.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

Abalos Morais e Roteiro Seguro

N

inguém se deve deixar abater. Há momentos na vida em que os abalos morais - alguns de grande intensidade - sacodem, impiedosamente, a alma humana. A esta, porém, não faltam forças para reagir e dominar a situação, principalmente quando se apoia no conhecimento da vida real e da verdade. São esses conhecimentos as suas armas e os seus escudos mais fortes porque, quando bem manejados, levam sempre ao triunfo.

Quantas e quantas vezes a simples partida de um ente querido para o além - coisa tão natural na vida - conduz ao inconformismo, à aflição e ao desespero!

Com isto o espírito desencarnado, não esclarecido, aflige-se, sofre, procura intuir para acalmar e, como não o consegue, acaba por se tornar obsessor, perturbando e levando à obsessão o intuído.

O melhor procedimento dos que ficam para com os que partem é elevar o pensamento à Forças Superiores com firmeza e convicção, envolvendo-os na ternura e no calor da irradiação amiga para auxiliá-los a romper a camada atmosférica terrestre e a seguirem para os mundos a que pertencem.

Empenha-se o Racionalismo Cristão em oferecer aos seres humanos um roteiro seguro para uma vida sadia e evolutiva.

Grande parte da humanidade é vítima da obsessão, exactamente por desconhecer os recursos, os elementos, os meios que tem ao seu alcance para evitá-la ou livrar-se dela.

Alguns sintomas do estado inicial da obsessão podem ser observados nos seguintes casos:

1º.  Tendência para dar risadas sem motivo ou a pretexto de coisas fúteis;

2º. Vontade de chorar, sem razão plausível;

3º. Comer exageradamente;

4º. Estar sempre com sono;

5º. Sentir prazer na ociosidade;

6º. Exteriorização de manias;

7º. Ideias fixas;

8º. Fazer gracinhas tolas;

9º. Amofinar, persistentemente, o próximo;

10º.   Repetir, mecanicamente, o mesmo dito;

11º.    Deixar-se dominar por paixões;

12º.   Prevenções descabidas;

13º.   Casmurrices;

14º.   Práticas viciosas;

15º.   Actos de ostentação;

16º.   Explosões temperamentais;

17º.   Mistificação;

18º.   Dizer mentiras;

19º.   Expressar-se licenciosamente;

20º.  Revelar covardia;

21º.   Usar palavrões;

22º.  Demonstrar fanatismo;

23º.  Gesticular e falar sozinho;

24º.  Ser sistematicamente importuno;

25º.  Ouvir e ver coisas fantásticas;

26º.  Gastar acima do que deve e pode;

27º.  Manias de doença;

28º.  Descuidar-se das obrigações no lar e no trabalho;

29º.  Abandonar os deveres caseiros, ausentando-se do seio da família;

30º.  Viver num mundo distante, sonhadoramente; e,

31º.   Provocar ou alimentar discussões.

Qualquer destas atitudes, ainda mesmo quando não constitua um estado de anormalidade mental adiantada, predispõe à obsessão.

Não é demais insistir neste ponto: a linguagem dos espíritos desencarnados é o pensamento. Pelo pensamento identificam eles os sentimentos das criaturas, as suas intenções e tendências, e disso se prevalecem os obsessores para estimular, pela intuição, os vícios e as fraquezas humanas.

Por higiene mental, não se deve pensar em intrigantes, caluniadores, desafectos e, em geral, nas pessoas de maus sentimentos.

Pensar em tais seres é ligar-se à sua má assistência espiritual, receber influências malignas e correr o risco de avassalamento.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:07
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 15 de Julho de 2009

Banho de Energia

Podemos, também beneficiar com a energia cósmica, durante o banho.

  • Mentalize os símbolos HON SHA ZE SHO NEN e SEI HE KI (com os seus respectivos mantras);
  • Mentalize a intenção de que a energia cósmica impregne a água do chuveiro;
  • Mentalize o CHO KU REI (com seu respectivo mantra);
  • Visualize ou imagine que mãos cósmicas derramam uma cascata de energia cósmica sobre você.

Permaneça entregue à essa bênção.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Muito Amor Incondicional...
Música: Enya - Caribean Blue
Publicado por Viktor às 09:11
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 12 de Agosto de 2008

A Ética Reikiana e as Leis do Universo

Toda a vida e todo o sistema de cura, deve pautar-se por questões éticas. No Reiki, a única regra conhecida é o respeito pelo livre-arbítrio. Isto é, nunca se deve forçar alguém a receber Reiki (presencial ou à distância), nem nunca se deve procurar modificar a vida, acções ou acontecimentos de outrem (eu diria até de nós próprios quando outros estão directamente envolvidos, a não ser em casos muito especiais). Um Reikiano não é Deus, nem comanda a energia vital unicamente porque consegue canalizá-la para um receptor. Deste modo, apenas recebe Reiki quem o desejar; apenas se deve marcar intenções positivas; etc.

Uma outra regra prende-se com a limpeza. Um Reikiano deve respeitar regras de higiene, e principalmente deve sempre lavar as mãos antes de qualquer sessão (em si, mas principalmente em alguém).

Por fim, uma sessão de Reiki provoca, em geral, uma limpeza corporal. Por conseguinte, deve-se beber, e oferecer-se bastante água (ou chá).

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:10
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Abalos Morais e Roteiro S...

. Banho de Energia

. A Ética Reikiana e as Lei...

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007