Terça-feira, 22 de Abril de 2014

Reflexão do dia

Caríssimos,

     A vida é feita de surpresas, emoções, sentimentos, pensamentos, gestos e tantas outras coisas, que nos alteram os estados de humor, tranquilidade, bem-estar e até mesmo da saúde. Seja ou não da nossa vontade, acabamos por estar sempre expostos a tudo e todos, é como se a nossa vida real fosse um gigantesco “Big brother”, no qual temos inúmeros olhos “postos” em cima de nós a observar e julgar tudo o que fazemos. Por vezes a vida do Ser humano parece a vida de um animal selvagem, constantemente vigiado por abutres que esperam que tombe, para dele se poderem alimentar. Mas no caso dos seres humanos os “abutres” são diferentes, pois atacam a presa em vida, praticando o cinismo depois da morte da presa. Será que a humanidade ainda não compreendeu que esse tipo de atitudes não lhe trás nenhum benefício? Porque se continuam a praticar rituais pagãos nos quais impera dor, sofrimento e cinismo de forma exacerbada? Pelo contrário, só lhe vai trazer mais problemas a somar aos que já tem. (faça uma pausa na leitura e pense no que acabou de ler)

     Talvez pelo facto de vivermos completamente expostos aos outros, é que a maioria das pessoas dá tanta importância ao que está à vista, vivendo sempre preocupados com o que parecem e com o que os outros pensam deles. Preocupem-se com aquilo que interiormente são, porque a essência de qualquer Ser está no seu interior, não no seu exterior. Cada Ser humano vive em certa medida condicionado, sendo o próprio o primeiro a condicionar-se a si mesmo através de pensamentos do tipo: “Não visto isto porque vão fazer chacota de mim”; “Se não beber sou excluído do grupo”; “O que será que vão pensar de mim”; enfim, tantas outras frases que são apenas bloqueios (em forma de palavras) mentais. Muitos destes bloqueios são criados e “alimentados” por nós mesmos, os quais acabam também por ser “alimentados” pelas pessoas com as quais lidamos no dia-a-dia, já tinham pensado nisto? Em certa medida as acções do ser humano estão condicionadas porque atribui demasiada importância aos outros e ao que possam dizer, certo? Talvez tenha chegado a hora e o momento de mudar em si mesmo essas atitudes e pensamentos, e verá como cresce a sua liberdade, sentindo-se bem melhor consigo mesmo, porque o que é realmente importante é agir correctamente e ser verdadeiro, o que faz com que esteja de consciência tranquila e isso sim, é realmente importante para si mesmo.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 17:10
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 17 de Setembro de 2013

Reflexão: Infertilidade & Gravidez

Caros leitores,

     Hoje em dia muitas mulheres sonham um dia sair de casa dos pais, constituir família e serem mães, para assim deixarem o seu “legado” na Terra. A maioria das pessoas consegue fazer isso, mas há quem tenha problemas de infertilidade o que impede o Ser Humano de gerar novas vidas. Este é um problema transversal pois pode-se manifestar em ambos os sexos, impedindo a gravidez e consecutivamente procriação da espécie humana.

     A medicina convencional define infidelidade da seguinte forma: “Define-se infertilidade conjugal como a ausência de gravidez após 12 meses de relações sexuais regulares sem uso de método anticoncepcional. É importante ressaltar que a infertilidade não é igual a impossibilidade, mas a dificuldade para engravidar, que pode ser de diversos graus”.

     Tudo o que nos acontece no âmbito da saúde deriva dos nossos pensamentos e atitudes, porque o nosso corpo fala através da dor física. Na maioria das vezes apenas nos preocupamos com a remoção da dor ou tratamento da doença, mas não vamos ao fundo da questão. As pessoas que sofrem de infertilidade ou esterilidade, na maior parte dos casos têm um bloqueio na mente que as/os fazem sentir-se incapazes de sustentar uma determinada situação.

     Nos dias de hoje fazerem um tratamento para engravidarem á algo bastante dispendioso através da medicina convencional, o que faz com que as pessoas passem a recorrer às terapias alternativas e/ou complementares, a custos mais acessíveis. A maioria das pessoas, devido ao facto de se viver numa sociedade “capitalista”, ainda continuam a achar que o que é caro é que é bom, algo com o qual discordo, mas cada um é livre de pensar como quer, mais ou menos influenciado por terceiros.

     Para terminar esta pequena reflexão gostaria de partilhar com vocês uma coisa, que aconteceu comigo enquanto Terapeuta. Todas as vezes que fui procurado por pessoas com problemas de infertilidade, depois da terapia conseguiram engravidar. Foi algo que deixou muito felizes os pacientes, felicidade essa que também senti além do sentimento de dever cumprido. Deus, obrigado por todas as oportunidades que me tens dado, para auxiliar o meu semelhante através do Amor Incondicional.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 16:07
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 25 de Julho de 2013

Perdão & Aceitação…

     Cada ser humano é fruto da educação que teve, das suas crenças, da sua fé, dos seus dogmas e da sociedade onde está inserido. É da sabedoria popular que “cada um é como cada qual”, e há também outra pequena frase que se enquadra aqui: “todos iguais, todos diferentes” (united colours). Isto quer dizer que somos iguais sob o plano físico/matéria (corpo) mas diferentes entre nós no plano mental. Somos muito diferentes no conhecimento académico, no conhecimento de vida, nas reacções às situações, nas emoções, nos sentimentos e sobretudo nos pensamentos.

     Na generalidade o ser humano tem uma certa tendência para fazer juízos de valor, mais propriamente julgar, as atitudes e acções dos outros. No universo apenas os seres humanos têm sentimentos e emoções, o faz com que inúmeras vezes sejamos emocionalmente reactivos, reagindo de forma menos apropriada, e que mais tarde acabamos por nos arrepender do que fizemos ou dissemos. No meio de tudo isto constatamos que, de entre vários aspectos comuns, há um que é sem dúvida comum a todos nós e que se define como “Viver em sociedade”. Viver em sociedade é algo que exige várias coisas de nós, tais como compreensão, compaixão, respeito, humildade, amor e aceitação, estes são em meu entender os aspectos mais importantes para a vida em sociedade.

     Reparem numa coisa, ficam tristes quando são rejeitados porque não se enquadram no “estilo” dos outros, mas já se aperceberam que vocês são iguais a eles pois reagem da mesma maneira com outras pessoas? Pois se não queres que te façam isso, não o faças aos outros, porque as atitudes, gestos e pensamentos são como energia, que quando é emanada assim, mais tarde ela retorna. Este foi apenas um pequeno exemplo, antes de falar sobre o título deste texto. Aprendermos a aceitar os outros como são, com as suas ideias e feitios, sem os menosprezar, sem fazer juízos de valor nem julgar as pessoas, evitando emanar energia negativa para essas pessoas, para o nosso próprio bem-estar, pois “recebemos o que damos” o que significa que essa energia volta para nós. Aprender a aceitar é contribuir para o seu bem-estar, equilíbrio e harmonia.

     Diariamente acontecem muitas coisas com cada um de nós, umas apenas e só connosco mas a maioria delas em inter-acção com outras pessoas. Por vezes saímos tristes e magoados por coisas que nos dizem e/ou fazem, que deixam marcas psicológicas que geralmente nos afectam no geral. Estas situações são mais difíceis de ultrapassar, mas na verdade existem para testar a nossa capacidade de perdoar. O segredo para se conseguir perdoar é o Amor, e devemos perdoar o nosso semelhante mesmo achando que a culpa não é nossa. Envolva-se em amor (próprio) e assim conseguirá emanar amor incondicional à sua volta, aceitando e perdoando as coisas e pessoas, e assim conseguirá atenuar “possíveis” problemas psicológicos. Sinta o Amor na sua plenitude envolvendo-se nele e emanando-o para quem o rodeia. SEJA AMOR.

Desejo-lhes tudo de bom.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 20:40
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 2 de Março de 2011

Reflexão...

Caros Irmãos,

      Todos nós somos seres divinos detentores de grande sabedoria, mas ao virmos a este planeta, não viemos simplesmente passear, viemos em missão ou expiação. Nós, no nosso nível de consciência mais elevado, sedentos de poder vir a este planeta cumprir os nossos desígnios na persecução do caminho da ascensão, aperfeiçoando-se em cada vinda, pois cada vinda à terra é como se fosse um curso no qual no final saberemos se tivemos aproveitamento ou não.

      Sendo Deus infinitamente bom e infinitamente justo, oferece-nos todas as condições para podermos evoluir aquando da nossa “estadia” no planeta terra, pois cada um de nós, mediante a missão a cumprir, escolhemos os nossos pais. Mas as nossas escolhas não se ficam por aqui, pois desde o momento do nosso nascimento a nossa vida é composta por inúmeras escolhas no dia-a-dia. Escolhemos o que queremos comer, o que queremos vestir, com quem nos relacionamos, enfim, faz parte da vida. Este conjunto de situações define claramente que nós somos os responsáveis por tudo o que nos acontece e como o caminho de ascensão é o caminho do Amor. Neste caminho devemos emanar o nosso Amor e também Perdoar todos os seres que de alguma forma nos tentaram prejudicar ou até mesmo atacar, pois sendo algo difícil transportar a nossa cruz, mais será se ainda a sobrecarregarmos com os “fantasmas do passado”. Normalmente esses fantasmas são situações passadas não resolvidas, sentimentos de ódio, apegos, invejas, mágoas, que geram dentro do ser uma certa revolta que por sua vez desarmoniza a integridade da sua estrutura nos vários níveis de que é composto (físico, emocional, mental e espiritual). Desta situação resulta mal-estar mental, emoções alteradas e manifestações de ordem física através do surgimento de dores e/ou algumas patologias.

Compreendo que neste momento tenha na sua mente a seguinte ideia: Como irei ultrapassar esta situação onde me enquadro?      

      Para ultrapassar estas situações incomodativas deve começar por educar a sua mente, pois a uma mente mal-educada é o verdadeiro carrasco do seu portador, chegando ao ponto de levar a pessoa ao estado de loucura. Assim, este deverá ser o seu primeiro passo, dominar a sua mente tal qual um domador de leões domina os animais. Em simultâneo ou depois de dominar a sua mente (depende do nível de consciência de cada um), deverá fazer trabalho de perdão sobre todos aqueles que ao longo da vida cruzaram o seu caminho, que de certa forma lhe provocaram alguma instabilidade, pois nenhum tipo de sentimento menos positivo deverá ter relativamente a outros seres humanos, pois isso é também um obstáculo nos caminhos de luz. Deverá também praticar a caridade e/ou trabalhos altruístas, trabalho esse que nos dá uma enorme felicidade interior pois sentirmo-nos úteis é algo deveras gratificante e preenche-nos de Amor e harmonia. Concluo dizendo-lhe que quando mudar interiormente, mudará o mundo à sua volta e se todos dermos um pouco do nosso Amor para o semelhante certamente faremos deste um mundo melhor. Sejam Felizes.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Música: RFM
Publicado por Viktor às 13:59
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Quarta-feira, 25 de Novembro de 2009

Tipos de Obstruções Energéticas

Os bloqueios podem apresentar-se de variadas formas e feitios. A obstrução “maçante” resulta de se deprimirem os sentimentos e a energia da pessoa até a sua estagnação, provocando uma acumulação de fluidos corporais na área. O corpo tende a inchar-se ali. Essa obstrução, em geral, não é de alta energia, mas antes de baixa que habitualmente está associada ao desespero. Se a obstrução continuar, a doença resultante possível será uma colite ou uma angina de peito. A cor, quase sempre o azul-acinzentado, produz uma sensação de coisa pegajosa e pesada, como o muco. Ali há raiva também, geralmente do tipo que censura. A pessoa desistiu de tudo e sente-se impotente. Uma mulher, que teve um casamento infeliz e renunciou à carreira pelo casamento, por exemplo, sofre uma obstrução desse género. Agora, cinquentona, verificou ser impossível voltar ao mundo dos negócios e encetar uma carreira. Em vez disso, atribui simplesmente ao marido sua infelicidade. Exige que as filhas façam o que ela nunca fez. Tenta viver a vida através delas, mas é claro que isso não pode dar certo.

Por outro lado, a obstrução de compactação, que suprime os sentimentos, contém grande quantidade de fúria acumulada, como um vulcão. De cor vermelho-escura, costuma aparecer, pressagia, ao observar, que normalmente não deseja ser o recipiente da erupção vulcânica. Essa obstrução da energia resulta numa acumulação de gordura ou músculos corporais na área. Se a compactação continuar por muito tempo, poderá redundar em enfermidades como uma inflamação da pelve. A pessoa geralmente se dá conta da fúria e sente-se presa porque a liberação da fúria está associada à humilhação. Uma mulher que conheci chegou à conclusão, na infância, de que o fato de experimentar sensações sexuais acarreta humilhação. O pai humilhou-a em relação à sua sexualidade quando ela era moça. Resultado: ela bloqueou suas vigorosas sensações sexuais e as manteve, apertadas, na pelve. As sensações sexuais contidas, pouco a pouco, se transformaram em fúria. E porque a fúria não se soltou, graças ao medo da humilhação, o acúmulo de energia estagnada na pelve produziu uma infecção. Depois de anos de pequenas infecções crónicas, ela ouviu finalmente o diagnóstico de que sofria de uma inflamação da pelve.

A armadura de rede  é uma obstrução eficaz porque ajuda a pessoa a evitar sentimentos, sobretudo e medo, pela rápida movimentação das obstruções quando ela é desafiada, quer numa situação de vida, quer na terapêutica. Se o terapeuta, por exemplo, procurar liberar uma obstrução pelo exercício ou pela massagem profunda, a obstrução simplesmente se mudará para outra parte do corpo. Esse tipo de obstrução provavelmente não dará início a uma moléstia tão depressa quanto os outros tipos de obstruções. Tudo parecerá maravilhoso na vida do paciente. Ele será bem-sucedido no mundo, terá um casamento “perfeito” e “filhos modelos” mas, em que pese a tudo isso, terá a vaga sensação de que lhe falta alguma coisa. Essa pessoa só será capaz de tolerar sentimentos profundos por um curto período de tempo, antes de pular fora deles. Por fim, criará alguma crise em sua vida a fim de irromper os sentimentos mais profundos. Essa crise pode assumir qualquer forma, como uma doença inesperada e súbita, um acidente ou um caso de amor.

A armadura de placa, congela todos os tipos de sentimentos, que são mantidos no lugar, em volta do corpo, por um campo de alta tensão generalizada. Essa armadura ajuda eficazmente a pessoa a construir uma vida bem estruturada no nível exterior. O corpo será bem construído; os músculos tenderão a ser rijos. No nível pessoal, a vida será menos satisfatória, porque a armadura de placa, na verdade, anula os sentimentos, criando alta tensão em todo o corpo, tensão que pode redundar em tipos diferentes de doenças: úlceras decorrentes do excesso de trabalho, ou problemas cardíacos consequentes ao “emperramento” da vida sem alimentação pessoal. Porque não pode sentir bem o corpo, como, por exemplo, a tensão nos músculos longos, a pessoa fará, provavelmente, pressão excessiva sobre os músculos, causando uma distensão dolorosa dos extensores da perna, ou uma tendinite. Essa pessoa também terá uma vida aparentemente “perfeita”, à qual faltará, todavia, uma ligação pessoal mais profunda. É provável que também acabe criando alguma espécie de crise de vida, como as crises supramencionadas, que a ajudará a ligar-se à sua realidade mais profunda. Um ataque cardíaco obtém lindamente esse resultado para alguns homens. Conheço, por exemplo, um homem de negócios muito bem-sucedido, dono de várias revistas, todas de grande circulação. Ele andava tão absorto no trabalho que se acabou distanciando da família. Depois do enfarte, os filhos chegaram-se a ele e lhe disseram: “Você precisa parar, pois caso contrário, morrerá. Ensine-nos a ajudá-lo a dirigir seus negócios.” Ele ensinou-os, eles aprenderam e a família voltou a ajuntar-se.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:48
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 22 de Maio de 2009

Reflexão da noite...

No nosso dia-a-dia temos dezenas de empatias ou desempatias energéticas, enquanto no decorrer do mesmo, contactamos com colegas de trabalho, amigos, conhecidos e desconhecidos. As mesmas vão, ao longo do dia, modificando o nosso humor (estados emocionais) e chega mesmo a atingir o corpo (estado físico) manifestando-se de variadas formas, tais como enxaquecas, disfunção intestinal, dores arteriais e musculares. Para vos dar um exemplo sobre este tipo de situação e reacção, reparem no seguinte: Vamos supor que acordam bem dispostos, fazem a vossa higiene diária, tomam e o pequeno e almoço e aí vão em direcção ao trabalho. O dia corre bem, dentro dos parâmetros da normalidade e de repente recebem uma chamada telefónica para lhes transmitir o óbito de uma pessoa muito vossa amiga. O que vos vai acontecer fisicamente de forma automática assim que ouvem uma noticia completamente inesperada é algo semelhante a um murro na boca do estômago. No Reiki é aí que se situa o chakra do plexo solar. Este é o centro do nosso poder pessoal, do ego da responsabilidade. Está associado ao elemento fogo, ao reino animal e à cor amarela. Está ligado ao sucesso, ao trabalho, à ambição no mundo material. Assim através da noticia recebida, produziu-se automaticamente um pequeno bloqueio no 3º chakra (plexo solar).

Podemos então concluir que não são apenas as trocas energéticas diárias que nos podem provocar bloqueios, mas também aquilo que nos pode acontecer mesmo estando sós, também pode produzir esse tipo de efeitos. Assim sendo, receber Reiki é uma forma de regularizar estes bloqueios diários que a todos nós acontecem e permite harmonizar o corpo e mente resumindo-se no equilíbrio pleno do Ser na sua integridade (física e emocional) e plenitude (mental e espiritual).

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Cheio de energia...
Publicado por Viktor às 09:12
Link | Comentar | favorito
Domingo, 15 de Março de 2009

Ansiedade...

P

or meio da atenção, podemo-nos tornar sensíveis às nossas emoções, à medida que elas surgem e assim começar a quebrar os padrões emocionais e o apego aos mesmos. Quanto mais se eleva a nossa atenção mais tempo dispomos para uma acção positiva. Para aqueles que têm percepção do que lhes está a acontecer, três semanas equivalem a três meses para quem não a tem essa percepção. Quando nos lembramos de manter nosso corpo e mente em harmonia com a percepção, familiarizamo-nos com toda uma mudança nos pensamentos e estados de espírito e podemo-nos lembrar de levar a nossa percepção para o meio de qualquer situação capaz de perturbar nosso equilíbrio. Podemos desenvolver a meditação contínua se sustentarmos uma atitude aberta em quaisquer actividades nas quais estejamos envolvidos. Porque a ansiedade consciente ou inconsciente é a causa de inúmeros problemas o que faz com que seja de vital importância lidar com ela assim que aparece. O melhor antídoto para a ansiedade é a meditação e o Reiki. Quando aprendemos a conseguir controlar as emoções, tornamo-nos menos sobrecarregados de problemas, o nosso corpo e a mente harmonizam-se e a ansiedade começa a dissolver-se num calmo relaxamento e quietude. Podemos então começar a trabalhar com os nossos problemas directamente pois já não sentimos necessidade de fugir deles. Atenuam-se naturalmente as nossas tensões e bloqueios energéticos. Desta forma, deixamos de estar presos a um ciclo de desejos e ansiedades e podemos usufruir vivendo com o corpo e mente de forma harmonizada melhorando substancialmente a nossa qualidade de vida e bem estar.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 21:06
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 10 de Fevereiro de 2009

Mundo do Reiki

Entrar no “Mundo do Reiki” é entrar num maravilhoso mundo de sensações e emoções. Para quem já está absorvido por este universo, cada dia que passa é uma aprendizagem contínua através da prática continuada no próprio reikiano ou a todos aqueles que o procuram. Encontrar-mos o nosso bem-estar e ter possibilidade de o proporcionar a terceiros é sem dúvida uma experiência maravilhosa e gratificante, elevando a auto-estima de ambos pois é desenvolvido um trabalho mental e espiritual em todos os intervenientes. Ao fazer Reiki a si mesmo ou aos outros pode usufruir dos benefícios que a seguir transcrevo e explico.

RELAXAMENTO PROFUNDO: As auto-aplicações e aplicações de Reiki em terceiros, leva-os a um estado de relaxamento profundo desde que, se entreguem de “corpo e alma” ao que lhes estão a fazer pois, caso contrário, o subconsciente da pessoa bloqueia qualquer tipo de entrada ou troca energética.

ELIMINAÇÃO DE BLOQUEIOS: Diariamente através da interacção com várias pessoas, somos constantemente alvos e emissores de “ondas” energéticas entre nós e os outros, conforme já aqui tinha explicado neste blogue. Com relativa facilidade captamos energias negativas emanadas de outras pessoas que, assim que se “agarram” a nós, provocam bloqueios e mau estar físico e emocional.

DESINTOXICAÇÃO: Medicamente falando define-se como desparazitação, isto é, eliminação de anticorpos indesejáveis ao organismo que, pelos meios usuais (urina e fezes) não conseguem ser libertos.

AUMENTO DA FREQUÊNCIA VIBRATÓRIA: Significa o aumento do fluxo sanguíneo no corpo, permitindo uma boa oxigenação das células, por mais distantes que estejam da fonte (coração).   

COMPLEMENTO A TRATAMENTOS MÉDICOS: Qualquer terapeuta ou praticante de Reiki, não se pode sobrepor a um médico de clínica geral ou especialista. Deve sim, em consonância com o mesmo, trabalhar em conjunto, potenciando os efeitos benéficos da medicação e atenuando ou eliminando os efeitos secundários da mesma.

ELIMINAÇÃO DO STRESS: Entrando em relaxamento o stress alivia, mas como o Reiki actua também nos níveis, emocional, mental e espiritual, isso permite que a sensação e acumulação do stress seja ultrapassado.

RECOMENDADO A GRÁVIDAS: Como o Reiki aplicado durante a gravidez e com maior frequência nos 5 dias antecedentes ao parto, vai permitir uma melhor abertura ou deslocação do osso da bacia, bem como ao bebé colocar-se na posição indicada para sair. Todo este conjunto de serviços proporcionam o verdadeiro EQUILÍBRIO DO SER.

Estes são os benefícios de uma sessão de Reiki, mas ele não se fica apenas por aqui. Qualquer reikiano pode também aplicar Reiki nos alimentos, na água, nas plantas e nos seus animais domésticos que, por vezes sofrem devido aos seus donos.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Muito Amor Incondicional...
Publicado por Viktor às 09:13
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Outubro de 2008

O que oferece o Reiki, a si e aos outros

*     Realinhamento dos centros energéticos (charas);

*     Maior clareza mental;

*     Redução do stress;

*     Assistência no equilíbrio das emoções;

*     Remoção das toxinas do sistema;

*     Remoção de bloqueios;

*     Aceleração de todos os processos biológicos de cura (acção sobre a causa);

*     Remoção de ligações espirituais “indesejadas” (obsessão espiritual);

*     Cirurgia psíquica;

*     Cura de vidas passadas;

*     Cura à distância;

*     Expansão da consciência;

*     Para as mulheres, maior controlo dos sintomas pré menstruais e gravidez.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 10:02
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 23 de Julho de 2008

Uma meditação profunda pelos Chakras

Ter tempo para cada paciente e poder dedicar-me aos problemas específicos deles/delas, é uma preocupação que trago comigo desde que me pedem auxílio. Com casos muito problemáticos eu faço um esforço extra, uma viagem mais profunda e uma sessão individual pode chegar a demorar uma hora e meia.

No decorrer dos meus tratamentos uma meditação profunda guiada pelos Chakras pode elevar vivências e reacções extraordinárias nas pessoas.

É uma viagem ao lado desconhecido do seu próprio ser. Leva à consciência de emoções e sentimentos retidos. A energia contida é liberada e o ser está sobre condições de a ver desatada novamente. Alguns clientes sentiram uma sensação de paz e bem-estar que nunca tinham experimentado. Por outro lado alguns têm a impressão de ter batido ao chão. Mas nenhuma das duas sensações é percebida como má ou desagradável. A meditação é desenvolvida assim, fazendo com que os pacientes sejam liberados lentamente, e eles lamentam o fim da “viagem”, e voltam à realidade com muito prazer.

Através destas meditações são atraídas aos Chakras diferentes ajudas energéticas que eliminam bloqueios e que pode conduzir a processos de cura. Reacções muito emocionais podem se aparecer, por exemplo o libertar de grito. Através desta meditação todas as pessoas/pacientes procuram tranquilidade e relaxamento. Agora eles sentem a necessidade para falar sobre as suas experiências pessoais.

Eu completo esta meditação com um alinhamento de Chakras e alisamento da aura.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Muita Energia Positiva...
Publicado por Viktor às 09:15
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 3 de Junho de 2008

Benefícios do REIKI na Actualidade

H

á imensos benefícios na utilização do Reiki no dia-a-dia. O Reiki é uma energia inteligente que, ao ser canalizada para uma pessoa, combate a causa eliminando assim o efeito. As pessoas que padecem de um determinado problema e manifesta, por pouco que seja, vontade de explorar novas áreas e experiências, significa que é o ponto de partida para um tratamento significativo e promissor, uma vez que a pessoa manifesta vontade de viver e tem com ela o desejo de ser saudável. Para além disso, nem só as pessoas que perecem de algum tipo de doença procuram o Reiki, pois ele trabalha em 3 planos (físico, mental e espiritual), o que faz dele uma terapia multifacetada. Actualmente muitas pessoas sofrem de pressões laborais, têm alguns problemas familiares, vivem constantemente a fazer contas e a pensar em como vais ser o dia de amanhã, com preocupações constantes, e isso provoca stress, alguma ansiedade, e podem mesmo chegar ao ponto de entrar em depressão. Toda esta sintomatologia deve-se ao facto de, tanto durante o dia como durante a noite, as suas mentes estarem em constante funcionamento, o que lhes provoca algum desgaste, pois durante o período nocturno, enquanto dormem ou tentam dormir (chegando a pontos de se medicarem para tal), a mesma não tem a paz necessária para efectuar a reposição energética necessária, e assim encarar o próximo dia com a mente “fresca”. Através do Reiki, esse tipo de problema pode ser minimizado, ou até mesmo dissipado. O Reiki beneficia não só quem recebe, mas também quem o aplica, pois vai limpando os canais energéticos de ambos, provocando um melhor bem-estar, activando o sistema endócrino, pondo em funcionamento todo o sistema imunitário de qualquer ser vivo. O Reiki não é somente usado, quando detectamos algum problema de saúde, pois é também uma terapia de relaxe e prevenção para futuros problemas, eliminando assim muitas possibilidades dos mesmos aparecerem. Por isso, muitas pessoas conhecidas na sociedade, recorrem a este tipo de terapia para manutenção do seu bem-estar e como forma de prevenção, conforme vemos por vezes em algumas entrevistas publicadas em revistas e jornais. Muito mais havia para dizer acerca desta terapia milenar, mas não querendo maçar os meus leitores, deixarei isso para outro dia.

Termino assim desejando a todos um dia cheio de boas energias, paz e amor.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:14
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 14 de Março de 2008

O QUE OFERECE UM TRATAMENTO DE REIKI

  • Realinhamento dos centros energéticos (chakras);
  • Maior clareza mental;
  • Redução do stress;
  • Assistência no equilíbrio das emoções;
  • Remoção das toxinas no sistema;
  • Eliminação de bloqueios;
  • Aceleração de todos os processos biológicos de cura (acção sobre a causa);
  • Remoção de ligações espirituais “indesejadas” (obsessão espiritual);
  • Cirurgia psíquica;
  • Cura de vidas passadas;
  • Cura à distância;
  • Expansão da consciência;
  • Para as mulheres maior controlo dos sintomas pré menstruais e menopausa;
  • Recomendado a grávidas.
Se pretende fazer um tratamento solicite aqui a informação necessária.
NAMASTÉ
Estado de Espiríto: Com muita energia positiva...
Publicado por Viktor às 10:15
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2008

Regressão...

Regressão é uma das grandes técnicas do futuro nos campos de auto-descoberta e psicoterapia. Uma de suas características mais importantes é que integra duas dimensões dentro do mesmo processo: uma dimensão psico-terapêutica, e uma metafísica.
Para psicoterapeutas, regressão é uma técnica transpessoal que permite explorações e libertações de profundidade sem precedente, e através da qual a necessária dimensão metafísica pode ser incorporada em psicoterapia. Para quem cultiva a espiritualidade, regressão é a maior ferramenta na abertura da percepção, um acordar poderoso do terceiro olho, e acima de tudo um caminho de descondicionamento mental. Esta técnica proporciona também uma purificação profunda e sistemática da camada emocional – não diferente da catarse que Bernard de Clairveaux, patrono dos Templários, costumava descrever com a palavra latina defæcatio, considerando isto um preliminar indispensável para uma experiência espiritual mais elevada.
Regressão visa explorar e liberar bloqueios emocionais e complexos mentais, assim como muitas outras terapias. A diferença da regressão, entretanto, está na sua maior capacidade para alcançar recordações subconscientes e inconscientes escondidas. Até mesmo nas primeiras sessões, não é incomum experimentar flashbacks que não podem ser relacionados a qualquer experiência nesta vida, mas que são acompanhados por um sentimento profundo e uma certeza interna de que eles se referem a você. Por isso o nome “Terapia de Vidas Passadas” é dado com frequência à Regressão.
Publicado por Viktor às 10:54
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 12 de Julho de 2007

O Corpo físico e os 7 principais Chakras

Nosso corpo físico tem uma ligação sutil com o mundo astral. É através do desequilíbrio desta energia vital que as pessoas adoecem e acabam obstruindo esta ligação com o Divino. Daí, a relação entre as doenças e as crises emocionais. É muito comum ver pessoas que acabam somatizando e transformando energias negativas, depressão, raiva, solidão, em doenças físicas, como cânceres e outras mais graves. Nosso corpo físico tem pontos, que quando ativados, fazem fluir a energia vital, nos trazendo alegria e, principalmente, saúde. É através dos nadis (meridianos) - caminhos invisíveis dentro do nosso organismo - que a energia vital caminha por todo o nosso corpo e chega aos chakras, em pontos que concentram vibrações mais específicas, conforme veremos à seguir:

Muladhara - O primeiro chakra (conhecido como Chakra Base ou Raiz), situado na base da espinha dorsal, relaciona-se com o poder criador da energia sexual. Quando esse chakra está enfraquecido indica distúrbios da sexualidade ou disfunções endócrinas. Quando excessivamente energizado, indica excesso de hormônios, sexualidade exacerbada ou até mesmo a presença de um tumor no local.

Svadhisthana - O segundo chakra também chamado esplênico, sacro ou do baço, é responsável pela energização geral do organismo, e por ele penetram as energias cósmicas mais sutis, que a seguir distribuem pelo corpo. Quando esse chakra é estimulado, propicia uma boa captação energética.

Manipura - O terceiro chakra (conhecido como Chakra do Plexo Solar) localiza-se na região do umbigo ou do plexo solar, e está relacionado com as emoções. Quando muito energizado, indica que a pessoa é voltada para as emoções e prazeres imediatos. Quando fraco sugere carência energética, baixo magnetismo, suscetibilidade emocional e a possibilidade de doenças crônicas.

Anahata - O quarto chakra situa-se na direção do coração. Relaciona-se principalmente com o timo e o coração. Sua energia corresponde ao amor e à devoção, como formas sutis e elevadas de emoção. Na tradição católica, este chakra é simbolizado pelo coração luminoso de Cristo. Quando ativado desenvolve todo o potencial para o amor altruísta. Quando enfraquecido indica a necessidade de se libertar do egoísmo e de cultivar maior dedicação ao próximo. No aspecto físico, também pode indicar doenças cardíacas.

Visuddha - O quinto chakra fica na frente da garganta e está ligado à tireóide. Relaciona-se com a capacidade de percepção mais sutil, com o entendimento e com a voz. Quando desenvolvido, de forma geral, indica força de caráter, grande capacidade mental e discernimento. Em caso contrário, pode indicar doenças tireoidianas e fraquezas de diversas funções físicas, psíquicas ou mentais.

Ajna - O sexto chakra situa-se no ponto entre as sobrancelhas. Conhecido como "terceiro olho" na tradição hinduísta, está ligado à capacidade intuitiva e à percepção sutil. Quando bem desenvolvido, pode indicar um sensitivo de alto grau. Enfraquecido aponta para um certo primitivismo psico-mental ou, no aspecto físico, para tumoração craniana.

Sahasrara - O sétimo é o mais importante dos chakras, situa-se no alto da cabeça e relaciona-se com o padrão energético global da pessoa. Conhecido como chakra da coroa, é representado na tradição indiana por uma flor-de-lótus de mil pétalas na cor violeta. Através dele recebemos a luz divina. A tradição de coroar os reis fundamenta-se no princípio da estimulação deste chakra, de modo a dinamizar a capacidade espiritual e a consciência superior do ser humano.

                                                                                       Wikipédia
Publicado por Viktor às 23:38
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão do dia

. Reflexão: Infertilidade &...

. Perdão & Aceitação…

. Reflexão...

. Tipos de Obstruções Energ...

. Reflexão da noite...

. Ansiedade...

. Mundo do Reiki

. O que oferece o Reiki, a ...

. Uma meditação profunda pe...

. Benefícios do REIKI na Ac...

. O QUE OFERECE UM TRATAMEN...

. Regressão...

. O Corpo físico e os 7 pri...

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007