.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

Mudança de Hábitos

A energia que o SHK representa pode ter efeitos muito eficazes no fim de hábitos negativos como por exemplo: fumar, roer as unhas, beber álcool em excesso, consumir drogas, esbanjar o dinheiro no jogo, entre outros vícios.

Se você pretende mudar um hábito que o incomoda, como por exemplo, fumar, experimente fazer o seguinte: Quando sentir o desejo de fumar, desenhe ou visualize o SHK no chacra do coração e depois sobre o maço de cigarros. Se tiver disponibilidade, aplique Reiki no chacra cardíaco durante alguns instantes. Pode ajudar, se enquanto aplica Reiki a si próprio, deixar vir à memória o porquê de ter esse vício, qual o espaço vazio dentro de si que ele está a preencher.

Normalmente é um espaço que deveria ser ocupado por amor; talvez o amor da mãe ou do pai, ou de outra pessoa quem você gosta muito.

Talvez lhe ocorram memórias de situações passadas, talvez necessite de falar um pouco com algum “Eu” do seu passado; faça-o com amor.

Note que os espaços deviam estar ocupados pela energia do amor, mas podem ainda ser ocupados por essa mesma energia - talvez oriunda de corações diferentes daqueles que você desejaria, mas nunca através do tabaco ou outro vício.

O amor reprimido ou a falta dele pode levar à autodestruição e o tabaco, basicamente, é um caminho lento para a morte, meio consciente, meio inconsciente.

Se uma pessoa sabe que o tabaco é prejudicial à saúde, porque continua a fumar?

Se acontece consigo, não o permita; trabalhe com a energia do SHK de forma a recuperar o seu estado natural. Assim, você abre-se a novas e saudáveis experiências.

Com a ajuda do Reiki e do SHK, reacenda o fogo do seu amor próprio e seja novamente feliz. É possível!

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:16
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 7 de Fevereiro de 2009

Fluxo de Energia

O famoso "cordão de prata" faz mais do que apenas unir dois corpos. Ele é um verdadeiro cordão umbilical, transmitindo informações e energia entre o corpo físico e subtil. Ele é visto por alguns que fazem projecção e não por outros. As vezes ele é visto emanando do umbigo e outras vezes do chakra do terceiro olho (testa). A área da qual o cordão é visto emanar pode depender da actividade do chakra. Aquele que for o chakra mais forte, mais activo, poderá ter o control sobre o fluxo de energia para os corpos subtis. Há também o sistema de crença da pessoa que é considerado e o poder criativo do subconsciente. Geralmente o cordão parecerá estar onde quer que você acredite que ele esteja, uma cortesia do subconsciente.

Assim que o corpo astral entre na dimensão astral ele deve possuir um bom suprimento de energia astral proveniente dos chakras a fim de interagir fortemente com aquela dimensão. A memória astral clara depende muito da quantidade de energia disponível. Como a dimensão astral é o domínio natural do corpo astral, ele não desaparecerá dela devido à falta de energia. Como na realidade, se uma pessoa não comer ou dormir durante alguns dias, ela não se dissolve para outra dimensão. Fica apenas fraca e indiferente (devido ao cansaço) e não interage fortemente com o mundo físico.

Podemos assim concluir que a mente astral deve ter energia suficiente para obter lembranças fortes e vívidas. Estas lembranças astrais devem ser suficientemente fortes para fazer um bom registo no cérebro físico, de forma que a mente física possa relembrar-se delas quando acordar.

Por exemplo: se não dormir durante alguns dias fica cansado, desatento e a sua interacção com a realidade será fraca e vaga. Se assistir a um filme nesse estado de cansaço, irá reter poucas informações do mesmo. Depois disso, pode-se lembrar apenas de fragmentos e as lembranças serão uma vaga nódoa. Se, entretanto, assistir a um filme quando estiver bem descansado, fresco e cheio de energia, é diferente. Guarda tudo sobre o filme e aprecia-o. A sua recordação será clara como cristal.

Isso é similar ao que acontece após uma experiência astral com pouca energia. O corpo astral carece de energia e assim não regista impressões suficientemente claras durante a jornada. Deve haver lembranças fortes e vívidas se, para quando regresse ao cérebro físico, permita que a experiência seja recordada.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 20:16
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Fevereiro de 2009

Condolências aos Familiares…

Caros amigos, leitores, reikianos e população em geral,

Faleceu um grande homem, que deixou um legado de esperança a todos os que sofrem de tumor cerebral e/ou pulmonar, bem como de outro tipo de problemas de saúde. Mesmo após lhe terem dado cerca de seis meses de vida, após um diagnóstico de uma dezena de tumores na cabeça e sete nos pulmões, Ele sempre acreditou que ia vencer e, parcialmente, conseguiu pois, acabou por ultrapassar largamente por mais um ano as expectativas médicas mais optimistas.

Assim sendo, envio as minhas mais profundas condolências a todos os familiares e amigos e que a sua alma descanse em paz e harmonia nos paraísos divinos do Senhor.

Quem o pretender acompanhar até à sua última morada, dia 04.02.2009 haverá missa pelas 14 horas na Igreja de Santa Isabel e a cerimónia fúnebre será seguidamente.

Deixo-lhes algumas palavras por ele citadas, que podem servir de farol para quem se julga “perdido”, no percurso da doença. A sua sensatez quando diz não citar ninguém que faz Reiki e outras terapias. Segue-se o link para o seu blogue e a sua grande entrevista dada à RTP em 12 de Junho de 2008.

Palavras do Salvador Vaz da Silva:  “Quero levar a outras pessoas doentes a minha história, mostrando-lhes que é possível vencer mesmo quando o quadro clínico nos condena a curto prazo. Cresci e aprendi muito, distingo com muito maior clareza o que tem e o que não tem importância nesta vida. Darmo-nos aos outros de coração, intervir pessoalmente onde podemos realmente fazer a diferença dando-lhes luz e amor, conforto, fé e esperança”.

“Também recebi alguns pedidos de indicação quanto a quem faz Reiki, medicina quântica, etc. Quanto a estes, lamento mas, por uma questão de principio, não forneço os contactos uma vez que fazê-lo equivaleria a recomendá-los e não quero nem posso assumir esse tipo de responsabilidade.”.

O seu blogue na internet: http://salvadorvazdasilva.blogspot.com/

A sua GRANDE ENTREVISTA na RTP

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Descança em Paz...
Publicado por Viktor às 21:34
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 15 de Janeiro de 2009

SEI HEI KI

Este símbolo sagrado actua no corpo emocional e no inconsciente, além de equilibrar os dois hemisférios do cérebro, o racional e lógico, com o criativo e fantástico, o que possibilita harmonia e tranquilidade. Possui aplicações variadas, como erradicar vícios, mudar hábitos e costumes indesejáveis e tratar compulsões. É um símbolo que tem o poder de fazer com que emoções internas e traumas que estavam a nível inconsciente venham à tona, tornando-se conscientes, e assim liberando essas energias nocivas e difíceis de serem localizadas. Também pode ser usado na prática para melhorar a memória e tratar da obesidade. Seu uso no tratamento deve seguir os seguintes passos:

A) Colocar a mão não dominante sobre a cabeça do paciente e, com a mão dominante desenhar o CKR e repetir seu Mantra três vezes.

B) Começar o tratamento na 1a posição de cabeça.

C) Esperar até sentir a conexão energética e o REIKI começar a fluir. Aguardar por mais ou menos 2,5 minutos.

D) Impor as mãos por 2,5 minutos na 2a posição de cabeça.

E) Colocar a mão não dominante na nuca e a outra na testa do paciente.

F) Retirar a mão dominante da testa e desenhar o SHK no chakra coronário do paciente, repetindo três vezes seu mantra.

G) Desenhar o CKR uma vez repetindo seu mantra três vezes.

H) Recolocar a mão dominante no chakra Frontal.

* Utilizar afirmações positivas, mentalizações e visualizações.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:08
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 9 de Janeiro de 2009

Programar um Livro

Esta técnica permite ter uma maior compreensão do conteúdo do livro programado, facilitando a leitura e assimilação do mesmo.

*     Coloque o livro nas mãos;

*     Mentalize ou trace os símbolos HSZSN e SHK (com os respectivos mantras)

*     Mentalize a programação (três vezes) “Estou a impregnar este livro com a energia cósmica, para que a essência do conhecimento nele contido, seja absorvida pelo meu subconsciente e que eu possa ter acesso à mesma sempre que necessitar”;

*     Mentalize ou trace o CKR (com seu respectivo mantra);

*     Aplique Reiki durante 10 minutos no livro;

*     Deixe-o na cabeceira da cama quando se deitar (desta forma, durante o sono fortalecerá a sua conexão ao mesmo).

* São inúmeras as possibilidades desta técnica, poderá acontecer que se detenha, principalmente nos pontos em que serão necessários para uma determinada prova ou concurso, compreender com mais facilidade as matérias e/ou fórmulas que anteriormente não compreendia, memorizar mais facilmente factos e datas, concentrar-se mais facilmente na leitura ou estudo. Há casos em que a conexão é tão grande, que pode até sonhar com o conteúdo do livro.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Bem disposto...
Publicado por Viktor às 09:33
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 21 de Abril de 2008

REGRESSÃO DA MEMÓRIA

Se fomos trazidos à Terra para esquecer o nosso passado, valorizar o presente e preparar em nosso benefício o futuro melhor, porquê provocar a regressão da memória do que fomos ou fizemos, simplesmente por questões de curiosidade vazia, ou buscar aqueles que foram nossos companheiros, a fim de regressar aos desequilíbrios que hoje resgatamos?

A nossa própria existência actual nos apresentará as tarefas e provas que, em si, são a recapitulação de nosso passado em nossas diversas vidas, ou mesmo, somente de nossa passagem última na Terra fixada no mundo físico, curso de regeneração em que estamos integrados nas chamadas provações de cada dia.

Porquê efectuar a regressão da memória, unicamente para chorar a lembrança dos pretéritos episódios infelizes, ou exibirmos grandeza ilusória em situações que, por simples desejo de leviana retomada de acontecimentos, fomos protagonistas, se já sabemos, especialmente com Allan Kardec, que estamos eliminando gradativamente as nossas imperfeições naturais ou apagando o brilho falso de tantos descaminhos que apenas nos induzirão a erros que não mais desejamos repetir?

Sejamos sinceros e lancemos um olhar para nossas tendências.

Espírito: EMMANUEL

Médium: Francisco Cândido Xavier

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 10:04
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2008

PERCEPÇÃO DOS ESPÍRITOS

Uma vez de volta ao mundo dos Espíritos, conserva a alma as percepções que tinha na Terra, além de outras de que aí não dispunha, porque o corpo, qual véu sobre elas lançado, as obscurecia.
Os Espíritos, quanto mais se aproximam da perfeição, tanto mais sabem. Se são Espíritos superiores, sabem muito. Os Espíritos inferiores são mais ou menos ignorantes acerca de tudo.
Para os Espíritos conhecerem o futuro, depende da elevação que tenham conquistado. Muitas vezes, apenas o entrevêem, porém nem sempre lhes é permitido revelá-lo. Quando o vêem, parece-lhes presente. À medida que se aproxima de Deus, tanto mais claramente o Espírito descortina o futuro. Depois da morte, a alma vê e apreende num golpe de vista suas passadas migrações, mas não pode ver o que Deus lhe reserva. Para que tal aconteça, preciso é que, ao cabo de múltiplas existências, se haja integrado nele. Nem os Espíritos que alcançaram a perfeição absoluta têm conhecimento completo do futuro, só Deus é soberano Senhor e ninguém O pode igualar.
Conforme a elevação do Espírito e a pureza que haja atingido, conhece o princípio das coisas. Os Espíritos de ordem inferior não sabem mais do que os homens.
Como o Espírito se transporta aonde queira, com a rapidez do pensamento, pode-se dizer que vê em toda parte ao mesmo tempo. Seu pensamento é susceptível de irradiar, dirigindo-se a um tempo para muitos pontos diferentes, mas esta faculdade depende da sua pureza. Quanto menos puro é o Espírito, tanto mais limitada tem a visão. Só os Espíritos superiores.  
Os Espíritos não compreendem a duração de tempo como nós. Daí vem que nem sempre nos compreendeis, quando se trata de determinar datas ou épocas.   Os Espíritos vivem fora do tempo como o compreendemos. A duração, para eles, deixa, por assim dizer, de existir. Os séculos, para nós tão longos, não passam, aos olhos deles, de instantes que se movem na eternidade.
Do mesmo modo que aquele, que vê bem, faz mais exacta ideia das coisas do que o cego. Os Espíritos vêem o que não vedes. Tudo apreciam, pois, diversamente do modo por que o fazeis. Mas, também isso depende da elevação deles.
O passado, quando com ele o Espírito se ocupa, é presente. Verifica-se então, inteligência dos Espíritos, lembram mesmo daquilo que se te apagou da memória. Mas, nem tudo os Espíritos sabem, a começar pela própria criação.
Só os Espíritos superiores o vêem e compreendem a Deus. Os inferiores o sentem e Um Espírito inferior não vê a Deus, mas sente a Sua soberania e, quando não deva ser feita alguma coisa ou dita uma palavra, percebe, como por intuição, a proibição de fazê-la ou dizê-la.   
O Espírito não tem circunscrita a visão como os seres corpóreos, ela reside em todo ele.
Os Espíritos não precisam da luz para ver. Vêem por si mesmos, sem precisarem de luz exterior. Para os Espíritos, não há trevas, salvo as em que podem achar-se por expiação.
Os Espíritos são sensíveis à música. A música terrena não se compara à música celeste. A esta harmonia nada na Terra pode dar ideia. Uma está para a outra como o canto do selvagem para uma doce melodia. Não obstante, Espíritos vulgares podem experimentar certo prazer em ouvir a música terrestre, por lhes não ser dado ainda compreenderem outra mais sublime. A música possui infinitos encantos para os Espíritos, por terem eles muito desenvolvidas as qualidades sensitivas. Refiro-me à música celeste, que é tudo o que de mais belo e delicado pode a imaginação espiritual conceber.
Publicado por Viktor às 10:01
Link | Comentar | ver comentários (9) | favorito
Terça-feira, 15 de Janeiro de 2008

REGRESSÃO DA MEMÓRIA

Se fomos trazidos à Terra para esquecer o nosso passado, valorizar o presente e preparar em nosso benefício o futuro melhor, porque provocar a regressão da memória do que fomos ou fizemos, simplesmente por questões de curiosidade vazia, ou buscar aqueles que foram nossos companheiros, a fim de regressar aos desequilíbrios que hoje resgatamos?
A nossa própria existência actual nos apresentará as tarefas e provas que, em si, são a recapitulação de nosso passado em nossas diversas vidas, ou mesmo, somente de nossa passagem última na Terra fixada no mundo físico, curso de regeneração em que estamos integrados nas chamadas provações de cada dia.
Porque efectuar a regressão da memória, unicamente para chorar a lembrança dos pretéritos episódios infelizes, ou exibirmos grandeza ilusória em situações que, por simples desejo de leviana retomada de acontecimentos, fomos protagonistas, se já sabemos, especialmente com Allan Kardec, que estamos eliminando gradativamente as nossas imperfeições naturais ou apagando o brilho falso de tantos descaminhos que apenas nos induzirão a erros que não mais desejamos repetir?
Sejamos sinceros e lancemos um olhar para nossas tendências.
Espírito: EMMANUEL
Médium: Francisco Cândido Xavier
Publicado por Viktor às 10:56
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Mudança de Hábitos

. Fluxo de Energia

. Condolências aos Familiar...

. SEI HEI KI

. Programar um Livro

. REGRESSÃO DA MEMÓRIA

. PERCEPÇÃO DOS ESPÍRITOS

. REGRESSÃO DA MEMÓRIA

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007