.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Sábado, 27 de Novembro de 2010

Autodestruição e Consequências

Caros irmãos,

Qualquer pessoa neste planeta consegue entender a destruição que o Homem causa a si mesmo. Vive numa constante poluição física e mental, que tantas vezes o afecta sem sequer dar por isso. Mas estes tipos de problemas da humanidade não são novos, vindo de tempos longínquos, afectando o Ser humano tanto no plano físico como no etéreo, causando problemas globais à humanidade. Infelizmente este planeta ainda continua a ser controlado pelas forças das trevas, mas felizmente a Luz que está a chegar está-se a impor e brevemente as trevas vão deixar de existir. Mas para se dar o “salto” toda a humanidade vai ser submetida à Lei de causa-efeito, acção-reacção e karma, respondendo cada um de nós pelos seus actos praticados em vida, através da Justiça Divina. É claro que nem todos vamos ser “transportados” para o mesmo lugar, pois aqueles que se encontram num estado bastante atrasado serão colocados em mundos inferiores onde vão sentir interiormente que têm de abandonar as crenças que trazem agarradas a si e assim evoluir através do crescimento espiritual. Estes podem um dia regressar, mas isso apenas lhes será permitido quando alcançarem uma determinada evolução que lhes permita habitarem a nova civilização terrestre. Todos aqueles cuja sua evolução foi condicionada pela negatividade imposta pelo domínio das trevas no planeta, poderão continuar a viver nela nesta no terceiro milénio, mas é claro que com uma diferença, pois a verdade e a luz irá imperar e não vão ser ridicularizados se a aceitarem. Actualmente o mundo vive em contradição, pois o ser humano troca o certo pelo errado, e assim seguem os caminhos menos correctos, devido à sua consciência adormecida, esquecendo-se que já um dia agiram correctamente, fazendo com que o erro seja predominante nesta sociedade. Infelizmente o homem entregou-se ao erro, mas chegou o momento de acordar e despertar para as grandes verdades espirituais, pois a antiga era está a terminar e estamos a entrar na era da evolução espiritual. Vamos acordar porque o tempo é curto e o caminho é longo.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 19:44
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 23 de Setembro de 2010

Aos que Sofem… …Libertação…

Meus Semelhantes,

É a vocês, ó irmãos e irmãs em humanidade, a todos vocês a quem o fardo da vida tem curvado, a vocês a quem as ásperas lutas, os cuidados, as provas têm sobrecarregado, que lhes vou dedicar estas palavras. É com a intenção de lhes dar alento, fôlego e esperança na vida que vos dedico estas palavras. Humilde servo de luz na senda do progresso e verdade, coloco aqui a minha sabedoria, reflexões, conhecimento e esperanças em prol de uma humanidade melhor e do bem-estar supremo comum universal.

Humilde pioneiro da verdade e do progresso, coloco nelas a minha sabedoria e conhecimento em prol do meu semelhante, auxiliando-o na sua caminhada na Terra. Que possam encontrar nas minhas palavras os ensinamentos úteis para prosseguirem a vossa caminhada ou que sejam para vocês a luz ao fundo do túnel, servindo de orientação nos tão conturbados caminhos da humanidade.

Quem é que, nas horas de silêncio e recolhimento, nunca se questionou a natureza e o seu próprio coração, perguntando-lhes o segredo das coisas, o porquê da vida, a razão de ser do universo? Onde está aquele Ser que jamais procurou conhecer no seu destino, levantar o véu da morte e saber se Deus é uma ficção ou uma realidade? Não seria um ser humano, por mais descuidado que fosse, se nunca tivesse considerado alguns destes problemas.

A dificuldade de os resolver, a incoerência e a multiplicidade das teorias que têm sido feitas, as deploráveis consequências que decorrem da maior parte dos sistemas já divulgados, todo esse conjunto confuso, fatiga o espírito humano, tendo-os relegado à indiferença e ao cepticismo.

De facto o homem tem necessidade do saber, da luz que o esclareça, da esperança que o console, da certeza que o guie e sustente, ao longo da sua caminhada. Mas além disso necessita também de conhecer os meios para ver a verdade distanciando-se assim das trevas e preenchendo-o de luz, paz amor, harmonia e felicidade.

Para que tal seja possível, deverá desligar-se dos velhos paradigmas e sistemas preconcebidos, penetrando no mais profundo do seu Ser, conseguindo assim ouvir a sua voz interior que lhe transmite a mais pura verdade e essência (voz da razão e consciência). Ao fazerem isso vão meditar sobre os problemas da vida e da morte sondando os seus profundos abismos. Dirijam à Eterna Sabedoria um forte apelo e Ela lhes fala, como sempre responde a todos. Após haver duvidado, acreditei, após haver negado, vi. Então a paz, a confiança e a força moral desceram sobre mim. Estes são os bens que, na sinceridade do meu coração desejoso de ser útil aos meus semelhantes, venho oferecer àqueles que sofrem e se desesperam.

Jamais a necessidade de luz fez-se sentir de maneira tão imperiosa sobre a terra. Uma imensa transformação se opera no seio das sociedades. Depois de ter sido submetido, durante uma longa sequência de séculos, aos princípios da autoridade, o homem aspira cada vez mais à libertação de todos os entraves e dirigir a si próprio. Ao mesmo tempo em que as instituições políticas e sociais se modificam, as crenças religiosas e a fé nos dogmas se foi enfraquecendo. A liberdade, em todos os seus domínios, tende a substituir a coação e o autoritarismo guiando as nacções para novos horizontes. O direito de alguns torna-se o direito de todos; mas, para que esse direito soberano esteja em conformidade com a justiça e traga frutos, é preciso que o conhecimento das leis morais venha a regulamentar seu exercício. Para que a liberdade seja fertilizada, para que ofereça às acções humanas uma base certa e durável, deve ser complementada pela luz, pela sabedoria e pela verdade. A liberdade, para os homens ignorantes e viciosos, não seria mais que um instrumento que ia ferir aquele que o transportavam, como se de uma arma se tratasse.

Vejamos os exemplos que a natureza nos dá, onde uma colónia de formigas trabalha diariamente no sentido colectivo e não individual, como grande parte da humanidade ainda teima em fazer.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: Feliz por partilhar com todos
Música: M80
Publicado por Viktor às 14:41
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Segunda-feira, 14 de Junho de 2010

Mutação Global Terrestre

Caros leitores,

O Universo está em constante mutação, e neste preciso momento o planeta terra está a sofrer alterações magnéticas que têm influência em todos os habitantes, pois quanto a isso ninguém tem hipótese de fuga, quer acreditem ou não. Recentemente a comunidade científica tem encontrado grandes buracos no campo magnético do nosso planeta, o que pode ser uma preparação para a real inversão dos pólos [Norte e Sul]. A acontecer tal situação, estávamos a assistir à implementação de um caos generalizado, pois as bússolas deixariam de funcionar, alguns satélites poderiam ser completamente destruídos devido à sobreexposição solar, os aviões perderiam completamente o “norte” bem como todos os animais que sazonalmente migram.

“A velocidade da mudança surpreendeu os cientistas. Nils Olsen, do Centro para a Ciência Planetária da Dinamarca, um dos vários institutos que analisam os dados, afirmou que o núcleo da Terra parece estar passando por mudanças dramáticas.

''Esta poderia ser a situação na qual o geodínamo da Terra opera antes de se reverter'', diz o pesquisador.

O geodínamo é o processo pelo qual o campo magnético é produzido: por correntes de ferro derretido fluindo em torno de um núcleo sólido. Às vezes, turbilhões gigantes formam-se no metal líquido, com o poder de mudar ou mesmo reverter os campos magnéticos acima deles.”

“A equipe de Olson acredita que turbilhões se formaram sob o Pólo Norte e o sul do Atlântico. Se eles se tornarem fortes o bastante, poderão reverter todas as outras correntes, levando os pólos Norte e Sul a trocar seus lugares.

Andy Jackson, especialista em geomagnetismo da Universidade de Leeds, Inglaterra, disse que a mudança está atrasada: ''Tais guinadas normalmente acontecem a cada 500 mil anos, mas já se passaram 750 mil desde a última.''

IMPACTO

A mudança poderia afetar tanto os seres humanos quanto a vida selvagem. A magnetosfera fornece proteção vital contra a radiação solar abrasadora, que de outro modo esterilizaria a Terra.”

Este tipo de situação pode mesmo inverter a localização actual dos pólos.

Os próprios Maias definiram este como sendo o ponto Zero, ou seja, o ponto de mudança, e agora para surpresa de muitas pessoas a ciência começa a reconhecer alguma veracidade deste tipo de profecias ancestrais.

Assim sendo, quando a Terra perder completamente a sua rotação e a frequência ressonante alcançar o índice de 13 ciclos, nós estaremos no que Braden chama de PONTO ZERO do campo magnético.

A Terra ficará parada e, após dois ou três dias, recomeçará a girar com a particularidade de ser na direcção oposta, o que irá produzir uma total reversão nos campos magnéticos terrestres.

Este tipo de informação não é para vos amedrontar mas sim para para os alertar para as mudanças planetárias, que vão introduzir uma Nova Era de Luz para a humanidade: iremos além do dinheiro e do tempo, com os conceitos baseados no medo sendo totalmente dissolvidos.

“Têm acontecido ao longo da história do planeta muitas transformações geológicas importantes, incluindo aquelas que ocorrem a cada treze (13) mil anos, precisamente na metade dos vinte e seis (26) mil anos de Precessão dos Equinócios.”

REFLEXOS NA VIDA HUMANA

Estas mudanças estão cada vez mais a alterar os nossos padrões de sono, relacionamentos, a capacidade de regularmos o nosso sistema imunológico e a percepção do tempo. O conjunto destas situações podem-se manifestar conjuntamente com “sintomas de enxaquecas, cansaço, sensações eléctricas na coluna, dores no sistema muscular, sinais de gripe e sonhos intensos.”

O Planeta está a mudar da 3ª dimensão para a 4ª onde tudo o que pensarmos ou desejarmos se vai manifestar instantaneamente. Isto inclui amor e o medo. Daí que a intenção passará a representar um papel de suma importância na vida humana. Um novo DNA passará a fazer parte da raça humana.

Conforme nos vamos  aproximando do PONTO ZERO, o tempo dá-nois a sensação de andar mais depressa em função do aumento da frequência vibratória do mesmo: “16 horas agora equivaliam a um dia inteiro, ou seja, 24 horas.”

O Calendário Maia destaca Braden, predisse todas as mudanças que estão agora a decorrer, regressando aos ciclos naturais da Terra e do Universo.

Por volta de 2012 estamos na porta de entrada da Quinta Dimensão (depois do salto para a Quarta Dimensão, que deverá ocorrer no próprio Ponto Zero.

''Ao entardecer dizeis: haverá bom tempo porque o céu está rubro. E pela manhã: hoje haverá tempestade porque o céu está vermelho escuro. Hipócritas! Sabeis portanto discernir os aspectos do céu, e não podeis reconhecer os Sinais dos Tempos?''MATEUS - XVI, 2,24.

Toda a humanidade se encontra num estado de ''tensão'' e ''expectativa''. Expectativa de quê? Ninguém sabe ao certo, mas é um fato e ela existe, como bem o demonstra a insegurança pública.

“Os mais cépticos, afirmam ser devido à contingente situação actual da sociedade mundial. Alguns sociólogos afirmam ser devido às armas nucleares, ao chamado ''equilíbrio do terror'', cujo arsenal nuclear é suficiente para destruir todo o planeta mais de uma centena de vezes.

Já os ocultistas afirmam que estes ''sintomas planetários sociais'' são o ''Inconsciente Colectivo'' prognosticando uma terrível e implacável selecção ou separação do trigo do joio, proveniente de um grande ''Julgamento Cíclico''.

Em verdade, contudo, podemos apenas afirmar que: ''Os tempos esperados já chegaram'' e que pouco importa se os homens estejam ou não conscientes disto.

Além do mais, o real conhecimento da Causa que tanta repercussão vem fazendo reflectir na insegura humanidade, pertence somente àqueles que se fizeram dignos de tais revelações.

Já um certo discípulo teve ocasião de dizer: ''Quatro círculos concêntricos se apresentam actualmente para definirem a evolução espiritual dos seres que habitam a face da Terra: o 1º, ou externo, é formado pelos ''irremediavelmente perdidos'' ou seja, aqueles que se defrontaram com o dantesco portal onde se lê ainda as seguintes palavras: LASCIATE OGNI SPERANZA, O VOI CH'ENTRATE. Sim, para estes, foram perdidas todas as esperanças;

O 2º, ''dos ''prováveis'', ou aqueles que lutam como: RARINANTES IN GURGITE VASTO (raros náufragos nadando num vasto abismo), para se salvarem da grande tribulação do presente ciclo, que a tudo e a todos ameaça destruir;

O 3º círculo, é formado pelos já redimidos ou salvos, ou seja, aqueles que passaram por todas as provas dolorosas da vida e delas saíram vitoriosos;

Finalmente, o 4º grupo, formado pelos guias ou instrutores da humanidade. Os que se acham ocultos no interior do templo dedicado ao culto de Melkitsedek, e que outro não é senão o da Universidade Eucarística, o GRAAL de todos os Graals, sintetizados na Fraternidade Universal da Humanidade.

Estes últimos seres a que se refere a citação acima, muito bem sabem o que há de suceder num futuro próximo e muito mais. Sabem ainda a razão porque a divindade manifestar-se-á como a ''Face Rigorosa’’ (em lugar da amorosa) do Eterno e Soberano Senhor dos Universos.

De qualquer forma, para os cegos de espírito, que obstinadamente negam este futuro óbvio, eis os conselhos do sábio Sacerdote Atlante RA-UM.  ''Quando a estrela BAAL caiu no lugar, onde hoje só existe mar e céu, os dez países, com suas Portas de Ouro e Templos Transparentes, tremeram e estremeceram como se fossem as folhas de uma árvore sacudida pela tormenta.

Eis que uma nuvem de fogo e fumaça se elevou dos palácios. Os gritos de horror lançados pela multidão enchiam o ar. Todos buscavam refúgio nos templos, nas cidades, e o sábio UM apresentando-se, lhes falou: ''Não vos predisse eu todas essas coisas?'' Os homens e mulheres cobertos de custosas vestes e pedras preciosas clamavam: ''UM, salva-nos!'' Ao que replicou UM: ''Morrereis com vossos escravos, vossas riquezas, e de vossas cinzas surgirão outros povos. Se eles, porém, vos imitarem, esquecendo-se de que devem ser superiores, não pelo que adquirirem, mas pelo que oferecerem, a mesma sorte lhes caberá. O mais que posso fazer é justamente morrer convosco. Não tiveste dignidade para viver, tenham pelo menos dignidade para morrer''.

As chamas e o fumo afogaram as últimas palavras de UM que, de braços abertos para o ocidente desapareceu nas profundezas do oceano com 64 milhões de habitantes do imenso continente.

Relativamente à aceleração da frequência planetária tivemos a felicidade de saber que ela acelerou mais um pouco no último sábado (passou de 28 para 27 ciclos e quanto mais baixa menor o tempo e mais facilidade de contacto com os seres de outros planos).

Assim nosso tempo, que até 1971 correspondia a 24 horas, actualmente está em menos de 12 horas por dia..

Obs: A sensação psico-mental é de que 12 h é equivalente a 24h. Daí muitos dizerem ''O tempo está passando mais rápido, não sobra tempo para nada. “

Saudações Holísticas

NAMAS

Música: M80
Publicado por Viktor às 13:40
Link | Comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 1 de Setembro de 2009

Lesões Afectivas

Um tipo de auxilio raramente lembrado: o respeito que devemos uns aos outros na vida particular.

Caro é o preço que pagamos pelas lesões afectivas que provocamos nos outros.

Nas ocorrências da Terra de hoje, quando se escreve e se fala tanto, em torno do amor livre e do sexo livre, muitos poucos são os companheiros encarnados que meditam nas consequências amargas dos votos não cumpridos.

Se habitas um corpo masculino, conforme as tarefas que te foram assinaladas, se encontraste essa ou aquela irmã que se te afinou com o modo de ser, não lhe desarticules os sentimentos, a pretexto de amá-la, se não estás em condição de cumprir a própria palavra, no que tange a promessas de amor. E se moras presentemente num corpo feminino, para o desempenho de determinadas actividades, se surpreendeste este ou aquele irmão que se harmonizou com as tuas preferências, não lhe perturbes a sensibilidade sob a desculpa de desejar-lhe a protecção, caso não estejas na posição de quem desfruta a possibilidade de honorificar os próprios compromissos.

Não comeces um romance de carinho a dois, quando não possas e nem queiras manter-lhe a continuidade.

O amor, sem dúvida, é lei da vida, mas não nos será lícito esquecer os suicídios e homicídios, os abortos e crimes na sombra, as retaliações e as injúrias que dilapidam ou arrasam a existência das vítimas, espoliadas do afecto que lhes nutria as forças, cujas lágrimas e aflições clamam, perante a Divina Justiça, porque ninguém no mundo pode medir a resistência de um coração quando abandonado por outro e nem sabe a qualidade das reacções que virão daqueles que enlouquecem, na dor da afeição incompreendida, quando isso acontece por nossa causa.

Certamente que muitos desses delitos não estão catalogados nos estatutos da sociedade humana; entretanto, não passam despercebidos nas Leis de Deus que nos exigem, quando na condição de responsáveis, o resgate justo.

Tangendo este assunto, lembramo-nos automaticamente de Jesus, perante a multidão e a mulher sofredora, quando afirmou, peremptório: "aquele que estiver isento de culpa, atire a primeira pedra".

Todos nós, os espíritos vinculados à evolução da Terra, estamos altamente comprometidos em matéria de amor e sexo, e, em matéria de amor e sexo irresponsáveis, não podemos estranhar os estudos respeitáveis nesse sentido, porque, um dia, todos seremos chamados a examinar semelhantes realidades, especialmente as que se relacionem connosco, que podem efectivamente ser muito amargas, mas que devem ser ditas.

Espírito: EMMANUEL

Médium: Francisco Cândido Xavier

Livro: “Momentos de Ouro

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 08:57
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Terça-feira, 17 de Março de 2009

Deus e Nós

Deus garante-nos a vida.

Cabe a nós aperfeiçoá-la e engrandecê-la.

Deus atribui-nos a inteligência.

Respondemos pela formação da cultura.

Deus ilumina-nos com razão.

O discernimento é por nossa conta.

Deus alimenta-nos através do amor.

Obteremos sempre do amor o que com ele fizermos.

Deus suscita as circunstâncias.

De nós depende a escolha da acção para utilizá-las.

Deus cria a possibilidade.

O trabalho é a nossa obra.

Deus concede o dom de falar.

A palavra diz-nos respeito.

Deus espalha os recursos.

Somos chamados a valorizá-los e desenvolvê-los.

Deus sugere o bem.

Está em nós o bom senso de concordar.

Deus cria a semente.

Temos o privilégio da sua plantação e cultivo do solo.

Deus envia-nos o melhor que somos capazes de receber.

Aceitação ou rebeldia vertem de nós com os resultados atribuíveis a cada uma.

Deus estabelece o pensamento livre.

Detemos o poder de o manejar na pauta dos princípios de causa e efeito.

Em todos os lugares encontraremos a criatura associada ao Criados nas ocorrências da Criação.

A Divina Providencia e a Humana Cooperação surgem sempre juntas em todas as realizações da vida, isso porque de Deus vem a dádiva e do Homem deriva a aplicação. E já que a Justiça Perfeita nos acompanha e observa em todos os passos da jornada evolutiva, a lei da responsabilidade funciona em todos os climas, determinando os méritos ou necessidades de todas as pessoas em particular e reduzindo todas as teorias de recompensa e punição ao sábio preceito evangélico: “A cada um segundo as suas obras”.

Espírito: EMMANUEL

Médium: Francisco Cândido Xavier

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Repleto de Luz e Amor...
Publicado por Viktor às 09:08
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Setembro de 2007

DEUS E NÓS

Deus nos garante a vida.

Cabe a nós outros aperfeiçoá-la e engrandecê-la.

Deus nos provê de inteligência.

Respondemos pela formação da cultura.

Deus nos ilumina com razão.

O discernimento ocorre por nossa conta.

Deus nos alimenta através do amor.

Obteremos sempre do amor o que fizermos com ele.

Deus suscita as circunstâncias.

De nós depende a escolha da acção para utilizá-las.

Deus cria a possibilidade.
O trabalho é obra nossa.
Deus concede o dom de falar.
A palavra nos diz respeito.
Deus espalha recursos.

Somos chamados a valorizá-los e desenvolvê-los.

Deus sugere o bem.

Está em nós o senso de concordância.

Deus cria a semente.

Temos o privilégio da plantação no cultivo do solo.

Deus me envia o melhor que sou capaz de receber.

Aceitação ou rebeldia vertem de nós com os resultados atribuíveis a cada uma.

Deus estabelece o pensamento livre.

Detemos o poder de manejá-lo na pauta dos princípios de causa e efeito.

Em todos os lugares encontraremos a criatura associada ao Criados nas ocorrências da Criação.

A Divina Providencia e a Humana Cooperação surgem sempre juntas em todas as realizações da vida, isso porque de Deus vem a dádiva e do Homem dimana a aplicação. E já que a Justiça Perfeita nos acompanha e observa em todos os passos da jornada evolutiva, a lei da responsabilidade funciona em todos os climas, determinando méritos ou necessidades de toda pessoa em particular e reduzindo todas as teorias de recompensa e punição ao sábio preceito evangélico: “A cada um segundo as suas obras”.

Espírito: EMMANUEL

Médium: Francisco Cândido Xavier

Publicado por Viktor às 06:30
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 7 de Setembro de 2007

ESPÍRITO E MATÉRIA

Não há efeito sem causa; nada procede do nada. Esses são axiomas, isto é, verdades incontestáveis. Ora, como se constata em cada um de nós a existência de forças e de poderes que não podem ser considerados como materiais, há a necessidade, para explicar sua causa, de se chegar a uma outra fonte além da matéria, a esse princípio que chamamos alma ou espírito.

Quando, descendo ao fundo de nós mesmos, querendo aprender a nos conhecer, a analisar nossas faculdades; quando, afastando de nossa alma a borra que a vida acumula, o espesso envelope de preconceitos, erros e sofismas que têm revestido nossa inteligência; penetrando nos retrocessos mais íntimos de nosso ser, encontramo-nos face a face com esses princípios augustos sem os quais não haveria grandeza para a humanidade: o amor ao bem, o sentimento de justiça e de progresso. Esses princípios, que se encontram em diversos graus, tanto entre os ignorantes quanto entre os homens de génio, não podem vir da matéria, desprovida que está de tais atributos. E se a matéria não possui essas qualidades, como poderia formar, sozinha, os seres que delas são dotados? O senso do belo e do verdadeiro, a admiração que sentimos pelas grandes e generosas obras, não poderia ter a mesma origem que a carne de nossos membros ou o sangue de nossas veias. Está lá, na sua maior parte, como os reflexos de uma luz sublime e pura que brilha em cada um de nós, da mesma forma que o sol se reflecte sobre as águas, quer estejam perturbadas ou límpidas.

Em vão se pretende que tudo seja matéria. E apesar de que ainda que nos ressintamos de poderosos impulsos de amor e de bondade, já conseguimos amar a virtude, o devotando, o heroísmo; o sentimento da beleza moral está gravado em nós; a harmonia das coisas e das leis nos penetra, nos arrebata. E, com tudo isso, nada nos distinguiria da matéria? Sentimos, amamos, possuímos consciência, vontade e razão e procederíamos de uma causa que não encerra essas qualidades em nenhum grau, de uma causa que não sente, não ama nem conhece nada, que é cega e muda? Superiores à força que nos produziu, seríamos mais perfeitos e melhores que ela!

Uma tal maneira de ver não suporta um exame. O homem participa de duas naturezas. Por seu corpo, por seus órgãos, deriva da matéria; por suas faculdades intelectuais e morais, é espírito.

Dizendo ainda mais exactamente, relativamente ao corpo humano, os órgãos que compõem essa admirável máquina são semelhantes a rodas incapazes de agir sem um motor, sem uma vontade que as coloque em acção. Esse motor é a alma. Um terceiro elemento religa os dois outros, transmitindo aos órgãos as ordens do pensamento. Esse elemento é o perispírito, matéria etérea que escapa aos nossos sentidos. Envolve a alma, acompanha-a após a morte nas suas peregrinações infinitas, depurando-se, progredindo com ela, constituindo um corpo diáfano, vaporoso. Voltaremos, mais adiante, a comentar sobre a existência desse perispírito, chamado também de duplo fluídico.

O espírito jaz na matéria como um prisioneiro em sua cela; os sentidos são as aberturas pelas quais se comunica com o mundo exterior. Mas, enquanto a matéria, cedo ou tarde, declina, periclita e se desagrega, o espírito aumenta em poder, fortifica-se pela educação e experiência. Suas aspirações se engrandecem, se estendem para além da túmulo; sua necessidade de saber, de conhecer e de viver não tem limites. Tudo mostra que o ser humano pertence apenas temporariamente à matéria. O corpo não é senão uma vestimenta emprestada, uma forma passageira, um instrumento com a ajuda do qual a alma prossegue, nesse mundo, sua obra de depuração e de progresso. A vida espiritual é a vida normal, verdadeira, sem fim.

Leon Denis
Publicado por Viktor às 11:00
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Autodestruição e Consequê...

. Aos que Sofem… …Libertaçã...

. Mutação Global Terrestre

. Lesões Afectivas

. Deus e Nós

. DEUS E NÓS

. ESPÍRITO E MATÉRIA

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007