emancipação e o progresso da raça humana. A mesma treva lhes serviria de mortalha.

Se tudo terminasse com a morte o Ser não teria nenhuma razão de se constranger, de conter os seus instintos e gostos. Fora das leis terrestres, ninguém o poderia deter. O bem e o mal, o justo e o injusto confundiriam-se igualmente e misturavam-se no nada. E o suicídio seria sempre um meio de escapar aos rigores das leis humanas. A crença no nada, ao mesmo tempo em que arruína toda sanção moral, deixa sem solução o problema da desigualdade das existências, naquilo que toca à diversidade das faculdades, das aptidões, das situações e dos méritos. Com efeito, porquê a uns todos os dons de espírito, do coração e os favores da fortuna, enquanto que tantos outros não têm compartilhado senão a pobreza intelectual, os vícios e a miséria? Por que, na mesma família, parentes e irmãos, saídos da mesma carne e do mesmo sangue, diferem essencialmente sobre tantos pontos? Tantas questões insolúveis para os materialistas e que podem ser respondidas tão bem pelos crentes.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:37
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 5 de Fevereiro de 2009

Programar um Livro

Esta técnica permite que tenha uma maior compreensão do  conteúdo do livro programado, facilitando a leitura e assimilação do mesmo.

Ø      Coloque o livro entre as mãos;

Ø      Mentalize ou trace os símbolos HSZSN e SHK (com seus respectivos mantras);

Ø      Mentalize a programação (três vezes) “Estou a impregnar este livro com a energia cósmica, para que a essência do conhecimento nele contido, seja absorvida pelo meu subconsciente e que eu possa ter acesso a ela sempre que necessário”;

Ø      Mentalize ou trace o CKR (com seu respectivo mantra);

Ø      Aplique Reiki durante 10 minutos no livro;

Ø      Coloque-o na cabeceira da cama ao dormir (desta forma, durante o sono fortalecerá a sua conexão com o mesmo).

Nota: São inúmeras as possibilidades desta técnica. Pode acontecer que, durante a leitura parar, principalmente em pontos que são necessários para uma determinada prova ou concurso, compreender mais facilmente matérias e/ou fórmulas que anteriormente não compreendia, memorizar mais facilmente factos e datas, concentrar-se mais facilmente na sua leitura ou estudo. Há casos em que a conexão estabelecida é tão grande, que pode mesmo chegar a sonhar com o conteúdo do livro.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 23:00
Link | Comentar | favorito

Corpo e Perispírito

O perispírito é o nosso corpo espiritual (tem uma constituição semi-material e é a “veste” do espírito) que sobrevive após o desencarne e cujas suas principais funções são: organização biológica, sede da memória, intermediário entre o corpo físico e o espírito e actua nas comunicações mediúnicas.

Abordando o terceiro aspecto (intermediário entre o corpo físico e o espírito), pois é exactamente aí que actuam os centros de força.

Os Centros de Força, também conhecidos pelo termo oriental Chacras, são pontos de conexão entre o corpo físico e o perispírito pelos quais as forças espirituais e cósmicas fluem.

André Luiz diz que o perispírito é um complexo que movimenta energias; as forças espirituais e cósmicas penetram nos Centros de Força, passam para os plexos(chakras) e transitam para todo o organismo.

Os Centros de Força são pontos de conexão entre o corpo físico e o perispírito e estão ligados intimamente ao funcionamento e equilíbrio do corpo físico.

Os Centros de Força são também chamados de “Chacras”, palavra de idioma Sânscrito que significa “circulo de energia”.

Cada um destes pontos corresponde ao seu Chacra que é considerado como um centro de consciência que está voltado para aspectos muito específicos do comportamento e do desenvolvimento humano.

A cada Centro de Força corresponde tonalidade vibratória ¾ luz, calor, cor, som, etc.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:20
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Fevereiro de 2009

Condolências aos Familiares…

Caros amigos, leitores, reikianos e população em geral,

Faleceu um grande homem, que deixou um legado de esperança a todos os que sofrem de tumor cerebral e/ou pulmonar, bem como de outro tipo de problemas de saúde. Mesmo após lhe terem dado cerca de seis meses de vida, após um diagnóstico de uma dezena de tumores na cabeça e sete nos pulmões, Ele sempre acreditou que ia vencer e, parcialmente, conseguiu pois, acabou por ultrapassar largamente por mais um ano as expectativas médicas mais optimistas.

Assim sendo, envio as minhas mais profundas condolências a todos os familiares e amigos e que a sua alma descanse em paz e harmonia nos paraísos divinos do Senhor.

Quem o pretender acompanhar até à sua última morada, dia 04.02.2009 haverá missa pelas 14 horas na Igreja de Santa Isabel e a cerimónia fúnebre será seguidamente.

Deixo-lhes algumas palavras por ele citadas, que podem servir de farol para quem se julga “perdido”, no percurso da doença. A sua sensatez quando diz não citar ninguém que faz Reiki e outras terapias. Segue-se o link para o seu blogue e a sua grande entrevista dada à RTP em 12 de Junho de 2008.

Palavras do Salvador Vaz da Silva:  “Quero levar a outras pessoas doentes a minha história, mostrando-lhes que é possível vencer mesmo quando o quadro clínico nos condena a curto prazo. Cresci e aprendi muito, distingo com muito maior clareza o que tem e o que não tem importância nesta vida. Darmo-nos aos outros de coração, intervir pessoalmente onde podemos realmente fazer a diferença dando-lhes luz e amor, conforto, fé e esperança”.

“Também recebi alguns pedidos de indicação quanto a quem faz Reiki, medicina quântica, etc. Quanto a estes, lamento mas, por uma questão de principio, não forneço os contactos uma vez que fazê-lo equivaleria a recomendá-los e não quero nem posso assumir esse tipo de responsabilidade.”.

O seu blogue na internet: http://salvadorvazdasilva.blogspot.com/

A sua GRANDE ENTREVISTA na RTP

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Descança em Paz...
Publicado por Viktor às 21:34
Link | Comentar | favorito

Cursos de Iniciação em Fevereiro

No próximo dia 7 de Fevereiro, realizar-se-á um Curso de iniciação ao Reiki Nível I ou 1º Grau, em BEJA, no dia 8 de Fevereiro, em ODEMIRA, e no dia 22 de Fevereiro, em ALBUFEIRA num ambiente harmonizado onde poderá usufruir da calma necessária ao evento. Os cursos serão ministrados pela escola “Reiki & Espiritualidades”, associada da Associação Portuguesa de ReikiMonte Kurama” e será limitado a 10 inscrições, para que assim se consiga manter um bom nível formativo e participativo, com a qualidade esperada. Mais informações e esclarecimentos serão fornecidos por e-mail ou telemóvel. Serão afixados cartazes alusivos ao evento em diversos locais.

Não percam esta oportunidade…

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Oriental... ZEN
Música: Yani
Publicado por Viktor às 15:15
Link | Comentar | favorito

Doenças...

Os nossos desejos são como o fogo, quanto mais alimentamos mais brilha a sua chama. Desde que os desejos não possam sempre ser satisfeitos, a frustração, a raiva e o ressentimento estabelece-se.

A doença é a resposta da Mãe Natureza aos nossos incansáveis esforços para a destruição e indulgência. A doença é a maneira que a Natureza tem para nos acalmar. Na sua compaixão, ela avisa-nos primeiro, com problemas de saúde brandos, de que estamos a caminhar para um precipício. Quando teimosamente, recusamos ouvir então somos atacados por estados de doença mais agravados.

A saúde, ao contrário, é uma feliz jornada de volta à harmonia. Desejos, possessões materiais, gratificação dos sentidos, são vistos na perspectiva própria. Amor, fé, compaixão, partilha e carinho, ocupam o lugar das emoções negativas. Isto coloca-nos em contacto com nosso Guia Interior. Se estamos a ouvir, se estamos harmonizados, o Guia Interior nos guiará.

Portanto, a doença, tem um importante papel na nossa vida, sendo no nível físico, emocional, mental ou espiritual. Quando ela aparece, antes de a pensar terminar, devemo-nos interiorizar e procurar a consciência da sua origem.

Tomemos o exemplo de uma dor de cabeça. Quando a sente, vai ao armário e toma um comprimido para a eliminar e, na maior parte das vezes, isso basta para que seja eliminada. Óptimo, porém o que fez, nada mais foi do que mascará-la, pois brevemente, ela voltará, pois a dor de cabeça nada mais era do que um sintoma, não uma doença. Você só obterá um resultado efectivo, combatendo a causa da dor de cabeça e para isso, deverá consciencializar-se da origem da dor, que muitas vezes, não está no nosso corpo físico, mas sim no emocional, mental ou espiritual. Quando temos consciência da origem, podemos trabalhar na sua resolução. Podemos modificar o que nos está a prejudicar, e consequentemente eliminar a doença.

Por isso é necessário que faça-mos parte do processo de cura. Só assim crescemos. Tudo o que passamos, tem uma razão de ser. As nossas dificuldades projectam a nossa evolução. Porém é necessário absorver os ensinamentos que elas descortinam. E cada dificuldade que superamos, torna-nos mais fortes e preparados para que, quando tivermos que enfrentar algo semelhante não nos atrapalhemos.

Muitas pessoas pensam que, quando entra no caminho espiritual, ou entra em contacto com alguma técnica de equilíbrio, harmonização ou cura, que não mais passará por nenhuma dificuldade, ou não se voltará a adoecer. Porém, isso não é verdade. O que acontece, é que passa a ter uma percepção diferente de todas essas coisas. Os seus valores começam a transformar-se. Começa a valorizar o que realmente é valioso e passa a confiar em tudo o que lhe for necessário e seja do seu merecimento, no momento certo, será conquistado. Desta forma, você liberta-se da ansiedade, pois pode focalizar apenas o presente, sem remoer o passado, ou perder tempo com aspirações para o futuro. Concentrando toda a sua energia no momento presente, cada momento será um momento de alegria, independente desse momento ser feliz ou não. O seu espírito será livre para aproveitar intensamente esse momento. Absorvendo tudo o que ele lhe proporciona. Festejando a felicidade ou aprendendo com a dor. Cada experiência da nossa vida tem o seu potencial positivo, tudo depende da nossa intenção e da nossa entrega. Nós podemos transformar qualquer situação, mas para isso é necessário que sejamos conscientes.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:31
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2009

Reiki estimula resposta imunológica

Entrevista com Ricardo Monezi, biólogo pesquisador da Unifesp

O Reiki - técnica de imposição de mãos desenvolvida no final do século XIX pelo "teólogo" japonês Mikao Usui – pode ser uma ferramenta auxiliar no tratamento de doenças? Muitos garantem, sem pestanejar, que pode. Mas a confirmação científica dessa possibilidade começa a consolidar-se agora, a partir de pesquisas como a do biólogo Ricardo Monezi, da Universidade Federal de São Paulo, que indica interferência favorável da técnica no tratamento de animais de laboratório com cancro.

Segundo Monezi, o Reiki age positivamente na redução do nível de stress, uma das possíveis causas do surgimento, agravamento e até comprometimento do tratamento de doenças crónicas como o diabetes.

Durante cinco anos, Monezi conduziu uma pesquisa com camundongos para saber se o Reiki interferia positivamente no tratamento contra o cancro. Ele montou três grupos de camundongos. O primeiro não recebeu tratamento; o segundo recebeu tratamento falso – a imposição de mãos foi feita com a colocação de luvas presas a duas hastes de madeira; e o terceiro foi tratado com Reiki.
Monezi analisou o comportamento dos linfócitos – que são os responsáveis pela defesa imunológica do organismo – perante um tumor e concluiu que os ratos submetidos ao
Reiki mostraram aumento da capacidade de enfrentar a doença. O mesmo padrão foi observado com tumores mais agressivos. Os animais foram submetidos ao Reiki durante quatro dias, em sessões de 15 minutos.

Segundo o biólogo, esses resultados afastam a hipótese de que o sucesso do tratamento seja resultado de sugestão psicológica. A próxima etapa de sua pesquisa será observar o uso do Reiki nos seres humanos. A intenção é verificar se o Reiki pode colaborar para reduzir o stress e melhorar a imunidade de pacientes idosos, que muitas vezes sofrem baixas na sua resistência.
A palavra
Reiki significa Energia Vital Universal. Os seus criadores basearam-se na crença de que a energia liberada por um praticante de Reiki envolve o paciente, actuando sobre seu corpo físico. Na história da humanidade, diversas correntes religiosas têm utilizado a imposição de mãos com objectivos diversos. São exemplos o jor-ei da igreja messiânica, a bênção da igreja católica, o passe do espiritismo.

Do ponto de vista físico, explica o pesquisador, o ser humano é constituído por energia – o que pode ser observado, por exemplo, no electrocardiograma, que mede a função eléctrica do coração. Desde a década de 80, diversas correntes de pesquisa têm procurado enquadramento científico para a teoria que fundamenta o Reiki e outras técnicas de imposição de mãos. Todas têm constatado, como efeitos corriqueiros, sensação de bem-estar, diminuição de sintomas relacionados ao stress e sensação de relaxamento. Há trabalhos que indicam a técnica no tratamento de ansiedade, depressão e fobias como a síndrome do pânico. Monezi alerta, porém, que não se fala em cura, mas em indicação terapêutica complementar. Isto é, uma terapia de apoio ao tratamento convencional.

 

Extraído de: http://apr.pontedeluz.com/web//index.php?option=com_content&task=view&id=60&Itemid=2

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:08
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Curso de Iniciação ao Kar...

. A Crise de Cura nos Inici...

. Reflexão: Mundo de Ilusão

. Reiki na Actualidade

. SÍMBOLO: CHO-KU-REI

. As Energias II

. Reflexão: As Energias...

. O que é o Reiki?

. Consultas Terapêuticas Ho...

. Cursos de Reiki e Karuna ...

. Reflexão: do Reiki ao Kar...

. Reflexão: O Reiki em inúm...

. Agenda de Outubro

. Reflexão: A mesquinhez hu...

. Agenda de Junho

. Relexão: Guias...

. Reflexão: Semifrio de Emo...

. Consultas Holísticas

. Actividades em Abril - Re...

. Reflexão: Caminho do Amor

. Agenda... de Março

. Formações em Agenda

. Reflexão: A Infelicidade…

. Ensinamentos em Poesia

. Curso de iniciação ao Rei...

. Hoje em Poesia

. Reflexão: Lixo Invisível…

. Curso de Iniciação ao Rei...

. Brevemente... Reiki e Kar...

. Proximas actividades em a...

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007