.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Sexta-feira, 2 de Março de 2012

Reflexão… pobreza…

 

Caros leitores,

     Neste planeta existem dois tipos de pessoas (homem e mulher) falando de forma simples e global, pois existem inúmeras formas ou maneiras de diferenciar as pessoas, através da raça, da cor, evolução humana, evolução espiritual, além das classes sociais (alta, média, baixa).

     Muitas pessoas dizem nos seus discursos determinadas palavras, tais como solidariedade, amor, compaixão, auxílio, combate entre outras, para apenas comporem tais dissertações. Mas será que estas pessoas sabem qual o significado de tais palavras? Será que as dizem apenas porque socialmente fica bem? Na minha modesta e humilde opinião, mais vale nada dizerem e concentrarem as suas palavras nos discursos políticos, partidários, governativos, ou de outro tipo qualquer. Veja-se por exemplo, no concurso de misses, quando lhe perguntam o que desejam para o mundo, todas acabam por dizer: “paz entre os seres e acabar com a fome no mundo”. Neste caso eu pergunto, depois de se tornarem “famosas” quantas passagens de modelos fazem, angariando fundos ou donativos para essas causas que disseram ser os seus desejos?

     Tanto a pobreza como a fome jamais será vencida apenas e só com as palavras bonitas ditas pelas mais variadas pessoas, pois nunca vi nenhuma pessoa encher a barriga apenas com as palavras de solidariedade. Eles necessitam daquilo que cada um de nós necessita, pois todos somos semelhantes na essência e diferentes na existência e como tal, Eles necessitam de alimentos e roupa para o corpo essencialmente. Contudo porém, a maioria dos Seres humanos continua a manter uma atitude de indiferença para com os mais carenciados e necessitados, manifestando apenas palavras de pesar (palavras que apenas escapam pelos lábios sem provirem do coração) pela situação em que se encontram os mais desfavorecidos. Até aqueles Seres que dizem ser mais espiritualizados muitas vezes dizem: “isso é karma”… enfim, por ventura algum de nós sabe se um dia não se irá encontrar numa situação dessas? Hoje Eles necessitam, quem lhe garante que amanhã não é Você? Porque é que o Ser humano teima em olhar para o seu umbigo querendo sempre mais e mais, vivendo agarrado ao materialismo? Quando chegar a sua hora de partida, cada um leva aquilo que trouxe quando chegou, ou seja, nada.

     A existência desse tipo de pessoas também tem a sua razão de ser, pois Eles têm também a missão de ensinar o que é compaixão, amor e solidariedade a todos aqueles que vivem exclusivamente a pensar em si, no seu bem estar e interesses a todos os níveis.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Música: R. Comercial
Publicado por Viktor às 17:29
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 30 de Novembro de 2011

Doença...

Caros irmãos,

     Todo o Ser humano vive, no plano terrestre, procurando a sua verdadeira essência, pois todos já se interrogaram nestes termos: “quem sou?”, “de onde venho?”, “para onde vou?”, “o que tenho de fazer aqui?”.

     Sem dúvida que a “estadia” do Ser neste planeta é algo atribulada, repleta de altos e baixos, recheada de emoções mais e menos intensas. Movendo-se por caminhos mais ou menos sinuosos, inúmeros obstáculos surgem nesses trilhos que dificultam as passagens na persecução dos ideais. Além destas contrariedades, outros Seres que julgam deter “direitos” sobre as nossas escolhas, desrespeitando o nosso livre arbítrio, sobrecarregando o nosso já pesado fardo (cruz).

     Como Seres terrestres que agora somos e tal como anteriormente foi referido, imensas coisas exteriores ao nosso Ser afetam-nos de certa forma, mas na verdade tal acontece porque nós permitimos algumas e de outras acabamos por ser os próprios causadores. Esta é infelizmente para muitos seres, uma realidade que não querem enfrentar, mas muito presente. Aquilo que se define por “Doença” é muitas a manifestação da voz do nosso plano físico (corpo) que estabeleceu um diálogo connosco, dando-nos indicações, pistas ou apontando soluções, para a nossa aprendizagem, de forma a prosseguirmos nos trilhos da evolução, enquanto Seres espirituais a viver uma experiência terrestre.

     Podemos então concluir que acabamos por ser, em muitos casos, os causadores dos nossos próprios males, tudo fruto da nossa própria dificuldade de viver em sociedade, bem como de toda a energia por nós emanada através dos nossos pensamentos menos positivos que nos “invadem” a mente.

     Encontra-se numa destas situações? Está intrigado e não entende porque está constantemente com alguns problemas de saúde? Já não sabe o que fazer? Experimente dar a si mesmo uma oportunidade diferente, através de uma consulta terapêutica holística. Estou e estarei sempre à disposição do meu semelhante, pois foi essa a missão que amorosamente abracei.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 22:15
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 28 de Novembro de 2011

Palavras, e o resto?

Caros irmãos,

     Ao longo dos tempos, todos os seres vão aqui e ali proferindo bonitas palavras. Muitas vezes essas palavras são ditas para agradecer, ajudar, transmitir afetos, ternura, carinho, compaixão e amor, e qual é o efeito que isso tem nas pessoas? Sem dúvida que psicologicamente tem um bom efeito, mas por si só é insuficiente.

     Cada vez que se pergunta a uma pessoa (seja em que ponto do globo terrestre): “O que deseja para o planeta?”, a grande maioria responde: “Um planeta sem guerras, sem fome, sem pobreza, com muito amor, paz e prosperidade para todos.”. Sem sombra de dúvida que são desejos e sentimentos nobres, mas como e porque são ditos? São proferidos para se ficar bem “na fotografia”, porque socialmente tem um certo valor, porque “fica bem” e é bonito dizerem-se essas coisas.

     Irmãos, se as palavras matassem a fome, então era inexistente no planeta Terra, mas essas pessoas “mais desfavorecidas” necessitam bem mais de ações do que palavras. Se cada um de nós der um pouco do que tem e de si mesmo, podemos fazer deste um mundo melhor, mais social, mais positivo, com mais amor entre os seres, se cada um der o seu contributo. Vamos ter a coragem e passar das palavras aos atos, e vão poder constatar a felicidade interior que se apodera de vocês através da prática de atos altruístas, da dádiva de amor desinteressada. Vamos todos em conjunto fazer deste um mundo melhor, pois muitos anjos têm as assas amarradas, ficando extremamente condicionados. Vamos-lhe devolver a liberdade, libertando-os dessas amarras que os impede de “voar” como seres livres, donos dos nossos sonhos, pensamentos e do nosso caminho.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 15:31
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 26 de Novembro de 2009

Operação Coração

Caros leitores e amigos,

Hoje, fugindo um pouco ao conteúdo directo deste blogue, vou manifestar toda a minha indignação ao que é feito às crianças que trabalham no Lago Volta no Gana.

Caso não tenha visto a reportagem da Jornalista Alexandra Borges (tvi), clique em cima da imagem que se segue.

Como membro da Comissão Organizadora da Petição, venho aqui solicitar a todos o vosso apoio a estas crianças. Para demonstrar o seu amor e apoio, clique aqui e assine a Petição. Portugal não pode ficar indiferente a esta dramática situação em pleno século XXI. Ajude também a divulgar esta Petição.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

 

Publicado por Viktor às 02:06
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 25 de Maio de 2009

Herança…

Esta, como tantas outras, é uma palavra que pode ser um motivo de regozijo ou de tristeza. De regozijo quando falo do maravilhoso legado que nos foi deixado pelo Sensei Mikao Usui, Jesus Cristo, Sait Germain, Allan Kardec, Da Vinchi, e outros mais que aqui não mencionei mas que enquanto estiveram entre nós nos deixaram maravilhosos conhecimentos transmitidos pelas suas sábias palavras proferidas ou redigidas. Essas maravilhosas heranças perdurarão por tempos imemoriais, enriquecendo as mentes de aqueles que pretendem seguir o verdadeiro propósito da vida, ma sua evolução como cidadão terrestre e espiritual.

Por outro lado, esta palavra é entre os Homens muitas vezes sinónimo de tristeza pois a terra está neste momento a passar por um período conturbado onde acima de tudo, segundo o meu ponto de vista, terá de haver uma “revolução” moral mas, infelizmente, muitas vezes isso é uma coisa que pode demorar algumas gerações. Uma grande tristeza pois esta palavra costuma seguir de perto a palavra morte e, como muitas pessoas são invejosas, gananciosas, oportunistas e ruins, quando algum familiar morre atiram-se a essa coisa definida pela palavra herança, à semelhança dos povos de terceiro mundo que cheios de fome se tentam agarrar às camionetas de apoio humanitário, mas estes têm desculpa pois apenas querem “matar” a fome a si e aos seus e apenas agem pela necessidade corporal humana de sobrevivência. Entristece-me porque há pessoas que quando sabem que um familiar seu com certas possas falece, fazem tudo e mais alguma coisa para deitar a mão aos bens que ele tinha, mesmo que não se falassem há dezenas de anos (ganância e inveja). Outros colam-se ao lado de familiares que têm posses, mesmo aturando-os e tratando deles apenas com o objectivo de, após falecimento dos mesmos, deitar as mãos aos seus bens e terem uma vida melhor. Há ainda casos onde as partilhas de heranças geram desavenças familiares, chegando mesmo ao ponto de andarem aos tiros, tal qual como já tem acontecido. Pergunto: Há alguma necessidade disso? Precisam disso para viver? Penso que não, pois até então também viviam e se todos vivermos com o indispensável para o dia-a-dia temos uma comunidade mais sincera, tolerante, humilde e com uma grande capacidade de entreajuda mutua. Ajudem os familiares quando necessitam transmitindo-lhes todo o vosso Amor Incondicional e não pelo que podem vir a ter depois, pois perante o Divino isso define-se como pecado da gula e prisão ao materialismo. Por isso digo: Feliz de aquele que morre e nada deixa ou deixa tudo escrito, pois assim não vai deixar uma situação que pode vir a dar em confusão e problemas desnecessários devido ao materialismo humano.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 16:27
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 20 de Setembro de 2007

CADA DIA

Se te queixas do pouco que te garante a vida,
Pensa na criancinha que adormeceu com fome;
No amigo sem trabalho, vendo os filhos sem pão,
Na mulher a pedir esmola para o filho doente,
Reflecte nos que sofrem muito mais que nós mesmos.
E, meditando em ti, darás graças a Deus.
Espírito: EMMANUEL
Médium: Francisco Cândido Xavier
Publicado por Viktor às 01:07
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão… pobreza…

. Doença...

. Palavras, e o resto?

. Operação Coração

. Herança…

. CADA DIA

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007