.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Terça-feira, 4 de Fevereiro de 2014

Porque nascemos de mãos fechadas?

Caros leitores,

     Todo o Ser humano vive constantemente em aprendizagem, pois quando já sabem a resposta para uma questão eis que outras surgem. É algo que é natural e saudável, pois o conhecimento enriquece-nos interiormente, tornando-nos “melhores pessoas” e assim podermos também auxiliar melhor aqueles que nos rodeiam. Efectivamente a razão pela qual escrevo este texto é a que está mencionada no título do mesmo, pois é uma questão que talvez já tenha surgido nos seus pensamentos e para a qual eu lhe vou transmitir o meu ponto de vista.

     Todos os seres humanos nascem com as mãos fechadas, porque quando chegam à Terra trazem consigo a esperança de cumprir a missão que escolheram (no plano espiritual) para esta vida, sempre em prol da sua evolução em busca da perfeição. Quando chega a hora de partida (morte), de deixar-mos o plano terrestre, vamos de mãos abertas porque nada levamos deste mundo, nem mesmo o corpo que utilizamos, pois foi concebido na Terra e na Terra ficará, bem como todos os bens materiais. As únicas coisas que levamos são, as boas acções, aprendizagens e conhecimento que fomos adquirindo ao longo dos anos. É assim que ao longo de sucessivas vidas o ser humano vai evoluindo. Seja feliz e boas aprendizagens com muito amor, a força mais poderosa do universo.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 09:11
Link | Comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Abril de 2012

Eu, Tu, Ele… Nós, Vós, Eles… O Ser

     Cada Ser humano é uma peça única da engrenagem universal. Ao longo da vida, cada um de nós tenta, à sua maneira, viver da melhor forma possível.

     Assim que acabamos de nascer deviam de nos dizer:

          “- Bem-vindo ao planeta Terra, hoje é o teu primeiro dia de aulas na Escola da Vida”.

     É logo a partir desse momento que surgem as primeiras dificuldades, pois não sendo autónomos necessitamos de quem cuide de nós, que nos dê banho, que nos dê de beber (comer é mais tarde) e nos aconchegue enquanto dormimos. Depois aprendemos a andar, a falar, a comer sozinhos, estudamos e por ai adiante. Na generalidade todo o Ser humano segue na procura de mais conhecimento, observando, estudando e visitando cidades e países. O Ser humano faz estas e outras coisas sempre na procura do seu bem-estar, paz, harmonia, amor e felicidade, o que é natural, mas dá muita importância ao Ter em detrimento do Ser, o que é menos positivo. Apego, materialismo, inveja e outros sentimentos menos positivos são os principais causadores de sofrimentos nos Seres humanos e lembre-se de uma coisa, no momento da partida levam aquilo que trouxeram. Quando nascemos trazemos as mãos fechadas (trazemos connosco a esperança de cumprir os nossos desígnios) e quando partimos vamos de mãos abertas (levamos apenas o conhecimento adquirido e as acções praticadas para com o nosso semelhante).

     A verdadeira essência do Ser está precisamente na palavra que o define “SER”. Cada um de nós (Ser) é um infindável mistério, que vai muito além do seu corpo físico (que é apenas o envoltório carnal que lhe permite viver na Terra) e da sua visão. Somos seres em constante inter-acção uns com os outros e com todo o espaço que nos envolve, aos quais reagimos emocionalmente, sentimentalmente, mentalmente e até mesmo fisicamente, consoante o nosso nível de consciência. Conhecer, entender e compreender a essência do Ser é uma árdua tarefa, impossível de cumprir apenas com uma existência (vida). O Ser é como uma galáxia em ponto pequeno, onde o coração é o Sol, a mente é a Lua e o estômago a Terra, onde os órgãos se encontram a uma grande distância uns dos outros. Já pensaram quantas palavras são ditas sem passar pelo crivo do Sol, que se reflectem na Terra, local onde somos “atormentados” por inúmeros sentimentos e emoções, que por sua vez afectam a Lua que nos leva a agir de maneiras impróprias (segundo as leis universais). Descobrir a própria essência do nosso Ser, é sem dúvida o maior desafio para qualquer um de nós.

     Termino deixando-lhes esta dica: “Amor é igual a compartilhar”.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 05:53
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 2 de Junho de 2011

Gratidão

Caros Irmãos;

      Ao fim de todos estes anos, onde fui evoluindo como ser, passei por bons e menos bons momentos, surpresas e desilusões, enfim, tanta coisa passou. Conheci muitas pessoas, com umas tive mais empatia e com outras menos, tal como qualquer ser humano neste plano, mas afinal de contas a vida é uma aprendizagem onde cada um aprende ao seu ritmo, definindo assim o seu caminho.

      Deram-me conhecimento, luz, carinho, ternura, respostas e amor, e por isso lhes estou grato, pois tudo isso contribuiu para o meu conhecimento, crescimento e para ser o que sou, por isso tudo humildemente agradeço. Não sendo um Ser perfeito procuro ao longo da minha vida, colher uma boa aprendizagem em todos os gestos, atitudes e acções. Sou um ser que se vai libertando das “amarras” colocadas desde o primeiro momento (nascimento), através do estudo, leitura e de outros seres que cruzaram o meu caminho que me passaram conhecimento, me deram respostas, me auxiliaram a por em prática a Aceitação, que permitiram que com Eles partilhasse o meu Amor, que me deram conforto, que me estenderam a mão nos momentos mais difíceis. Agradeço aqueles que me apoiaram nesta minha caminhada e também aos que não o fizeram pois também me conseguiram dar ainda mais força para seguir o meu caminho, pois com as pedras que vou encontrando nele irei construir o meu “castelo”.

      Mas há duas pessoas, melhor 3, os meus pais e a minha irmã, aos quais tenho de agradecer, uns porque foram o meu “passaporte” de vinda à Terra que me aturaram durante alguns anos e ainda me aturam de vez em quando, a minha irmã que também teve de me aturar durante uns anos. Contudo estou-lhes grato por isso e por tudo o que me puderam proporcionar.

Só por hoje, estou grato por todos os que se cruzaram no meu caminho, passando a fazer parte dele.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Música: RFM
Publicado por Viktor às 09:17
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 30 de Novembro de 2010

Energia, fonte de vida

Caros Irmãos,

Há uma coisa fundamental que o ser vivo deve de compreender para entender o funcionamento do universo, a energia. Podemos encontrar energia em todos os seres vivos e até mesmo em objectos, pois ela expande-se não tendo limites nem barreiras.

Todos os movimentos necessitam de energia para se processar, o ser humano para se movimentar, as viaturas para circular e até mesmo o planeta terra para girar. Mas vamos agora fazer uma reflexão acerca das energias mais propriamente ditas no Ser Humano.

Desde o momento do nascimento até à sua morte, todo e qualquer ser humano é uma fonte de energia emissora e receptora. Cada um tem a sua energia que pode ser mais ou menos densa mediante um conjunto de factores internos e externos que influenciam a mesma. Mas para que vocês possam entender eu vou-lhes explicar utilizando exemplos de fácil entendimento para o vosso plano mental. Ah, antes de explicar deixe que lhe diga que além da nossa própria energia, que permite o funcionamento do nosso organismo, também emanamos essa energia através do pensamento, bem como recebemos a energia que nos é enviada pelo pensamento dos outros e até mesmo pelas palavras. Assim vou-lhes explicar o funcionamento da energia em megahertz (ondas de frequência radiofónica). Ao longo do dia o nosso nível vibratório energético vai variando consoante os acontecimentos do dia-a-dia e até dos locais que frequentou durante o dia. Sim isto é a mais pura das verdades, quer acreditem ou não ela existe e predomina em todos os espaços. Então vamos analisar o seguinte exemplo:

Certo dia levanta-se bem-disposto e vai tomar o seu café matinal. Entra no café, senta-se ao balcão e muito cordialmente dirige a palavra ao funcionário dizendo: “- Um cafezinho se faz favor.”. O funcionário serve-lhe o café e quando de repente sente que a sua boa-disposição se dissipou, chegando mesmo ao ponto de se sentir incomodado por estar naquele local. Ora, o que se passou foi o seguinte: Levantou-se e chegou ao café com o seu nível vibratório energético no 70mhtz, mas ao chegar ao café encontra a energia do espaço que lhe pode fazer baixar um pouco a sua, mas ao inter-agir com o funcionário dá-se uma troca energética, e transportando ele uma carga menos positiva, essa carga é libertada para cima de si, o que faz com que essa energia menos positiva vá baixar a sua frequência de 70 para 50mhtz. Isto passa-se nas interacções diárias que temos com as pessoas, quer se fale ou não com elas (pode-se manifestar até pelo olhar), ou até mesmo à distância por telefone pode haver essa transmissão energética. Como podem constatar, quando o ser humano se encontra num estado doentio, a sua frequência energética é afectada e como tal baixa, por isso muitas pessoas quando são afectadas com determinadas patologias como depressão, ansiedade, irritabilidade, traumas, medos entre outras, a sua vibração baixa acentuadamente e traduz-se em falta de vontade, moleza, sonolência, intolerância, enfim, sente-se com as “baterias em baixo” e depois lamenta-se dizendo: “- Os meus amigos abandonaram-me, nem querem saber de mim”. Ora, ora, com essa energia menos positiva que estás a transmitir aos outros, achas que se querem aproximar de ti? Não se aproximam de si porque não querem ser “afectados” por essa má energia que tem e não porque não tenham pena e lamentem o estado em que se encontra. Mas como não se conseguem proteger dessas frequências energéticas mais baixas, então jogam à defesa afastando-se. Muito mais podia dizer, mas vou ficar agora por aqui e deixar para outra altura.

A Energia é como o Vento não se vê mas sente-se, tal como os Sentimentos e o Amor. Vamos elevar a nossa frequência vibratória energética, tendo bons pensamentos e emanando o nosso Amor Incondicional e Compaixão sobre todos os seres vivos e sobre o planeta.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 16:22
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 14 de Outubro de 2010

Como Viver a Vida

Caros irmãos,

     Falar da existência em dois mundos ou planos (terrestre e espiritual) é sempre algo complicado, principalmente para aqueles que em nada acreditam, a não ser que vejam. Essas mesmas pessoas dizem ter fé e acreditar em Deus, mas afinal de contas se nunca o viram será que acreditam? Se calhar são devotos do São Tomé, que precisa de ver para crer. Mas vou aproveitar os recentes acontecimentos no Chile para explicar esta dualidade.

     Nestes últimos dias muitas pessoas foram acompanhando pelos mais variados meios de comunicação social, o resgate dos Mineiros no Chile. Isto é sem dúvida um excelente exemplo da vida em dois mundos. Para compreenderem a explicação que se segue vamos observar ou definir os “mineiros encurralados” como os habitantes da Terra, e o “resto do mundo” os Seres do plano espiritual. Como podem constatar, enquanto seres encarnados (habitantes da Terra), “animando” cada um com o seu fato-de-macaco (corpo), estamos bastante condicionados nas nossas verdadeiras capacidades enquanto seres divinos que somos, tanto no plano de consciência como na nossa capacidade de criação. Se observarmos o período compreendido entre o dia da entrada na mina e o dia de saída, como sendo o período de uma vida (do nascimento à morte), podemos verificar que estes Seres, apesar de todas as barreiras físicas, emocionais, mentais e até mesmo espirituais, conseguiram superar a missão através da entreajuda mútua sempre com um grande sentimento de Amor Incondicional e Compaixão. Através dessa forma de estar humilde e desenvolvendo um trabalho altruísta recíproco, todos, com mais ou menos dificuldades, ultrapassaram as adversidades que enfrentavam minuto após minuto. E então, quando chegou a morte (hora do regresso), deram inicio ao percurso de retorno ao plano espiritual (viagem dentro da cápsula) e no final dessa viagem de regresso, obtiveram a recompensa da missão cumprida (depois da saída da cápsula) no plano espiritual. Já pensaram se vocês estivessem no lugar deles, eram capazes de aguentar? Pois é, não pensem muito nisso, mas em verdade lhes digo, este é um bom exemplo de como Cada Um de Nós deve viver diariamente, rejeitando guerras, intrigas, ódio, rancor, inveja, gula, ego, corrupção, assédio, violência e roubo, e verá que as recompensas futuras valem mais do que qualquer fortuna momentânea na Terra, pois são eternas.

Saudações Holísticas

NAMASTÊ

Música: M80
Publicado por Viktor às 14:55
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 27 de Janeiro de 2010

Dia Internacional do REIKI

 

 

 

Caros leitores e visitantes,

Pretendemos gerar a união entre todos os Reikianos, independentemente da escola, nível, país.

Cada vez mais nos devemos unir em prol deste trabalho dignificante, desta filosofia de vida que em tanto nos ajuda a crescer, pelos seus cinco princípios.

Propomos o dia 15 de AGOSTO por ser a data de nascimento do nosso mestre Mikao Usui, desta forma estaremos sempre a celebrar o grande marco que foi para o Reiki, agradecendo os seus ensinamentos e, pelo menos por um dia, gerando união e harmonia entre todos.

Criamos uns dísticos em várias línguas (Inglês, Francês, Espanhol e Alemão), que pedimos que distribuam entre os vossos contactos, espalhem esta iniciativa pelos quatro cantos do globo.

Esta iniciativa não é por nosso nome, não é pela associação, nem para um proveito, é para todos homenageando todos os Reikianos deste mundo e esta terapêutica complementar.

Ass: O Delegado Regional do Algarve da Associação Portuguesa de Reiki.

Saudações Reikianas

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 13:30
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 27 de Abril de 2009

Vida: Uma Passagem...

Publicado por Viktor às 21:00
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2009

O Estranho caso de Benjamim Button

 

Em plena noite de folia alegórica e carnavalesca (dia 24), fui com a minha princesa ao cinema ver o filme mencionado no título do post. Confesso que tive alguma dificuldade em arranjar uma imagem que se coadune com o que aqui pretendo escrever acerca do filme e do seu conteúdo. Antes de iniciar a minha dissertação sobre o mesmo informo que as cinco fotografias vão ser assim mencionadas: fotografia maior (a que se encontra na parte superior), fotos de 1 a 4 (fotografias pequenas na parte de baixo contadas da esquerda para a direita). Este filme tem, no meu ponto de vista, várias mensagens conforme vou descrever. Da foto 1 à 4, podemos observar a evolução da Alma (espírito encarnado) pois ao encarnar, o espírito vê-se reduzido a cerca de 10% da sua capacidade e faculdades, pois a densidade corporal não permite que tenha ao menos o conhecimento do que cá veio fazer, relativamente à sua evolução espiritual. Na foto 1 o espírito completamente “desorientado” com o seu papel. Na foto 2 o espírito adaptado à vida terrestre procura dar sentido à sua vida. Na foto 3 o espírito com um conhecimento mais elevado acerca da vida segue o caminho que acha mais correcto definido pelos ensinamentos da vida. Na foto 4 o espírito encontra-se em elevado estado de purificação carnal, irradiando amor e pensamentos positivos. Resumindo a sequência de fotos observa-se a evolução espiritual numa encarnação. Na fotografia maior observa-se o amor nutrido entre dois espíritos encarnados. Ao longo deste filme observamos por parte do actor principal uma grande história de amor. O amor observado refere-se ao amor pelo semelhante (sexo oposto), bem como o amor incondicional que vai nutrindo pelas pessoas que vai conhecendo. Quando um sacerdote se tenta invocar que ele fez com que Benjamin andasse, o criador fez justiça pelas próprias mãos, pois tornar propriedade sua uma criação do divino é pecado e por isso pagou-o com a sua ida para o mundo espiritual para assim ser julgado pelos actos cometidos. Quando Benjamin fica a saber a verdadeira história da sua origem ele perdoa quem após o seu nascimento o abandonou. Para se ter capacidade de Perdoar tem de saber Amar. Amar é uma das palavras de ordem do criador, sendo fundamental na lei da Providência. Mais não digo deixando ao critério de quem o quiser ver. Assim termino as minhas palavras dizendo que praticar o Amor Incondicional não é fácil (por vezes somos incompreendidos) mas fazendo-o sempre com boa vontade, fé, carinho e humildade, um dia o reconhecimento chegará.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:10
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 26 de Janeiro de 2009

Pós parto, as dificuldades da Criança…

O processo do lento despertar para o mundo físico continua após o nascimento. O bebé dorme frequentemente durante esse tempo; a alma enche o seu corpo da energia mais elevada. Deixa os corpos físico e etéreo desimpedindo-os e permite que eles se ocupem com o trabalho da construção do corpo.

Nas primeiras fases da vida, à criança incumbe acostumar-se às limitações da sensação física e ao mundo tridimensional. Há muitos recém-nascidos que lutam neste processo. Tendo ainda alguma percepção do mundo espiritual, forçam por se descartar dos parceiros espirituais e das figuras dos pais e por transferir as afeições para os novos pais. Os recém-nascidos que vejo possuem o chakra da coroa bem aberto). Lutam por caber, espremendo-se, nas limitações de um corpinho de bebé. Travam uma luta enorme para abrir o chakra da raiz inferior e estabelecer conexão com a terra.

Exemplo disso foi o caso de um menino nascido um mês depois do que se esperava. Após um nascimento muito rápido, foi incomodado por um estado febril. Os médicos realizaram uma sangria espinhal para verificar se não se tratava de cefalite. Administrou-se a sangria espinhal na região do chakra sacro. A criança lutava para desfazer-se de dois companheiros de brincadeiras e de uma mulher espiritual que tão pouco o queria soltar. Na luta, ele abria-se e estabelecia conexão com a terra todas as vezes que o seu guia estava presente. Em seguida, perdia o contacto com o guia, avistava os companheiros e a mulher, e lutava vigorosamente entre os dois mundos. Nessas ocasiões, sentia maior afinidade com a mulher espiritual do que com a própria mãe física. Na luta para não encarnar, deitava energia fora pelo chakra sacro e para a direita, a fim de evitar o crescimento de raízes directamente através do chakra básico (primeiro chakra). Conseguia fazê-lo, em parte, à conta do buraco áurico deixado pela sangria espinhal. Depois de um momento de luta, voltava a estabelecer conexão com o guia e se acalmava, abria a raiz e recomeçava o processo de entrada.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:05
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Sexta-feira, 3 de Outubro de 2008

Onde posso aplicar Reiki?

Caríssimos leitores e amigos,

O Reiki pode ser aplicado a qualquer pessoa dos zero aos cem, ou seja, desde o feto até ao dia que parte da terra. Esta terapia é aconselhada a grávidas, pois além de relaxar a mulher, equilibra as energias do feto auxiliando-o na sua formação. Aplicado uns 2 dias antes do seu nascimento, harmonizando a mulher vai ajudar a um melhor alargamento do osso da bacia, e a que o bebé se coloque na posição ideal de saída. Ao longo da vida é aplicado nas mais variadas situações, trabalhando o ser como um todo, nas suas componentes física, emocional, mental e espiritual. Em fase terminal o Reiki tem também um papel fundamental na preparação do espírito para a transição (encarnado->desencarnado). Além das pessoas, o Reiki pode ser aplicado aos animais e vegetais, ou seja, tem um sem fim de aplicações, nos mais variados casos, sempre em prol do bem supremo.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 09:19
Link | Comentar | ver comentários (4) | favorito
Sábado, 27 de Setembro de 2008

Bebés e Crianças

O Reiki pode ser aplicado nos bebés ainda com tenra idade, pois a imposição das mãos sobre os mesmos, é algo que as mães fazem, desde o momento que nascem. Além do mais, à medida que crescem, a sua própria intuição, leva-os a colocar as mãos em cima que qualquer parte do corpo, caso sintam alguma dor. Por acaso não se recorda, quando era ainda criança, quantas vezes levou as mãos ao estômago e à cabeça devido a uma dor? O Reiki acompanha-nos desde sempre, e assim sendo, a única coisa que falta fazer é activá-lo para que nos proteja e ajude ao longo da vida. Obrigado Deus por nos dares a oportunidade de utilizar a energia universal para nosso bem e daqueles que nos procuram através do Reiki.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Estado de Espiríto: Muito Amor Incondicional...
Música: Yani - Meditation
Publicado por Viktor às 23:27
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Porque nascemos de mãos f...

. Eu, Tu, Ele… Nós, Vós, El...

. Gratidão

. Energia, fonte de vida

. Como Viver a Vida

. Dia Internacional do REIK...

. Vida: Uma Passagem...

. O Estranho caso de Benjam...

. Pós parto, as dificuldade...

. Onde posso aplicar Reiki?

. Bebés e Crianças

.Arquivos

. Dezembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007