.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Terça-feira, 28 de Setembro de 2010

Problemas Existenciais…

Caros leitores,

     Umas das grandes questões sobre as quais se debate o Ser humano são: o que sou, de onde vim, para onde vou, que destino terei. As mais variadas ideias que temos sobre o Universo e as suas Leis, o papel de cada um neste teatro, primordial para cada um de nós, para podermos dirigir as nossas atitudes. Aqui reside a base que motiva toda uma civilização, pois tão superficiais são os seus ideais quanto superficial for o Ser. Colectiva e individualmente, a criação do mundo e da vida define os deveres de cada um, bem como os caminhos a seguir e as soluções a adoptarem.

     Como nem sempre são fáceis de resolver estes problemas, é típico simplesmente rejeitarem-nos. Tipicamente a maioria das pessoas são indecisas e vacilantes, o que faz com que sofram com que sofram com a consequência dos seus actos. Todas as épocas têm um determinado mal que causa perturbações no Ser mantendo-o preso a esses paradigmas. É claro que quando se fala em progresso, as pessoas perguntem, mas para chegar onde? É nisso que não pensam o tempo suficiente. Todo o Ser, inconsciente dos seus desígnios, é como se fosse um viajante que automaticamente percorre-se um caminho sem conhecer o ponto de partida e chegada e sem saber porque está a viajar mas, contudo sempre disposto a parar ao primeiro obstáculo que se lhe depare, o que o faz perder tempo descuidando-se assim do objectivo que pretende alcançar. A mediocridade e obscuridade das mais variadas doutrinas religiosas bem como os abusos que têm engendrado ao longo de gerações, faz com que imensos Seres sejam lançados para o materialismo. Como tal, estes crêem que tudo acaba com a morte, e que o destino do Homem é desvanecer-se no nada.

     Vamos então observar como esta forma de ver as coisas está oposta à experiência e razão. À partida não se coaduna com toda a noção de justiça e progresso. Se as nossas vidas se resumissem ao tempo que vai desde o nascimento à morte, apenas nos regeríamos pela lei dos instintos, apetites e gozos e de pouco nos valia amar-mos o Bem e a igualdade entre os Seres neste mundo. O egoísmo bem entendido, seria a suprema sabedoria e a existência perderia a sua grandeza e dignidade. As mais generosas e nobres faculdades do Ser humano, terminavam por se dobrar e extinguir inteiramente. A negação da vida futura eliminava todas as sanções morais, pois assim quer sejam bons ou maus, humildes ou criminosos, todos acabavam na morte. Mas que pensamento tão errado. Assim não haveria compensações relativamente às existências miseráveis, à opressão, à ansiedade e à dor. Não haveria também uma consolação relativamente às provas prestadas nem esperança para os aflitos. Não haveria diferenças nas esperanças e na evolução entre uma pessoa egoísta e egocêntrica que viveu única e exclusivamente para si muito dependente dos outros e uma pessoa humilde que sucumbiu em “combate” para a libertação da raça humana. Se tudo terminasse com a morte, não havia motivos para aborrecimentos e para conter os seus gostos e instintos, porque fora das leis terrenas ninguém o poderia julgar. Nestes moldes o bem e o mal seriam confundidos, acabando por se diluir no nada e o suicídio acabava por ser sempre uma forma de fugir às leis humanas. Acreditar que nada mais existe para lá da morte, deita por terra toda a condenação moral, o que deixava sem solução o problema que existe relativamente à desigualdade das existências, relativamente às nossas faculdades, situações e méritos relativamente às vivências. Já agora, vamos pensar no seguinte, porque é que uns têm todos os dons de riqueza enquanto outros vivem apenas na pobreza intelectual (vícios e miséria)? Porque é que Seres da mesma família, provindo da mesma carne e sangue, são tão diferentes em tantos pontos e feitios? Estas e outras questões não têm resposta possível para os materialistas e que têm uma resposta tão simples para os crentes.

     Vamos viver em comunidade e em conjunto, pensando colectivamente e agindo em prol do bem-estar comum da humanidade, pondo de lado a prepotência, egocentrismo, materialismo, inveja e apego do individualismo, pois todos estes pontos são fontes de sofrimento para qualquer Ser.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Grato por partilhar...
Música: M80
Publicado por Viktor às 10:45
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 7 de Setembro de 2010

Reflexão

Caros leitores,

O Ser sofre pelas mais variadas razões e motivos, perda, solidão e eutanásia. Muitos Seres sofrem porque perderam a casa, o computador, um amigo ou até mesmo um familiar, até aqui tudo bem, mas vamos lá ver porque sofrem? Sofrem devido ao apego (já aqui abordei este tema) que deriva da educação individual e colectiva das pessoas, pois teimam em viver “agarradas” aos paradigmas da sociedade e das velhas crenças que cada vez mais se encontram ultrapassadas. Lembrem-se de quando nasceram, o que trouxeram convosco? Nada! Logo, não esperem levar nada de cá, pois nada lhes pertence, a não ser as vivências e aprendizagens de cada momento que têm na vida, pois os momentos são únicos. Assim sendo tenham presente que nada é eternamente vosso e tudo aquilo que diz ter é apenas temporariamente seu, porque amanhã poderá já não ser e quando partir tudo ficará cá, ou espera ser enterrado como os faraós?

A Solidão pode ser sentida das mais diversas formas e feitios. O Ser pode-se sentir só estando realmente sozinho, no meio de uma multidão ou até mesmo fazendo uma vida normal. Sente-se só porque as outras pessoas não dão valor ao seu trabalho, porque é incompreendido, porque não o convidam para as festas, porque se sente “posto de parte”, porque sabe que poderia ser útil e não lhe pedem, enfim pelos mais variados motivos. Não se sinta assim, pois o mal não é seu mas sim de todos aqueles que não reconhecem o benefício da sua obra, pois o valor de qualquer “obra” ou “projecto” é “medido” consoante o objectivo e a finalidade com que o mesmo é executado e não pela sua grandeza física ou pela quantidade de participantes que tem.

Eutanásia é uma palavra que tem suscitado inúmeros comentários e opiniões no meio científico. Esta é apenas uma palavra para “encapotar” uma ordem de Morte. Mas quem é o Ser humano para definir segundo os seus paradigmas e conceitos, quem e quando deve morrer? Agora pergunto eu, quem é que disse àquelas pessoas para virem ao planeta Terra? Se não são donos do fenómeno da vida, porque querem ser donos da hora da partida (morte)? Nestes casos o Ser humano deve agir como age com qualquer pessoa que necessita de cuidados médicos, e assim tentar por todos os meios possíveis manter a pessoa neste planeta ou não será esta a função dos médicos? Respeitemos o próximo mesmo não concordando com as suas ideias, situação fundamental para se conseguir viver harmoniosamente em sociedade.

Saudações Holísticas

NAMAS

Música: M80
Publicado por Viktor às 11:39
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 21 de Julho de 2010

Chek-In

Um homem morreu repentinamente.

Eis que então dá conta que se aproxima dele um ser especial, em nada parecido aos seres humanos deste planeta, transportando uma mala e disse-lhe:

- Bem amigo… É hora de irmos… Sou a Morte…

O homem atrapalhado perguntou à Morte:

- Já? Tinha tantos planos para breve

- Sinto muito amigo… Mas é a hora da tua partida.

- O que trazes nessa maleta? E a Morte responde:

- Os teus pertences..

- Os meus pertences! Porreiro, são as minhas roupas, as minhas coisas e o meu dinheiro?

- Não amigo… As coisas materiais que tinhas nunca te pertenceram… Eram da Terra.

- Trazes as minhas recordações?

- Não amigo… Essas não vêm contigo nem nunca foram tuas… Eram do Tempo.

- Trazes os meus talentos?

- Não amigo… Esses nunca te pertenceram… Eram das Circunstâncias.

- Trazes os meus amigos e/ou familiares?

- Não amigo… Eles nunca te pertenceram… Eram do Caminho.

- Trazes a minha mulher e os meus filhos?

- Não amigo… Eles nunca te pertenceram, eram do Coração.

- Trazes o meu corpo?

- Não amigo… Esse nunca te pertenceu, é propriedade da Terra.

- Então trazes a minha Alma?

- Não amigo… Ela nunca te pertenceu… Era do Universo.

Então o Homem apavorado com o medo retirou-lhe a mala e abriu-a… Foi então que reparou que estava vazia… Então entristecido e com uma lágrima a surgir no canto do olho perguntou à Morte: Nunca tive nada?

- Tiveste sim meu amigo… Cada um dos momentos que viveste foram só teus… A Vida é só um momento… Um momento só Teu. Aproveita-o na sua totalidade… Vive o AGORA, vive a TUA VIDA, e não te esqueças de ser FELIZ.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz...
Publicado por Viktor às 23:23
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito

Nos dias de Hoje...

Caros Leitores,

     Nos dias de hoje há cada vez mais pessoas que se sentem baralhadas, inseguras, com a auto-estima bastante debilitada, tristes, sentem um vazio interior, têm sensações de não pertença a este planeta, muitas vezes parecem que “andam na lua”, não suportam locais com muitas pessoas, ao falar com certas pessoas parece que ficam sem energias, sente-se rejeitado pela família, não têm ninguém com quem possam falar destas coisas sem que lhes apontem o dedo e não só entre outras coisas mais, então não está louco. Está apenas num processo de despertar. Num despertar de consciência que lhe irá dar uma visão e um conhecimento diferente acerca de tudo o que se tem passado consigo no decorrer do seu caminho de ascensão. A estas pessoas, como a ciência médica convencional não tem resposta correcta, então são reencaminhados para a psiquiatria, psicologia, são-lhe diagnosticados estados depressivos, loucura e esquizofrenia e outras coisas mais.

     Estas pessoas não necessitam disso. Necessitam de alguém com conhecimentos de outro nível, no plano espiritual, que as possa ouvir, aconselhar e orientar, tal como um pai que no primeiro dia de escola leva o seu filho pela mão. Esta é uma realidade cada vez mais presente, a qual as pessoas têm enorme dificuldade de enfrentar devido ao facto de estarem “agarrados” aos paradigmas do passado, às velhas crenças, à educação que tiveram e ao próprio meio onde estão inseridos. Neste sentido tenho também sido requisitado, partilhando o meu conhecimento e auxiliando as pessoas a obterem respostas àquela panóplia de porquês que diariamente lhes surgem na mente. Não desespere porque nada acontece por acaso e certamente não foi por acaso que leu este esclarecimento. Não espere que façam tudo por si, seja você mesmo a tomar a iniciativa.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 01:58
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Fevereiro de 2010

Reflexão

Caros amigos,

A minha vida tem sido repleta de peripécias e altos e baixos.

Tive uma infância boa, com muito amor, amigos e uns pais maravilhosos.

Mas como o que é bom não dura sempre e aos 9 anos uma mudança radical foi operada na minha vida, que me “aprisionou” como um passarinho dentro de uma jaula. Durante os longos 6 anos que estive dentro dessa “jaula” perdi quase tudo, senti-me marginalizado, rejeitado, incompreendido, triste e . Assim a solidão passou a fazer parte de mim e assim aprendi a viver com ela da pior forma.

Adolescência, o que é isso? Nem me lembro… pois passou por mim num ápice que nem tive tempo de a saborear.

Foi então que já adulto comecei a voltar a ter “alguma” normalidade. Digo alguma, pois nem sempre as coisas estiveram bem, tal e qual como qualquer pessoa. Foi então em 2000 quase na viragem do século que descobri um novo rumo para a minha vida. Com esse novo rumo eu diria que a minha vida deu inicio a uma série de situações que apesar de me terem perturbado um pouco a vida, deram-me mais força para continuar pois muitas vezes consegui extrair as coisas positivas daquelas situações que a generalidade das pessoas acham negativas. Isto tudo deveu-se aos conhecimentos adquiridos e ao caminho que fui traçando para mim.

Agora, quando olho para trás e me sinto satisfeito com o trabalho que tenho feito, ensinado uns, auxiliando outros e desenvolvendo um trabalho social para os mais necessitados, eis que me apercebo que, não sei porquê, as pessoas vêem e vão. Mas se desaparecem é porque o meu “trabalho” com elas terminou, e por mais ou menos que me custe resta-me a conformação.

Em jeito de conclusão, pretendo assim demonstrar que nem sempre a vida dos outros é melhor que a nossa e muitas vezes para chegarem onde estão, as pessoas tiveram de passar muitos maus bocados. Desculpem, mas hoje tive necessidade de exteriorizar isto.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 01:23
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 25 de Novembro de 2009

Tipos de Obstruções Energéticas

Os bloqueios podem apresentar-se de variadas formas e feitios. A obstrução “maçante” resulta de se deprimirem os sentimentos e a energia da pessoa até a sua estagnação, provocando uma acumulação de fluidos corporais na área. O corpo tende a inchar-se ali. Essa obstrução, em geral, não é de alta energia, mas antes de baixa que habitualmente está associada ao desespero. Se a obstrução continuar, a doença resultante possível será uma colite ou uma angina de peito. A cor, quase sempre o azul-acinzentado, produz uma sensação de coisa pegajosa e pesada, como o muco. Ali há raiva também, geralmente do tipo que censura. A pessoa desistiu de tudo e sente-se impotente. Uma mulher, que teve um casamento infeliz e renunciou à carreira pelo casamento, por exemplo, sofre uma obstrução desse género. Agora, cinquentona, verificou ser impossível voltar ao mundo dos negócios e encetar uma carreira. Em vez disso, atribui simplesmente ao marido sua infelicidade. Exige que as filhas façam o que ela nunca fez. Tenta viver a vida através delas, mas é claro que isso não pode dar certo.

Por outro lado, a obstrução de compactação, que suprime os sentimentos, contém grande quantidade de fúria acumulada, como um vulcão. De cor vermelho-escura, costuma aparecer, pressagia, ao observar, que normalmente não deseja ser o recipiente da erupção vulcânica. Essa obstrução da energia resulta numa acumulação de gordura ou músculos corporais na área. Se a compactação continuar por muito tempo, poderá redundar em enfermidades como uma inflamação da pelve. A pessoa geralmente se dá conta da fúria e sente-se presa porque a liberação da fúria está associada à humilhação. Uma mulher que conheci chegou à conclusão, na infância, de que o fato de experimentar sensações sexuais acarreta humilhação. O pai humilhou-a em relação à sua sexualidade quando ela era moça. Resultado: ela bloqueou suas vigorosas sensações sexuais e as manteve, apertadas, na pelve. As sensações sexuais contidas, pouco a pouco, se transformaram em fúria. E porque a fúria não se soltou, graças ao medo da humilhação, o acúmulo de energia estagnada na pelve produziu uma infecção. Depois de anos de pequenas infecções crónicas, ela ouviu finalmente o diagnóstico de que sofria de uma inflamação da pelve.

A armadura de rede  é uma obstrução eficaz porque ajuda a pessoa a evitar sentimentos, sobretudo e medo, pela rápida movimentação das obstruções quando ela é desafiada, quer numa situação de vida, quer na terapêutica. Se o terapeuta, por exemplo, procurar liberar uma obstrução pelo exercício ou pela massagem profunda, a obstrução simplesmente se mudará para outra parte do corpo. Esse tipo de obstrução provavelmente não dará início a uma moléstia tão depressa quanto os outros tipos de obstruções. Tudo parecerá maravilhoso na vida do paciente. Ele será bem-sucedido no mundo, terá um casamento “perfeito” e “filhos modelos” mas, em que pese a tudo isso, terá a vaga sensação de que lhe falta alguma coisa. Essa pessoa só será capaz de tolerar sentimentos profundos por um curto período de tempo, antes de pular fora deles. Por fim, criará alguma crise em sua vida a fim de irromper os sentimentos mais profundos. Essa crise pode assumir qualquer forma, como uma doença inesperada e súbita, um acidente ou um caso de amor.

A armadura de placa, congela todos os tipos de sentimentos, que são mantidos no lugar, em volta do corpo, por um campo de alta tensão generalizada. Essa armadura ajuda eficazmente a pessoa a construir uma vida bem estruturada no nível exterior. O corpo será bem construído; os músculos tenderão a ser rijos. No nível pessoal, a vida será menos satisfatória, porque a armadura de placa, na verdade, anula os sentimentos, criando alta tensão em todo o corpo, tensão que pode redundar em tipos diferentes de doenças: úlceras decorrentes do excesso de trabalho, ou problemas cardíacos consequentes ao “emperramento” da vida sem alimentação pessoal. Porque não pode sentir bem o corpo, como, por exemplo, a tensão nos músculos longos, a pessoa fará, provavelmente, pressão excessiva sobre os músculos, causando uma distensão dolorosa dos extensores da perna, ou uma tendinite. Essa pessoa também terá uma vida aparentemente “perfeita”, à qual faltará, todavia, uma ligação pessoal mais profunda. É provável que também acabe criando alguma espécie de crise de vida, como as crises supramencionadas, que a ajudará a ligar-se à sua realidade mais profunda. Um ataque cardíaco obtém lindamente esse resultado para alguns homens. Conheço, por exemplo, um homem de negócios muito bem-sucedido, dono de várias revistas, todas de grande circulação. Ele andava tão absorto no trabalho que se acabou distanciando da família. Depois do enfarte, os filhos chegaram-se a ele e lhe disseram: “Você precisa parar, pois caso contrário, morrerá. Ensine-nos a ajudá-lo a dirigir seus negócios.” Ele ensinou-os, eles aprenderam e a família voltou a ajuntar-se.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:48
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 16 de Outubro de 2009

HO’OPONOPONO

 Ho'oponopono

Significa amar-se a si  mesmo.

" Teus Olhos são candeia do teu corpo; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz."

Matheus 6:22

Para os antigos havaianos, todos os problemas começam com o pensamento. Mas o problema não está no simples pensar. O problema ocorre quando nossos pensamentos estão impregnados de memórias dolorosas a respeito de pessoas, lugares ou coisas”.

Dr Len

Numa escola no início do ano lectivo, disseram aos professores que alguns alunos eram superdotados. Só que aqueles alunos foram escolhidos aleatoriamente. No final do ano aqueles alunos, que os professores acreditavam serem superdotados, tiveram realmente um aproveitamento acima do normal. ” Os alunos reagiram de acordo com o que os professores esperavam deles.”Assim podemos entender um pouco como interferimos na realidade do outro, com nossos pensamentos e expectativas sobre ele...

O Dr. Len explicou, então, que entendia que a total responsabilidade pela nossa vida implica em tudo o que está na nossa vida, pelo simples fato de estar em nossa vida e ser, por esta razão, é de nossa responsabilidade.

Num sentido literal, o mundo todo é criação nossa!

O problema não está neles, está em você, e, para mudá-lo, você é quem tem que mudar. Sei que isto é menos fácil de entender, muito menos de aceitar ou de realmente vivenciar.

Colocar a culpa noutra pessoa é muito mais fácil que assumir a  total responsabilidade; o ho'oponopono significa amar-se a si mesmo.

Se você deseja melhorar sua vida, você deve curar sua vida. Se você deseja curar alguém, mesmo um criminoso mentalmente doente, você o faz curando a si mesmo.

Explicou Dr. Len como é que ele se auto-curava. O que era, exactamente, que ele fazia, quando olhava os prontuários daqueles pacientes. E ele disse: " Eu, simplesmente, permanecia dizendo ' Eu sinto muito' e 'Te amo', uma vez após outra" explicou-me.

" Só isso? "  -

"Só isso! Acontece que amar-se a si mesmo é a melhor forma de melhorar a si mesmo e, à medida que você melhora a si mesmo, melhora o seu mundo"

Os: “ Primeiro mandamento; Amarás ao Senhor Teu Deus, com todo o teu coração, toda a tua Alma, e, todo o teu entendimento”. Logo, Ame a você sobre todas as coisas “.

 “ Permita-me, agora, dar um rápido exemplo de como isto funciona”:

Um dia, alguém me enviou um e-mail que me desequilibrou. No passado, eu teria reagido trabalhando meus aspectos emocionais tórridos ou tentado argumentar com a pessoa que me enviara aquela mensagem detestável. Mas, desta vez, eu decidi testar o método do Dr. Len. Comecei a pronunciar, em silêncio: "Sinto muito" e "Te amo". Não dizia isto para alguém, em particular. Ficava, simplesmente, invocando o espírito do amor, para que ele curasse dentro de mim o que estava criando aquela circunstância externa. Depois de uma hora, recebi um e-mail da mesma pessoa, desculpando-se pela mensagem que me enviara antes.

Observe que eu não realizei qualquer acção externa para receber essa desculpa. Eu nem sequer respondi aquela mensagem. Não obstante, somente repetindo "sinto muito" e "te amo", de alguma maneira curei dentro de mim aquilo que criara naquela pessoa.

 “Memórias são companheiras constantes da Mente Subconsciente. Elas nunca deixam a Mente Subconsciente sair “de férias”.

 Elas nunca deixam a Mente Subconsciente se retirarem para dentro de si mesmas. Memórias nunca param de recordar, incessantemente! Para acabar de uma vez por todas com as memórias, elas devem ser apagadas também de uma vez por todas”.

" Eu te amo ”

Quando sua Alma experienciar problemas de recordações, diga para elas mentalmente ou silenciosamente: "Eu amo vocês, queridas memórias. Eu agradeço pela oportunidade de libertar tudo entre você e eu". " Eu te amo ", pode ser repetido mentalmente novamente e novamente.

 Memórias nunca saem “de férias” ou se aposentam, a menos que você as aposente. " Eu te amo ", pode ser usado até mesmo se você não estiver consciente dos problemas. Por exemplo, pode ser aplicado antes de se ocupar de qualquer atividade como fazendo ou respondendo um telefonema ou antes de entrar em seu carro para ir a algum lugar.  Dr. Len

“ Oração criada por Morrnah Simeona "guardiã do segredo”

“Divino Criador, pai, mãe, filho em um...

Se eu, minha família, meus parentes e ancestrais lhe ofenderam, à sua família, parentes e ancestrais em pensamentos, palavras, atos e ações do início da nossa criação até o presente, nós pedimos seu perdão...Deixe isto limpar, purificar, liberar, cortar todas as lembranças, bloqueios, energias e vibrações negativas e transmute estas energias indesejáveis em pura luz...

E assim está feito”.

Saudações Estelares

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 13:32
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 1 de Outubro de 2009

Reflexão...

Caros concidadãos,

Cada vez mais o Reiki se encontra implementado nos mais diversos locais, mas por outro lado há ainda uma cultura cívica que não compreende esta terapêutica. Por mais vezes que aqui coloque informação, que faça Workshop’s, Palestras ou Cursos, denoto que diariamente encontro pessoas que não sabem o que é, mas como o típico cidadão comum gosta sempre de falar mesmo que não tenha conhecimento, então conota logo esta terapêutica com as seguintes palavras: bruxaria, seita, magismo, etc… . Infelizmente todos aqueles que toma este tipo de atitudes é porque na realidade nada sabem e como diz o povo: “Perdes-te uma boa oportunidade para estares calado.”.

O Reiki é, nada mais nada menos que, a prática do AMOR INCONDICIONAL para com o nosso semelhante, tal como diz o povo: “é fazer o bem sem olhar a quem”. Tornar-se Reikiano é sem dúvida, um importante passo na nossa mui longa jornada, em prol do nosso bem-estar pleno, através da revelação do nosso EU SOU Interior. Encontrar-mos, seja com que idade for, o nosso equilíbrio interior dá-nos a harmonia e bem-estar necessário para prosseguirmos o nosso caminho com um sorriso no rosto e sempre com o coração nas mãos. O Reiki faz de todos aqueles que abraçam a causa pessoas diferentes, pois através do processo que defino como a Purificação Interior, caiem as máscaras que julgava-mos não ter, bem como mudam as nossas atitudes para com os outros e com o mundo que nos rodeia, fazendo de nós os trabalhadores de luz. Aplicar Reiki a outra pessoa é um acto maravilhoso, pois como canais que somos, entre a energia cósmica divina e o paciente, faz com que a aplicação seja feita simultaneamente no Terapeuta ou Reikiano e no Paciente. Este gesto de Amor Incondicional já era aplicado no tempo de Buda (ac) e Jesus Cristo, através dos gestos de imposição de mãos que faziam, transmitindo assim os fluidos cósmicos para o bem-estar do seu semelhante. O Criador não se esqueceu de nós, por isso deixou e foi-nos revelando Esta e outras formas de ajudar o próximo, em prol do bem-estar supremo de toda a humanidade. Quantos de vós vivem em função do trabalho, do dinheiro, da família ou do companheiro(a)? Acham que são felizes? Porque procuram a felicidade do lado de fora quando ela está dentro de vós? Porque dedicam todo o tempo aos outros não reservando nenhum para vós? Porque se preocupam com o que pensam de vós e não se aceitam como são? Porquê querer ter tudo se, quando partir não leva nada? Façam a vossa reflexão sobre estas questões e se acharem oportuno comentem.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 02:16
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

Abalos Morais e Roteiro Seguro

N

inguém se deve deixar abater. Há momentos na vida em que os abalos morais - alguns de grande intensidade - sacodem, impiedosamente, a alma humana. A esta, porém, não faltam forças para reagir e dominar a situação, principalmente quando se apoia no conhecimento da vida real e da verdade. São esses conhecimentos as suas armas e os seus escudos mais fortes porque, quando bem manejados, levam sempre ao triunfo.

Quantas e quantas vezes a simples partida de um ente querido para o além - coisa tão natural na vida - conduz ao inconformismo, à aflição e ao desespero!

Com isto o espírito desencarnado, não esclarecido, aflige-se, sofre, procura intuir para acalmar e, como não o consegue, acaba por se tornar obsessor, perturbando e levando à obsessão o intuído.

O melhor procedimento dos que ficam para com os que partem é elevar o pensamento à Forças Superiores com firmeza e convicção, envolvendo-os na ternura e no calor da irradiação amiga para auxiliá-los a romper a camada atmosférica terrestre e a seguirem para os mundos a que pertencem.

Empenha-se o Racionalismo Cristão em oferecer aos seres humanos um roteiro seguro para uma vida sadia e evolutiva.

Grande parte da humanidade é vítima da obsessão, exactamente por desconhecer os recursos, os elementos, os meios que tem ao seu alcance para evitá-la ou livrar-se dela.

Alguns sintomas do estado inicial da obsessão podem ser observados nos seguintes casos:

1º.  Tendência para dar risadas sem motivo ou a pretexto de coisas fúteis;

2º. Vontade de chorar, sem razão plausível;

3º. Comer exageradamente;

4º. Estar sempre com sono;

5º. Sentir prazer na ociosidade;

6º. Exteriorização de manias;

7º. Ideias fixas;

8º. Fazer gracinhas tolas;

9º. Amofinar, persistentemente, o próximo;

10º.   Repetir, mecanicamente, o mesmo dito;

11º.    Deixar-se dominar por paixões;

12º.   Prevenções descabidas;

13º.   Casmurrices;

14º.   Práticas viciosas;

15º.   Actos de ostentação;

16º.   Explosões temperamentais;

17º.   Mistificação;

18º.   Dizer mentiras;

19º.   Expressar-se licenciosamente;

20º.  Revelar covardia;

21º.   Usar palavrões;

22º.  Demonstrar fanatismo;

23º.  Gesticular e falar sozinho;

24º.  Ser sistematicamente importuno;

25º.  Ouvir e ver coisas fantásticas;

26º.  Gastar acima do que deve e pode;

27º.  Manias de doença;

28º.  Descuidar-se das obrigações no lar e no trabalho;

29º.  Abandonar os deveres caseiros, ausentando-se do seio da família;

30º.  Viver num mundo distante, sonhadoramente; e,

31º.   Provocar ou alimentar discussões.

Qualquer destas atitudes, ainda mesmo quando não constitua um estado de anormalidade mental adiantada, predispõe à obsessão.

Não é demais insistir neste ponto: a linguagem dos espíritos desencarnados é o pensamento. Pelo pensamento identificam eles os sentimentos das criaturas, as suas intenções e tendências, e disso se prevalecem os obsessores para estimular, pela intuição, os vícios e as fraquezas humanas.

Por higiene mental, não se deve pensar em intrigantes, caluniadores, desafectos e, em geral, nas pessoas de maus sentimentos.

Pensar em tais seres é ligar-se à sua má assistência espiritual, receber influências malignas e correr o risco de avassalamento.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:07
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Setembro de 2009

Lesões Afectivas

Um tipo de auxilio raramente lembrado: o respeito que devemos uns aos outros na vida particular.

Caro é o preço que pagamos pelas lesões afectivas que provocamos nos outros.

Nas ocorrências da Terra de hoje, quando se escreve e se fala tanto, em torno do amor livre e do sexo livre, muitos poucos são os companheiros encarnados que meditam nas consequências amargas dos votos não cumpridos.

Se habitas um corpo masculino, conforme as tarefas que te foram assinaladas, se encontraste essa ou aquela irmã que se te afinou com o modo de ser, não lhe desarticules os sentimentos, a pretexto de amá-la, se não estás em condição de cumprir a própria palavra, no que tange a promessas de amor. E se moras presentemente num corpo feminino, para o desempenho de determinadas actividades, se surpreendeste este ou aquele irmão que se harmonizou com as tuas preferências, não lhe perturbes a sensibilidade sob a desculpa de desejar-lhe a protecção, caso não estejas na posição de quem desfruta a possibilidade de honorificar os próprios compromissos.

Não comeces um romance de carinho a dois, quando não possas e nem queiras manter-lhe a continuidade.

O amor, sem dúvida, é lei da vida, mas não nos será lícito esquecer os suicídios e homicídios, os abortos e crimes na sombra, as retaliações e as injúrias que dilapidam ou arrasam a existência das vítimas, espoliadas do afecto que lhes nutria as forças, cujas lágrimas e aflições clamam, perante a Divina Justiça, porque ninguém no mundo pode medir a resistência de um coração quando abandonado por outro e nem sabe a qualidade das reacções que virão daqueles que enlouquecem, na dor da afeição incompreendida, quando isso acontece por nossa causa.

Certamente que muitos desses delitos não estão catalogados nos estatutos da sociedade humana; entretanto, não passam despercebidos nas Leis de Deus que nos exigem, quando na condição de responsáveis, o resgate justo.

Tangendo este assunto, lembramo-nos automaticamente de Jesus, perante a multidão e a mulher sofredora, quando afirmou, peremptório: "aquele que estiver isento de culpa, atire a primeira pedra".

Todos nós, os espíritos vinculados à evolução da Terra, estamos altamente comprometidos em matéria de amor e sexo, e, em matéria de amor e sexo irresponsáveis, não podemos estranhar os estudos respeitáveis nesse sentido, porque, um dia, todos seremos chamados a examinar semelhantes realidades, especialmente as que se relacionem connosco, que podem efectivamente ser muito amargas, mas que devem ser ditas.

Espírito: EMMANUEL

Médium: Francisco Cândido Xavier

Livro: “Momentos de Ouro

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 08:57
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Segunda-feira, 31 de Agosto de 2009

Reflexão do dia

O

 universo está a passar por tempos algo conturbados relacionados com a evolução da espécie humana. Estão a chegar ao planeta Terra Frequências Vibracionais de altos níveis e quando a Esmeralda de Cristal for activada no Portal 9-9-9, grandes e rápidas mudanças nas consciências das pessoas vão ocorrer em todo o planeta.

Estas mudanças são mais do que necessárias no meu ponto de vista, pois nos dias que correm muitas pessoas (espíritos encarnados) vivem muito agarrados aos prazeres da vida terrena o que os faz estar cada vez mais distantes da origem (Deus). Digo origem porque dentro de cada um de nós e até mesmo de cada uma das nossas células, está um pouco Dele, o Divino criador da humanidade. Quando as pessoas me procuram vêm pelos mais variados motivos (stress, fobias, depressões, ansiedade, problemas emocionais, etc…). A partir do momento em que as pessoas através do Reiki começam a ser ajudadas têm uma melhoria nos níveis físico, emocional, mental e espiritual. Nalguns casos pode também, com o decorrer do tempo, sofrer alterações de personalidade positivas, através do despertar da sua verdadeira essência interior, o seu EU. Como é óbvio, este tipo de alterações reproduz efeitos no comportamento da pessoa perante os outros, principalmente quando estes lhe são mais chegados (esposa, esposo, filho, filha, pai, mãe, pai), tanto aqueles com que vive como os que se encontram mais afastados. Quando as pessoas começam a despertar o seu Eu, a sua verdadeira essência, passam por um processo onde imensas perguntas lhe surgem na mente e a descoberta de facetas interiores permitem que se consciencialize que na verdade algumas das atitudes que até então tomava não eram as mais correctas nem estavam em harmonia com a sua verdadeira essência.

Em jeito de conclusão termino lançando um apelo a todos os familiares de pessoas que andam a ser acompanhadas/tratadas através do Reiki. Aceitem as pessoas e as mudanças nas mesmas, pois ninguém é dono de ninguém e cada um tem o seu livre arbítrio, por isso respeitem as alterações positivas das pessoas.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:16
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 28 de Agosto de 2009

Familia

Caros leitores e amigos,

Cada um de nós tem uma família com a qual temos de viver enquanto cá estamos. Esperamos que a mesma esteja ao nosso lado nos altos e baixos da vida. Ao longo da vossa vida, por vezes já deram pela vossa mente a fazer-lhes estas e outras perguntas: Porque é que eu tenho estes pais? Porque é que tenho esta família? Porque é que fui abusado(a) por um familiar? Porque é que a minha família me rejeita?

Então eu vou-lhes responder a todas estas questões. O/A único culpado/a disto é você. Nada mais correcto, pois foi você que escolheu a família em que quis nascer, mediante as provações necessárias pelas quais tem de passar no seu processo evolutivo enquanto espírito encarnado. Pois é, a vida não acaba quando morrer, apenas vai ser transportado para outro plano onde o que vê na terra também existe, à excepção das leis defeituosas criadas pelos Homens, pois nesse plano é regido pela Lei da Providência criada pelo divino Criador. Se foi essa a família que lhe saiu na rifa não foi por acaso, foi sim obra do merecimento, por aquilo que fez ou não nas anteriores vidas em que cá esteve (terra). Por isso meu amigo, não se lamente por isso, pois ninguém tem culpa da tua situação a não seres tu e apenas tu. Assume o papel da tua vida, vivendo com o que tens (partilhando com o teu semelhante) sem desejares a cada dia que passa, mais, mais e mais pois isso será uma chaga. Essa chaga vai criar bloqueios energéticos no corpo que por sua vez vão despoletar alguns problemas tais como úlceras, enxaquecas, alterações no sistema nervoso, dores na região dorso lombar e noutras partes do corpo, hipertensão arterial, ansiedade, medos, fobias e uma grande baixa nos níveis de auto-estima. Todas estas situações podem ser atenuadas ou até mesmo eliminadas através da prática do Reiki. Pense nisto e se tiver algo a dizer ou acrescentar, tenha a liberdade.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 11:01
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Sexta-feira, 14 de Agosto de 2009

Reflexão

Caro amigo,

Não penses que és o dono da razão, pois há-de chegar o dia que dás conta que estás errado;

Não te escondas no teu mundo porque o Divino não te criou para viveres isolado;

No momento das aflições não as queiras superar só, pede auxílio a Deus;

Se as pessoas que encontras não te conseguem ajudar, não percas a esperança porque a pessoa certa há-de chegar;

Viver só em função da família está errado, esqueces-te de ti e sentes-te rejeitado;

Aguardar calmamente que nos façam o que temos em mente, dá oportunidade à tristeza interior;

Não culpes apenas os outros, pois não és perfeito;

Não uses máscaras imaginárias, elas não deixam ver a tua beleza interior.

Muitas outras citações podiam ser ditas, mas por hora deixo apenas estas para vos deixar a pensar. Reflectir no que fazemos através de meditação, dá-nos luz interior para uma melhor compreensão. É neste campo que o Reiki pode desempenhar um importante papel, pois além de uma terapia é também uma filosofia de vida. Como filosofia de vida, altera a nossa forma de estar e de pensar o mundo, bem como tudo o que nos rodeia (toda a obra do Divino).

Por ora fico-me por aqui e caso o leitor tenha algo a dizer ou comentar, faça o favor de o fazer. Obrigado pelo tempo dispensado pela leitura.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:58
Link | Comentar | ver comentários (6) | favorito
Sexta-feira, 17 de Julho de 2009

Pesquisas Cientificas sobre REIKI

Pesquisas científicas na área de imposição de mãos estão a ser conduzidas há algum tempo. Há agora algumas experiências que validam a utilidade do Reiki como técnica de cura. Alguns dos resultados mais interessantes destas experiências demonstram que os resultados positivos são mais do que efeito placebo.

Wendy Wetzel, uma enfermeira descreve uma experiência de Reiki que ela conduziu: "Cura por Reiki - Uma Perspectiva Fisiológica". No seu estudo, quarenta e oito pessoas formaram o grupo experimental enquanto dez, o de controle. Os grupos tiveram amostras de sangue retiradas no princípio e término da experiência. O grupo experimental recebeu formação em Reiki I. O grupo de controlo não foi envolvido na formação de Reiki.

Das amostras de sangue foram analisados a hemoglobina e o hematócrito. Hemoglobina é a célula vermelha do sangue que leva oxigénio. Hematócrito é a relação das células vermelhas do sangue com o volume total de sangue. As pessoas do grupo experimental tiveram mudança significativa nestes valores com vinte e oito por cento sofrendo um aumento e o resto uma diminuição. As pessoas do grupo de controlo não tiveram mudança significante. As alterações, aumento ou diminuição, são consistentes com o propósito de Reiki que é trazer equilíbrio numa base individual.

Uma paciente teve 20% de aumento nestes valores. Ela continuou a tratar-se diariamente com Reiki e depois de três meses, o aumento foi mantido. A paciente vinha de um quadro de anemia por deficiência de ferro.

Outra experiência demonstrou aumento nos valores de hemoglobina; conduzida pela médica, Otelia Bengssten, num grupo de setenta e nove pacientes com diagnósticos de pancreatite, tumor cerebral, enfisema, desordens endócrinas múltiplas, artrite reumática, e paragens cardíacas. O tratamento de Reiki foi feito em quarenta e seis pacientes, sendo trinta e três controles. Os pacientes mostraram aumentos significantes nos valores de hemoglobina. A maioria dos pacientes informou melhoras ou desaparecimento completo dos sintomas. Esta experiência e a anterior demonstrou que as aplicações de Reiki produzem melhoras biológicas.

No centro médico St. Vincent em Nova Iorque a experiência foi efectuada por Janet Quinn, director assistente de enfermagem na Universidade da Carolina do Sul. A meta desta experiência era eliminar o efeito placebo. Trinta pacientes do coração receberam vinte perguntas de um teste psicológico para determinar o nível de ansiedade. Eles foram tratados por um grupo de Reikianos. Um grupo de controle de pacientes também foi tratado por pessoas, não treinadas em Reiki, que imitaram as mesmas posições de imposição de mãos. No primeiro grupo dezassete por cento tiveram o nível de ansiedade diminuído depois de cinco minutos de tratamento; o outro grupo não apresentou nenhuma modificação.

Daniel Wirth da Ciências Internacional de Cura em Orinda, Califórnia conduziu uma experiencia controlada usando Reiki. Quarenta e quatro estudantes de faculdade, do sexo masculino, receberam feridas idênticas infligidas por um doutor no ombro direito ou esquerdo. Vinte e três receberam Reiki e os outros vinte não. Os tratamentos eram ministrados de tal modo que a possibilidade de um efeito placebo estava eliminada. Todos os quarenta e quatro estudantes estendem os braços através de um buraco na parede. No outro quarto, estava o Reikiano a fazer aplicações de Reiki sem os tocar. Nem todos receberam Reiki. Foi-lhes informado que a experiência era sobre a condutividade eléctrica do corpo. Ninguém sabia que a experiência era sobre cura. No oitavo e décimo sexto dia foram feitas avaliações dos ferimentos. Depois de oito dias, as feridas do grupo tratado tinham melhorado 93,5% comparados com 67,3% dos não tratados. Depois de dezesseis dias, o quadro era de 99,3% e 90,9%.

Dr. John Zimmerman da Universidade de Colorado usando um SQUID (Dispositivo Supercondutor de Interferência Quântica) descobriu que campos magnéticos são criados ao redor das mãos de aplicadores de Reiki. As frequências dos campos magnéticos que cercam as mãos dos Reikianos eram de ondas do tipo alfa e gama semelhante para as observadas no cérebro de meditadores.

Dr. Barnard Grad de Universidade de McGill em Montreal, usa sementes de cevada para testar o efeito de energias curativas psíquicas em plantas. As sementes foram plantadas e regadas com uma solução salina que retarda o crescimento. Uma parte das sementes, lacradas em um recipiente foi regada com a solução energizada por um Reikiano durante quinze minutos e outra não foi. A pessoa que regava as plantas não sabia qual o grupo que estava a ser regado com a solução energizada e qual não estava. As plantas regadas com a solução salina cresceram mais rapidamente e mais saudáveis, com 25% mais peso e um teor de clorofila mais alto.

Estas experiências com plantas, além de confirmar a natureza de não placebo da cura psíquica, confirmam a antiga compreensão metafísica de que energias curativas podem ser armazenadas em água para uso futuro.

Noutra experiência envolvendo a curadora psíquica Olga Worrall, o Dr. Robert Miller usou um transdutor electromecânico para medir a taxa de crescimento microscópica da grama de centeio. O dispositivo usado tem uma precisão de milésimos de polegada por hora. O Dr. Miller fez a experiência no seu laboratório, com a porta fechada para eliminar qualquer perturbação. Foi pedido à Olga, que se encontrava a mais de 600 milhas, para enviar Reiki para a planta da experiência exactamente às 21 horas. Quando o Dr. Miller voltou ao laboratório no dia seguinte, o equipamento de teste tinha registado crescimento contínuo normal de 6,25 milésimos de polegada por hora até às 21 horas. Naquele momento, o registo começou a divergir para cima e tinha subido a 52,5 milésimos de polegada por hora que correspondia a um aumento de 840 por cento! Esta taxa de crescimento permaneceu até de manhã quando diminuiu, mas nunca para seu nível original.

O grupo de Spindrift fez extensas pesquisas envolvendo Reiki e plantas. Os resultados indicaram que as plantas para as quais as preces foram dirigidas crescem mais rapidamente e são mais saudáveis em comparação com as que não receberam Reiki, embora as condições sejam iguais para ambos os grupos de plantas.

Mais experiências estão a ser feitas e teorias científicas desenvolvidas para descrever o Reiki como técnica de cura. O desenvolvimento de equipamentos mais sensíveis permitirá a ciência entender, validar, e aceitar a realidade do Reiki. Com isto vamos ver um uso crescente do Reiki individualmente, na família, em hospitais e consultórios. Um conhecimento mais profundo da natureza da saúde e a unidade de toda a vida, redescobrirá a velha sabedoria que diminuirá o sofrimento, tornando a vida na terra mais agradável e promovendo a cura do planeta.

Por William Lee Rand

Fonte: Reiki News Magazine

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:19
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 9 de Julho de 2009

Remédio de Base

É possível que tenha caído num profundo desânimo, por estar a sofrer:

a falta de alguém;

a incompreensão de amigos;

o frio da solidão;

o conflito de ideias;

acusações infundadas;

desajustes no trabalho;

dívidas agravadas;

prejuízo nos negócios;

doenças no próprio corpo;

moléstias na família;

complexos de culpa;

reprovações e críticas;

sensações de abandono;

lutas e desafectos;

deserções de entes caros;

e obsessões ocultas...

Seja qual for, porém, a sua prova em si, erga a cabeça, ponha os olhos no Alto e retome a tarefa em que deva servir, confiando-se a Deus, porque Deus proverá e em Deus qualquer problema achará solução.

Espírito: André Luiz

Médium: Francisco Cândido Xavier

Livro: “Busca e Acharás

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 12:00
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: A Infelicidade…

. Reflexão: A Essência do R...

. Reflexão: O Materialismo ...

. A melhor forma de Viver

. Vagueando…

. BOAS FESTAS

. É bom Amar

. O Livro…

. Atividades em Agenda

. Reflexão...

. Mensagem do dia…

. Laços...

. Irmão, se grato pelo que ...

. Julgamento

. Conversas com a Alma *Lib...

. Problemas Existenciais…

. Reflexão

. Chek-In

. Nos dias de Hoje...

. Reflexão

. Tipos de Obstruções Energ...

. HO’OPONOPONO

. Reflexão...

. Abalos Morais e Roteiro S...

. Lesões Afectivas

. Reflexão do dia

. Familia

. Reflexão

. Pesquisas Cientificas sob...

. Remédio de Base

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007