.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Sexta-feira, 6 de Abril de 2012

Eu, Tu, Ele… Nós, Vós, Eles… O Ser

     Cada Ser humano é uma peça única da engrenagem universal. Ao longo da vida, cada um de nós tenta, à sua maneira, viver da melhor forma possível.

     Assim que acabamos de nascer deviam de nos dizer:

          “- Bem-vindo ao planeta Terra, hoje é o teu primeiro dia de aulas na Escola da Vida”.

     É logo a partir desse momento que surgem as primeiras dificuldades, pois não sendo autónomos necessitamos de quem cuide de nós, que nos dê banho, que nos dê de beber (comer é mais tarde) e nos aconchegue enquanto dormimos. Depois aprendemos a andar, a falar, a comer sozinhos, estudamos e por ai adiante. Na generalidade todo o Ser humano segue na procura de mais conhecimento, observando, estudando e visitando cidades e países. O Ser humano faz estas e outras coisas sempre na procura do seu bem-estar, paz, harmonia, amor e felicidade, o que é natural, mas dá muita importância ao Ter em detrimento do Ser, o que é menos positivo. Apego, materialismo, inveja e outros sentimentos menos positivos são os principais causadores de sofrimentos nos Seres humanos e lembre-se de uma coisa, no momento da partida levam aquilo que trouxeram. Quando nascemos trazemos as mãos fechadas (trazemos connosco a esperança de cumprir os nossos desígnios) e quando partimos vamos de mãos abertas (levamos apenas o conhecimento adquirido e as acções praticadas para com o nosso semelhante).

     A verdadeira essência do Ser está precisamente na palavra que o define “SER”. Cada um de nós (Ser) é um infindável mistério, que vai muito além do seu corpo físico (que é apenas o envoltório carnal que lhe permite viver na Terra) e da sua visão. Somos seres em constante inter-acção uns com os outros e com todo o espaço que nos envolve, aos quais reagimos emocionalmente, sentimentalmente, mentalmente e até mesmo fisicamente, consoante o nosso nível de consciência. Conhecer, entender e compreender a essência do Ser é uma árdua tarefa, impossível de cumprir apenas com uma existência (vida). O Ser é como uma galáxia em ponto pequeno, onde o coração é o Sol, a mente é a Lua e o estômago a Terra, onde os órgãos se encontram a uma grande distância uns dos outros. Já pensaram quantas palavras são ditas sem passar pelo crivo do Sol, que se reflectem na Terra, local onde somos “atormentados” por inúmeros sentimentos e emoções, que por sua vez afectam a Lua que nos leva a agir de maneiras impróprias (segundo as leis universais). Descobrir a própria essência do nosso Ser, é sem dúvida o maior desafio para qualquer um de nós.

     Termino deixando-lhes esta dica: “Amor é igual a compartilhar”.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 05:53
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 28 de Fevereiro de 2012

Reflexão... Vida...

Caros leitores,

     No ano transato (2011) muito se disse e falou sobre o que se ia passar em 2012. Profecias e previsões entre outras coisas, trouxeram mais motivos de “discussão” e debates entre os Seres Humanos, pois uns defendem umas coisas e outros defendem outras, mas o que é certo é que ninguém sabe concretamente o que se vai passar. Desde tempos imemoráveis todos os acontecimentos neste planeta se deram assim, com mágicos, mestres, sábios, videntes e outros a fazerem previsões sobre acontecimentos futuros, mas eu questiono qual é o interesse em se saber o futuro para além da curiosidade do Ser humano?

     Na minha opinião, bem como filosofia de vida e forma de estar divide-se em 3 partes: Passado, Presente e Futuro.

   - Do Passado fazem parte todos os acontecimentos e pessoas que se cruzam no nosso caminho, independentemente a sensação, emoção ou experiência que nos tenham proporcionado. Nada, mesmo nada acontece por acaso, mesmo que a razão de tal ultrapasse os limites da nossa compreensão, tudo tem uma razão de ser. O Passado de cada Ser foi a sua escola da vida, que através do “jogo das polaridades” e experiências nos foi dando o conhecimento necessário ao nosso caminho de ascensão e aprendizagem. Em simultâneo vamos sendo testados acerca da aquisição desses conhecimentos diariamente quando menos esperamos, pois a surpresa ou o inesperado é a melhor forma para nós termos consciência se de facto aprendemos ou não a lição.

   - O Futuro é um mistério, ou seja, devemos ter alguma preocupação em estar preparados convenientemente para o que venha ao invés de nos preocuparmos se vai ser desta ou daquela maneira, através da aprendizagem da aceitação.

   - O Presente é uma dádiva, ou seja, devemos de viver o momento, libertos de toda e qualquer amarra do passado, pois só assim conseguimos viver o momento na sua plenitude. Lembre-se que muitos dos ditos “fantasmas” e “bloqueios” por vezes são gerados e alimentados pela nossa própria mente, que para muitos seres é o seu maior inimigo, como tal recomendo a prática de terapias e sobretudo de meditação, a forma mais eficaz de acalmar a mente.

     Termino dizendo que estou a escrever estas palavras no Presente para que vocês no Futuro leiam o que escrevi no Passado.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz por partilhar com todos
Publicado por Viktor às 17:35
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

Mudança de Hábitos

A energia que o SHK representa pode ter efeitos muito eficazes no fim de hábitos negativos como por exemplo: fumar, roer as unhas, beber álcool em excesso, consumir drogas, esbanjar o dinheiro no jogo, entre outros vícios.

Se você pretende mudar um hábito que o incomoda, como por exemplo, fumar, experimente fazer o seguinte: Quando sentir o desejo de fumar, desenhe ou visualize o SHK no chacra do coração e depois sobre o maço de cigarros. Se tiver disponibilidade, aplique Reiki no chacra cardíaco durante alguns instantes. Pode ajudar, se enquanto aplica Reiki a si próprio, deixar vir à memória o porquê de ter esse vício, qual o espaço vazio dentro de si que ele está a preencher.

Normalmente é um espaço que deveria ser ocupado por amor; talvez o amor da mãe ou do pai, ou de outra pessoa quem você gosta muito.

Talvez lhe ocorram memórias de situações passadas, talvez necessite de falar um pouco com algum “Eu” do seu passado; faça-o com amor.

Note que os espaços deviam estar ocupados pela energia do amor, mas podem ainda ser ocupados por essa mesma energia - talvez oriunda de corações diferentes daqueles que você desejaria, mas nunca através do tabaco ou outro vício.

O amor reprimido ou a falta dele pode levar à autodestruição e o tabaco, basicamente, é um caminho lento para a morte, meio consciente, meio inconsciente.

Se uma pessoa sabe que o tabaco é prejudicial à saúde, porque continua a fumar?

Se acontece consigo, não o permita; trabalhe com a energia do SHK de forma a recuperar o seu estado natural. Assim, você abre-se a novas e saudáveis experiências.

Com a ajuda do Reiki e do SHK, reacenda o fogo do seu amor próprio e seja novamente feliz. É possível!

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:16
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Eu, Tu, Ele… Nós, Vós, El...

. Reflexão... Vida...

. Mudança de Hábitos

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007