Quarta-feira, 19 de Março de 2014

Pas-Pes-Fut

Caríssimos,

     A vida é definida de muitas formas, maneiras, situações, momentos, fases, enfim, como diz a sabedoria popular: “Cada cabeça sua sentença”. Cada um define o termo “vida” à sua maneira, consoante o seu nível de consciência e conhecimento, mas também com a sua verdade, porque cada ser humano tem a sua. As verdades universais são as das Leis Universais, que tratam todos os seres humanos da mesma forma, sem descriminações.

     Cada um de nós, para poder viver neste planeta para completar mais uma missão, teve de escolher os pais, que seriam o seu passaporte de entrada na Terra. Todos nos nascemos com “amnésia espiritual” para assim, cada um de nós tentar dar o seu melhor, mas acima de tudo porque somos seres com inteligência emocional (ligada directamente aos nossos sentimentos) e assim conseguimos nascer em paz e harmonia com tudo, sem qualquer tipo de sentimentos seja por quem for. É este recomeçar do zero que faz com que muitas pessoas tenham dúvidas acerca da imortalidade da Alma entre muitas outras questões.

     Achei por bem dar-lhes este pequeno esclarecimento antes de escrever sobre o título deste texto. Questões do passado, presente e futuro são muito pertinentes e muitas vezes atrapalham a mente já algo conturbada do ser humano, impregnada pelas inúmeras fontes de energia negativa (jornais, televisões, etc…) espalhadas por todo o lado, além das conversas que diariamente os seres humanos têm fazendo afirmações do tipo “…isto não está fácil…”, “…a vida está difícil…”. Ao fazem essas afirmações estão a usar o “verbo” e a força da palavra que se projecta no universo e que nos proporciona precisamente o que dizemos (lei da atracção), bem como a energia emanada pelas ondas dos nossos pensamentos. Actualmente muitos seres humanos sobrevivem com as suas dificuldades, presos ao passado, com muitas incertezas no futuro, o que lhes provoca uma grande instabilidade no presente. Há um ditado que diz: “O passado é história, o futuro é mistério, o presente é uma dádiva”; Por isso nos devemos de libertar de todas as amarras do passado, bem como de todos os sentimentos negativos associados às mesmas, relativamente ao futuro eliminar toda e qualquer tipo de ansiedade e assim conseguirá viver plenamente no presente, usufruindo do verdadeiro elixir da vida, o amor na sua mais pura essência.

     Alcançar este “nível” é trabalhoso, exigindo da parte de cada um de nós tempo e dedicação a nós mesmos, o que é algo complicado pois as pessoas tentam ocupar os seus tempos livres em actividades lúdicas e sociais, relegando para segundo plano as suas actividades de enriquecimento pessoal. Infelizmente o Ser humano tem tendência em se lembrar de si mesmo apenas quando por infortúnio, se vê “atirado” para uma cama ou doente, esquecendo-se que através do trabalho preventivo efectuado sobre si mesmo, poderia evitar muitas doenças. Quando se aborda este assunto ao ser humano comum muitas vezes obtemos respostas do tipo: “Eu não tenho tempo para isso…”, “Tenho o tempo muito ocupado!”,”Pensas que uma pessoas casada tem tempo para isso”,”Os meus filhos estão primeiro”, entre muitas outras desculpas que derivam da preguiça colectiva da humanidade, para trabalharem em si mesmos o seu interior encontrando assim a sua felicidade e bem-estar.

     Depois desta leitura a minha sugestão é que volte a ler pausadamente cada um dos parágrafos e faça uma reflexão sobre o que acabou de ler.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 09:09
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 17 de Setembro de 2013

Reflexão: Infertilidade & Gravidez

Caros leitores,

     Hoje em dia muitas mulheres sonham um dia sair de casa dos pais, constituir família e serem mães, para assim deixarem o seu “legado” na Terra. A maioria das pessoas consegue fazer isso, mas há quem tenha problemas de infertilidade o que impede o Ser Humano de gerar novas vidas. Este é um problema transversal pois pode-se manifestar em ambos os sexos, impedindo a gravidez e consecutivamente procriação da espécie humana.

     A medicina convencional define infidelidade da seguinte forma: “Define-se infertilidade conjugal como a ausência de gravidez após 12 meses de relações sexuais regulares sem uso de método anticoncepcional. É importante ressaltar que a infertilidade não é igual a impossibilidade, mas a dificuldade para engravidar, que pode ser de diversos graus”.

     Tudo o que nos acontece no âmbito da saúde deriva dos nossos pensamentos e atitudes, porque o nosso corpo fala através da dor física. Na maioria das vezes apenas nos preocupamos com a remoção da dor ou tratamento da doença, mas não vamos ao fundo da questão. As pessoas que sofrem de infertilidade ou esterilidade, na maior parte dos casos têm um bloqueio na mente que as/os fazem sentir-se incapazes de sustentar uma determinada situação.

     Nos dias de hoje fazerem um tratamento para engravidarem á algo bastante dispendioso através da medicina convencional, o que faz com que as pessoas passem a recorrer às terapias alternativas e/ou complementares, a custos mais acessíveis. A maioria das pessoas, devido ao facto de se viver numa sociedade “capitalista”, ainda continuam a achar que o que é caro é que é bom, algo com o qual discordo, mas cada um é livre de pensar como quer, mais ou menos influenciado por terceiros.

     Para terminar esta pequena reflexão gostaria de partilhar com vocês uma coisa, que aconteceu comigo enquanto Terapeuta. Todas as vezes que fui procurado por pessoas com problemas de infertilidade, depois da terapia conseguiram engravidar. Foi algo que deixou muito felizes os pacientes, felicidade essa que também senti além do sentimento de dever cumprido. Deus, obrigado por todas as oportunidades que me tens dado, para auxiliar o meu semelhante através do Amor Incondicional.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 16:07
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 2 de Agosto de 2010

Chakra Umbilical ou Sacro

 

Este chacra no Oriente define-se como Svaddhisthana (a morada), estando associado ao elemento Água. Sua vibração electromagnética assemelha à cor laranja. A sua actividade está relacionada directamente com a nossa identificação com o corpo físico e com a polarização sexual, sendo o ponto de partida para o despertar da Kundalini. Bloqueios neste chakra podem gerar medo, insegurança, desejo sexual irresistível, sendo também importante salientar que o inverso (excesso de actividade) também é verdadeiro: o medo é o principal desarmonizador do mesmo.

Este chakra controla a energia dos seus órgãos sexuais e a bexiga. Quando se encontra harmonizado, a pessoa é capaz de interagir nos jogos sociais sem gerar nenhum tipo de ansiedade. As respostas são, emocional e fisicamente, estruturadas e estáveis; longe, portanto, da histeria emocional e estabelecendo relações sociais saudáveis com todos os que o rodeiam.

Fazer uma relação rigorosa dos problemas provenientes do desequilíbrio neste chacra. Cada pessoa é tão única que o processo de desequilíbrio será diferente, devendo ser tido em consideração o karma e o estilo de vida adoptado na actual reencarnação. Devem recordar também, bem como ter sempre presente que existe sempre uma relação entre a “causa” e o “efeito”. Regra geral pode-se afirmar que o equilíbrio energético entre os dois primeiros chakras auxilia o nosso corpo físico a tornar-se firme e estável e sem problemas de articulações. Diminui a incidência de problemas de pele, tornando-a brilhante e saudável. Favorece a longevidade, a constância e a segurança, como também a persistência e a resignação.

Em desequilíbrio (excesso ou falta de energia), podem ocasionar problemas psicossomáticos diversos, tais como:

- Avidez e descontrole sexual,

- Masculinização da mulher,

- Dificuldades de raciocínio,

- Sexo sem afectividade,

- Depressão,

- Somatização de doenças ligadas aos ovários, próstata, intestinos, rins, bexiga, pernas.

- Indigestão,

- Perda da memória,

- Diminuição da sensibilidade corporal.

Normalmente, os pensamentos, sentimentos e atitudes que colaboram para o desequilíbrio nesses primeiros dois chakras são, entre outros:

- A tendência a guardar mágoas e ódios,

- A dificuldade ou medo de tomar decisões ou executar tarefas,

- Fugir dos seus compromissos,

- A dificuldade em aceitar mudanças, sobretudo de ordem moral,

- O conservadorismo religioso,

- O pavor de novidades (defesa intransigente de “purezas” doutrinárias ou ideológicas) que levam ao fanatismo,

- A teimosia,

- A possessividade,

- O Ciúme, etc.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Música: M80
Publicado por Viktor às 13:43
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 12 de Março de 2010

Voluntariado de Reiki

Caros amigos,

Dar-mos um pouco de nós em prol de quem precisa é algo de valor inestimável para quem recebe, bem como para a pessoa que faz. Em tempos solicitei aos Reikianos que me contactassem caso estivessem interessados em fazer voluntariado de Reiki no Centro de Saúde de Albufeira. Ao meu primeiro pedido apenas três ou quatro pessoas me responderam e, assim sendo, vou recomeçar agora a recolher novamente os contactos.

Caso esteja interessado em participar envie-me um e-mail para: mestreviktor@gmail.com . Desejo-lhes tudo de bom.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 04:22
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Janeiro de 2010

Sistema Nervoso

“O Sistema Nervoso é uma rede de comunicações electroquímicas internas do corpo. Os seus principais constituintes são o cérebro, a medula espinhal e  os nervos. O cérebro e a medula espinhal formam o sistema nervoso central (SNC), o centro de controlo e coordenação do corpo. Biliões de longos neurónios, a maioria agrupados em nervos, constituem o sistema nervoso periférico, transmitindo impulsos nervosos entre o SNC e as demais regiões do corpo. Cada neurónio possui três partes: um corpo celular, ramos dentríticos que recebem os sinais químicos de outros neurónios, e um axônio, em forma de tubo, que conduz estes sinais na forma de impulsos eléctricos.”

Fonte

“As principais doenças relacionadas com este sistema são as seguintes: Meningite, poliomielite, neuralgia, neurite ciática, neurose, paralisia, esclerose múltipla, leucemia, síndrome parksinsoniana, síndrome coréica, neurotuberculose, derrame, aneurisma, apífise, anestesia, insónia, apneia do sono, terror nocturno, estado de coma, enxaqueca, stress, depressão, etc. .

Na verdade este é todo um sistema de interligações que existe dentro de nós e nos permite comandar e coordenar um sem número de ordem produzidas a cada segundo para todo o nosso organismo. O mesmo além de funcionar por impulsos e estímulos, é também “afectado” pela nossa energia bem como aquela que recebemos e damos nas trocas energéticas diárias que temos com os outros. As trocas energéticas dão-se em todas as pessoas quer acreditem ou não nas mesmas, pois basta um contacto visual, verbal, um mero toque mesmo sem querer para se desencadear uma troca energética entre duas pessoas.

Neste campo o Reiki pode desempenhar um importante papel, quer a dar ou a receber. Receber Reiki vai permitir que sejam removidos bloqueios energéticos (p. ex. do foro emocional ou mental), harmonizando a comunicação entre os sete chacras principais que se encontram na zona da coluna (5) e cabeça (2), permitindo assim um equilíbrio entre ambos, que se vai reflectir directamente no nosso campo áureo, resultando num bem-estar geral nos níveis físico, emocional, mental e espiritual. Dar Reiki faz-nos sentir muito bem, pois é um trabalho duplo porque como canal de Reiki que sou, ao dar estou também a receber essa energia que passa por mim e trabalhar com todo o amor incondicional é algo muito gratificante que me dá uma enorme alegria interior.

Não quero contudo dizer que o Reiki por si só pode proporcionar a cura, mas é sem dúvida uma mais-valia, com todo o respeito que merecem as outras terapias e profissionais de saúde. Mas, falando agora de alguns casos que passaram por mim, o Reiki ajudou imenso, além de também lhes ter mudado a vida relativamente à consciencialização daquilo que os rodeia. Vou terminar a dizer um dos 5 princípios que se enquadra aqui na perfeição: Só por hoje, despreocupe-se.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 13:33
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 28 de Agosto de 2009

Familia

Caros leitores e amigos,

Cada um de nós tem uma família com a qual temos de viver enquanto cá estamos. Esperamos que a mesma esteja ao nosso lado nos altos e baixos da vida. Ao longo da vossa vida, por vezes já deram pela vossa mente a fazer-lhes estas e outras perguntas: Porque é que eu tenho estes pais? Porque é que tenho esta família? Porque é que fui abusado(a) por um familiar? Porque é que a minha família me rejeita?

Então eu vou-lhes responder a todas estas questões. O/A único culpado/a disto é você. Nada mais correcto, pois foi você que escolheu a família em que quis nascer, mediante as provações necessárias pelas quais tem de passar no seu processo evolutivo enquanto espírito encarnado. Pois é, a vida não acaba quando morrer, apenas vai ser transportado para outro plano onde o que vê na terra também existe, à excepção das leis defeituosas criadas pelos Homens, pois nesse plano é regido pela Lei da Providência criada pelo divino Criador. Se foi essa a família que lhe saiu na rifa não foi por acaso, foi sim obra do merecimento, por aquilo que fez ou não nas anteriores vidas em que cá esteve (terra). Por isso meu amigo, não se lamente por isso, pois ninguém tem culpa da tua situação a não seres tu e apenas tu. Assume o papel da tua vida, vivendo com o que tens (partilhando com o teu semelhante) sem desejares a cada dia que passa, mais, mais e mais pois isso será uma chaga. Essa chaga vai criar bloqueios energéticos no corpo que por sua vez vão despoletar alguns problemas tais como úlceras, enxaquecas, alterações no sistema nervoso, dores na região dorso lombar e noutras partes do corpo, hipertensão arterial, ansiedade, medos, fobias e uma grande baixa nos níveis de auto-estima. Todas estas situações podem ser atenuadas ou até mesmo eliminadas através da prática do Reiki. Pense nisto e se tiver algo a dizer ou acrescentar, tenha a liberdade.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 11:01
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Quinta-feira, 9 de Julho de 2009

Remédio de Base

É possível que tenha caído num profundo desânimo, por estar a sofrer:

a falta de alguém;

a incompreensão de amigos;

o frio da solidão;

o conflito de ideias;

acusações infundadas;

desajustes no trabalho;

dívidas agravadas;

prejuízo nos negócios;

doenças no próprio corpo;

moléstias na família;

complexos de culpa;

reprovações e críticas;

sensações de abandono;

lutas e desafectos;

deserções de entes caros;

e obsessões ocultas...

Seja qual for, porém, a sua prova em si, erga a cabeça, ponha os olhos no Alto e retome a tarefa em que deva servir, confiando-se a Deus, porque Deus proverá e em Deus qualquer problema achará solução.

Espírito: André Luiz

Médium: Francisco Cândido Xavier

Livro: “Busca e Acharás

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 12:00
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 20 de Maio de 2009

Reiki, uma terapia complementar...

O Reiki é uma terapia holística alternativa que em variados países do ocidente já está implementada tanto em clínicas particulares como nas públicas (hospitais). Em termos hospitalares é usada para os doentes oncológicos, pré e pós tratamento de quimioterapia e radioterapia e acamados de média e longa duração. Em Portugal já há uns 3 ou 4 hospitais que, em regime de voluntariado, alguns Reikianos associados da Associação Portuguesa de Reiki “Monte Kurama”, que assim despendendo algum do seu tempo livre executam um bom trabalho no auxílio dos pacientes, ajudando-os assim a suprimir as dificuldades harmonizando o campo energético, potenciando os efeitos benéficos da medicação e atenuando ou eliminando os efeitos secundários da mesma.

Além das patologias já mencionadas e falando um pouco de outras patologias diagnosticadas a pessoas que me procuraram para lhes administrar Reiki posso acrescentar às já referidas as seguintes: infecções, tumores no colo uterino e mamário, fibromialgia, depressão, ansiedade, stress, coluna, bipolar, esclerose múltipla, e outras mais que de momento não me recordo.

O Reiki não tem contra-indicações nem efeitos secundários e pode ser aplicado a qualquer pessoa, desde que a mesma manifeste vontade. Antes da primeira sessão de Reiki deve haver uma conversa entre o terapeuta e o paciente, para que este seja preparado mentalmente para a terapia energética que lhe vai ser administrada. Receber uma sessão de Reiki não é apenas uma experiência mas sim uma valiosa dádiva que está a dar a si mesmo, contribuindo para o seu bem-estar e saúde. Pense em si.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:27
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Dezembro de 2008

Doenças vs Emoções

Vou aqui dizer que alguns problemas de saúde estão associados a certo tipo de emoções que podem ser utilizadas como hipótese de trabalho para uma análise diagnostica. Pode ser utilizado para orientar a consulta ou a triagem das pessoas que procuram um atendimento.

Como há sempre muitas causas envolvidas, a enfermidade é uma teia complexa na qual entra os karmas de vidas passadas, a falta de cuidado na actual vida e os efeitos que se transformam em novas causas etc.

O objectivo é conduzir a pessoa a auto conhecer-se e reflectir se de facto possui tais sentimentos e atitudes na sua vida diariamente. Em caso afirmativo, deverá solicitar ajuda a um profissional qualificado para superar tais situações.

Abcesso – emoções reprimidas por medo, culpa, paternalismo, repressão social etc. na região genital (emoções sexuais e afectivas), pulmões/coração (sensações afectivas sublimadas), na cabeça (espiritualidade sublimada). Sentimento de culpa ou inveja.

Acnes – timidez exagerada, medo de ser descoberto (traição, segredos que não deveriam ser revelados, etc.). Espinhas: energia sexual reprimida.

Alergia – necessidade de se defender do meio em que vive (família, trabalho, escola etc.), tensão e infelicidade, rejeição de ajuda externa.

Amnésia – perda de interesse pela vida, desânimo.

Anemia – medos e receios conduzindo para uma diminuição do prazer, da euforia. Cansaço, angústia sexual ou afectiva, mudança ideológica ou paradigmática. A anemia pode representar a necessidade de mudanças no campo afectivo, económico, ideológico etc.

Arteriosclerose – ciúmes, inveja (dor de cotovelo), possessividade.

Asma – auto desaprovação, super protecção dos pais, medo, insegurança, sufocamento dos desejos e paixões, medo de entrar em contacto com suas próprias necessidades e desejos para não contrariar as pessoas com quem convive, conservadorismo, rigidez. Os mesmos sintomas para bronquite.

Cancro – estagnação da energia vital. Deve-se relacionar com o órgão atingido. Ausência de resignação (lembro que resignação não é conformismo, mas compreensão do problema e respectiva aceitação activa das provas ou expiações), depressão, conformismo.

Ciático – nervo sexual por excelência. Sexualidade contida ou mal conduzida. Sublimação negativa do sexo (repressão sexual).

Coraçãohiperactividade, perfeccionismo, falso optimismo, pouca imaginação, ego narcísico. Dificuldade para controlar as emoções que sente. Costuma preceder um enfarto às situações de humilhação ou desonra.

Esclerose – perfeccionismo com os outros e indulgente consigo mesma.

Estômago – dificuldade em aceitar e digerir as próprias emoções ou relacionadas a outras pessoas. Aceitam tudo, mas perdoam pouco. Possessividade, perfeccionismo em relação aos outros (falta doçura, ternura e carinho nas opiniões sobre os erros de outras pessoas). Inveja.

Impotência – falta de confiança, auto rejeição, dificuldades económicas ou profissionais.

Miomas – sexualidade confusa, medo exagerado da maternidade, sufocamento de fantasias e desejos sexuais.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:25
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 28 de Maio de 2008

Saúde da Mulher e Crianças

Relativamente às mulheres vou aqui enumerar alguns problemas de saúde que podem ser auxiliados ou até mesmo sanados através de aplicações de Reiki: Doenças do Útero, Durante a Gravidez, Antes do Parto, Náusea matinal Intensa, Doenças nos seios, Gravidez Tubária (fora do útero).

CRIANÇAS:

As crianças que choram durante a noite de uma forma, por vezes compulsiva, com uma sessão de Reiki permite que a criança relaxe parando o choro e tranquilizada impede os pesadelos que por vezes têm durante a noite.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:03
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 14 de Agosto de 2007

Benefícios do Reiki

Dor crónica: Aliviar dores de artrite, reumatismo, artrose, coluna e dores lombares, menstruais, enxaqueca e de cabeça etc.
Óseo-Muscular: Acelera o processo de cura e solda de lesões ósseas. Reduz a inflamação em deslocamentos, curar músculos rasgados, torcicolos, etc.
Infecções: Ajuda o organismo a aumentar a capacidade de lutar contra doenças e viroses, enquanto reforçando o sistema imunitário das células (há melhorias documentadas em pessoas seropositivas, por exemplo). Otite, gastroenterite, infecções da pele etc.
Cancro: Foi usado com sucesso em combinação com a quimioterapia, ajudando o organismo a manter a força física necessária para os tratamentos. Chega a fazer desaparecer pequenos sintomas de cancro na pele.
Depressão, agressividade e outros tipos de doenças mentais: O Reiki é bom para equilibrar energicamente e espiritualmente as pessoas. Para as doenças mentais, é recomendado, pois chegam a desaparecer quando a pessoa consegue equilibrar o seu estado Físico com o Espiritual, alcançando a felicidade.
Em resumo, o último ponto conta tudo. Reiki, mais do que tratar doenças específicas, auxilia outras medicinas e completa o equilíbrio através da Energia Universal. Deste modo, o Reiki é cada vez mais procurado por pessoas de todas as classes sociais.
Publicado por Viktor às 11:52
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Pas-Pes-Fut

. Reflexão: Infertilidade &...

. Chakra Umbilical ou Sacro

. Voluntariado de Reiki

. Sistema Nervoso

. Familia

. Remédio de Base

. Reiki, uma terapia comple...

. Doenças vs Emoções

. Saúde da Mulher e Criança...

. Benefícios do Reiki

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007