.Já em Agenda

*Cursos de Reiki e Karuna de Todos os níveis*-*Workshop's de Técnicas de Reiki*
Domingo, 21 de Outubro de 2018

Reflexão: Mundo de Ilusão

Ilusao04.jpg

Caríssimos,

     A humanidade vive tempos conturbados, em muitos aspetos em todo o planeta. Assistimos nas últimas décadas a uma grande evolução na medicina, ciência, informática, e a esperança média de vida tem vindo a aumentar, pois basta recuar até 1930 para constatar-mos que essa idade se situava nos 40 anos. Uma das grandes evoluções deu-se na comunicação social, através da globalização da Internet. Devido ao acesso fácil a essas ferramentas, hoje em dia quase que sabemos as noticias ao minuto, mesmo aquelas que acontecem do outro lado do mundo. Como tudo isso tem coisas boas e outras menos boas, mas é uma realidade com a qual temos de aprender a conviver. Hoje, qualquer pessoa com acesso à internet, tem acesso à maior rede de informação do mundo, onde se pode aprender coisas boas e coisas ruins. Devemos ter sempre muita atenção, porque a internet tem muitas “fake news” (noticias falsas), pelo que lhes recomendo que não acreditem “piedosamente” em tudo o que leem.

     Na realidade, a internet mostra-nos a verdadeira sociedade em que vivemos, onde as pessoas acreditam em tudo o que lhes mostram e dizem, sem sequer fazerem um esforço para pensarem pela cabeça delas. Nas suas interações com outras pessoas são mais recatados, mas infelizmente as pessoas já se habituaram tanto a viver num mundo de mentiras, o qual também já integraram. Pois, por mais que me custe dizer isto, é a mais pura das verdades. Diariamente estamos rodeados de pessoas que mentem compulsivamente, são falsas e desonestas, nos mais variados locais, mas as pessoas já estão tão habituadas a viver assim. Por isso quando se está perante uma pessoa que diz a verdade, é considerada de “arrogante” e até mesmo “mal educada” por quem ouve. Hoje em dia sermos honestos e verdadeiros é uma tarefa complicada, porque a humanidade vive sob o conhecimento que grandes ordens ocultas nos querem passar, porque muitas verdades têm sido ocultadas à humanidade. Está na hora de ser verdadeiro e despertar para a verdade. Sejam muito felizes e pensem sempre pela vossa cabeça.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 22:07
Link | Comentar | favorito
Sábado, 20 de Outubro de 2018

Reiki na Actualidade

reiki-in-hospitals.jpg

Caríssimos,

O Reiki encontra-se hoje em dia difundido pelos cinco continentes. Nalguns países foi até já adotado pelo sistema nacional de saúde, tais como Estados Unidos da América e Inglaterra [UK NHS (National Health Care do Reino Unido) inclui o Reiki no CAM (Complementary Alternative Medicine - programa de acompanhamento de pacientes internados ou em tratamento nos hospitais britânicos)]. Na vizinha Espanha, como já tinha referido noutros textos escritos, estão a ser efetuados os estudos necessários para elaboração da regulamentação necessária à inserção do Reiki como prática complementar hospitalar. Em Portugal a Associação Portuguesa de Apoio à Mulher com Cancro da Mama (organização sem fins lucrativos), tem vindo a promover atividades ocupacionais para os seus associados, de entre as quais destaco o Reiki, bem como outras associações de cariz social e humanitário. Atualmente já começou a surgir em alguns hospitais portugueses, inicialmente em regime de serviço prestado por voluntários e mais recentemente já de forma mais profissional, na maioria dos casos aplicado por médicos, enfermeiros e técnicos hospitalares.

Nos EUA, em 2003, Miles P. realizou um estudo utilizando o Reiki com o objetivo de diminuir a dor e a ansiedade nos pacientes com Sida. Os mesmos foram motivados pela ideia da redução de stress e ativação do seu sistema imunológico. Após a aplicação de uma sessão com a duração de 20 minutos, verificou-se que tanto a dor como a ansiedade foram reduzidas em mais de 35%. Saliento que todos estes estudos foram efetuados com equipamentos médicos devidamente creditados e certificados pelas entidades competentes da medicina.

Através dos referidos estudos e de outros, os quais ao longo do tempo têm vindo a ser realizados, verifica-se que a aplicação de Reiki aos pacientes, tem contribuído para atenuar indisposições, equilibrar emoções e para um melhor controlo da dor, o que melhora significativamente a vida do nosso semelhante.

Por estas e muitas outras razões já referidas neste blog, sou a favor da prestação deste tipo de serviços (Reiki) nos mais variados locais, por forma a proporcionar um melhor bem-estar e qualidade de vida a todos que, a esta terapia alternativa recorrem. Saliento que quando digo “...nos mais variados locais...” devemos ter em consideração que, tratando-se de uma prática terapêutica, só deve ser feita quando as condições para a sua prática estejam reunidas.

Posso referir ainda que, por minha iniciativa, já elaborei algumas propostas para a prestação deste tipo de serviços, principalmente a pessoas de idade mais avançada, mas infelizmente, a minha intenção não foi bem aceite por parte de quem tem o poder de decisão. Espero que esta situação venha um dia a tomar um novo rumo, que o Reiki seja aceite e se generalize no nosso país, contribuindo para a diminuição da dor, sofrimento, stress e mau estar no qual muitas pessoas se encontram.

Assim sendo lanço um apelo a todos os Reikianos no sentido de auxiliarem a contribuir para que seja regulamentado e aceite o Reiki como terapia alternativa, para que, dessa forma, façamos com que a população em geral possa usufruir desta maravilhosa prática em prol do bem estar comum de toda a população.

Saudações Reikianas.

NAMASTÉ

Publicado por Viktor às 18:31
Link | Comentar | favorito
Quarta-feira, 17 de Outubro de 2018

SÍMBOLO: CHO-KU-REI

cho_ku_rei.jpg

     As construções retêm energias negativas oriundas de diversas fontes, que se acumuladas, tornam-se bastante prejudiciais, contaminando os seus moradores ou frequentadores assíduos. Também, como consequência do mundo moderno, nos ambientes em que habitamos, trabalhamos ou frequentamos, cada vez mais somos cercados de redes de energias electromagnéticas: rádios, televisões, frigorificos, microondas, aparelhos de som, entre incontáveis equipamentos. Pelas paredes, cada vez mais passam fios, alta tensão, e ferragens. Os prédios são como celas eléctricas. Isso pode ser o resultado da troca do maior conforto pela perda da saúde. Numa visão apriorística, o nosso corpo físico esta protegido contra possíveis radiações, mas e nossos corpos mais subtis? Contudo, a aplicação do Cho-ku-Rei defende a nossa saúde contra resíduos negativos de energia que saturam os locais. Para isso, o símbolo deve ser traçado inicialmente nos cantos do ambiente, pois a energia move-se em círculos e sua tendência é concentrar-se nos cantos, e depois nas divisões que tenham electrodomésticos. Nesses casos, deve-se inundar o ambiente com um grande Cho-ku-Rei que em círculos envolva todos os aparelhos e penetre nas paredes. Quanto mais é usado, mais energia benéfica satura o local. Antes de se sentar, desenhe o Cho-ku-Rei sobre a cadeira, transmutando a energia; faça também o mesmo sobre qualquer coisa que queira limpar ou energizar. Use-o nos alimentos, na água, que passam de desenergizados a saudáveis e com poder de cura. Em medicamentos, potencializando seus efeitos desejáveis e reduzindo os indesejáveis. Para Auto-Proteção, da sua família, casa, carro, etc. O REIKI funciona em todos os níveis, logo a protecção é geral, inclusive contra agressões e ataques físicos.

     Também o Cho-ku-Rei pode ser usado para proteger a Aura e os chakras antes de uma aplicação. Desenhamos o Cho-ku-Rei nas palmas das mãos e em frente ao corpo. Em seguida, desenhamos novamente seu Yantra, trazendo a mão a cada chakra (de baixo para cima), sempre repetindo o mantra três vezes. Após esse procedimento, seu corpo estará selado contra energias maléficas.

     Para tirar um pensamento negativo, traçamos imediatamente o Choku Rei e acontece a mudança de padrão de energia e pensamento.

     Numa situação de assalto, ou qualquer outra desfavorável, envolva o oponente num grande Cho-ku-Rei.

     No auto tratamento, ou na aplicação noutras pessoas, o símbolo deve ser visualizado no chakra Coronário, no sentido da testa para a nuca, antes da aplicação. Dessa forma, os canais energéticos do corpo serão desbloqueados e limpos mais rapidamente. Com esse procedimento, absorvemos mais energia vital e podemos diminuir o tempo mínimo para cada posição de cinco para 2,5 minutos.

     Esse símbolo trabalha primordialmente o corpo físico na cura. Só precisa ser desenhado uma vez em cada tratamento. Se a sessão for interrompida, recomeçar com o Cho-ku-Rei na mesma posição em que tiver parado.

     Pode ser aplicado nos reinos Mineral (Cristais), Vegetal (energizando Plantas), nos animais bem como num sem fim de coisas.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 20:58
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018

Reflexão: As Energias...

protecao-espiritual.jpg

 Caríssimos,

     Todo o Universo é composto por energia. Sim, tudo tem energia, inclusive os objetos que têm uma energia própria. Como humanos e seres vivos que somos, somos também seres energéticos que emanamos e recebemos energia, tal como todos os espaços que frequentamos, têm uma energia própria que pode atrair ou repelir aqueles que se encontram mais recetivos a essas vibrações. Todos os espaços têm energia, já tinha pensado nisto? Certamente há sítios onde gosta mais de ir, certo? Certamente já entrou em alguns lugares que, mal entra sente um certo incómodo que lhe dá vontade de sair, certo? [Pense um pouco sobre as questões que acabou de ler].

     Cada um de nós, como Ser vivo é um Ser energético, que tem uma energia própria. A energia que cada um tem é bastante variável, pois varia pelos mais variados motivos ou situações, como por exemplo: Acorda com uma vibração energética, recebe uma chamada ou sms (desejada ou não) muda a sua energia; Sai de casa e interage com alguém e a sua energia muda; Sai para ir fazer uma caminhada sozinho, através dos pensamentos que fluem na sua mente, a sua energia muda;Vai trabalhar e ao se encontrar com os colegas, a sua energia muda; Vai ao supermercado fazer umas compras, a sua energia muda; em praticamente todas as coisas que fazemos há uma constante mutação do nosso padrão vibratório energético. Há também uma situação especifica, para a qual os gostaria de alertar, por acaso conhece alguém ou tem algum amigo que cada vez que se aproxima de sí, quando se vai embora você sente-se cansado, abalado e/ou sem energia? [Pense um pouco] Se conhece alguém assim, conhece um “vampiro energético”, que é um Ser que tem um défice energético, que necessita “sugar” as energias dos outros para colmatar a sua carência. Mas relaxe, que essa situação tem cura, caso essa pessoa queira.

     Nunca se esqueça que você é um Ser energético, e tudo o que faz, o que pensa e o que diz, tem influência no seu nível vibratório energético. Pense positivo, seja compassivo, seja o seu próprio vigilante e fale com respeito e verá que a sua vibração energética irá elevar-se. Sejam muito felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 21:35
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

O que é o Reiki?

ATT00020.gif

Caros leitores,

     O Reiki é a terapia do Amor Incondicional e/ou a Arte de Convidar a Felicidade. O Reiki, tal como o conhecemos, foi redescoberto em Março de 1922 no Japão, por Mikao Usui. Desde o século XX o Reiki é considerado uma joia nacional japonesa, por ser considerada uma prática secreta, ao ponto de apenas só em 1940 é que chegou aos EUA, mais propriamente ao Hawai, pelas mãos da senhora Takata.

     O Reiki é uma energia de Amor Incondicional, a qual existe em abundância no Universo, e que é transmitida de uma pessoa para outra através das mãos daqueles que se iniciam nesta terapia. O Reiki além de uma Terapia torna-se também numa Filosofia de vida, quando o reikiano transpõem para a sua vida diária os 5 princípios do Reiki. Esta terapia transmite-se através da imposição de mãos e de um pensamento elevado e cristalino, sempre com o objetivo de proporcionar bem-estar ao seu semelhante. O Reiki atua nos 4 planos (físico, emocional, mental e espiritual) de quem recebe, harmonizando os 7 chakras principais restabelecendo as transferências energéticas entre ambos, auxíliando curas e até mesmo prevenindo o surgimento das mesmas, conseguindo muitas vezes debelar as possíveis doenças antes que elas atinjam o plano físico.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:10
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

Consultas Terapêuticas Holísticas

Caríssimos,

     Numa consulta terapêutica o “paciente” é visto como um todo, nos seus planos físico, emocional, mental e espiritual, ao contrário da generalidade da medicina convencional que vê o “paciente” apenas no plano físico. Devo-lhe recordar que todos os planos têm importância para o seu bem-estar físico, os quais são abordados e tratados numa sessão terapêutica holística. Ao serem todos tratados, há grandes possibilidades de se conseguirem tratar os distúrbios (problemas), antes de alcançarem o plano físico e de se “transformarem” em doença.

     Hoje em dia, as mais variadas pessoas de diversas classes sociais, procuram ajuda através das terapias holísticas, evitando o recurso ao sistema nacional de saúde, bem como o uso de medicação (químicos) que têm efeitos secundários nocivos para outros órgãos do seu organismo.

     Informo que diariamente têm a possibilidade de poder receber uma sessão terapêutica através de marcação. Tratam-se bloqueios energéticos, emocionais, traumas, fobias, depressões, ansiedade e até mesmo traumas de infância. Sim, não custa nada. Experimente que certamente não se irá arrepender.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 21:35
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 30 de Julho de 2018

Reflexão: do Reiki ao Karuna

     Caríssimos, devo começar este texto, recordando mais uma vez, que o Reiki além de ser a terapia do Amor Incondicional, é também uma Filosofia de Vida, para aqueles que integram os 5 princípios em todos os momentos e aspetos da sua vida quotidiana, porque uma coisa é ser reikiano e outra é ter frequentado um curso de Reiki. Mas vou falar dos reiquianos, pois isso é que corresponde ao título deste texto. Em regra geral, um reikiano é um Ser que se encontra num processo evolutivo, de consciência, o que faz com que seja um Ser sempre à procura de mais informação, conhecimento e aprendizagens. Ao longo do tempo, vai conseguindo “manusear” a energia cada vez melhor. O reikiano apenas aprende a utilizar essa energia para a prática do Bem, com o intuito de auxiliar o seu semelhante, de forma a atenuar ou eliminar as causas de sofrimento, que o mesmo manifesta, quando lhe solicita ajuda.

     A cada nível de Reiki que o reikiano aprende, dá-se, através da sintonização, um procedimento de elevação de consciência do mesmo. Sim, quando o reikiano sobe outro nível, através da frequência de uma formação, não lhe aumenta apenas a capacidade de canalização de energia e de conhecimento, o mesmo passa também a ter uma maior responsabilidade perante todo o Universo. Este é um aspeto do qual o reikiano muitas vezes se esquece, contudo devo-lhes recordar que existe a Lei do Retorno, o resto já sabem. Em cada um dos níveis, o reiquiano aprende os exercícios correspondentes ao seu nível vibratório energético, mas como Ser ávido de sabedoria, chegará ao ponto em que a energia de Reiki, por si só já não satisfaz, pois além de criar habituação à sua própria energia, sente vontade de aumentar a sua capacidade de canalização energética e adquirir novos conhecimento. É nesse contexto que surge o Karuna, a energia da Compaixão, que se integra 100% com o Reiki, elevando bastante a sua capacidade de canalização energética. Pense nisto e sejam muito Felizes.

     NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 21:59
Link | Comentar | favorito
Domingo, 8 de Outubro de 2017

Reflexão: A mesquinhez humana…

Caríssimos,

     A vida é para cada ser humano um desafio no qual está constantemente a ser colocado à prova nas mais diversas situações e ocasiões. Mas ao longo dos tempos o ser humano tem mudado bastante, na sua forma de ser, na maneira de encarar o mundo e até mesmo pelo respeito ou desrespeito que tem vindo a nutrir por todos os seus semelhantes. Há uma verdadeira crise de valores que tem sido revelada pelas últimas gerações (de 80 e 90), pois a falta de humildade, respeito, compaixão, educação e valores morais parece que se revela cada vez mais. Diariamente surgem noticias sobre agressões aos próprios pais, dos pais aos filhos, de pedofilia, de burlas, corrupção instalada nos mais diversos sectores da sociedade, idosos vitimas de burlas e agressões, pessoas que fingem ter doenças e outras que metem baixa sem sequer estarem doentes, enfim, este é o retrato aproximado da sociedade em que vivemos. Por estas e outras razões eu por vezes questiono, mas onde estão os valores moraís e cívicos destas pessoas?

     A vida de cada um de nós tem mais ou menos dificuldades, consoante as escolhas que fazemos. Se fazemos escolhas menos acertadas porque se queixam? Afinal, a culpa é nossa, tal como foi a escolha e como tal não devemos apontar o dedo aos outros, pois no preciso momento em que o fazemos, teremos 3 dedos a apontar para nós mesmos. Nem sempre a vida é fácil, mas devemos tentar superar as dificuldades, mantendo sempre a nossa consciência tranquila e preservando os valores morais e cívicos, bem como respeitando sempre o nosso semelhante. Haveria muito mais a dizer sobre este tema, mas por agora fico-me por aqui, desejando-lhes uma boa reflexão sobre este tema. Façam favor de ser Felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:25
Link | Comentar | ver comentários (1) | favorito
Sábado, 25 de Fevereiro de 2017

Reflexão: Caminho do Amor

caminho-luz-escuro.jpg

Caríssimos,

     No decorrer da nossa vida, muitos são os caminhos que podemos percorrer e experienciar, uns mais fáceis e outros mais complexos. Escolhemos um e a maioria das pessoas, pelo menos diz, que pretende seguir o caminho do Amor, mas em verdade lhes digo que esse caminho em muitas etapas pode ser um pouco penoso e sombrio. O caminho do Amor é o da Verdade, Honestidade, Humildade, Compaixão, Coerência e Justiça, o que em nos dias que correm é algo que muitas vezes nos coloca em situações complicadas, sobretudo perante aqueles que seguem por caminhos algo diferentes. É certo ao longo da vida cada ser humano faz as suas escolhas, umas vezes seguindo um caminho, outras vezes outro e por vezes completamente perdido, sem saber qual o caminho a seguir. Claro que nem sempre conseguimos seguir o caminho que queremos, porque na verdade fala-se muito em “livre arbítrio” mas as coisas não são bem assim, porque acabamos por ser condicionados por muitas regras sociais, mas não pretendo desviar-me do assunto em causa. Os caminhos que escolhemos podem ser mais ou menos benéficos, moldados pela predominância dos nossos pensamentos e crenças, pelas companhias com quem privamos, pela educação que nos é dada e por muitas outras coisas que poderia aqui enunciar.

     Os caminhos errantes (negativos) pelos quais as pessoas enveredam, são caminhos mais complexos que aquele que eu defino como sendo o “caminho do amor”, pois são impulsionadas pelas drogas, pelo álcool, pelo prazer de furtar, pela ganância, pela inveja, pelo ódio, pela vingança, enfim, por tantas razões que nada têm que ver com a prática diária do amor incondicional. Este tipo de caminhos são menos bons, pois todo aquele que os percorre no dia que consiga ter consciência que está no caminho errado, entra numa complexa espiral de culpabilização, julgando-se a si mesmo, o que depois os obriga a um intenso trabalho de perdão sobre si mesmo e depois sobre os outros. Uma vez que este texto era para escrever sobre o “caminho do amor” deixo este tema para outra reflexão.

     O “caminho do amor” é um caminho complexo atualmente, pois a sociedade vive tempos muito conturbados onde, para infelicidade da mesma, parece predominar a falsidade, a hipocrisia, a mentira, os conflitos, a mesquinhez, as guerras, a ganância de poder, entre outras coisas. São inúmeras as complexidades, tias como: Hoje em dia ao ser amável com alguém, há logo quem pense que queremos algo em troca; Quando ajudamos alguém praticando a compaixão e o amor incondicional de forma desinteressada, pensão logo que queremos algo em troca; Pelo facto de sermos compreensivos, as pessoas tentam arranjar todo o tipo de manhas para nos usurpar; Por sermos compassivos e compreensivos, as pessoas tentam-nos enganar fazendo uso das nossas emoções; Enfim, tantas vezes somos procurados para ajudar e depois recebemos em troca Ingratidão, Má educação, Desrespeito, Desconsideração e muitas outras atitudes que ferem a nossa bondade e compaixão. No “caminho do amor” também temos de dizer não, que apesar de ser uma palavra de conotação negativa, serve para praticar o bem, de forma a educar, esclarecer e a demonstrar o “caminho do amor” a todos aqueles que o pretendem percorrer, mas na verdade continuam noutros caminhos. Para terminar, que o texto já está um pouco longo, recordo-lhes que se pretenderem seguir o “caminho do amor” deve estar 24h alerta sobre si mesmo, sobre os seus pensamentos e sobre as suas atitudes. Boa sorte a todos e sejam felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 03:02
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Novembro de 2016

Reflexão: A Infelicidade…

1-Infelicidade.jpg

Caríssimos,

     Cada ser humano neste planeta é único, passando por diversas provações, influenciado pelo maio em que vive e pelas amizades que tem, pela educação que teve, pelas habilitações literárias que possui, entre muitas outras coisas que ao longo do tempo têm influência sobre cada um. De alguma maneira, cada um de nós procura na verdade a sua felicidade, certo? Presumo não me ter enganado, mas na verdade uma grande maioria das pessoas são infelizes, infelizmente, pois muitas vezes definem prioridades erradas, cobiçam o que os outros têm, enfim, por tantos motivos e razões que neste momento não me recordo.

     O ser humano é em muitos casos o principal culpado pelo seu próprio sofrimento, infortúnio, avareza, mal-estar entre outras coisas, devido às escolhas que fazemos, às atitudes que temos, às palavras que dizemos, aos pensamentos que temos, à inércia que temos e à falta de auto estima. Muitas vezes somos muito amorosos para com os outros contudo não reservamos nenhum amor para nós mesmos, temos pena e somos compassivos com os outros mas não temos compaixão por nós mesmos, criticam os outros e no entanto não gostam de ser criticados, querem ganhar mais e trabalhar menos, acham que foi dessa forma que quem honestamente trabalha conseguiu fazer dinheiro? Muitas vezes o ser humano é assim, desrespeita-se a ele mesmo dia após dia, quer ser rico sem construir riqueza, quer ser magro e continua a comer desmedidamente, quer ser bonito e continua a ser desleixado, entre tantas outras coisas. A maioria das pessoas querem muitas coisas, mas além de as cobiçarem nada fazem para as conseguirem obter, de forma honesta sem ultrapassar por cima de ninguém, respeitando sempre o seu semelhante. A maioria da humanidade está mais focada no Ter do que no Ser, por isso “arranjam” fontes de sofrimento, desânimo, tristeza, angustia, infelicidade, e desarmonia entre aqueles que fazem parte do seu mundo (família, amigos, conhecidos, colegas de trabalho, etc…).

[faça uma pausa na leitura para pensar um pouco no que leu]

     Por vezes refletirmos um pouco sobre as nossas atitudes e sobretudo sobre os nossos pensamentos, chegamos à conclusão que uma boa parte do nosso mal estar é provocado por nós mesmos, pela importância indevida que atribuímos às palavras e ações dos outros, e porque queremos as coisas à nossa maneira, mas não nos devemos esquecer que nós quando cá chegámos o planeta, as coisas e as pessoas já existiam, e como diz a sabedoria popular: “O homem foi feito para se adaptar ao meio, e não o meio para se adaptar ao homem”. Tenham mais cuidado com o que dizem, da forma como o dizem, deixando de emanar energias negativas, passando a transmitir o vosso amor incondicional para com todos os que o rodeiam, e façam o favor de ser muito felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 00:20
Link | Comentar | favorito
Quinta-feira, 25 de Agosto de 2016

Hoje em Poesia

123.jpg

Se fosse bom cantor,

Partilhava uma melodia,

Como não sei cantar,

Apenas escrevo uma poesia;

         Encaras a vida com tristeza,

         Andas aborrecido e chateado,

         Se mantiveres essa postura e pensamento,

         Certamente vais continuar encalhado;

Achas que tudo de mal te acontece,

Que não tens nenhuma sorte na vida,

Sentes-te completamente deslocada,

Como se estivesses perdida;

         Por vezes enchemos a cabeça,

         Com pensamentos e teorias fúteis,

         É sem dúvida uma perca de tempo,

         Com coisas inúteis;

Parece que todos estão contra ti,

Achas e sentes-te deslocado,

Isso acontece a muito boa gente,

Espalhada por todo o lado;

         Talvez seja o momento de mudares,

         Focando a atenção noutras situações,

         Deixem fluir o amor,

         Que mora nos vossos corações;

Esse será o teu elixir,

Para a tua regeneração,

Vive intensamente o presente,

Liberta-te dessa condição;

         És igual a ti mesmo,

         Com as tuas virtudes e defeitos,

         Aprende a gostar de ti assim,

         Sem nenhuns preconceitos;

De erros é feita a tua aprendizagem,

E da aprendizagem a tua maturidade,

Os anos vão passando a seu ritmo,

A caminho da terceira idade;

         A idade apenas conta,

         Para o cartão do cidadão,

         O importante é o teu espírito,

         Aprender a viver com compaixão;

Quando precisas gostas que te ajudem,

Para rapidamente ficares bem,

Não sejas ingrato e retribui,

Quando puderes ajuda alguém;

         Termino esta poesia aqui,

         Para poderem refletir nestes poemas,

         Espero que clarifique a sua mente,

         Removendo dela os seus dilemas.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:37
Link | Comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 19 de Junho de 2016

Reflexão: Lixo Invisível…

Caríssimos,

     Hoje vou falar um pouco sobre a grande quantidade de lixo invisível que nos rodeia. Na realidade está por todo o lado, por dentro, por fora, em cima, em baixo, à frente, atrás, em casa, no trabalho, no café, na escola, enfim, nem me recordo de algum lugar onde tal lixo não possa existir. O “lixo invisível” a que me refiro é a “energia negativa” que nos rodeia. Além dela estar em todo o lado, muitas vezes nós mesmos, enquanto seres humanos, somos geradores e difusores dela. (pense um pouco sobre o que acabou de ler)

     Na verdade, quando temos pensamentos negativos estamos a gerar essa energia negativa, pois os nossos pensamentos são como as frequências de onda dos telemóveis. Assim como podemos ser fontes de amor, emanando pensamentos positivos, também podemos ser uma “conduta de esgoto” quando na maior parte do tempo emanamos energia negativa. Para entenderem melhor vou-lhes dar um exemplo: Se estiverem num determinado local e além dos pensamentos negativos estarem acompanhados e a criticar pessoas e coisas, estão precisamente a emanar energias negativas direcionadas às pessoas e coisas alvos das suas críticas. Há também uma parte dessa energia que fica naquele espaço, que vai “infestar” o local. Derivado a estas situações, por isso por vezes ouvimos coisas deste tipo: “Não gosto de ir ao sítio tal, não me sinto bem lá.”; “Aquele sitio tem uma boa energia, sinto-me bem lá”. Até lhe posso dizer que se em tempos se sentia bem na sua casa e a partir de determinado momento deixa de se sentir bem lá, passando a sentir a casa “pesada”, significa que a mesma necessita urgentemente de uma limpeza energética, pois está “infestada” de energia negativa. Essa energia pode interferir com o seu sono, o seu bem-estar e até mesmo com os relacionamentos entre as pessoas com quem divide o mesmo espaço. Sim, pois não é normal um casal dar-se muito bem fora de casa, e quando entram em casa começam a ficar em estado de irritação e de ai advém diálogos negativos.

     Para terminar deixe que lhe diga que não basta apenas pensar em si mesmo, ou em procurar um terapeuta para lhe fazer Reiki e harmonizar as energias, porque se depois vai para locais energeticamente poluídos (negativos), com facilidade o efeito da sessão terapêutica que recebeu desaparece. Se sente a sua casa “pesada”, ou que a mesma precisa de ser energeticamente limpa, procure um terapeuta que saiba e possa ir fazer uma limpeza energética. Sejam luz, paz, harmonia, amor e não se esqueçam de ser felizes.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:22
Link | Comentar | favorito
Terça-feira, 29 de Março de 2016

Proximas actividades em agenda [abril]

Carissimos,

     O mês de abril, irá ser um pouco diversificado em locais e atividades que vão ser desenvolvidas. Algumas atividades para quem quiser outras de cariz mais social, humanitario, mais generalista, pois na verdade ainda há muitas dúvidas acerca das terapias orientais, cada vez mais em uso atualmente. Assim, estas são as atividades já com data marcada:

     Dia 9 de abril: Curso de Iniciação ao Reiki em Setúbal (carece de inscrição);

     Dia 10 de abril: Curso de Reiki Nível 3 ou Mestrado em Setúbal (carece de inscrição);

     Dia 16 de abril: Jornadas de Reiki, no Centro Interpretativo do Arco da Vila (posto de turismo) em Faro [para o público em geral, podem receber uma sessão de reiki em troca de um donativo que reverterá para uma IPSS à escolha do município de Faro];

     Dia 23 de abril: Curso de Iniciação ao Reiki em Albufeira (carece de inscrição).

     No decorrer do mês podem ainda ser agendadas outras atividades, se o universo assim entender.

Grato pela vossa leitura, desejo-lhes apenas felicidades e tudo de bom.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 22:53
Link | Comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Outubro de 2015

Reflexão: A Humanidade…

 

Caríssimos,

     No decorrer da minha jornada, conheci pessoas de várias cores, origens, religiões, e de tantas outras coisas que as podem caracterizar, pois cada Ser é único, com as suas particularidades, conhecimentos e capacidades.

     Observando o que se passa no mundo, verificamos que há milhares de “guerras” a serem travadas pela humanidade, pelos mais variados motivos e razões. Estas podem ser de grande ou pequena escala, consoante o número de intervenientes e o objectivo das mesmas. Quase me arriscava a dizer que cada Ser Humano é um potencial foco de guerra, além de ter as suas pequenas “guerras”, originadas por ele mesmo ou até mesmo pelo seu semelhante. Ninguém neste mundo está a salvo, nem sequer aqueles que dedicam toda uma vida a auxiliar os seus semelhantes, pois acabam também por ser alvos de críticas, por uma sociedade cada vez mais intolerante. Pois, na minha humilde opinião, verifico que a Humanidade está “doente”, padece de falta de tolerância, respeito, valores e educação, de uns para com os outros, o que em abono da verdade, nada contribui para o bem-estar colectivo da sociedade. Quer acredite ou não que o Universo é composto por energia que se move livremente proporcionando o funcionamento das galáxias e tudo o que delas faz parte, e cada um de nós tem dentro de si mesmo um pouco dessa energia, o que lhe permite ser um Ser vivo. Essa energia pode ser manipulada por cada um de nós, consoante a nossa vontade, por isso se diz na gíria popular que há pessoas boas e más. Concordo parcialmente com esta afirmação, contudo devo esclarecer que cada um de nós pode ser uma pessoa boa ou má, consoante a vibração energética que enviamos através dos pensamentos e das palavras que dizemos. É sobre este aspecto que devemos ter bastante cuidado, pois sendo o Universo justo, vai-nos devolver, na mesma frequência, a vibração energética que enviamos para os outros, porque na verdade cada um de nós é uma fonte de energia, agora cabe a cada um de nós a responsabilidade da vibração que queremos enviar.

     Esta pequena reflexão talvez não lhe diga absolutamente nada de novo, mas se conseguir interiorizar a mensagem que vai nas entrelinhas já valeu a pena o tempo que perdeu a ler este texto, pois em meu entender o primeiro passo para podermos mudar interiormente é a consciencialização. Jamais se esqueça que toda a mudança começa sempre por Si e dentro de Si mesmo. Sejam felizes e vamos fazer deste um mundo melhor, pois no dia em que mudarmos o “nosso” mundo, o mundo à volta também mudará.

NAMASTÊ

 

Publicado por Viktor às 11:15
Link | Comentar | favorito (1)
Sábado, 19 de Setembro de 2015

Reflexão: A Integridade humana…

Caríssimos,

     O tema Integridade humana é transversal a todos os seres humanos. É um aspeto que está direta e intimamente ligado a cada um de nós, às nossas palavras, aos nossos atos, à nossa vida familiar, social, enfim, enquanto cidadãos do mundo. Se perguntar a qualquer pessoa se é íntegra, certamente que a resposta é: Sim sou. Pois, é natural pois nem outra resposta se esperava, mas será a resposta verdadeira? Será que a pessoa sabe o verdadeiro significado de integridade?

     Atualmente a humanidade é bombardeada com imensa informação através das televisões, internet, redes sociais e até nas conhecidas “conversas da coscuvilhice”, informação essa que em muitos casos serve apenas para “ocupar” a nossa mente com futilidades em detrimento de coisas mais úteis para nós mesmos. O Ser humano ávido de conhecimento (muitas vezes alheio) vive numa constante procura de novidades sobre o trabalho ou mais ainda sobre os colegas de trabalho, sobre situações mais fora do comum, sobre assuntos da vida dos outros (a qual não tem absolutamente nada a ver com eles), passam o tempo a tentar saber o que os outros acham de “certa” pessoa (para quando a opinião é a mesma aproveitarem para dizer ainda mais mal dessa pessoa), enfim, parece que a mesquinhes da regateirice é a “ordem do dia” para a generalidade cumprir. Pois, com esta forma de estar e maneira de ser, Integridade é uma virtude que está longe de fazer parte dessas pessoas. Uma pessoa Íntegra, muitas vezes ignora certas conversas, afastando naturalmente esse tipo de pessoas, faz humildemente o seu trabalho, cumpre com retidão as suas obrigações laborais, sociais, cívicas, respeita o seu semelhante, não faz juízos de valor sobre os outros (muitas vezes baseando-se nas opiniões dos outros), “incomoda-se” com a inércia dos outros (principalmente no trabalho), muitas vezes opta pelo silêncio em vez de responder colocando mais agressividade num diálogo já por si rude, age sempre em consciência, não rouba, não usa estratégias maldosas para enganar os seus semelhantes, é verdadeiro e honesto (consigo mesmo e com todos os outros), nem se arma em espertalhão, pois mais tarde ou mais cedo a verdade virá ao de cima. EM traços gerais, este é o quadro geral da sociedade atual, que, quer sejamos a favor quer sejamos contra, temos de “suportar” enquanto seres espirituais a vivermos uma experiência terrestre.

     Talvez algum dia esta frase já tenha passado pela sua mente: “Devo ser um ET, pois acho que não sou deste mundo”, certo? Pela minha já passou, em tempos, mas presentemente sei que deveria estar aqui e agora, pois eu escolhi vir cá, para assim poder adquirir os conhecimentos necessários à minha evolução espiritual, através das inúmeras provações que tenho de passar no meu dia a dia. A melhor das nossas escolas é sem dúvida a escola da vida, pois consegue abranger os nossos 4 níveis (físico, emocional, mental e espiritual), na qual a todo o momento ou instante surge um “professor” que nos faz um teste surpresa, não apenas com o intuito de nos deitar a baixo, mas para que nós mesmos tomemos consciência do nível evolutivo em que nos encontramos e na nossa capacidade de discernimento perante as mais diversas situações. Claro que, quando se está com outra pessoa e se observa uma “cena” feita por uma terceira pessoa, muitas vezes dizem: “Ai se fosse comigo, ia ver com quantos paus se faz uma canoa!”. Pois é, falar quando se está do lado de fora é muito fácil, pois só estamos a observar aquele momento e apenas usamos o plano mental, mas quem está a vivenciar a dita “Cena” tem os 4 planos (físico, emocional, mental e espiritual) envolvidos e como tal a reação será certamente outra. Mas há também um ditado popular que é muito adequado para esta situação, que é o seguinte: “Quem está fora racha lenha”; o que significa que se não é parte envolvida, não tem nada a ver com a situação, nem tão pouco deverá fazer juízos de valor, pois nunca se pode julgar/condenar alguém só ouvindo uma das partes. Fazer isso é injusto e revela falta de humildade e caracter, pois outro ditado popular também se aplica aqui, e diz: “Pela mesma bitola que julgas serás julgado”. [Faça uma pausa na leitura para refletir um pouco sobre o que acabou de ler e sobre a sua forma de estar]

     Qualquer pessoa Íntegra, é alguém que respeita o seu semelhante, é humilde, pensa mais vezes no Todo e não só em si mesmo, tenta pelos seus meios dar o seu contributo para uma sociedade melhor, partilha o seu amor incondicional com o próximo, pensa no bem-estar da comunidade e não apenas no dele, respeita as opiniões, ideais e crenças dos outros, preocupa-se em preservar a natureza para as gerações vindouras, não é materialista, fica feliz com a felicidade dos outros não lhes desejando mal algum, entre várias outras coisas. Sejam Íntegros, sejam Felizes, sejam Amor Incondicional, sejam Compassivos, pois assim dará com mais eficácia um bom contributos para uma sociedade e mundo melhor. Grato pela sua leitura.

NAMASTÊ

Publicado por Viktor às 23:24
Link | Comentar | favorito
::: GUESTBOOK :::

.Autor do Livro "Partilhas de um Ser"

.Eu

.Local/Contacto:

«Albufeira, Estremoz e Guarda». Cursos, Palestras, Partilhas & Workshop's. Tlm: 962856134 mail: mestreviktor@gmail.com Fundador do Projecto Social "REIsocialKI®" & Autor do Livro: "Partilhas de um Ser" - APR

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.subscrever feeds

.Outubro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
18
19
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.LINKs

.posts recentes

. Reflexão: Mundo de Ilusão

. Reiki na Actualidade

. SÍMBOLO: CHO-KU-REI

. Reflexão: As Energias...

. O que é o Reiki?

. Consultas Terapêuticas Ho...

. Reflexão: do Reiki ao Kar...

. Reflexão: A mesquinhez hu...

. Reflexão: Caminho do Amor

. Reflexão: A Infelicidade…

. Hoje em Poesia

. Reflexão: Lixo Invisível…

. Proximas actividades em a...

. Reflexão: A Humanidade…

. Reflexão: A Integridade h...

. Reflexão: A Paz Interior…

. Actividades em Agosto

. Agenda de Maio

. Reflexão: Impacto do Reik...

. "Chá com Reiki" na Biblio...

. Projeto de Voluntariado d...

. Workshop de Voluntariado ...

. Reflexão: Enquadramento r...

. Actividades de Reiki em F...

. Primeiras actividades de ...

. Reflexão: O Materialismo ...

. Curso de Reiki nível 2

. Cursos e Partilhas «Reiki...

. Reflexão: O Reiki e o Esp...

. Reflexão: A Humanidade

.Arquivos

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Outubro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007