.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Quarta-feira, 4 de Setembro de 2013

Reflexão: Aceitação

Saudações, queridos.

     Hoje vou falar um pouco sobre o tema ACEITAÇÃO, pois é algo que faz parte de todos nós e que podemos dizer que é um “denominador comum” na nossa missão de vida. Aprender a Aceitar é algo que dá algum trabalho e tem de começar pela mudança de consciências, pois o Ser humano tem uma certa tendência, ao lidar com os outro, achar que Eles são como nós, e quando nos deparamos com as reacções às nossas acções ficamos admirados, porque nada têm a ver com o que tinha-mos em mente. Isso define-se como “expectativas”, mas o assunto da reflexão é outro, deixarei este para abordar outro dia. De facto, aprender a Aceitação requer uma prática diária, e para a qual eu lhes deixo umas dicas: Não crie expectativas sob a forma como a outra pessoa vai reagir; Ser claro no que diz mesmo assim pode levar a interpretações erradas das suas palavras; Não julgue o que os outros fazem, pois da mesma forma será julgado; Analise sempre em consciência o que lhe fazem e se discordar desvalorize; Evite fazer filmes acerca das atitudes dos outros, porque isso é mau para si mesmo, podendo chegar ao ponto de se tornar ansioso.

     Agora para de ler esta reflexão, volte atrás e leia novamente as dicas que lhe dei, de forma a ter consciência se alguma corresponde à sua pessoa e/ou às suas atitudes.

     Cada um de nós define o seu caminho e através dele tem as suas vivencias e aprendizagens, bem como vai adquirindo os seus conhecimentos ao longo do tempo. Essa aprendizagem é feita com todos aqueles que vão cruzando no nosso caminho em determinadas alturas, tal qual como nós cruzamos os caminhos dos outros, numa inter-actividade constante. Por isso devemos praticar a aceitação para com todos os seres vivos, independentemente de estarmos de acordo ou em desacordo, mas aceitando sem julgar vai-nos permitir estar em harmonia com o universo e em paz com os nossos semelhantes, que coabitam connosco neste planeta. Quando a aceitação estiver bem presente em nós, permite-nos uma maior harmonia com a nossa essência, além de prevenir problemas do foro mental que muitas vezes têm correspondência com os nossos órgãos corporais, e assim evitamos o surgimento de certo tipo de doenças, e também fortalecemos o nosso equilíbrio.

NAMASTÊ

Estado de Espiríto: RFM
Publicado por Viktor às 16:46
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Abril de 2012

Eu, Tu, Ele… Nós, Vós, Eles… O Ser

     Cada Ser humano é uma peça única da engrenagem universal. Ao longo da vida, cada um de nós tenta, à sua maneira, viver da melhor forma possível.

     Assim que acabamos de nascer deviam de nos dizer:

          “- Bem-vindo ao planeta Terra, hoje é o teu primeiro dia de aulas na Escola da Vida”.

     É logo a partir desse momento que surgem as primeiras dificuldades, pois não sendo autónomos necessitamos de quem cuide de nós, que nos dê banho, que nos dê de beber (comer é mais tarde) e nos aconchegue enquanto dormimos. Depois aprendemos a andar, a falar, a comer sozinhos, estudamos e por ai adiante. Na generalidade todo o Ser humano segue na procura de mais conhecimento, observando, estudando e visitando cidades e países. O Ser humano faz estas e outras coisas sempre na procura do seu bem-estar, paz, harmonia, amor e felicidade, o que é natural, mas dá muita importância ao Ter em detrimento do Ser, o que é menos positivo. Apego, materialismo, inveja e outros sentimentos menos positivos são os principais causadores de sofrimentos nos Seres humanos e lembre-se de uma coisa, no momento da partida levam aquilo que trouxeram. Quando nascemos trazemos as mãos fechadas (trazemos connosco a esperança de cumprir os nossos desígnios) e quando partimos vamos de mãos abertas (levamos apenas o conhecimento adquirido e as acções praticadas para com o nosso semelhante).

     A verdadeira essência do Ser está precisamente na palavra que o define “SER”. Cada um de nós (Ser) é um infindável mistério, que vai muito além do seu corpo físico (que é apenas o envoltório carnal que lhe permite viver na Terra) e da sua visão. Somos seres em constante inter-acção uns com os outros e com todo o espaço que nos envolve, aos quais reagimos emocionalmente, sentimentalmente, mentalmente e até mesmo fisicamente, consoante o nosso nível de consciência. Conhecer, entender e compreender a essência do Ser é uma árdua tarefa, impossível de cumprir apenas com uma existência (vida). O Ser é como uma galáxia em ponto pequeno, onde o coração é o Sol, a mente é a Lua e o estômago a Terra, onde os órgãos se encontram a uma grande distância uns dos outros. Já pensaram quantas palavras são ditas sem passar pelo crivo do Sol, que se reflectem na Terra, local onde somos “atormentados” por inúmeros sentimentos e emoções, que por sua vez afectam a Lua que nos leva a agir de maneiras impróprias (segundo as leis universais). Descobrir a própria essência do nosso Ser, é sem dúvida o maior desafio para qualquer um de nós.

     Termino deixando-lhes esta dica: “Amor é igual a compartilhar”.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 05:53
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 17 de Março de 2009

Deus e Nós

Deus garante-nos a vida.

Cabe a nós aperfeiçoá-la e engrandecê-la.

Deus atribui-nos a inteligência.

Respondemos pela formação da cultura.

Deus ilumina-nos com razão.

O discernimento é por nossa conta.

Deus alimenta-nos através do amor.

Obteremos sempre do amor o que com ele fizermos.

Deus suscita as circunstâncias.

De nós depende a escolha da acção para utilizá-las.

Deus cria a possibilidade.

O trabalho é a nossa obra.

Deus concede o dom de falar.

A palavra diz-nos respeito.

Deus espalha os recursos.

Somos chamados a valorizá-los e desenvolvê-los.

Deus sugere o bem.

Está em nós o bom senso de concordar.

Deus cria a semente.

Temos o privilégio da sua plantação e cultivo do solo.

Deus envia-nos o melhor que somos capazes de receber.

Aceitação ou rebeldia vertem de nós com os resultados atribuíveis a cada uma.

Deus estabelece o pensamento livre.

Detemos o poder de o manejar na pauta dos princípios de causa e efeito.

Em todos os lugares encontraremos a criatura associada ao Criados nas ocorrências da Criação.

A Divina Providencia e a Humana Cooperação surgem sempre juntas em todas as realizações da vida, isso porque de Deus vem a dádiva e do Homem deriva a aplicação. E já que a Justiça Perfeita nos acompanha e observa em todos os passos da jornada evolutiva, a lei da responsabilidade funciona em todos os climas, determinando os méritos ou necessidades de todas as pessoas em particular e reduzindo todas as teorias de recompensa e punição ao sábio preceito evangélico: “A cada um segundo as suas obras”.

Espírito: EMMANUEL

Médium: Francisco Cândido Xavier

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Repleto de Luz e Amor...
Publicado por Viktor às 09:08
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Setembro de 2007

DEUS E NÓS

Deus nos garante a vida.

Cabe a nós outros aperfeiçoá-la e engrandecê-la.

Deus nos provê de inteligência.

Respondemos pela formação da cultura.

Deus nos ilumina com razão.

O discernimento ocorre por nossa conta.

Deus nos alimenta através do amor.

Obteremos sempre do amor o que fizermos com ele.

Deus suscita as circunstâncias.

De nós depende a escolha da acção para utilizá-las.

Deus cria a possibilidade.
O trabalho é obra nossa.
Deus concede o dom de falar.
A palavra nos diz respeito.
Deus espalha recursos.

Somos chamados a valorizá-los e desenvolvê-los.

Deus sugere o bem.

Está em nós o senso de concordância.

Deus cria a semente.

Temos o privilégio da plantação no cultivo do solo.

Deus me envia o melhor que sou capaz de receber.

Aceitação ou rebeldia vertem de nós com os resultados atribuíveis a cada uma.

Deus estabelece o pensamento livre.

Detemos o poder de manejá-lo na pauta dos princípios de causa e efeito.

Em todos os lugares encontraremos a criatura associada ao Criados nas ocorrências da Criação.

A Divina Providencia e a Humana Cooperação surgem sempre juntas em todas as realizações da vida, isso porque de Deus vem a dádiva e do Homem dimana a aplicação. E já que a Justiça Perfeita nos acompanha e observa em todos os passos da jornada evolutiva, a lei da responsabilidade funciona em todos os climas, determinando méritos ou necessidades de toda pessoa em particular e reduzindo todas as teorias de recompensa e punição ao sábio preceito evangélico: “A cada um segundo as suas obras”.

Espírito: EMMANUEL

Médium: Francisco Cândido Xavier

Publicado por Viktor às 06:30
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: Aceitação

. Eu, Tu, Ele… Nós, Vós, El...

. Deus e Nós

. DEUS E NÓS

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007