.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018

Reflexão: As Energias...

protecao-espiritual.jpg

 Caríssimos,

     Todo o Universo é composto por energia. Sim, tudo tem energia, inclusive os objetos que têm uma energia própria. Como humanos e seres vivos que somos, somos também seres energéticos que emanamos e recebemos energia, tal como todos os espaços que frequentamos, têm uma energia própria que pode atrair ou repelir aqueles que se encontram mais recetivos a essas vibrações. Todos os espaços têm energia, já tinha pensado nisto? Certamente há sítios onde gosta mais de ir, certo? Certamente já entrou em alguns lugares que, mal entra sente um certo incómodo que lhe dá vontade de sair, certo? [Pense um pouco sobre as questões que acabou de ler].

     Cada um de nós, como Ser vivo é um Ser energético, que tem uma energia própria. A energia que cada um tem é bastante variável, pois varia pelos mais variados motivos ou situações, como por exemplo: Acorda com uma vibração energética, recebe uma chamada ou sms (desejada ou não) muda a sua energia; Sai de casa e interage com alguém e a sua energia muda; Sai para ir fazer uma caminhada sozinho, através dos pensamentos que fluem na sua mente, a sua energia muda;Vai trabalhar e ao se encontrar com os colegas, a sua energia muda; Vai ao supermercado fazer umas compras, a sua energia muda; em praticamente todas as coisas que fazemos há uma constante mutação do nosso padrão vibratório energético. Há também uma situação especifica, para a qual os gostaria de alertar, por acaso conhece alguém ou tem algum amigo que cada vez que se aproxima de sí, quando se vai embora você sente-se cansado, abalado e/ou sem energia? [Pense um pouco] Se conhece alguém assim, conhece um “vampiro energético”, que é um Ser que tem um défice energético, que necessita “sugar” as energias dos outros para colmatar a sua carência. Mas relaxe, que essa situação tem cura, caso essa pessoa queira.

     Nunca se esqueça que você é um Ser energético, e tudo o que faz, o que pensa e o que diz, tem influência no seu nível vibratório energético. Pense positivo, seja compassivo, seja o seu próprio vigilante e fale com respeito e verá que a sua vibração energética irá elevar-se. Sejam muito felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 21:35
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 12 de Outubro de 2010

REIsocialKI® & REInatalKI

Caros irmãos,

O REIsocialKI® é um Projecto Social que nasceu de uma vontade interior que ao longo dos anos se foi manifestando dentro de mim. Este projecto alia a divulgação das práticas terapêuticas holísticas ao bem-estar comum do nosso semelhante. Desta forma, através da prática do Amor Incondicional e Compaixão e de um trabalho altruísta, vamos compartilhar e auxiliar o semelhante, dividindo com eles as coisas que temos em prol de uma sociedade mais igualitária e humana. Certamente desconhecem, mas vocês sabem que terem coisas guardadas em casa, as quais já não utilizam, é energia estagnada. Como a energia dos espaços é caracterizada pelas coisas que tem, bem como pelas pessoas que os frequentam, isto significa que terem coisas muito tempo guardadas acaba por, de certa forma, estagnar as energias nesse espaço. Assim, vamos deixar de contribuir para essa estagnação energética (mesmo dentro do nosso lar) fazendo do nosso supérfluo uma valiosa oferta de Amor Incondicional para com o seu semelhante. Vamos assim retirar ouro das cinzas em prol de uma humanidade melhor, de mais coerência e entreajuda entre as pessoas e os povos, atenuando o sofrimento das desigualdades sociais e das dificuldades impostas pelo próprio ser humano. Libertemo-nos dessas amarras e vamo-nos reger pelas Leis universais cósmicas, que não são tendenciosas e maliciosas, tratando todos de igual forma, independentemente da cor, credo ou raça, com muito amor e compaixão, mas onde todos seremos julgados pela verdadeira lei moral cósmica. Praticar o bem para com o próximo é algo que nos proporciona uma grande felicidade interior, bem-estar e harmonia, porque lembrem-se disto: “O que aos outros fizeres, a ti o estarás a fazer (Jesus) ”; Disse também: “Fora da caridade não há salvação”, “Ama o próximo como a ti mesmo”, “Ajudai os pobres e enfermos dando de graça aquilo que de graça recebes-te”.

Este ano o REIsocialKI® vai avançar, neste último trimestre do ano, com a Iniciativa REInatalKI, pois apesar de achar que “o Natal pode ser todos os dias”, vamos nesta quadra arrancar com este Projecto. O mesmo tem o objectivo de recolher donativos que vão ser entregues antes do natal aos “sem abrigo” em Albufeira e Lisboa. Os donativos vão ser recolhidos nas Partilhas por mim realizadas ao abrigo do Projecto Social REIsocialKI®, bem como nas realizadas noutros locais, por outras pessoas, mas que estejam enquadradas neste Projecto. Vamos viver esta quadra com mais amor, paz, harmonia e satisfação, por ajudar o semelhante a passar esta quadra lembrando-os que não estão sós. Pensem um pouco na quantidade de comida que nesses dias se estraga… quantas pessoas poderiam usufruir dessa refeição… nos brinquedos oferecidos às crianças e que já têm tantos… outros não têm nenhum para brincar… no conforto que tem no seu lar… outros nem tecto têm… quantas pessoas lhe ligam… a Eles ninguém lhes liga… tantos gastos apenas para alimentar o ego… Eles não têm ego… comes três pratos variados e ainda tens sobremesa… Eles não têm uma simples sopa para os aconchegar… por vezes sais à rua com pouca roupa para pareceres bonita, mesmo tendo frio… Eles têm frio mas porque não têm roupa… quantas vezes abres o guarda-fato e não sabes o que vestir… Eles não podem escolher… batalhas diariamente para subir na carreira… Eles batalham diariamente para sobreviver… Quantas vezes olhas para Eles com desprezo… Eles olham para ti com esperança… por vezes estás tão confuso uqe tens dificuldade em escolher o que vais comer… Eles comem apenas o que podem… olhas para a travessa e pensas logo em tirar o bife maior… Eles aceitam aquele que lhe quiseres dar sem reclamar… reclamas porque não gostas do almoço… Eles ficam tristes porque não o têm… reclamas porque o banco te cobrou comissão de manutenção… Eles não têm conta bancária… quando estás mal aparece sempre um ombro amigo… Eles não o têm… reclamas porque o teu pai não te compra um gelado… Eles não têm dinheiro para um papo-seco.

Assim sendo informo-os que amanhã vai dar-se inicio à recolha dos donativos, ao abrigo do REInatalKI, que em Dezembro vão ser entregues aos “Sem abrigo” em Albufeira e Lisboa. Todos os brinquedos vão ser canalizados para crianças de famílias carenciadas, colmatando assim essa lacuna, pois não há nada mais bonito que um sorriso de alegre de uma criança.

Também tenho uma presença no Facebook, nos links abaixo colocados:

Eu:

http://www.facebook.com/event.php?eid=137580099621886#!/profile.php?id=1429555082

Projecto Social - REIsocialKI®:

http://www.facebook.com/event.php?eid=137580099621886#!/pages/REIsocialKI-Projecto-Social-em-Prol-do-Semelhante/158774947470523

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 21:10
Link | Comentar | favorito
Sábado, 17 de Outubro de 2009

SHAMUNA - Uma mensagem para a Terra

Publicado por Viktor às 23:26
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 13 de Agosto de 2009

Um Marco na Vida

O PRIMEIRO NÍVEL (Essencial) ou Shoden (tradicional) definido como “A descoberta e o acordar do curador interior” é o curso de iniciação no mundo do Reiki. É no meu ponto de vista o curso mais importante dos três pois é aquele que mais transformação nos traz a nível da personalidade na vida privada, social e profissional de cada um. É neste período que se dá inicio a mudanças ao nível da sensibilidade e intuição que, vão aumentando o longo do tempo através da prática continuada do Reiki. Estas mutações operam-se consoante a mente (espírito) se vai purificando à medida que vai assimilando a verdadeira e fundamental essência do Reiki. A entrada neste universo permite que, aquelas máscaras formadas no pensamento das pessoas sejam removidas e as mesmas mostrem na realidade aquilo que são, na sua mais pura essência. Porque ser Reikiano é ser verdadeiro, agir com pureza, respeito e amor incondicional para com o seu semelhante.

Para dar início a esta caminhada e após o curso que pode ter uma duração de um dia ou dois, conforme planeamento por parte do formador (mestre instrutor), bem como o valor do mesmo. Na parte final da formação, os formandos (alunos) são iniciados através de um procedimento denominado de: Ritual Iniciático. Este ritual é um momento único, simbólico e muitas vezes caracterizado por uma componente vibratória, sensorial e sentimental muito intensa, pois durante o mesmo o formador (mestre) e o formando (aluno) fundem-se num só estabelecendo um encontro de energias ímpar que é mais ou menos sentido por parte do formando (aluno) consoante o seu nível de sensibilização energética. Durante este processo, o formando (aluno) pode ser elevado a níveis de consciência de tal forma elevados que podem surgir na mente lembranças de vidas passadas, visões de entes queridos que já se encontram noutros planos, vozes de entidades superiores que tentam comunicar connosco e as mais variadas sensações fazendo deste um momento único e intensamente marcante na nossa vida. Após este ritual, os formandos (alunos) passam por aquilo que defino como processo de Purificação Interior e tem uma duração de vinte e um dias ininterruptos. É neste período que grandes alterações se dão no formando (aluno), pois agora as modificações vão ser empreendidas de dentro para fora, ou seja, a nossa verdadeira essência vai ser revelada e tornamo-nos naquilo para que viemos e não no que pretendemos demonstrar ser. Neste período podem ocorrer algumas perturbações tais como uma maior actividade intestinal, visceral, náuseas, dores de cabeça, alguma agitação e stress mas que passa através da prática continuada da auto-aplicação pois estes fenómenos definem-se como crise de cura. O nosso organismo entrou também numa fase diferente pois a partir deste momento vai-se habituar à entrada e circulação de energia que até então praticamente nunca tinha sentido e como tal, terá de se habituar e por isso podem-se dar reacções da mais variada ordem. Durante este o processo o formando (aluno) vai notar no seu dia-a-dia alterações ao nível comportamental bem como na forma de estar e encarar o mundo. Sendo este tipo de alterações produzidas de dentro para fora, chegamos por vezes a ficar um pouco admirados com as nossas reacções às mais variadas situações do dia-a-dia, que por vezes nos leva a pensar, como é que eu reagi assim? Na verdade, a nossa ligação à fonte (deus) está mais vincada e permite-nos reagir intuitivamente de uma forma célere, mais justa e com um profundo sentimento de amor incondicional para com o nosso semelhante. Apesar de maravilhosos estes sublimes gestos de auxílio ao semelhante com a intenção de lhe proporcionar um melhor bem-estar, somos muitas vezes incompreendidos porque devido à actual conjuntura mundial, actos de bondade e generosidade são sempre observados com desconfiança e até mesmo repúdio por parte de terceiros. Isto por vezes deixa-me triste porque se algo me diz que posso contribuir para a felicidade e bem-estar de aquele semelhante, e ele rejeita veementemente a minha oferta que com tanto carinho e humildade eu lhe ofereci.

Após entrar neste maravilhoso universo do Reiki, o iniciado ficará também moralmente incumbido de ser mais um elemento para auxiliar na divulgação do Reiki no nosso país, na minha opinião. Desde já alerto que não é fácil pois devido ao conservadorismo que ainda predomina na maioria dos cidadãos, há uma certa relutância em aceitar as terapias oriundas do oriente observando-as com alguma resistência.

Quando por vezes me perguntam: Mestre de aqui a quanto tempo é que posso tirar o segundo nível; eu respondo da seguinte forma: caro amigo(a), não tenhas pressa de tirar o segundo nível. No Japão, país de origem do Reiki, os iniciados chegam a estar um, dois, cinco ou até mesmo dez anos até fazerem essa sintonização, ou seja, apenas são sintonizados quando o seu Mestre entender que já possuem os conhecimentos necessários para tal, cumprindo um certo número de itens por ele definidos como necessários e fundamentais para essa sintonização. Por isso e como a pressa nunca foi boa conselheira não tenham pressa em passar para o segundo nível e aguarde pelo momento certo, dado pela intuição e com uma necessidade profundamente sentida de auxílio ao seu semelhante.

Neste nível as aplicações feitas pelo iniciado a terceiros, centram-se no plano físico essencialmente.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Muita Energia Positiva...
Publicado por Viktor às 09:45
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 15 de Abril de 2009

Labirinto

S

aber quem somos, de onde vimos e para onde vamos é uma grande encruzilhada. Viver diariamente com essa dúvida é como estar dentro de um labirinto numa constante procura da saída que pode acabar por chegar no dia em que deixa-mos o mundo terreno. Em tempos de crise, perturbado sente a sua mente num turbilhão de pensamentos, e que inutilmente o levam por trilhos sinuosos que de forma indelével o vão afastando do verdadeiro e bonito caminho. Viver na vã cobiça das coisas dos outros e até mesmo da saúde deles são princípios errados que geram sentimentos equivocados sobre os outros e que em nada contribuem para o nosso bem-estar e daqueles que nos rodeiam. Todos somos parte de Deus e para Ele caminhamos. Vamos todos viver em harmonia com a natureza e com tudo o que nos rodeia, baseados no Budismo Zen, no aqui e agora, fazendo com que cada dia seja vivido na sua plenitude, porque o passado é história, o futuro mistério e o presente uma dádiva.

Por vezes um sentimento de desilusão, resignação, depressão e solidão abate-se sobre nós porque nos sentimos perdidos neste imenso universo e quando alguém se preocupa connosco e com o nosso bem-estar o que fazemos? Rejeitamos a pessoa porque somos desconfiados, pensamos que de nós se querem aproveitar e não estamos habituados a ser bem tratados. Errado, pois dar uma oportunidade a quem nos quer auxiliar é dar-mos uma oportunidade a nós próprios, ao nosso bem-estar e saúde. O Reiki é uma terapia através da qual o Terapeuta, abraçando a sua essência na plenitude, pode tornar-se um parceiro terapêutico e um amigo que se preocupa diariamente com o seu bem-estar como um todo, na plenitude do seu Ser nos níveis físico, emocional, mental e espiritual. Pensem um pouco sobre isto…

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:05
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 27 de Março de 2009

A Adolescência

Meu amigo.

Conduzes o teu filho ao pediatra, preservando-lhe a saúde corpórea.

Sabes guiá-lo ao nutricionista, para que se alimente com segurança.

Despendes louvável atenção para que lhe não falte o concurso do cabeleireiro e do alfaiate, a fim de que se apresente com esmero.

Preocupas-te, como é justo, por situá-lo no convívio de professores distintos, no jardim da infância ou na escola primária, iluminando-lhe a inteligência.

Contudo, a quem lhe conduzirás o coração para que aprenda a viver?

Não te esqueças do Divino Mestre das Almas e auxi­lia o tenro companheiro de tua marcha a buscar em Jesus o Doador das Bênçãos Eternas. Ajuda-o a procurar no Cristo o cinzelador do carácter, para que o amor puro lhe presida a existência e para que a verdade lhe ilumine o caminho.

Lembra-te de que se hoje és o apoio da felicidade de teu filho, amanhã será ele o apoio de tua felicidade.

Colherás nele o que houveres plantado — a abnegação ou a indiferença, o trabalho ou a preguiça, a paz ou a discórdia, a confiança ou a leviandade.

Auxilia-o, pois, a sentir e a pensar com o Celeste Amigo e terás a inspiração do Senhor, assegurando-lhe abençoada luz ao porvir.

EMMANUEL

(Psicografado pelo médium FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER)

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:29
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 5 de Dezembro de 2008

A causa da Doença

Consoante a perspectiva do terapeuta, a doença resulta do desequilíbrio. O desequilíbrio resulta de se ter esquecido de quem é. O esquecimento da própria identidade cria pensamentos e acções que conduzem a um estilo de vida insalubre e, finalmente, à doença. Mensagem directa dirigida a você, diz-lhe não só que está desequilibrado, mas também lhe mostra os passos que o levarão de volta ao verdadeiro eu e à saúde. Essa informação é muito específica; basta-lhe saber chegar a ela.

Nessas condições, a doença pode ser compreendida como uma lição que você dá a si mesmo para ajudá-lo a lembrar-se de quem é. Você pensará imediatamente em todos os tipos de excepções a essa afirmativa. A maioria, porém, o restringirá a uma percepção da realidade que apenas incluí esse determinado período de vida e apenas a vida no corpo físico. O meu propósito, contudo, é mais transcendental. As afirmações supra citadas só serão compreendidas de modo total e saudável se você já admitiu a sua existência além das dimensões físicas do tempo e do espaço. Elas só podem ser consideradas afectuosas se também o incluírem como parte do todo e, por conseguinte, o todo. Isto é, a priori, o todo é constituído das partes individuais, e as partes individuais, portanto, não só são parte do todo, mas também, como um holograma, são o próprio todo.

Durante meu processo de crescimento pessoal, verifiquei quando comecei a fazer observações sobre o campo de energia como conselheira, ocorreram duas mudanças importantes que modificaram drasticamente a minha maneira de trabalhar com as pessoas. Na primeira, comecei a receber orientação, durante as sessões, de mestres espirituais sobre o que fazer então, e solicitei tipos específicos de informações relativas a diferentes níveis da aura. Na segunda, comecei a desenvolver o que denomino “visão interior”; vale dizer, eu via o interior do corpo mais ou menos à maneira de um aparelho de raios X. Aos poucos, minha prática passou da de um conselheiro para a de uma curadora espiritual.

A cura, tornou-se uma extensão da terapêutica e, logo, o núcleo central de toda a terapêutica, porque alcança todas as dimensões da alma e do corpo muito além das que a terapêutica é capaz de alcançar. O meu trabalho tornou-se claro. Eu estava a curar a alma ou a transformar-me num canal para ajudar a alma a lembrar-se de quem é e para onde está sendo dirigida nos momentos em que se esquece de si e sai do caminho por culpa da doença. Esse trabalho é muito satisfatório, cheio de êxtase na experiência de energias superiores e seres angélicos que vêm curar. Ao mesmo tempo, é estimulante enfrentar a dor de uma doença física terrível, que o terapeuta tem de experimentar, até certo ponto, se quiser curar. Eu necessitava de me sujeitar a observar a tremenda energia e os desequilíbrios da alma com que vive um sem-número de pessoas. A humanidade carrega consigo uma dor horrível, uma horrível solidão e um anseio profundo de liberdade. O trabalho do terapeuta é um trabalho de amor. O terapeuta chega a essas áreas dolorosas da alma e, delicadamente, dá-lhe uma esperança. Desperta suavemente a antiga lembrança da identidade da alma. Toca a centelha de Deus em cada célula do corpo e recorda-lhe mansamente que ela já é Deus e que, já sendo Deus, flúi, inexorável, com a Vontade Universal, para a saúde e para a totalidade.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:15
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Janeiro de 2008

LEMBRANÇA DE AMIGO

Não acredites em facilidades.
Muitas aflições nos fustigam o espírito, diante de nossos próprios caprichos desatendidos.
Não aguardes dinheiro farto ou mesmo excessivo para que te sintas feliz.
Agradece aos Céus a possibilidade de trabalhar, porquanto o trabalho te garantirá a subsistência e a subsistência daqueles corações que se te fazem queridos.
Não esperes a felicidade para que possas realizar os próprios desejos.
A saciedade talvez seja a véspera da penúria, a cujas provações possivelmente não conseguirás resistir.
Não creias que uma personalidade humana, colocada nos píncaros do poder, disponha de recursos para solucionar todos os problemas que te enxameiam a existência.
É provável que essa pessoa, merecidamente importante, esteja carregando um fardo de tribulações mais pesado do que o teu.
Se pretendes viver fora das inquietações do quotidiano, não exijas dos outros aquilo que os outros ainda não possuem para dar.
Se queres viver nas alegrias da consciência tranquila, auxilia ao próximo o quanto puderes, trabalha sempre e confia em Deus.
Espírito: EMMANUEL
Médium: Francisco Cândido Xavier
Publicado por Viktor às 15:10
Link | Comentar | ver comentários (3) | favorito
Segunda-feira, 10 de Setembro de 2007

CRÍTICA

Se você está na hora de criticar alguém, pense um pouco, antes de iniciar.

Se o parente está em erro, lembre-se de que você vive junto dele para ajudar.

Se o irmão revela procedimento lamentável, recorde que há moléstias ocultas que podem atingir você mesmo.

Se um companheiro faliu, é chegado o momento de substituí-lo em trabalho, até que volte.

Se o amigo está desorientado, medite nas tramas da obsessão.

Se o homem da actividade pública parece fora do eixo, o desequilíbrio é problema dele.

Se há desastres morais nos vizinhos, isso é motivo para auxílio fraterno, porquanto esses mesmos desastres provavelmente chegarão até nós.

Se o próximo caiu em falta, não é preciso que alguém lhe agrave as dores de consciência.

Se uma pessoa entrou em desespero, no colapso das próprias energias, o azedume não adianta.

Ainda que você esteja diante daqueles que se mostram plenamente mergulhados na loucura ou na delinquência, fale no bem e fuja da crítica destrutiva, porque a sua reprovação não fará o serviço dos médicos e dos juízes indicados para socorre-los, e, mesmo que a sua opinião seja austera e condenatória, nisso ou naquilo, você não pode olvidar que a opinião de Deus, Pai de nós todos, pode ser diferente.

Espírito: ANDRÉ LUIZ

Médium: Francisco Cândido Xavier

Publicado por Viktor às 23:12
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 5 de Setembro de 2007

PERDOA AGORA

Não te detenhas!
Torna á presença do companheiro que te feriu e perdoa, ajudando-o a recuperar-se.
Reflecte e ampara-o!
Quantas dores e quantas perturbações lhe vergastaram a alma, antes que a palavra dele se erguesse para ofender-te ou antes que o seu braço, armado pela incompreensão, deferisse contra ti o golpe deprimente?
Guarda a calma e auxilia, sem cessar.
Mais tarde, é possível que não possas, por tua vez, suportar o horrendo assalto da ira e reclamarás, igualmente, o bálsamo da alheia compreensão.
Retorna ao teu lar ou à tua luta e espalha, de novo, a bênção do amor, com todos os corações que jazem envenenados, pelo fel da crueldade ou pela peçonha da calúnia.
Não hesites, porém!
Perdoa agora, enquanto a oportunidade de reaproximação te favorece os bons desejos porque, provavelmente, amanhã, o ensejo luminoso terá passado e não encontrarás, ao redor de ti senão a cinza do arrependimento e o choro amargo da inútil lamentação.
Espírito: EMMANUEL
Médium: Francisco Cândido Xavier
Publicado por Viktor às 13:24
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: As Energias...

. REIsocialKI® & REInatalKI

. SHAMUNA - Uma mensagem pa...

. Um Marco na Vida

. Labirinto

. A Adolescência

. A causa da Doença

. LEMBRANÇA DE AMIGO

. CRÍTICA

. PERDOA AGORA

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007