Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

«Reiki & Terapias Orientais»

Aqui divulgo Terapias energeticas e/ou holísticas, evolução do Ser e crescimento pessoal. Autor do livro "Partilhas de um Ser" «Mestre de Reiki e Karuna». Tratamentos, Cursos e Workshop's

Aqui divulgo Terapias energeticas e/ou holísticas, evolução do Ser e crescimento pessoal. Autor do livro "Partilhas de um Ser" «Mestre de Reiki e Karuna». Tratamentos, Cursos e Workshop's

«Reiki & Terapias Orientais»

29
Abr08

REIKI nos Hospitais – o que faz a Diferença

Viktor

      Em Portugal, só à relativamente pouco tempo o Reiki começou a ser divulgado e praticado, no entanto são já em grande número as pessoas que têm conhecimento ou que tiveram algum contacto com o Reiki, e relataram os sus benefícios. Nos E. U., onde o Reiki tem uma longa tradição, os seus benefícios à muito que são reconhecidos, e começaram a ser aceites pela medicina convencional. Actualmente existe um número elevado de enfermeiras com formação em Reiki, que aplicam Reiki nos Hospitais e Clínicas onde trabalham, como forma a melhorar o cuidado aos doentes internados.

      Kathie Lipinski, enfermeira, num artigo que escreveu para a Organização Americana de Reiki, para a página do ReikiNews na Internet, relata a sua experiência com Reiki em pacientes com cancro. Experiência essa que gostaria de vos transmitir.

Reiki News:

“(...) gostaria de partilhar convosco, uma forma diferente de vivenciar a experiência do cancro, o da cirurgia oncológica.

Quando uma pessoa toma conhecimento que tem de ser submetido a uma intervenção cirúrgica, ou recebe o diagnóstico de cancro, é uma situação violenta, provoca no indivíduo sentimentos, pensamentos, e questões muito fortes geralmente de carácter negativo. (...) provoca sentimentos de medo... medo da morte, medo da mutilação, medo de que a sua vida sofra alterações profundas com as quais não consiga lidar.

(...) o tratamento para o cancro cria, muitas vezes, mais problemas nas pessoas e mais difíceis de ultrapassar do que inicialmente a pessoa podia imaginar. É o caso da quimioterapia ou da radioterapia.

Uma forma diferente de ajudar as pessoas a lidar com a experiência do cancro é a utilização do Reiki (...) . O Reiki tem o poder de aliviar as tensões emocionais e os pensamentos negativos, diminui as dores que muitas pessoas sentem e ajuda a encontrar o equilíbrio espiritual (...). Pode tornar a experiência da quimioterapia, radioterapia ou cirurgia mais tolerável.

Na minha experiência pessoal, eu vi muitas pessoas com cancro em estádios iniciais, antes de serem submetidas a cirurgia, durante os tratamentos de quimioterapia e radioterapia, e depois da cirurgia.

Pessoas  com que trabalhei que foram submetidas a tratamentos de quimioterapia e radioterapia revelaram-me que o tratamento de Reiki efectuado simultaneamente com o tratamento médico as ajudava a sentirem-se melhores, ajudava-as a lidarem com a fadiga, e algumas referenciaram que após os tratamentos de Reiki sentiram menos náuseas e vómitos.”

NAMASTÉ

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Local/Contacto:

Portugal - Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

Links

FÓRUM DO BLOG

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D